O Crítico, em Exercício Findo, de Décio de Almeida Prado | Digestivo Cultural

busca | avançada
25453 visitas/dia
1,2 milhão/mês
Mais Recentes
>>> "A roda de cura pelo aiurveda" apresenta os princípios do milenar sistema medicinal indiano
>>> release banda BRVTO AMOR
>>> Estúdio Móvel recebe autores do site de humor Sensacionalista
>>> Estação Plural traz um bate-papo com Emílio de Mello em novo horário na TV Brasil
>>> Pátio Alcântara recebe o clássico 'Mágico de Oz'
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> O bosque das almas infratoras
>>> Notas sobre a Escola de Dança de São Paulo - I
>>> A literatura de Marcelo Mirisola não tem cura
>>> A Garota do Livro: uma resenha
>>> Sarkozy e o privilégio de ser francês
>>> Noturno para os notívagos
>>> Wanda Louca Liberal
>>> Transformação de Lúcifer, obra de Egas Francisco
>>> Um safra de documentários de poesia e poetas
>>> Nos tempos de Street Fighter II
Colunistas
Últimos Posts
>>> Daphne Koller do Coursera
>>> The Sharing Economy
>>> Kevin Kelly por Tim Ferriss
>>> Deepak Chopra Speaker Series
>>> Nick Denton sobre Peter Thiel
>>> Bill & Melinda Gates #Code2016
>>> Elon Musk Code Conference 2016
>>> 75 anos de Charlie Watts
>>> Blockchain by William Mougayar
>>> Caravana em BH
Últimos Posts
>>> Mesa de bar, livro de arte
>>> A estátua viva
>>> Deus é brasileiro ─ (Filmes)
>>> A constituição europeia
>>> Combustíveis
>>> Vibrações
>>> Existencialismo
>>> O menino e o Homem Aranha
>>> Ajustando o rumo
>>> Da linguagem das águas
Blogueiros
Mais Recentes
>>> 10 músicas: Michael Jackson
>>> Crítico
>>> Uma Srta. e um Blog
>>> Eu, Marília
>>> Ensino Inferior
>>> O samba de Donga na Festa da Penha
>>> Por que os livros paradidáticos hoje são assim?
>>> 75 anos de Charlie Watts
>>> Um estranho incidente literário
>>> Caí na besteira de ler Nietzsche
Mais Recentes
>>> VISUALIZE A SUA CURA- Exercícios de visualização inspirados nos salmos
>>> MORTE estágio final da evolução
>>> Encontre o Milagre em você
>>> ALEGRIA E TRIUNFO
>>> Hilda Furacão
>>> ZERO
>>> A LOUCURA DE ISABELLA (E outras comédias da Commedia Dell`Arte)
>>> MANUAL MÍNIMO DO ATOR - Dario Fo
>>> Religião para Ateus
>>> Mural de Ventos
>>> Sentimento do Mundo
>>> O TEATRO SOVIÉTICO
>>> EL TEATRO RUSO (Del Imperio a los soviets)
>>> A Literatura Brasileira Através dos Textos
>>> BREVE HISTORIA DEL TEATRO SOVIÉTICO
>>> TEORIAS DO TEATRO (Estudo histórico-crítico, dos gregos à atualidade)
>>> O TEATRO E SUA ESTÉTICA (2 volumes) Redondo Júnior
>>> INTRODUÇÃO ÀS GRANDES TEORIAS DO TEATRO - Jean-Jacques Roubine
>>> TEMAS EM CONTEMPORANEIDADE, IMAGINÁRIO E TEATRALIDADE
>>> O IMAGINÁRIO GRUPAL (Mitos, violência e saber no Teatro de Criação)
>>> DIONISO (Apologia do teatro) - O AMADOR DE TEATRO (Ou a regra do jogo)
>>> História da Literatura Brasileira Modernismo
>>> Oriente Médio, A Gênese das Fronteiras
>>> EL TEATRO CONTEMPORANEO POLACO
>>> Kafka
>>> BREVE HISTORIA DEL TEATRO INGLÉS
>>> O TEATRO NA FRANÇA
>>> TEATRO FRANCÊS
>>> O Fauno de Mármore
>>> TEATRO SOCIAL EN ESPAÑA
>>> HISTORIA DEL TEATRO ESPAÑOL
>>> O TEATRO AMERICANO CONTEMPORÂNEO
>>> O TEATRO NORTE-AMERICANO DE HOJE
>>> TEATRO ALEMÃO (Esboço Histórico) Anatol Rosenfeld
>>> PERSPECTIVAS DO MODERNO TEATRO ALEMÃO
>>> TEATRO NA ALEMANHA - 1960/1984
>>> GUGU MANIA
>>> Rangers A Origem Livro 1 O Torneio de Gorlan
>>> Querido Diário Otário-Ano Dois-Aproveite cada dia como se fosse o mais otário
>>> VIVA SEM MEDO- 15 atitudes que você deve tomar diante do câncer e outras doenças
>>> DEUS NÃO EXISTE ( eu rezo para Ele todos os dias)- UMA LEITURA DO PAI NOSSO
>>> A dimensão econômica da soberania sob a perspectiva de sua dimensão política
>>> Efeitos da cláusula de raio nos shopping centers
>>> Geopolítica das Igrejas e Anarquia Religiosa no Brasil
>>> Velhos saberes, novas abordagens - A Geografia à Luz da Contemporaneidade
>>> Entre a memória e o mercado: identidade, (re)significação e cultura empresarial
>>> Direitos existenciais emergentes: uma análise sociológica de casos difíceis no Supremo
>>> Direito Internacional dos Investimentos: o tratamento justo e equitativo dos investidores
>>> Ainda que tardia: escravidão e liberdade no Brasil contemporâneo
>>> O esforço fiscal dos municípios e as transferências intergovernamentais
DIGESTIVOS >>> Notas >>> Imprensa

