Apresentação - Luís Fernando Amâncio | Luís Fernando Amâncio | Digestivo Cultural

busca | avançada
30533 visitas/dia
1,1 milhão/mês
Mais Recentes
>>> Show com grupo Tambora faz um mergulho na obra de compositoras de diversos países da América Latina
>>> Pianista revelação, Juliana D'agostini mostra seu talento no Natal Musical do VillaLobos
>>> Ana Marson lança livro de crônicas em São Paulo
>>> Música, dança e boa conversa na "Semana Preta" do Centro de Referência da Dança
>>> Vila Cultural Cora Coralina recebe exposição 'Tempos Líquidos'
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> A poesia afiada de Thais Guimarães
>>> Manchester à beira-mar, um filme para se guardar
>>> Noel Rosa
>>> Sabemos pensar o diferente?
>>> Notas de leitura sobre Inácio, de Lúcio Cardoso
>>> O jornalismo cultural na era das mídias sociais
>>> Crítica/Cinema: entrevista com José Geraldo Couto
>>> O Wunderteam
>>> Fake news, passado e futuro
>>> Luz sob ossos e sucata: a poesia de Tarso de Melo
Colunistas
Últimos Posts
>>> Jeff Bezos é o mais rico
>>> Stayin' Alive 2017
>>> Mehmari e os 75 anos de Gil
>>> Cornell e o Alice Mudgarden
>>> Leve um Livro e Sarau Leve
>>> Pulga na praça
>>> No Metrópolis, da TV Cultura
>>> Fórum de revisores de textos
>>> Temporada 3 Leve um Livro
>>> Suplemento Literário 50 anos
Últimos Posts
>>> Rios inversos
>>> Você pertence a um não lugar
>>> Olho d'água
>>> A música da corrida
>>> Retalhos da vida
>>> Limbo
>>> Transmutações invisíveis
>>> Quem te leu, quem te lê
>>> Bom dia e paz
>>> O que sei do tempo II
Blogueiros
Mais Recentes
>>> O jornalismo cultural na era das mídias sociais
>>> Ária da Rainha da Noite
>>> Let us protect you in the labyrinth
>>> Um coral de 10 mil vozes
>>> A alma boa de Setsuan e a bondade
>>> Steve Jobs sobre o mundo
>>> O Presidente Negro, de Monteiro Lobato
>>> Sobre o gênio que é Harold Pinter
>>> Gente que corre
>>> Caso Richthofen: uma história de amor
Mais Recentes
>>> Pensamento Complexo: suas aplicações à liderança, à aprendizagem e ao desenvolvimento sustentável
>>> Dictionnaire D'Analyse du Discours (1ª ed.)
>>> Defenda seus direitos
>>> O momento da sua virada
>>> Uma Viagem Aos Reinos
>>> Trilha para os Jovens
>>> Titan - O mundo de aventuras fantásticas
>>> Sonhos Lúcidos
>>> Raiva. Seu Bem, Seu Mal
>>> O Shadowdale Vale Das Sombras
>>> O perdedor
>>> O livro secreto da maçonaria
>>> O livro da quituteira
>>> O caso Schreber
>>> O Caminho do mago
>>> Lobisomem O - Apocalipse - Rpg
>>> Livro do Mestre - Advanced Dungeons e Dragons
>>> Gurps. Modulo Básico
>>> Francisco de Assis e Francisco de Roma: Uma Nova Primavera na Igreja
>>> Forgotten Realms 3 Guia De Campanha Para Undermontain
>>> Cinema: O Divã e a Tela
>>> Até os Felizes Sofrem
>>> Assessoria de Imprensa
>>> As Virtudes da Casa
>>> Além do bem e do mal
>>> Aleister Crowley - A Biografia de um Mago
>>> A realização espontânea do desejo
>>> Belo Desastre
>>> Nao deixe para depois o que voce pode fazer agora
>>> Ecos Dos Mortos
>>> O pai sessenta minutos
>>> A Noite dos Quatro Furacões
>>> Caixa de Pássaros
>>> Qualidade em Serviços
>>> O Quarto Poder - Uma Outra História - 1ª Edição
>>> Sem Vestígios - Revelações de um Agente Secreto da Ditadura
>>> O Arroz de Palma - Edição Comemorativa
>>> Cisnes Selvagens - Três Filhas da China
>>> Sobre o Céu e a Terra - As Ideias do Papa Francisco
>>> Sobre Heróis e Tumbas - 2002
>>> O Homem de Beijing - 1ª Edição
>>> Compêndio de Análise Institucional e Outras Correntes - Teoria e Prática
>>> As Cartas Ácidas da Campanha de Lula de 1998 - 1ª Edição
>>> A Igreja Universal e Seus Demônios - Um Estudo Etnográfico
>>> Eugene H peterson ( o caminho de Jesus e os atalhos da igreja)
>>> Cadernos do nosso tempo Cinema Brasileiro
>>> Ciência Contemplativa
>>> O Absurdo e a Graça
>>> Farra no Formigueiro
>>> Picasso - Coleção Crianças Famosas
COLUNAS >>> Especial Apresentações

