Digestivo nº 433 | Julio Daio Borges | Digestivo Cultural

busca | avançada
19055 visitas/dia
829 mil/mês
Mais Recentes
>>> Extra é ponto de encontro para trocar figurinhas da Copa
>>> Eduardo Ferraz faz palestra gratuita em Curitiba
>>> TV Brasil exibe especial 'Sonho Meu' em homenagem a Dona Ivone Lara nesta sexta (20)
>>> Alexandre Hallais, um dos escritores mais evidentes da atualidade fecha parceria com a Soul Editora
>>> Juiz federal estreia na literatura com contos sobre heróis históricos
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> Nobel, novo romance de Jacques Fux
>>> De Middangeard à Terra Média
>>> Dos sentidos secretos de cada coisa
>>> O pai da menina morta, romance de Tiago Ferro
>>> Joan Brossa, inéditos em tradução
>>> Sebastião Rodrigues Maia, ou Maia, Tim Maia
>>> 40 anos sem Carpeaux
>>> Minha plantinha de estimação
>>> Corot em exposição
>>> Existem vários modos de vencer
Colunistas
Últimos Posts
>>> Arte da Palavra em Pernambuco
>>> Conceição Evaristo em BH
>>> Regina Dalcastagné em BH
>>> Leitores e cibercultura
>>> Sarau Libertário em BH
>>> Psiu Poético em BH esta semana
>>> Existem vários modos de vencer
>>> Lauro Machado Coelho
>>> Jeff Bezos é o mais rico
>>> Stayin' Alive 2017
Últimos Posts
>>> Pierrô
>>> Lugar comum
>>> Os galos
>>> Cenas do bar - Wilsinho, o feio.
>>> Desenhos a lápis na poesia de Oleg Almeida
>>> Eloquência
>>> Cenas do bar - Vladimir, o solteiro.
>>> Deu na primeira página...
>>> Palavra vício
>>> Premissas para reflexão
Blogueiros
Mais Recentes
>>> Os Franceses, de Ricardo Corrêa Coelho
>>> Jogando uma pedra no poço sem fundo
>>> A arte contemporânea refém da insensatez
>>> Quem é Gian Danton
>>> Um conselho: não leia Germinal
>>> O pós-modernismo morreu
>>> Nelson ao vivo, como num palco
>>> Furo
>>> Parangolé: anti-obra de Hélio Oiticica
>>> Adagio ma non troppo
Mais Recentes
>>> A Garota do Lago
>>> O Elo de Alexandria
>>> A Profecia Romanov
>>> o mito de Lincoln
>>> Vingança em Paris
>>> Quadribol através dos Séculos
>>> Não Pare!
>>> Deusa da Primavera
>>> Deusa do Mar
>>> Sobre a Morte e o Morrer
>>> Saúde no Brasil - Políticas e Organização de Serviços
>>> Família brasileira, a base de tudo
>>> Aristóteles - Volume I dos argumentos sofísticos - Os Pensadores -
>>> Avaliação de Políticas Sociais: Uma questão em Debate
>>> 300 Propostas de Artes Visuais
>>> Pesquisa Social em saúde
>>> Ainda existe esperança
>>> A Mitologia Templária - Os Conceitos Esotéricos da Ordem do Templo
>>> Historia Social da Criança e da Família
>>> Dicionário de Filosofia
>>> Che Guevara - o pensamento vivo
>>> Saúde e Democracia - A luta do CEBES
>>> Desenvolvimento de Iniciativas Sociais
>>> Maquiavel - Os pensadores
>>> Historia Menuda De Un País Que Ya No Existe
>>> Comunicação Científica - Normas Técnicas para Redação Científica
>>> Piores Inimigas/ Melhores Amigas
>>> Más Notícias/ boas notícias
>>> Cartas Da Alma
>>> Ultrapassando Limites
>>> Promessas e Mais Promessas
>>> Hq Camelot 3000 Nº 1-2-3-4 Completa Formatinho Dc
>>> O Lago Rescue
>>> Em Pânico
>>> Amuleto da Sorte
>>> Paixão Pela Moda
>>> Brincadeirinha!
>>> Novo Universo Força Psi Hq Formatinho Do 1 Ao 12
>>> Cidade Fantasma
>>> Acabou o Tempo
>>> Algas Verdes e Guerra de Chicletes
>>> Garotas Da Rua Beacon 14 - Alerta De Paixão
>>> Garotas Da Rua Beacon 15 - A Grande Caça Ao Tesouro
>>> Garotas Da Rua Beacon 16 - Meus Doces 13 Anos
>>> Mil Oitocentos e Oito
>>> Mil Oitocentos e Vinte e Dois
>>> Mil Oitocentos Oitenta e Nove
>>> Demian
>>> Le capital - (Livre 1)
>>> Psicologia e Religião Oriental
DIGESTIVOS

