América Latina, ainda em construção | Heloisa Pait | Digestivo Cultural

busca | avançada
37091 visitas/dia
862 mil/mês
Mais Recentes
>>> Bangalafumenga recebe amigos e ex batuqueiros para um encontro de felicidade no Carioca Club, dia 25
>>> SISEM-SP disponibiliza vídeos com conteúdo do 9º Encontro Paulista de Museus
>>> Em agosto, o Largo do Machado receberá a segunda edição do Hoje é dia de comer na rua
>>> ÀTMA - De que tamanho é o teu deserto?
>>> Vivo EnCena traz Paulo Betti a São Paulo com Autobiografia Autorizada
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> A noite iluminada da literatura de Pedro Maciel
>>> Apontamentos de inverno
>>> Literatura, quatro de julho e pertencimento
>>> O Abismo e a Riqueza da Coadjuvância
>>> Os Doze Trabalhos de Mónika. 4. Museu Paleológico
>>> Um caso de manipulação
>>> Brasil, o buraco é mais embaixo
>>> Nós que aqui estamos pela ópera esperamos
>>> Os Doze Trabalhos de Mónika. 3. Um Jogo de Poker
>>> Retratos da ruína
Colunistas
Últimos Posts
>>> Stayin' Alive 2017
>>> Mehmari e os 75 anos de Gil
>>> Cornell e o Alice Mudgarden
>>> Leve um Livro e Sarau Leve
>>> Pulga na praça
>>> No Metrópolis, da TV Cultura
>>> Fórum de revisores de textos
>>> Temporada 3 Leve um Livro
>>> Suplemento Literário 50 anos
>>> Ajudando um amigo
Últimos Posts
>>> Maturidade
>>> Ponto cruz
>>> Elevador divino
>>> Na hora do rush
>>> Cubica(mente)
>>> Adentrando o mundo humano - Pensamento
>>> Modelar(mente)
>>> Trans(corrente)
>>> Quanto às perdas III
>>> O pão nosso de cada dia
Blogueiros
Mais Recentes
>>> O País da Fila
>>> Edvaldo Pereira Lima
>>> Editar bem, com Matinas Suzuki Jr.
>>> Palhaço
>>> Ópera fora do circuito
>>> Muito barulho por nada
>>> Leitura, curadoria e imbecilização
>>> Legião Urbana 1994
>>> Um menino à solta na Odisseia
>>> Gratitude
Mais Recentes
>>> A crítica de arte: como entender o contemporâneo
>>> Autoridade Espiritual
>>> Os botões de Napoleão
>>> O mestre das iluminuras
>>> Mensagem - 2ª ed. Texto Integral
>>> A catedral do mar
>>> Amanhecer
>>> Lua Nova
>>> Crepúsculo
>>> Fundamentos da Logoterapia. Na clínica psiquiátrica e psicoteraêutica (Vol. I)
>>> A história do conceito de "Latin America" nos Estados Unidos
>>> Os Lusíadas
>>> O faroeste (1860-1890)
>>> O herege
>>> A Moreninha (Clássicos Saraiva)
>>> Rio das flores
>>> Edição em Jornalismo - Ensino, Teoria e Prática -1ª ed.
>>> Comentários à lei sobre Desportos 2ª ed.
>>> Dicionário Descartes
>>> Dicionário Rousseau
>>> Discurso do Método. Comentários: Denis Huisman
>>> Discurso sobre a origem e os fundamentos da desigualdade entre os homens. Comentários: Jean Francois Braunstein
>>> Cadernos do nosso tempo Fascínio e Repulsa
>>> Apresentação do mundo. Considerações sobre o pensamento de Ludwig Wittgenstein
>>> Condições da Liberdade. A Sociedade Civil e Seus Rivais
>>> Destinação Antropológica
>>> Antropologia. Ousar para reinventar a humanidade
>>> Tempus Fugit
>>> Abençoai o suborno!
>>> O Pós Guerra Fria No Mundo
>>> Os Iguais Sob O Arco-Íris
>>> Quem Mexeu No Meu Queijo?
>>> Estratégia Para O Sucesso
>>> Faz Escuro Mas Eu Canto
>>> Pai Rico Pai Pobre
>>> Bases Para Sua Conduta
>>> O Apanhador no Campo de Centeio
>>> Busca do Campo Espiritual pela Ciência
>>> O Pensamento de Assis Chateaubriand
>>> A História Íntima do Beijo (Sociologia/Antropologia Cultural)
>>> Noites Agradáveis - Straparola (Contos Renascentistas Italianos)
>>> Haverá uma ciência da Alma?
>>> Dias Melhores Virão
>>> O Desafio de nosso Tempo ( Change and Habit)
>>> Hobbes e a Moral Política
>>> Hobbes Leviathan. Uma Visão Teológica
>>> Brevilóquio Sobre o Principado Tirânico
>>> De Cive. Elementos Filosóficos a respeito do cidadão
>>> O Problema do Ser e outros ensaios
>>> Antropologia Filosófica
COLUNAS

