Do que se deseja | Carina Destempero | Digestivo Cultural

busca | avançada
31067 visitas/dia
1,1 milhão/mês
Mais Recentes
>>> Coleção de arte sacra é destaque em leilão virtual
>>> Nova voz do samba, Thais Duran revela compositores paulistanos em seu primeiro disco
>>> Jornalistas da Rede Record debatem sobre "O que falta para o Brasil decolar?
>>> Yoga é tema de série de atividades no Sesc Belenzinho, entre 24 e 27 de agosto
>>> Grupo Palimpsesto homenageia Violeta Parra
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> Luz sob ossos e sucata: a poesia de Tarso de Melo
>>> Da varanda, este mundo
>>> Estevão Azevedo e os homens em seus limites
>>> Séries da Inglaterra; e que tal uma xícara de chá?
>>> A fotografia é um produto ou um serviço?
>>> A noite iluminada da literatura de Pedro Maciel
>>> Apontamentos de inverno
>>> Literatura, quatro de julho e pertencimento
>>> O Abismo e a Riqueza da Coadjuvância
>>> Os Doze Trabalhos de Mónika. 4. Museu Paleológico
Colunistas
Últimos Posts
>>> Jeff Bezos é o mais rico
>>> Stayin' Alive 2017
>>> Mehmari e os 75 anos de Gil
>>> Cornell e o Alice Mudgarden
>>> Leve um Livro e Sarau Leve
>>> Pulga na praça
>>> No Metrópolis, da TV Cultura
>>> Fórum de revisores de textos
>>> Temporada 3 Leve um Livro
>>> Suplemento Literário 50 anos
Últimos Posts
>>> Jerry Lewis, um verdadeiro louco
>>> Se está ruim para todos, seja melhor que os outros
>>> The game of Prones
>>> Pétalas neon
>>> À Lígia
>>> Um biombo oscila entre o côncavo e o convexo
>>> Síndrome da desesperança
>>> Simbiose
>>> Grafologia
>>> Premiadas
Blogueiros
Mais Recentes
>>> Não sei se ronco ou se babo
>>> Entrevista com João Moreira Salles
>>> A Teoria Hipodérmica da Mídia
>>> Um conselho: não leia Germinal
>>> Os 25 anos do SBT
>>> The rock'n'roll of our time
>>> Sobre o Jabá
>>> O que é crítica, afinal?
>>> Picasso e As Senhoritas de Avignon (Parte I)
>>> Hells Angels
Mais Recentes
>>> Teologia à caminho: fundamentação para o diálogo ecumênico
>>> Ao lado dos pobres: Teologia da Libertação
>>> Chega junto - Mauro Israel Moreira
>>> Watchaman nele ( O homem espiritual v. 1. 2. E 3)
>>> Empresas feitas para vencer
>>> Casamento Blindado
>>> O Que é Questão Agrária
>>> Iniciando uma Pequena Empresa Com Sucesso
>>> Redes Locais - o Estudo de Seus Elementos
>>> Introdução À Macroeconomia
>>> Introdução À Psicologia
>>> Morcegos Negros
>>> Programação e Métodos Computacionais Volume 1
>>> Hepatite C - Guia Prático para o Convívio Diário Com a Doença
>>> Memórias Anapolino de Faria - Histórias e Estórias
>>> Aventura Poética 1987-1988
>>> Que Nome Darei ao Meu Filho?
>>> Duas Opções - a Vida de um Pequeno Fazendeiro Num País Subdesenvolvido
>>> Até Que a Morte nos Separe
>>> O Fim dos Tempos
>>> Vito Grandam
>>> Beleza Negra (autobiografia de um Cavalo)
>>> Os Computadores! da Mesa de Areia ao Cérebro Eletrônico
>>> Parece Que foi Ontem - Global Juvenil
>>> Haidi - a Filha das Montanhas
>>> Filho da Liberdade
>>> Sigismundo do Mundo Amarelo - 8ª Edição
>>> Os Sete Ladrões de Bagdá/a Bela e a Fera/...
>>> Caçadas na África
>>> Ben-hur
>>> Encanto e Verdade
>>> Paraíso Infantil - Em 3 Volumes -1ª Edição
>>> A Verdade por Trás de o Código da Vinci
>>> Servir sem Medir
>>> Contos e Encontros
>>> Já Estava Escrito
>>> Um Santo, Esculpido pela Vida, Lapidado pela Dor
>>> A Sombra de Schumann
>>> Cinco Anos sem Chover
>>> Um Gosto de Quero Mais - 2ª Edição
>>> Minha Vida Como um Burrito Amassado Com Molho Extra de Pimenta
>>> Taras Bulba
>>> O Velho Carro e o Sonho
>>> Glorinha e o Mar - Coleção Jovens do Mundo Todo
>>> Filho da Rua
>>> Histórias do País de Ali-babá
>>> Álbum das Crianças
>>> Álbum das Crianças
>>> Uma Aventura na Idade Média (ficção:usos e Costumes de uma Época)
>>> O Guarany
COLUNAS

Terça-feira, 30/7/2013
Do que se deseja
Carina Destempero

+ de 2000 Acessos

Sabe o que é o pior? É que eu nem queria nada com ele, você lembra. Pra mim era uma brincadeira, diversão. Mas ele insistia, ia fazendo tudo certinho, bonitinho, flores, palavras de amor. Aí quando vi eu já estava achando que tudo era um sonho lindo e ele o amor da minha vida. Tudo pra ele agora fazer isso.