Quarta-feira, 15/6/2011
O Crítico, em Exercício Findo, de Décio de Almeida Prado
Julio Daio Borges

+ de 6500 Acessos
+ 1 Comentário(s)




Digestivo nº 480 >>> O que é a crítica? Ninguém mais sabe. Quem é o crítico? "Aquele chato que vai geralmente contra a maré, solapando toda a divulgação, prejudicando todo o marketing". Nem sempre foi assim... E, para nos lembrar, do que é a crítica, está Décio de Almeida Prado, um dos nossos maiores críticos de teatro, em Exercício Findo, a coletânea de sua produção última, de 1964 a 1968, pela editora Perspectiva. Décio começa definindo o crítico como "alguém que pensa depressa", "às vezes nos poucos minutos que medeiam o fim do espetáculo e o início da impressão do jornal" (hoje, a atualização do site na internet). E ― para quem acha o trabalho fácil ― o crítico "tem de adivinhar qual semente germinará", "sob a pressão de modismos passageiros", "ondas de entusiasmo e de descrédito". Afinal [a crítica], muitas vezes, se torna "o único testemunho prestado na ocasião", "de forma imediata, sem retoques". A crítica, portanto, é "tudo aquilo que nos comove e nos exalta", para depois "começar a se desvanecer e a se desfigurar na memória"... Já para aqueles que acham que "quem não sabe, ensina (ou faz crítica)", Décio devolve: "Ao julgar um prato mal temperado, não estamos dando a entender que faríamos melhor se fôssemos para a cozinha". Lembrando ainda que "somos todos críticos, irremediavelmente críticos, incansavelmente críticos". Pois, qualquer produção cultural "nunca nos deixa indiferentes", sempre "suscita em nós uma certa reação" ― que "manifestamos", " em palavras", "na expressão do corpo" ou até "na fisionomia", num simples "ar de euforia ou de aborrecimento"... Em sentido estrito, "o crítico é simplesmente 'o outro'", o "não-eu" ― "de cujo escrutínio e julgamento nunca conseguiremos escapar". Mas, para falar a verdade mesmo, só o "crítico-por-dever-de-ofício". O verdadeiro crítico quase sempre "infringe os mais elementares preceitos da boa convivência e da boa educação". E como avaliar um crítico? "Pela competência no assunto", "por sua informação estética e histórica", também "por sua perspicácia e seu discernimento". Até porque "o crítico tem permissão para falar em nome do público", "dependendo", justamente, "do grau de representatividade que lhe é atribuído", "de sua repercussão sobre o corpo de leitores". E há, claro, muitos tipos de crítico: "do retardatário ao vanguardista", "do impulsivo ao moderado", "do reverente ao iconoclasta" e "do benevolente ao implacável". Décio de Almeida Prado considerava uma das maiores dificuldades do ofício de crítico "extrair um relato coerente", "dotado de um relativo enredo", contendo, "no sentido aristotélico", "princípio, meio e fim". Décio, sabiamente, achava que o crítico não estava acima de ninguém, mas que a verdadeira crítica exigia "tanto quanto qualquer trabalho criador".
>>> Exercício Findo
 