Sexta-feira, 3/7/2015
América Latina, ainda em construção
Heloisa Pait

+ de 1400 Acessos

A mostra sobre a arquitetura modernista na América Latina em exibição no MoMA - Museu de Arte Moderna de Nova York - é parada obrigatória não apenas para os amantes da arquitetura, mas para todos os brasileiros que buscam compreender aqueles anos de promessas e tropeços na nossa rota em direção à justiça social e ao progresso econômico.

A mostra é de uma enorme riqueza, e os artífices da arquitetura moderna latino-americana são apresentados com grande respeito e delicadeza, como criadores de estatura igual à de seus parceiros pelo globo afora. O contexto social, político e urbano onde as grandes obras foram idealizadas ou executadas é apresentado, até onde pude ver, com precisão.

Estão lá os ícones da arquitetura nacional: o Masp, o Ibirapuera, Brasília, o Aterro do Flamengo. Mas o que mais chama a atenção do visitante brasileiro é a profunda semelhança entre estas obras e aquelas construídas em países vizinhos no mesmo momento. Pensei que era erro da legenda a menção a um Villanueva que projetou a Facultad de Arquitectura y Urbanismo, mas me inteirei de que se tratava do trabalho de Carlos Raúl Villanueva no campus da Universidade Central da Venezuela, em Caracas.

É como se em cada país houvesse um Vilanova Artigas em sua FAU, projetando espaços livres, democráticos e modernos que respondessem a demandas sociais crescentes. Retratados na exposição, com fotos, projetos e belas maquetes toda a gama da arquitetura modernista da região: campi universitários e prédios públicos, parques e hospitais, igrejas e clubes, residências familiares e projetos habitacionais. Não cheguei a ver outras Linas: seria interessante investigar o papel das arquitetas latinoamericanas nessa grande jornada para o futuro.

Logo na entrada, vídeos da época com imagens de obras e falas públicas dos vários países em foco se superpõem, jogando no colo do visitante a ideia de uma região com uma história comum que só pode ser entendida a partir de uma mirada conjunta. Na longa linha do tempo ao fundo da sala principal, entretanto, uma perspectiva mais sóbria: encaixamos as obras vistas no pendular movimento político latinoamericano, com seus golpes, exílios e laboriosas reinserções na vida democrática global.

Ausente, aliás, menção a Sérgio Bernardes, importante figura do movimento modernista brasileiro e vítima da polarização política da época que elegeu heróis e algozes, às vezes arbitrariamente. Talvez também entre nossos vizinhos haja Bernardes a serem resgatados, para que possamos ter uma idéia mais precisa de nossos erros, acertos e passos em falso.

Essa visão conjunta se torna possível a partir de uma pesquisa extensa pela arquitetura de toda a América Latina, incluindo o Caribe, que leigos não associam à arquitetura moderna. No catálogo da exposição, vemos a casa envidraçada de Rafael Obregón em Bogotá, uma espetacular casa de shows na Havana pré-revolucionária, a colaboração internacional num programa de casas populares em Lima e outras tantas obras que vão criando construindo a idéia de uma visão de mundo comum.

