A Different Kind of Truth, by Van Halen | Digestivo Cultural

busca | avançada
49262 visitas/dia
1,3 milhão/mês
Digestivo Cultural
O que é?
Quem faz?

Audiência e Anúncios
Quem acessa?
Como anunciar?

Colaboração e Divulgação
Como publicar?
Como divulgar?

Newsletter | Disparo
* Histórico & Feeds
TT, FB e Instagram
Últimas Notas
>>> Daily Rituals - How Artists Work, by Mason Currey
>>> Fernando Pessoa, o Livro das Citações, por José Paulo Cavalcanti Filho
>>> A Loja de Tudo - Jeff Bezos e a Era da Amazon, de Brad Stone
>>> Reflexões ou Sentenças e Máximas Morais, de La Rochefoucauld
>>> O Capital no Século XXI, de Thomas Piketty, o livro do ano
>>> Trágico e Cômico, o livro, de Diogo Salles
>>> Blue Jasmine, de Woody Allen, com Cate Blanchett
>>> The Devil Put Dinosaurs Here, do Alice in Chains
Temas
Mais Recentes
>>> Lendo Virgílio, ou: tentando ler os clássicos
>>> Predadores humanos
>>> O gosto da cidade em minha boca
>>> Abominável Mundo Novo
>>> I-ching-poemas de Bruna Piantino
>>> Liberdade
>>> 10 coisas que a Mamãe me ensinou
>>> Bruxas no banheiro
>>> Quero ser Marina Abramović
>>> O Jagunço degolado
Colunistas
Mais Recentes
>>> Copa 2014
>>> Copa 2010
>>> Idade
>>> Origens
>>> Protestos
>>> Millôr Fernandes
Últimos Posts
>>> Zé Rodrix, 5 anos depois
>>> Daniel Piza Eterno
>>> Conheça o AgroTalento
>>> U2 no metrô
>>> Homenagem a Pipol
>>> LEM na TV Cronópios
>>> Sobre o Dia das Mães
>>> Lançamento de István Mészáros
>>> Maria Rezende no Sesc BH
>>> Ristridi
Mais Recentes
>>> Lembranças de Ariano Suassuna
>>> Harold Ramis (1944-2014)
>>> Sergio Britto & eu
>>> Para o Daniel Piza. De uma leitora
>>> Joey e Johnny Ramone
>>> A Cultura do Consenso
>>> De Kooning em retrospectiva
>>> Delírios da baixa gastronomia
Mais Recentes
>>> Jaime Pinsky
>>> Luis Salvatore
>>> Catarse
>>> Chico Pinheiro
>>> Sheila Leirner
>>> Guilherme Fiuza
Mais Recentes
>>> O segundo e-book do Digestivo
>>> Momento cívico
>>> Digestivo Books
>>> Caixa Postal
>>> Nova Seção Livros
>>> Digestivo no Instagram
Mais Recentes
>>> Inútil, o filme e a moda que ninguém vê
>>> Entrevista com Ana Elisa Ribeiro
>>> Poesia sem ancoradouro: Ana Martins Marques
>>> Situação da poesia hoje
>>> Bar ruim é lindo, bicho
>>> O homem que não gostava de beijos
>>> Alguém aí reconhece um poeta?
>>> O corpo-reconstrução de Fernanda Magalhães
>>> O Blog da Noiva
>>> Freud e a mente humana
DIGESTIVOS >>> Notas >>> Música

Quarta-feira, 18/4/2012
A Different Kind of Truth, by Van Halen
Julio Daio Borges

+ de 9600 Acessos
+ 1 Comentário(s)




