Digestivo nº 449 | Julio Daio Borges | Digestivo Cultural

busca | avançada
19881 visitas/dia
1,0 milhão/mês
Mais Recentes
>>> Alexandre Grooves comemora Troféu Cata-vento, pré-indicação ao Grammy e lançamento no Japão
>>> Estreia de Pelas Ordens do Rei Que Pede Socorro comemora 20 anos do grupo O Buraco d'Oráculo
>>> Espetáculo 'As Filhas da Mãe' completa 35 anos.
>>> Bloco Fogo e Paixão faz a festa na Zona Portuária
>>> Papo Astral: guia astrológico para o leitor se conhecer melhor
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> Os Doze Trabalhos de Mónika. 9. Um Cacho de Banana
>>> Os Doze Trabalhos de Mónika. 8.Heroes of the World
>>> Os Doze Trabalhos de Mónika. 7. Um Senador
>>> Os Doze Trabalhos de Mónika. 6. Nas Asas da Panair
>>> Como se me fumasse: Mirisola e a literatura do mal
>>> Os Doze Trabalhos de Mónika. 5. Um Certo Batitsky
>>> A vida dos pardais e outros esquisitos pássaros
>>> Blockchain Revolution, o livro - ou: blockchain(s)
>>> Bates Motel, o fim do princípio
>>> Bruta manutenção urbana
Colunistas
Últimos Posts
>>> Jeff Bezos é o mais rico
>>> Stayin' Alive 2017
>>> Mehmari e os 75 anos de Gil
>>> Cornell e o Alice Mudgarden
>>> Leve um Livro e Sarau Leve
>>> Pulga na praça
>>> No Metrópolis, da TV Cultura
>>> Fórum de revisores de textos
>>> Temporada 3 Leve um Livro
>>> Suplemento Literário 50 anos
Últimos Posts
>>> Nei Lopes e Mirian de Carvalho: poesia e samba
>>> Feliz 2018
>>> Boa Vista
>>> O preço
>>> Você já atualizou sua história hoje?
>>> Sorvedouro
>>> Reter ou não reter
>>> O Peregrino
>>> Sismógrafos
>>> La ansiedad
Blogueiros
Mais Recentes
>>> Pela estrada afora
>>> O que aprendi
>>> Os Doze Trabalhos de Mónika. 6. Nas Asas da Panair
>>> A poesia concreto-multimídia de Paulo Aquarone
>>> Elogio Discreto: Lorena Calábria e Roland Barthes
>>> O que vai ser das minhas fotos?
>>> A reforma agrária das idéias: os blogs
>>> E eu mais ainda!
>>> Os sem-celular
>>> Freud segundo Zweig
Mais Recentes
>>> A Verdadeira Vida em Deus Encontros com Jesus volume IX
>>> O Evangelho de João - A Vida estava Nele
>>> Deus Caritas Est
>>> Aspirai aos Dons espirituais
>>> Um dia na Dieta Budwig- O Livro
>>> Bohr e a Interpretação Quântica da Natureza
>>> Quatro Estágios importantes na Jornada da Vida
>>> Manual Semeando Igrejas Multiplicadoras
>>> A Bíblia Para Colorir - Livro 3
>>> A Bíblia Para Colorir - Livro 4
>>> Estamos Vivendo nos Últimos Dias?
>>> A Última Porta a Caminho do Arrebatamento
>>> Cristianismo ao Gosto do Freguês
>>> Os Fatos Sobre a Vida Após a Morte
>>> A Verdade sobre o Ano 2000
>>> Feras Futebol Clube - Ioiô o Que Dança Com a Bola Autor (a): Joachim Masannek
>>> T. l. osborn ( curai enfermos e expulsai demonios )
>>> A Dança
>>> Jessie Penn-Lewis ( Guerra contra os santos tomo 2 )
>>> Jessie Penn-Lewis ( Guerra contra os santos tomo 1 )
>>> A Educação pela Dança
>>> 101 Idéias Criativas Para Professores
>>> 21 Dias de Oração e Jejum Pelo Sertão
>>> Os Insondáveis Propósitos de Deus
>>> Natália Lessa
>>> Parceiros na Missão
>>> Um General Perto de Deus
>>> A Oração de Moisés
>>> Dulce Beltrão
>>> Adolescentes, pesquisa sobre uma idade de risco
>>> Turismo e Planejamento Sustentavel
>>> Turismo e Legado Cultural
>>> Vidas cruzadas
>>> Disney´s Pocahontas
>>> The world is made of Glass
>>> Medo da Vida
>>> Biologia Celular e Molecular
>>> Viagem a Inglaterra e Escocia
>>> Aventuras de Tom Sawyer
>>> Proyecto Lazaro
>>> O primo basilio
>>> Noticia de un secuestro
>>> GONE - Desaparecer - Livro 3
>>> A fraude do Efeito - Estufa
>>> Saga O Vampiro Rei - Bento - Livro 1
>>> Sapphique
>>> Freud
>>> Fallen Angels - Desejo
>>> O Cavalo Amarelo
>>> Conecte Filosofar Terceira Parte
DIGESTIVOS