Ela abria e fechava a boca repetidas vezes, como se quisesse falar e calar ao mesmo tempo. Até que perguntei o que ele tinha feito.

Ele tem outra. Ou outras, na verdade. A Paula veio me falar toda cheia de dedos que tinha visto ele com uma mulher na rua, e que pareciam mais do que amigos. Quando perguntei, ele nem negou! Disse que gostava de mim, mas que ficar só comigo não o satisfazia mais. Comecei a perguntar sobre as vezes em que ele dizia sair com amigos do trabalho, e ele riu, dizendo que é claro que eu sabia que ele estava com outra! Ele RIU!

E ela chorou. Chorava com raiva e não parava de falar, de contar detalhes e relatar as frases dele palavra por palavra.

Você acredita que ele ainda teve a coragem de dizer que esperava que nós pudessemos ser amigos? Que queria que eu me encontrasse e fosse feliz? Quando ouvi ele falando essas coisas tive vontade de morrer, ou de matá-lo, sei lá. Mas, tudo acabou, e continuamos vivos.

Acabou como, você ainda não contou nada do que você disse.

Ah, não sei o que disse, acho que não falei nada. É estranho, não lembro direito das minhas frases, mas as dele parecem grudadas nos meus ouvidos. Da minha parte só lembro da raiva. Muita, muita raiva.

Raiva do quê?

Do que ele disse. Dele. De mim. De mim, muita raiva de mim, como eu pude não ver o que estava acontecendo?

Nesse momento ela calou, e as lágrimas ruidosas também calaram, um choro silencioso agora escorria para a almofada que já tinha uma enorme mancha d´água. Até que percebi que ela tinha parado de chorar, e olhava fixamente pro quadro em frente ao divã, que mostra uma construção em andamento. Perguntei suavemente no que ela pensava.

Em mil coisas, não sei dizer.

É importante que você tente, mesmo que não saiba organizar, mesmo que ache que é besteira.

Não acho que é besteira, é que é muita coisa. Estou pensando em como eu não percebi, em como acho agora que me esforcei pra não ver que as coisas não iam bem. Em como fingia não me importar com o que me importa, em como vivia no passado, ou no futuro, sempre em um momento da relação que não era o presente. E olhei pra esse quadro e pensei em como uma relação está sempre em construção, e em como abandonamos a nossa, não só ele, eu também, por preguiça, falta de vontade, sei lá o porquê, mas o fato é que abandonamos. Acho que minha maior raiva é disso, fiquei irritada com ele, com o que ele disse, com o que ele fez, mas no fundo o usei como desculpa pra não admitir que eu não falei muita coisa, não fiz muita coisa, e agora é tarde demais.

Pra voltar no tempo e fazer diferente é sempre tarde demais, falei, mas pra viver, enquanto ainda se está vivo, não. É sempre tempo de dar um passo pro lado, de retomar a construção, talvez não a dessa relação, mas a sua. O preço é alto, mudar, assumir responsabilidades, é algo muito custoso. Mas, como você já percebeu, não fazer nada pode custar ainda mais.

Eu venho aqui esperando que você concorde comigo, que diga que ele é um canalha, que a culpa é toda dele, e aí quando vejo estou falando da minha responsabilidade, e você não só não a ameniza como ainda aumenta! Você nunca vai me dar o que eu espero?

Tomara que não. Mas, se tivermos sorte, vou te ajudar a descobrir o que você deseja.

Nota do Editor:
Texto gentilmente cedido pela autora. Originalmente publicado no blog Confraria dos Trouxas.


Carina Destempero
Rio de Janeiro, 30/7/2013


Mais Carina Destempero
Mais Acessadas de Carina Destempero em 2013
01. Senhorita K - 16/12/2013
02. O amor é um jogo que ganha quem se perde - 18/11/2013
03. Canção de som e fúria - 14/10/2013
04. Garanto que você não vai gostar - 6/5/2013
05. Matar e morrer pra viver - 18/3/2013


* esta seção é livre, não refletindo necessariamente a opinião do site



Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




A CIDADE INFORMAL DO SÉCULO 21
PMSP
PMSP
(2010)
R$ 20,00



COMO ORAR E OBTER RESPOSTA
GUILHERME W ORR
IBR
(1987)
R$ 19,00



INTRODUÇÃO À CRISTOLOGIA
JACQUES DUPUIS
LOYOLA
(2007)
R$ 38,00



ENCONTRO COM TEILHARD DE CHARDIN E A EVOLUÇÃO DAS RELIGIÕES
PIETRO UBALDI
MONISMO
(1965)
R$ 21,00



DECAMERÃO - BOCCACCIO (LITERATURA ITALIANA MEDIEVAL)
BOCCACCIO
NOVA CULTURAL
(2003)
R$ 12,00



DE GLÓRIA EM GLÓRIA- A TRANSFORMAÇÃO DA ALMA
DAVID W. DYER
GRÃO DE TRIGO
(2009)
R$ 14,90



CADERNOS DE POESIA DO ALUNO OSWALD (POESIAS REUNIDAS) - OSWALD DE ANDRADE
OSWALD DE ANDRADE
CÍRCULO DO LIVRO
R$ 8,00



CINQUENTA TONS DE LIBERDADE
E L JAMES
INTRÍNSECA
(2012)
R$ 10,00



A PELE DE ONAGRO
HONORÉ DE BALZAC
EDIOURO
(1996)
R$ 12,00



EU, MARIA PADILJHA
JOSÉ RIBEIRO
PALLAS
(2008)
R$ 20,00





busca | avançada
31067 visitas/dia
1,1 milhão/mês