Para sempre teu, Caio F., por Paula Dip | Digestivo Cultural

busca | avançada
31663 visitas/dia
896 mil/mês
Mais Recentes
>>> Biblioteca Central da UnB recebe exposição artística 'Quem sou Eu, Quem somos nós'
>>> Feambra traz convidados para discutirem o tema "Museus e Sociedade"
>>> A Cultura do Subúrbio é tema do segundo debate #Colabora com Ideias
>>> Núcleo Viver estreia "Coração Supliciado...", no CRDSP
>>> Jikulumessu é a nova novela angolana que a TV Brasil estreia nesta quinta (25)
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> O dia que nada prometia
>>> Super-heróis ou vilões?
>>> Seis meses em 1945
>>> Senhor Amadeu
>>> Correio
>>> A entranha aberta da literatura de Márcia Barbieri
>>> On the Road, 60 anos
>>> Viena expõe obra radical de Egon Schiele
>>> Dilapidare
>>> A imaginação do escritor
Colunistas
Últimos Posts
>>> Cornell e o Alice Mudgarden
>>> Leve um Livro e Sarau Leve
>>> Pulga na praça
>>> No Metrópolis, da TV Cultura
>>> Fórum de revisores de textos
>>> Temporada 3 Leve um Livro
>>> Suplemento Literário 50 anos
>>> Ajudando um amigo
>>> Ebook gratuito
>>> Poesia para jovens
Últimos Posts
>>> Jano
>>> Diário
>>> Infinitamente infinito
>>> Encantarias da palavra, de Paes Loureiro
>>> Animus mundi
>>> A partilha
>>> Dobraduras e origames
>>> Andamento
>>> Branco (série: Sonetos)
>>> Coroa, só de flores
Blogueiros
Mais Recentes
>>> Ser escritor ou estar escritor?
>>> Nouvelle Vague: os jovens turcos
>>> O Oscar e a reencarnação
>>> Tunturi, de António Vieira
>>> Sexteto da Filarmônica de Berlim, no Teatro Alfa
>>> Wittgenstein, o fazedor de símiles
>>> Blogo, logo existo
>>> Antes da filosofia
>>> La Guerra del Fin del Mundo
>>> O humor no divã de Freud
Mais Recentes
>>> O Monge e o Executivo - Uma História sobre a Essência da Liderança
>>> O Beijo Infame
>>> Antes da Coisa Toda Começar
>>> Estruturas da Mente - A Teoria das Inteligências Múltiplas
>>> Guia Politicamente Incorreto da América Latina
>>> O Contrato Social
>>> Tess of the D´Urbervilles
>>> O Grande Conflito
>>> Ágape
>>> Dicionário Enciclopédico Ilustrado Veja Larousse - Volume 1
>>> O Cantor De Tango
>>> 1.000 Lugares Para Conhecer Antes De Morrer
>>> Nietzsche para Estressados
>>> Estorvo
>>> Cozinheiros Demais
>>> A Outra Face Da Doença - A Saúde Revelada Por Deus
>>> L'approche par compétences dans l'enseignement des langues
>>> Pensar Por Conta Própria
>>> O Evangelho Da Meninada
>>> Sinal De Contradição
>>> Limites Sem Trauma
>>> Desta Vez Eu Emagreço!
>>> Alucinado Som De Tuba
>>> Cidade Partida
>>> A Dama Do Lago
>>> Meditação Ocidental
>>> O X Da Questão - Trajetória Do Maior Empreendedor Do Brasil
>>> Carne Trêmula
>>> Frankeinstien
>>> Uma Garrafa No Mar De Gaza
>>> Três Mulheres De Três Pppês
>>> A linha de sombra
>>> Dublinenses
>>> Angústia
>>> A Bíblia e os discos voadores
>>> A consciência de Zeno
>>> No caminho de Swann
>>> Trópico de Câncer
>>> O Ensino de Lacan Volumes 1 e 2
>>> Curso Completo de Tarô (não acompanha as cartas)
>>> Casa de pedra
>>> O fim sem resposta
>>> Eu fico Loko
>>> História Econômica do Brasil
>>> O Tesouro dos Alquimistas
>>> Tao da Física
>>> Forma e Design
>>> A Aprendizagem do Ator
>>> Senhor das Sombras- Ele é Destruição...
>>> Le Guide Pratique des Nouvelles Thérapies
DIGESTIVOS >>> Notas >>> Literatura

Sexta-feira, 31/7/2009
Para sempre teu, Caio F., por Paula Dip
Julio Daio Borges

+ de 6100 Acessos
+ 2 Comentário(s)