Sexta-feira, 18/9/2009
Digestivo nº 433
Julio Daio Borges

+ de 1800 Acessos




Cinema >>> Gran Torino, de Clint Eastwood
O Nordeste está em São Paulo. Basta circular pelo Largo 13 ou pelo Largo de Pinheiros e constatar: calçadas estreitas e densamente povoadas; sol de rachar o côco; som na caixa e no último volume; lojas de umbanda ou macumba; barracas armadas, comércio a todo vapor – sem mencionar a presença atarracada, muitas vezes afro, o sotaque sonoro e a voz de taboca rachada. Se não houvesse tanta pobreza e miséria em São Paulo, quem já visitou sentiria saudades dos estados do Norte. (Não que lá não haja, mas a poética dessas grandes cidades não se repete nesta metrópole.) Nesse cenário de calor e de vida amontoada, encontra-se o Casa Rainha do Norte: uma mistura de mercearia (ou, para ficar mais chique, “empório”) e restaurante com comidas típicas. Um dos pontos gastronômicos mais simples e singelos desta capital. Fundado e dirigido, há quase duas décadas, por seu Adalberto Elias da Silva e dona Maria das Neves Bezerra, segue administrado por eles e por seus filhos. Cada dia da semana tem o seu prato principal, e o cardápio todo cabe num cartão de visitas. O preço é especialmente baixo (se comparado com a “cena” paulistana), mas condizente com a oferta de churrasquinho grego ali na esquina. Não é definitivamente um local para gastrônomos deslumbrados, mas sim para aficionados e para quem quer fazer “pesquisa” gastronômica séria. Especialidades da casa: Feijão de Corda com Carne de Sol; Cabrito e Mocotó (ou caldo de Mocotó); Baião de Dois com Rabada; Fava com Cabrito; Galinha Caipira e Sarapatel. Porções (ou guarnições) recomendadas: Queijo de Qualho Frito (na Manteiga de Garrafa) e Mandioca (Inhame). Pode ser encomendada, ainda, uma Buchada de Bode completa. Para molhar a goela oferece desde Tubaína até uma coleção de pingas para derrubar Josimar Mello: Marimbondo, Mucuri, Pica Pau (afrodisíaca) e a tal Rainha (da Paraíba). Otávio Augusto, o ator, é também habitué. Afinal, a experiência do Rainha do Norte é única; e inesquecível. [1 Comentário(s)]
>>> Gran Torino
 



Além do Mais >>> Entrevistas com Grandes Líderes, por Cristiane Correa
O Nordeste está em São Paulo. Basta circular pelo Largo 13 ou pelo Largo de Pinheiros e constatar: calçadas estreitas e densamente povoadas; sol de rachar o côco; som na caixa e no último volume; lojas de umbanda ou macumba; barracas armadas, comércio a todo vapor – sem mencionar a presença atarracada, muitas vezes afro, o sotaque sonoro e a voz de taboca rachada. Se não houvesse tanta pobreza e miséria em São Paulo, quem já visitou sentiria saudades dos estados do Norte. (Não que lá não haja, mas a poética dessas grandes cidades não se repete nesta metrópole.) Nesse cenário de calor e de vida amontoada, encontra-se o Casa Rainha do Norte: uma mistura de mercearia (ou, para ficar mais chique, “empório”) e restaurante com comidas típicas. Um dos pontos gastronômicos mais simples e singelos desta capital. Fundado e dirigido, há quase duas décadas, por seu Adalberto Elias da Silva e dona Maria das Neves Bezerra, segue administrado por eles e por seus filhos. Cada dia da semana tem o seu prato principal, e o cardápio todo cabe num cartão de visitas. O preço é especialmente baixo (se comparado com a “cena” paulistana), mas condizente com a oferta de churrasquinho grego ali na esquina. Não é definitivamente um local para gastrônomos deslumbrados, mas sim para aficionados e para quem quer fazer “pesquisa” gastronômica séria. Especialidades da casa: Feijão de Corda com Carne de Sol; Cabrito e Mocotó (ou caldo de Mocotó); Baião de Dois com Rabada; Fava com Cabrito; Galinha Caipira e Sarapatel. Porções (ou guarnições) recomendadas: Queijo de Qualho Frito (na Manteiga de Garrafa) e Mandioca (Inhame). Pode ser encomendada, ainda, uma Buchada de Bode completa. Para molhar a goela oferece desde Tubaína até uma coleção de pingas para derrubar Josimar Mello: Marimbondo, Mucuri, Pica Pau (afrodisíaca) e a tal Rainha (da Paraíba). Otávio Augusto, o ator, é também habitué. Afinal, a experiência do Rainha do Norte é única; e inesquecível. [Comente esta Nota]
>>> Blog Por dentro das Empresas
 



