busca | avançada
26396 visitas/dia
708 mil/mês
Terça-feira, 3/10/2006
Outubro literário
Elisa Andrade Buzzo

Um livro de dualidades e surpresas, do projeto gráfico ao conteúdo - começando pelo próprio título. Videoverso - poesia que se lê vendo; que se vê lendo (7 Letras, 2006) reúne poesia visual e poesia "em verso" (como brinca Frederico Barbosa na apresentação do livro) da carioca Gabriela Marcondes, que terá lançamento paulistano em 7 de outubro na Casa das Rosas (Avenida Paulista, 37 - a partir das 20h).


Poema visual de Gabriela Marcondes

Trabalhando sentidos internos ou pinçando revelações nas palavras("interno descompasso/ eterno descompássaro", no poema "Passos e pássaros" ou em "Ilusão meretriz/ Dança de sentidos/ Subentendidos/ Paixão por um triz.", "Flerte"), Gabriela constrói um livro original e - como o próprio eu-lírico coloca no poema "Texturas" - "repleto de possibilidades" ("Meu verso é repleto de possibilidades/ Não possuo seqüência, não possuo métrica.").

O intenso "Dobradura" ("Sentimento origami/ Marco, dobro, e pronto/ Caio fora do tatame.") é apenas um dos diversos belos poemas de videoverso, cuja autora também realiza um trabalho de videopoesia e é médica com pós-graduação em clínica geral e endocrinologia.

*

O II Fórum de Editoração, organizado por alunos do curso de Editoração da USP, acontece novamente no Grande Auditório do MASP, dia 8 de outubro. O tema deste ano é "Literatura: incentivo X consumo". A programação se estende durante toda manhã e tarde, com debates sobre "Marketing editorial e formas de divulgação", "Livro digital: como e por quê", "Feira de livros: consumo de cultura ou cultura de consumo?", entre outros temas. Na parte da manhã, às 11h, o destaque é o lançamento da revista literária dos alunos da USP, a Originais Reprovados, que chega ao segundo número. A revista, dedicada a publicar prosa e poesia uspianas e produzida pela Com-Arte Jr., busca gerar "a circulação de idéias dentro da universidade" e criar "oportunidades para aqueles que não encontram espaço nas editoras e revistas comerciais."

*

Começa dia 9 de outubro o Programa Anual de Criação Literária, oferecido pela Academia Internacional de Cinema. O curso - dirigido à formação de escritores nas áreas de poesia, ficção (conto, romance, novela) e não-ficção (biografia, reportagem, crítica) - tem duração de dois semestres e se realiza por meio de workshops opcionais e palestras, incluindo aulas práticas e apoio teórico. Os professores de outubro a dezembro de 2006 são os escritores Marcelino Freire, Marcelo Rezende, Márcia Tiburi, Michel Laub, Rodrigo Petronio e Wagner Carelli. Mais informações sobre o curso podem ser consultadas no site da Academia.

*


Capa do livro Doze

E, na terça-feira, dia 10 de outubro, oito poetas comemoram e apresentam ao público a coletânea Oitavas - livro feito à mão e com capa dura, concebido pelo editor e designer, Vanderley Mendonça. O livro sai pelo selo do simpático diabinho Demônio Negro e reúne poetas brasileiros e estrangeiros. Corra e chegue cedo porque a tiragem é limitadíssima e o sucesso é garantido! Prova é que na mesma noite será relançada outra coletânea, também pelo selo Demônio Negro, a Doze (que reúne doze prosadores). Tudo na Casa das Rosas, a partir das 19h.

Elisa Andrade Buzzo
3/10/2006 às 06h00

 

busca | avançada
26396 visitas/dia
708 mil/mês