Digestivo nº 487 >>> A novela do Van Halen já durava mais de dez anos. Desde o fracassado Van Halen III (1998), com Gary Cherone, a banda parecia ter pedido o rumo, para nunca mais voltar. Vale rememorar os problemas pessoais de Eddie Van Halen, nesse intervalo, com o alcoolismo, recorrente, e com o câncer (novidade). Portanto, A Different Kind of Truth, a volta em estúdio com David Lee Roth, desde 1984, é mais que uma superação, é um triunfo. É também verdade que, desde a saída de Sammy Hagar (depois de Balance, 1995), os irmãos Van Halen já haviam ensaiado seus passos com Dave Lee Roth, gravando duas faixas, para o The Best of - Volume I (de 1996), ainda com Michael Anthony no baixo. "Can't Get This Stuff No More" tem uma boa levada, mas soa hesitante, como numa dolorosa reaproximação. E "Me Wise Magic" quer passar um tom de malícia, e de intimidade, tem até um bom refrão, mas alguma coisa parece falhar... A julgar por essas duas amostras, de 1996, A Different Kind of Truth, um álbum completo em estúdio, se apresentava como uma aposta arriscada. Mas os irmãos Van Halen, mais David Lee Roth, agora suplementados por Wolfgang Van Halen (filho de Eddie, no lugar de Anthony), tiveram uma grande sacada: voltaram às origens em busca de inspiração. Se Alex havia recentemente declarado que tocar com Wolfgang era como tocar com o velho pai dos Van Halen (nos primórdios de sua formação musical), a salvação da banda, e a reaproximação sem traumas com Dave, poderia estar naquela demo tape perdida, de 1976, entregue a Gene Simmons, do Kiss (descobridor oficial do Van Halen). Também chamada de Van Halen Zero, aquela demo continha além de "Runnin' With the Devil" e "On Fire" (de Van Halen I, 1978), "Somebody Get Me a Doctor" (de Van Halen II, 1979), até "House of Pain" (de 1984). Ou seja, o primeiro Van Halen, com David Lee Roth, já havia bebido nessa mesma fonte em outras ocasiões... Assim, como se fosse um ponto de partida, "Let's Get Rockin'", "Big Trouble" e "Put Out the Lights", da demo de 1976, se converteram, respectivamente, em "Outta Space", "Big River" e "Beats Workin'", de A Different Kind of Truth, com grande parte do instrumental preservado e letras retrabalhadas. "She's the Woman" manteve-se, praticamente, a mesma. (A propósito, é a canção que abre a turnê...) Claro que quatro faixas não são suficientes para compor um álbum inteiro, mas criaram o arcabouço sobre o qual o Van Halen ― de novo, com Dave ― pôde trabalhar. Em termos de sonoridade, A Different Kind of Truth é meio chocante para os ouvintes da fase "Sammy Hagar", porque é muito mais barulhento e muito mais cru (como uma demo?). Dispensa totalmente os teclados, não tem nenhuma faixa com "love" no título, é mais acelerado que a média dos discos do Van Halen, e é mais pesado também. David Lee Roth, que parecia meio aposentado em Las Vegas, retornou no auge da sua loquacidade, não poupando o gogó e esbanjando vocabulário. "Tattoo", desde a estrutura rítmica até os versos, jamais poderia ter sido concebida sem Dave Lee Roth. Quem escreveria, por exemplo, "I got Elvis on my elbow"? Os irmãos Van Halen, ou melhor, a família Van Halen, por sua vez, não fica atrás. Alex consegue correr atrás de si mesmo em "China Town", Wolfgang passa no teste da abertura de "She's the Woman" e Eddie Van Halen, bem, Eddie Van Halen é como uma fênix ressurgindo das cinzas... Os vídeos do show de abertura da turnê, "fechado para a imprensa", mostram que, apesar de tudo, ele não perdeu a mão. Ou as mãos ;-) E Eddie se revela incasável nas velozes "China Town" (mais uma vez), "Bullethead", "As Is", e bastante atento nas complicadas "Honeybabysweetiedoll", "The Trouble With Never" e "Stay Frosty". Sorry, folks, no ballads this time, Dave parece anunciar. Até porque, pensando bem, ele não era o cara das baladas... Por fim, se ainda há espaço para uma comparação, o Chickenfoot ― de Hagar, Anthony, Satriani e Chad Smith ― soa como uma cópia fiel do "Van Halen com Sammy Hagar", mas nem se compara ao (renovado) "Van Halen com Dave". Joe Satriani pode até ser um mestre, mas Eddie Van Halen é que é o gênio revolucionário ;-)
>>> A Different Kind of Truth
 