Imprensa >>> Revista Concerto em novo formato
O Nordeste está em São Paulo. Basta circular pelo Largo 13 ou pelo Largo de Pinheiros e constatar: calçadas estreitas e densamente povoadas; sol de rachar o côco; som na caixa e no último volume; lojas de umbanda ou macumba; barracas armadas, comércio a todo vapor – sem mencionar a presença atarracada, muitas vezes afro, o sotaque sonoro e a voz de taboca rachada. Se não houvesse tanta pobreza e miséria em São Paulo, quem já visitou sentiria saudades dos estados do Norte. (Não que lá não haja, mas a poética dessas grandes cidades não se repete nesta metrópole.) Nesse cenário de calor e de vida amontoada, encontra-se o Casa Rainha do Norte: uma mistura de mercearia (ou, para ficar mais chique, “empório”) e restaurante com comidas típicas. Um dos pontos gastronômicos mais simples e singelos desta capital. Fundado e dirigido, há quase duas décadas, por seu Adalberto Elias da Silva e dona Maria das Neves Bezerra, segue administrado por eles e por seus filhos. Cada dia da semana tem o seu prato principal, e o cardápio todo cabe num cartão de visitas. O preço é especialmente baixo (se comparado com a “cena” paulistana), mas condizente com a oferta de churrasquinho grego ali na esquina. Não é definitivamente um local para gastrônomos deslumbrados, mas sim para aficionados e para quem quer fazer “pesquisa” gastronômica séria. Especialidades da casa: Feijão de Corda com Carne de Sol; Cabrito e Mocotó (ou caldo de Mocotó); Baião de Dois com Rabada; Fava com Cabrito; Galinha Caipira e Sarapatel. Porções (ou guarnições) recomendadas: Queijo de Qualho Frito (na Manteiga de Garrafa) e Mandioca (Inhame). Pode ser encomendada, ainda, uma Buchada de Bode completa. Para molhar a goela oferece desde Tubaína até uma coleção de pingas para derrubar Josimar Mello: Marimbondo, Mucuri, Pica Pau (afrodisíaca) e a tal Rainha (da Paraíba). Otávio Augusto, o ator, é também habitué. Afinal, a experiência do Rainha do Norte é única; e inesquecível. [Comente esta Nota]
>>> Revista Concerto
 

 
Julio Daio Borges
Editor

* esta seção é livre, não refletindo necessariamente a opinião do site

Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




LETTRES A UN JEUNE POÉTE
RAINER MARIA RILKE
BERNARD GRASSET
(1956)
R$ 12,35



LA BIBLE LE NOUVEAU TESTAMENT
LIVRE DE POCHE
LIVRE DE POCHE
(1979)
R$ 30,00



GATOS - CAÇADORES ELEGANTES COM PATAS DE VELUDO - BIRGIT
ADAM,BIRGIT NAUMANN & G?BEL
INDEPENDENTE
(2018)
R$ 50,00



O ESPÍRITO DE LIBERDADE INTERPRETAÇÃO RADICAL DO VELHO TESTAMENTO E DE SUA TRADIÇÃO
ERICH FROMM
ZAHAR
(1981)
R$ 16,80



RIO BOTEQUIM 2001 - 50 BARES E BOTEQUINS COM A ALMA CARIOCA
PREFEITURA DA CIDADE DO RIO DE JANEIRO
CASA DA PALAVRA
(2001)
R$ 8,09



SALTIMBANCOS / AVENTURAS DE INDALÉCIO - CAPA DURA
AFONSO SCHMIDT - OBRAS DE AFONSO SCHMIDT
BRASILIENSE
R$ 12,00



DIREITO ADMINISTRATIVO TEORIA, JURISPRUDÊNCIA E 1000 QUESTÕES
ELIAS FREIRE
CAMPUS
(2007)
R$ 3,00



PROGRAMA DE DESENHO PARA A SEGUNDA SÉRIE GINASIAL
BENJAMIN DE A. CARVALHO
CIA NACIONAL
(1953)
R$ 8,99



O SÓCIO
JOHN GRISHAM
ROCCO
(1997)
R$ 10,00



MUNDOS EM CONEXÃO
GEOFFREY D. FALK
CULTRIX
(2012)
R$ 14,90





busca | avançada
19055 visitas/dia
829 mil/mês