Sexta-feira, 15/1/2010
Digestivo nº 449
Julio Daio Borges

+ de 2400 Acessos




Literatura >>> Literatura em 2009
Nem só de arte moderna vive o Mam. No último dia 23, lançou uma coletânea de música eletrônica intitulada “Cafémamsp”. É a tal da “lounge music”, que hoje está em toda parte: desde desfiles de moda até eventos de decoração; desde festas descoladas até comerciais de televisão; desde reuniões de amigos até vitrines de lojas. Eduardo Muszkat, responsável pela compilação, define-a como “adequada para criar o ambiente de algum tipo de encontro social”. O fato é que os DJs deram os primeiros passos no sentido da homogeneização dos gêneros e dos ritmos já nas últimas décadas do século XX. O que houve, então, foi um fenômeno que embala expoentes da criação musical no mundo, acomodando-os dentro de um pacote “eletrônico” palatável e identificável ao redor do globo. Assim, a Bossa Nova não soa tão Bossa Nova; nem o Tango soa tão Tango; nem o Samba Rock soa tão Samba Rock. Aparadas as arestas “regionais” e realçados os aspectos “universalistas”, chega-se a um concentrado que basicamente repete um leitmotiv, como num slogan publicitário. É a globalização chegando à música. Antes que se levantem os dedos em riste, é preciso afirmar que a discussão crítica já passou da hora: a “lounge music” está sendo consumida, digerida e regurgitada por jovens de espírito no planeta inteiro. Espera-se, logicamente, que desperte o interesse pela produção brasileira; afinal, o Brasil é manancial que abastece toda esse multidão de remixes, samplers e remasters (vide Bebel “Tanto Tempo” Gilberto e Jorge “Mas, Que Nada!” Ben Jor). Na seleta do Mam, os compatriotas: Suba, BPM e Kau; os alemães: Dissidenten e Mo’Horizons; os franceses: Laurent Garnier, The Youngsters, Alexkid e Llorca; e o italiano: Nicola Conte. É ouvir e participar da nova ordem cósmica. [Comente esta Nota]
>>> Mais Literatura
 



Música >>> Música em 2009
Nem só de arte moderna vive o Mam. No último dia 23, lançou uma coletânea de música eletrônica intitulada “Cafémamsp”. É a tal da “lounge music”, que hoje está em toda parte: desde desfiles de moda até eventos de decoração; desde festas descoladas até comerciais de televisão; desde reuniões de amigos até vitrines de lojas. Eduardo Muszkat, responsável pela compilação, define-a como “adequada para criar o ambiente de algum tipo de encontro social”. O fato é que os DJs deram os primeiros passos no sentido da homogeneização dos gêneros e dos ritmos já nas últimas décadas do século XX. O que houve, então, foi um fenômeno que embala expoentes da criação musical no mundo, acomodando-os dentro de um pacote “eletrônico” palatável e identificável ao redor do globo. Assim, a Bossa Nova não soa tão Bossa Nova; nem o Tango soa tão Tango; nem o Samba Rock soa tão Samba Rock. Aparadas as arestas “regionais” e realçados os aspectos “universalistas”, chega-se a um concentrado que basicamente repete um leitmotiv, como num slogan publicitário. É a globalização chegando à música. Antes que se levantem os dedos em riste, é preciso afirmar que a discussão crítica já passou da hora: a “lounge music” está sendo consumida, digerida e regurgitada por jovens de espírito no planeta inteiro. Espera-se, logicamente, que desperte o interesse pela produção brasileira; afinal, o Brasil é manancial que abastece toda esse multidão de remixes, samplers e remasters (vide Bebel “Tanto Tempo” Gilberto e Jorge “Mas, Que Nada!” Ben Jor). Na seleta do Mam, os compatriotas: Suba, BPM e Kau; os alemães: Dissidenten e Mo’Horizons; os franceses: Laurent Garnier, The Youngsters, Alexkid e Llorca; e o italiano: Nicola Conte. É ouvir e participar da nova ordem cósmica. [Comente esta Nota]
>>> Mais Música
 