As linhas retas da Igreja de San Pedro, em Durazno, no Uruguai, nos fazem pensar em nossas próprias buscas de uma espiritualidade contemporânea. Em Santiago, o prédio da CEPAL remete não apenas aos prédios públicos modernistas onde trabalhamos, mas também às idéias gestadas e divulgadas desde ali. Familiar o amplo saguão da Escola Superior de Comércio de Córdoba. A cada momento somos convidados, como num jogo, a esse exercício de conexão e contraste.

No final da exposição, fica um orgulho pelo impressionate acervo arquitetônico moderno, que descobrimos compartilhar com Chile, Venezuela, México e outros. Mas ficam também muitas interrogações. Como é que deixamos o poder autoritário se apropriar daquele ideal de progresso e inclusão social tão belamente expresso em nosso concreto armado? Como é que, tendo tirado a farda do poder, ainda patinamos na democracia, dando margem a projetos autoritários de nação que se fincam de modo mais ou menos destrutivo em nossos governos?

Nesse sentido, a exposição do MoMA é um tapa na cara dos democratas brasileiros ou, como dizem os americanos, um wake-up call. Saímos de lá lembrando que a luta pela democracia, pelo progresso e pela justiça social é algo que não começamos nós, mas herdamos nós dos arquitetos de nosso país, os de prancheta e os outros também. Se a herança deles foi, nesse aspecto, incompleta, isso apenas nos lembra o quanto lhes temos que fazer jus.

Para ir além
Para quem pretende ir a Nova York, a exposição está em cartaz até o dia 19 de julho. Mais informação neste link. Um pouco salgado com o câmbio atual, o impressionante catálogo da exibição é vendido por 55 dólares no site do museu, ou menos, em livrarias on-line.


Heloisa Pait
São Paulo, 3/7/2015


Quem leu este, também leu esse(s):
01. O dia que nada prometia de Luís Fernando Amâncio
02. Super-heróis ou vilões? de Cassionei Niches Petry
03. Inquietações de Ana Lira de Fabio Gomes
04. Um Cântico para Rimbaud, de Lúcia Bettencourt de Jardel Dias Cavalcanti
05. Nuvem Negra* de Marilia Mota Silva


Mais Heloisa Pait
Mais Acessadas de Heloisa Pait
01. A Garota do Livro: uma resenha - 16/6/2016
02. Os Doze Trabalhos de Mónika. 1. À Beira do Abismo - 13/4/2017
03. Simone Weil no palco: pergunta em forma de vida - 11/8/2016
04. Diálogos no Escuro - 4/8/2016
05. América Latina, ainda em construção - 3/7/2015


* esta seção é livre, não refletindo necessariamente a opinião do site



Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




50 ANOS A MIL
LOBÃO E CLÁUDIO TOGNOLLI
NOVA FRONTEIRA
(2010)
R$ 20,00



O LADO BOM DA VIDA
MATTHEW QUICK
INTRÍNSECA
(2013)
R$ 11,90



VARIANTES NA VISUALIDADE
NELI KLIX FREITAS
UDESC
(2010)
R$ 15,00



UM RETIRO COM SÃO JOÃO E O ÊXODO - EQUIPE DE ITAICI
MANUEL EDUARDO IGLESIAS
LOYOLA
(1980)
R$ 8,20



SUA AMANTE SUA LEI MODERN SEXY
TRISH WYLIE
HARLEQUIN BOOKS
(2009)
R$ 3,50



LUCAS VENTANIA
VINICIUS DA VEIGA
CLUBE DO LIVRO
(1963)
R$ 7,00



CHUVA DE ROSAS
FREI PATRÍCIO SCIADINI
SHALON
(1998)
R$ 15,00



O VÍNCULO DO PRAZER
WILLIAM MASTERS / VIRGINIA JOHNSON
RECORD
(1975)
R$ 3,00



IT GIRL 6 - GAROTA EM TENTAÇÃO
CECILY VON ZIEGESAR
GALERA RECORD
(2010)
R$ 20,00



TSUBASA - RESERVOIR CHRONICLE - 01
CLAMP
JBC
(2003)
R$ 14,90





busca | avançada
37091 visitas/dia
862 mil/mês