Digestivo nº 426 >>> Muita gente lembra de Paula Dip da televisão. Dos programas da TV Gazeta, como o TV Mix, que tinha também Sergio Groisman e Astrid Fontenelle (pré-MTV). Paula Dip, na verdade, foi a primeira apresentadora do Metrópolis da TV Cultura, quando ele ainda se chamava Panorama. E ficou célebre não só por causa da televisão, mas por outra razão talvez até mais nobre, sua amizade com Caio Fernando Abreu, que lhe dedicou cartas e contos. O escritor símbolo dos anos 80 teve igualmente passagens pelo jornalismo, mas cresceu, depois de sua morte (de Aids em meados dos 90), por causa de seus livros. O amigo de Paula virou um mito, nas letras brasileiras, assim como Cazuza e Renato Russo, no rock BR. Paula Dip, portanto, poderia ter retornado através da televisão, que a consagrou, e mesmo do jornalismo escrito, que praticou com competência, dividindo, por exemplo, a edição da revista do badalado Gallery com Antônio Bivar — mas preferiu celebrar a amizade com Caio, em livro, que sai agora, pela Record. Para sempre teu, Caio F. (sendo o "F." uma brincadeira que o próprio fazia com "Christiane F.") conta a história de duas décadas de amizade, do fim dos anos 70, e da virada para os 80, até a morte de Caio. Recheado de depoimentos de gente como Pedro Paulo de Sena Madureira e Luiz Schwarcz, virtualmente seus primeiros editores, Caio F. alterna a biografia do escritor com a da própria Paula, sem uma estrutura rigorosa, mas transbordando em vida e provocando uma leitura sôfrega (fazendo jus, aliás, ao personagem). Desde a saída de Porto Alegre até a convivência em São Paulo, Paula refaz a trajetória de Caio por comunidades hippies no Rio, temporadas na Europa, encontros com Clarice Lispector, Elis Regina e Hilda Hilst, entre outras aventuras. Caio F. não só escreveu, mas viveu intensamente — coisa que nem sempre escritores se lembram de fazer. O livro ainda vale por uma reconstituição cultural do Brasil recente (quando estamos tão mal acostumados a ler sobre o fim do século XX — preferindo, geralmente, o início ou a metade dele). Se já tinha deixado um legado de realizações importantes na TV e no jornalismo em revista, agora Paula Dip faz o mesmo em livro, registrando não só uma amizade histórica, mas um belo testemunho de sua geração.
>>> Para sempre teu, Caio F.
 
Julio Daio Borges
Editor

Mais Notas Recentes
* esta seção é livre, não refletindo necessariamente a opinião do site

ENVIAR POR E-MAIL
E-mail:
Observações:
COMENTÁRIO(S) DOS LEITORES
31/7/2009
23h03min
Muitos que passaram por este mundo trouxeram contribuições e partiram pra outros horizontes, longe das verdades científicas. Foram chamados de marginais, ou coisas assim, mas o importante é que deixaram para nós uma reflexão: somos o que somos e podemos mudar o mundo a partir do que pensamos ou agimos. A arte transcende as nossas podres ilusões terrenas e pouca gente identifica ou tende a entender isto.
[Leia outros Comentários de manoel Messias Perei]
5/8/2009
22h22min
Caio F. Abreu não separava a vida da escrita. É impossível escrever sem viver profundamente a própria vida e xeretar a dos outros. Todos os personagens de um escritor são o escritor, como ele queria ser ou foi ou será algum dia. Se tiver coragem em sê-lo... De certa forma, a escrita nos liberta de nós mesmos e viver as histórias que criamos torna-nos perfeitos, belos e imortais.
[Leia outros Comentários de Janice Diniz]
COMENTE ESTE TEXTO
Nome:
E-mail:
Blog/Twitter:
* o Digestivo Cultural se reserva o direito de ignorar Comentários que se utilizem de linguagem chula, difamatória ou ilegal;

** mensagens com tamanho superior a 1000 toques, sem identificação ou postadas por e-mails inválidos serão igualmente descartadas;

*** tampouco serão admitidos os 10 tipos de Comentador de Forum.

Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




DOMINANDO SUA CÂMERA DIGITAL - COMO OBTER O MÁXIMO DA SUA DSLR
CHRIS WESTON
BOOKMAN
(2011)
R$ 88,00



ANÁLISE ESTRUTURAL DA NARRATIVA
VÁRIOS
VOZES
(1976)
R$ 21,90
+ frete grátis



HOMO SACER - O PODER SOBERANO E A VIDA NUA I
GIORGIO AGAMBEN
UFMG
(2010)
R$ 100,00



BATALHAS ELEITORAIS
CHICO SANTA RITA
GERAÇÃO EDITORIAL
(2002)
R$ 8,00



A SANTÍSSIMA TRINOSOFIA
CONDE DE SAINT GERMAIN
THOT
R$ 36,10
+ frete grátis



ATRAVÉS DO UNIVERSO
REVIS, BETH
NOVO SÉCULO
(2012)
R$ 30,00



ACORDE, MULHER!
FIORÂNGELA M. DESIDÉRIO
EDIÇÕES PAULINA
(1989)
R$ 7,00



CASA DE MARIANA
JOSÉ CARLOS IMPARATO
ZAGODONNI
(2015)
R$ 5,00



OS ÚLTIMOS DIAS DE POMPÉIA
BULWER LYTTON
EDIOURO
(2002)
R$ 6,90



TEATRO DE ANCHIETA - JOEL PONTES
JOEL PONTES
SNT/FUNARTE
(1978)
R$ 18,00





busca | avançada
31663 visitas/dia
896 mil/mês