Domingo, 13/7/1986
Apresentação - Luís Fernando Amâncio
Luís Fernando Amâncio

+ de 1500 Acessos

Geralmente, as pessoas conhecem Três Corações pelos seguintes motivos: 1) Pelé nasceu lá; 2) é caminho para São Tomé das Letras; 3) por causa da famosa marca de café - que nem é da cidade.

A mim não foram dadas essas opções: conheci Três Corações porque foi onde nasci. Isso no longínquo ano de 1986, que legou ao mundo alegrias como a visita do cometa Harley, o Master of Puppets, do Metallica, o segundo título do São Paulo F. C. no Brasileirão (clubismo detectado/ a final foi em 1987, mas isso é detalhe) e os jogos de vídeo-game Adventure Island e Castlevania.

Quando eu tinha 18 anos, me mudei para Belo Horizonte para cursar História na UFMG. Não me perguntem o que motivou a escolha, é capaz de até hoje eu não ter a resposta. Não foi para virar professor, já adianto. Dar aulas é algo que você faz por ter talento e/ ou gostar muito da atividade. Não se faz pelo dinheiro. Eu não tinha nada disso - nem dinheiro, inclusive.

Mas eu gostei do curso. Aprendi muito enquanto pensava no lugar do homem no tempo, em memória e no tanto que a "verdade" é uma ilusão de ótica. Fui feliz, amigos e amigas, tanto que emendei um mestrado na mesma área. O título da minha dissertação foi "Ação, logo, cinema: o engajamento político do movimento de Cinema Novo a partir de sua produção escrita e do filme Garrincha, Alegria do Povo (1963)". Grande, né? Tenho bastante orgulho desse trabalho, sobretudo por ele ter sido, minha despedida da vida acadêmica. A dissertação está disponível, caso algum destemido leitor queira conferi-la, AQUI

Lá pelo meio do mestrado ficou bem claro para mim que eu sou feliz mesmo é escrevendo literatura. Porque só felicidade justifica continuar nessa labuta, caro leitor, cara leitora. Na verdade, esse prazer vem de pouco depois que me alfabetizei. Numa tarde entediada de sábado, resolvi juntar o parco vocabulário que eu tinha e escrevi uma história. Não lembro direito do que se tratava, sei que era algo sobre um pato e, eu chutaria, uma lagoa. Nada demais. Entretanto, minha família ficou bastante comovida com minha manifestação espontânea em escrever algo sobre uma ave. Deveriam ter pensado se não era um pouco preocupante um menino de sete anos preferir escrever em pleno sábado a brincar - no mínimo, eu precisava de renovação no meu estoque de brinquedos, mas tudo bem. Ficaram bem felizes. E eu gostei da experiência, de saber que as pessoas poderiam ficar interessadas em alguma coisa que eu criasse.