Cinema >>> Cinema em 2009
Nem só de arte moderna vive o Mam. No último dia 23, lançou uma coletânea de música eletrônica intitulada “Cafémamsp”. É a tal da “lounge music”, que hoje está em toda parte: desde desfiles de moda até eventos de decoração; desde festas descoladas até comerciais de televisão; desde reuniões de amigos até vitrines de lojas. Eduardo Muszkat, responsável pela compilação, define-a como “adequada para criar o ambiente de algum tipo de encontro social”. O fato é que os DJs deram os primeiros passos no sentido da homogeneização dos gêneros e dos ritmos já nas últimas décadas do século XX. O que houve, então, foi um fenômeno que embala expoentes da criação musical no mundo, acomodando-os dentro de um pacote “eletrônico” palatável e identificável ao redor do globo. Assim, a Bossa Nova não soa tão Bossa Nova; nem o Tango soa tão Tango; nem o Samba Rock soa tão Samba Rock. Aparadas as arestas “regionais” e realçados os aspectos “universalistas”, chega-se a um concentrado que basicamente repete um leitmotiv, como num slogan publicitário. É a globalização chegando à música. Antes que se levantem os dedos em riste, é preciso afirmar que a discussão crítica já passou da hora: a “lounge music” está sendo consumida, digerida e regurgitada por jovens de espírito no planeta inteiro. Espera-se, logicamente, que desperte o interesse pela produção brasileira; afinal, o Brasil é manancial que abastece toda esse multidão de remixes, samplers e remasters (vide Bebel “Tanto Tempo” Gilberto e Jorge “Mas, Que Nada!” Ben Jor). Na seleta do Mam, os compatriotas: Suba, BPM e Kau; os alemães: Dissidenten e Mo’Horizons; os franceses: Laurent Garnier, The Youngsters, Alexkid e Llorca; e o italiano: Nicola Conte. É ouvir e participar da nova ordem cósmica. [2 Comentário(s)]
>>> Mais Cinema
 

 
Julio Daio Borges
Editor

* esta seção é livre, não refletindo necessariamente a opinião do site

Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




QUEM TEM MEDO DE CACHORRO?
RUTH ROCHA
GLOBAL
(2002)
R$ 20,00
+ frete grátis



FAÇA ACONTECER - MULHERES, TRABALHO E A VONTADE DE LIDERAR
SHERYL SANDBERG
COMPANHIA DAS LETRAS
(2013)
R$ 10,00



INDIGENOUS PEOPLES IN INTERNATIONAL LAW
S. JAMES ANAYA
OXFORD UNIVERSITY PRESS
(1996)
R$ 150,00



ANJOS E DEMÔNIOS
DAN BROWN
ARQUEIRO
(2010)
R$ 28,70



LIVRO DA CRISMA CONFIRMADOS E COMPROMETIDOS
IR. MARY DONZELLINI
PAULUS
(1997)
R$ 10,00



UNA COSA BIEN SIMPLE (CONTOS SOVIÉTICOS/RUSSOS)
VÁRIOS AUTORES
EDITORIAL PROGRESSO - MOSCOU
R$ 20,00



ANIMISMO OU ESPIRITISMO?
ERNESTO BOZZANO
FEB
(1940)
R$ 29,00



O MILAGRE DE FÁTIMA
JOSÉ C. CARNEIRO
CHIADO
(2012)
R$ 25,00



TORTURA (UMA VISÃO SISTEMÁTICA DO FENÔMENO DA TORTURA EM DIFERENTES SOCIEDADES E MOMENTOS DA HISTÓRIA)
EDWARDS PETERS
ÁTICA
(1989)
R$ 30,00



ADOLPHE MONOD'S FAREWELL
OWEN THOMAS - TRANSLATOR
THE BANNER OF TRUTH
(1962)
R$ 35,00





busca | avançada
19881 visitas/dia
1,0 milhão/mês