Julio Daio Borges
Editor

Quem leu esta, também leu essa(s):
01. Cantos de Trabalho, Cia. Cabelo de Maria (Música)


Mais Notas Recentes
* esta seção é livre, não refletindo necessariamente a opinião do site

ENVIAR POR E-MAIL
E-mail:
Observações:
COMENTÁRIO(S) DOS LEITORES
2/5/2012
08h57min
Belo texto. E viva o bom e velho Mighty Van Halen. \o
[Leia outros Comentários de Simonhead]
COMENTE ESTE TEXTO
Nome:
E-mail:
Blog/Twitter:
* o Digestivo Cultural se reserva o direito de ignorar Comentários que se utilizem de linguagem chula, difamatória ou ilegal;

** mensagens com tamanho superior a 1000 toques, sem identificação ou postadas por e-mails inválidos serão igualmente descartadas;

*** tampouco serão admitidos os 10 tipos de Comentador de Forum.

>>> Partituras recebe o Quarteto de Saxofones 4x4 neste domingo (24)
>>> Pianista André Mehmari faz recital especial na Biblioteca Mário de Andrade
>>> Arte Postal e pré-estreia de série sobre arte contemporânea
>>> ENDA 2015 acontece entre 29 e 31 de maio, no Teatro Sérgio cardoso
>>> Gilvan Barreto lança livro no Espaço Cult
>>> TV Brasil estreia série "Venha ver o meu mundo!" nesta quinta (21)
* clique para encaminhar

Intrínseca
Primavera Editorial
Best Seller
Hedra
José Olympio
Bertrand Brasil
Companhia das Letras
Editora Conteúdo
Editora Perspectiva
Civilização Brasileira
Cortez Editora
WMF Martins Fontes
Arquipélago Editorial
Globo Livros
Nova Fronteira
Editora Record
LIVROS


THE CAMBRIDGE COMPANION TO WILLIAM FAULKNER
PHILIP M. WEINSTEIN

De R$ 105,00
Por R$ 52,50
50% off
+ frete grátis



SERVIÇO SOCIAL, TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO E TRABALHO
RENATO VELOSO

De R$ 36,00
Por R$ 18,00
50% off
+ frete grátis



HISTÓRIAS PARA VIRAR GENTE GRANDE
SOPHIE CARQUAIN

De R$ 35,00
Por R$ 17,50
50% off
+ frete grátis



CONFEITARIA DUKAN
PIERRE DUKAN

De R$ 42,00
Por R$ 21,00
50% off
+ frete grátis



UM PASSARINHO ME CONTOU
BIZ STONE

De R$ 30,00
Por R$ 15,00
50% off
+ frete grátis



O ATIRADOR DE IDEIAS
ADILSON XAVIER

De R$ 24,90
Por R$ 12,45
50% off
+ frete grátis



A COMÉDIA HUMANA
WILLIAM SAROYAN

De R$ 38,00
Por R$ 19,00
50% off
+ frete grátis



AMOR ATÉ DEBAIXO D'ÁGUA
TORRE DEROCHE

De R$ 35,00
Por R$ 17,50
50% off
+ frete grátis



APRESENTACAO DA POESIA BRASILEIRA
BANDEIRA, MANUEL

De R$ 75,00
Por R$ 37,50
50% off
+ frete grátis



ENTRETANTO, FOI ASSIM QUE ACONTECEU
CHRISTIAN CARVALHO CRUZ

De R$ 34,00
Por R$ 17,00
50% off
+ frete grátis



busca | avançada
49262 visitas/dia
1,3 milhão/mês