Julio Daio Borges
Editor

Mais Notas Recentes
* esta seção é livre, não refletindo necessariamente a opinião do site

ENVIAR POR E-MAIL
E-mail:
Observações:
COMENTÁRIO(S) DOS LEITORES
19/8/2011
12h41min
Crítica honesta anda meio escassa, por toda parte. Creio que se vê comprometimento pessoal (ou empregatício) com patotas ou carteirinhas ideológicas por toda parte num grau nunca visto. Ademais, há "impressionismo" excessivo na era digital - pra ficar só na Literatura, vê-se em alguns lugares resenhas que deixam óbvio que o resenhista leu quando muito a orelha de um livro e se deixou levar por uns fragmentos de enredo, juntando cacos e construindo uma peça unitária cujo fundamento básico foi a preguiça e o palpite, não mais. Como sou escritor (e também comento livros alheios), sei que é assim. Muitas vezes li comentários sobre livros meus que me deixaram fulo da vida pela imprecisão, pelos chutes... (enumerando influências de escritores que nem li). Jamais comentei um livro que não houvesse lido cuidadosamente, e isso me parece o fim da picada. Mas parece que hoje em dia a crítica, se for elogiosa, é considerada sempre benvinda pelo escritor, ainda que parta de alguém que nem o leu.
[Leia outros Comentários de francisco lopes]
COMENTE ESTE TEXTO
Nome:
E-mail:
Blog/Twitter:
* o Digestivo Cultural se reserva o direito de ignorar Comentários que se utilizem de linguagem chula, difamatória ou ilegal;

** mensagens com tamanho superior a 1000 toques, sem identificação ou postadas por e-mails inválidos serão igualmente descartadas;

*** tampouco serão admitidos os 10 tipos de Comentador de Forum.

Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




NADA ALÉM - A VIDA DE ORLANDO SILVA
JORGE AGUIAR
GLOBO
(1995)



INTELIGENCIA CORPORAL
EDWARD ABRAMSON
BEST SELLER
(2006)
+ frete grátis



POR QUE OS HOMENS FAZEM SEXO E AS MULHERES FAZEM AMOR?
ALLAN E BARBARA PEASE
SEXTANTE
(2000)
+ frete grátis



PARA LER O PATO DONALD - COMUNICAÇÃO DE MASSA E COLONIANISMO
ARIEL DORFMAN E ARMAND MATTELART
PAZ E TERRA
(2010)
+ frete grátis



MURAL DE VENTOS
SALGADO MARANHÃO
JOSÉ OLYMPIO
(1999)
+ frete grátis



SERVIÇO SOCIAL E ÉTICA CONVITE A UMA NOVA PRÁTICA
DILSEA ADEODATA BONETTI; MARLISE VINAGRE SILVA; MIONE APOLINÁRIO SALES;VALÉRIA M.M. GONELLI ( ORGANIZADORAS)
CORTEZ EDITORA
(2000)
+ frete grátis



O PODER DA AUTOTRANSFORMAÇÃO (A DINÂMICA DO CORPO E DA MENTE)
MOSHE FELDENKRAIS
SUMMUS EDITORIAL
(1994)
+ frete grátis



A CIÊNCIA E O CAMPO AKÁSHICO- UMA TEORIA INTEGRAL DE TUDO
ERVIN LASZLO
CULTRIX
(2008)
+ frete grátis



VIAGEM ATRAVES DA LOUCURA.
MARY BARNES E JOSEPH BERKE.
CIRCULO DO LIVRO
+ frete grátis



ATITUDE DE AMOR
WANDERLEY SOARES DE OLIVEIRA
DUFAUX
(2007)
+ frete grátis





busca | avançada
25453 visitas/dia
1,2 milhão/mês