Nos últimos anos participei de antologias de poemas, crônicas, contos e microcontos. Até que, em 2014, publiquei meu primeiro livro, Contos de Autoajuda para Pessoas Excessivamente Otimistas, pela Editora LiteraCidade. Como podem ver, gosto de títulos grandes - vai ver é porque tenho nome composto, sei lá. A publicação ocorreu porque fui um dos selecionados em prêmio literário promovido pela editora paraense. O texto de divulgação do livro dizia o seguinte:

"Acreditar nos seus sonhos, crer que o dia de amanhã será ainda melhor, achar que a humanidade está dando certo... Tudo isso é muito válido. Mas não se engane: o otimismo em excesso pode ser um perigo. É importante ter os pés no chão, até porque no caminho há degraus. E quando a vaca está indo para o brejo, mais do que gritar "força, vaquinha, você consegue!", pode ser mais útil chamar um guincho."

Sou também um dos blogueiros do Digestivo Cultural. Você pode acessar minha página clicando AQUI

E pode saber mais sobre mim na entrevista de apresentação que concedi, junto com minha irmã, Angélica Amâncio, para o blog do Digestivo: Entrevista com os Irmãos Amâncio

Capa de Contos de Autoajuda para Pessoas Excessivamente Otimistas


Luís Fernando Amâncio
Belo Horizonte, 13/7/1986


Quem leu este, também leu esse(s):
01. YouTube, lá vou eu de Adriane Pasa
02. Sobre os três primeiros romances de Lúcio Cardoso de Cassionei Niches Petry
03. Simone Weil no palco: pergunta em forma de vida de Heloisa Pait
04. Marcelo Mirisola: entrevista de Jardel Dias Cavalcanti
05. A Delicadeza dos Hipopótamos, de Daniel Lopes de Jardel Dias Cavalcanti


Mais Luís Fernando Amâncio
Mais Acessadas de Luís Fernando Amâncio
01. Tricordiano, o futebol é cardíaco - 26/4/2016
02. Nos tempos de Street Fighter II - 31/5/2016
03. Radiohead e sua piscina em forma de lua - 28/6/2016
04. Em nome dos filhos - 31/1/2017
05. Super Campeões, trocas culturais de Brasil e Japão - 30/8/2016


Mais Especial Apresentações
* esta seção é livre, não refletindo necessariamente a opinião do site



Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




CODIGO COMERCIAL
GISELE DE MELO BRAGA TAPI
REVISTA DOS TRIBUNAIS
(2004)
R$ 5,99



TRAVESSIAS DO PÓS TRÁGICO
ROBERTO VECCHI (ORG)
UNIMARCO
(2006)
R$ 10,00



TRACE
NORA ROBERTS
HARLEQUIN
(2014)
R$ 5,00



MUNDOS EM CONEXÃO
GEOFFREY D. FALK
CULTRIX
(2012)
R$ 18,90



AS MENTIRAS QUE OS HOMENS CONTAM
LUIS FERNANDO VERISSIMO
OBJETIVA
(2001)
R$ 10,58



ANTOLOGIA POÉTICA DE AUGUSTO DOS ANJOS
AUGUSTO DOS ANJOS
EDIOURO
(1997)
R$ 3,00



OS CEM MELHORES CONTOS BRASILEIROS DO SÉCULO
ITALO MORICONI
OBJETIVA
(2009)
R$ 16,00



INOCENTE, O
HARLAN COBEN
ARQUEIRO
(2013)
R$ 21,00



CHINA 25 ANOS,25 SÉCULOS.
FRANCIS AUDERY
PAZ E TERRA
(1976)
R$ 25,00
+ frete grátis



TEX Nº 209 - MENSAGEIRO DA MORTE 
SERGIO BONELLI
GLOBO
(1987)
R$ 5,00
+ frete grátis





busca | avançada
30533 visitas/dia
1,1 milhão/mês