Em nome dos filhos | Luís Fernando Amâncio | Digestivo Cultural

busca | avançada
23400 visitas/dia
586 mil/mês
Mais Recentes
>>> Confraria do Vinil chega ao Cachaça Social Club na Lapa
>>> Windsor Marapendi apresenta Companhia Estadual de Jazz
>>> CarnaRock KISS FOR KIDS
>>> Para compreender a filosofia de Schopenhauer
>>> Editora Unesp resgata textos do expoente do empirismo iluminista
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> Um Cântico para Rimbaud, de Lúcia Bettencourt
>>> Longa vida à fotografia
>>> Oswald de Andrade e o
>>> Nuvem Negra*
>>> Em defesa da arte urbana nos muros
>>> Vocês, que não os verei mais
>>> Em nome dos filhos
>>> O Que Podemos Desejar; ou: 'Hope'
>>> Píramo e Tisbe
>>> Meshugá, a loucura judaica, de Jacques Fux
Colunistas
Últimos Posts
>>> Fórum de revisores de textos
>>> Temporada 3 Leve um Livro
>>> Suplemento Literário 50 anos
>>> Ajudando um amigo
>>> Ebook gratuito
>>> Poesia para jovens
>>> Nirvana pra todos os gostos
>>> Diego Reeberg, do Catarse
>>> Ed Catmull por Jason Calacanis
>>> Lançamento e workshop em BH
Últimos Posts
>>> Gente que corre
>>> Inventário de provas
>>> Escrever, escrever, escrever...
>>> Políticos e suas politicas
>>> Marceneiro
>>> Hércules e seu doutorado sanduíche com Aristóteles
>>> Caminhos
>>> Eroti(cidade)
>>> O sapo e a princesa
>>> Ato reflexo
Blogueiros
Mais Recentes
>>> Transei com minha mãe, matei meu pai
>>> Flip 2008 ― I
>>> Um conselho: não leia Germinal
>>> O Uso do Twitter no Brasil
>>> Também somos violentos
>>> O Céu pode esperar
>>> A internet não é nada
>>> A Pérola de Galileu
>>> O humanista Edward Said
>>> Peterson e Pass 1987
Mais Recentes
>>> Nações do Mundo
>>> Enciclopédia da Humana
>>> Enciclopédia doa Hmanidade
>>> Enciclopédia da Humamanidade
>>> A Bíblia- No Princípio ( Gênesis)
>>> A espada de Siegfried
>>> As viagens de Ulisses
>>> O que é capitalismo - Primeiros Passos
>>> Métodos de Estudos Bílbicos
>>> O crime do Padre Amaro
>>> A montanha mágica
>>> O Pequeno Principe
>>> Obra completa - Dostoiévski - Vol. 03
>>> Obra completa - Dostoiévski - Vol. 02
>>> A Igreja. O Corpo de Cristo no Mundo de Hoje
>>> Obra completa - Dostoiévski - Vol. 01
>>> Obra Poética - Cecília Meireles
>>> Obra Reunida - Olavo Bilac
>>> Diretorio dos Agostinosda assunçaõ
>>> Finanças corporativas
>>> Naõ sou feliz mas tenho marido
>>> Cigarro ea Magia
>>> A banda da lua azul
>>> Corações Feridos
>>> Jardim de inverno
>>> Onde deixei meus óculos
>>> Como se relacionar melhor com as pessoas
>>> Como transformar defeitos em virtudes
>>> Viagem ao Inconsciente
>>> Sociedaqde e conscência
>>> Pais e filhos
>>> As pedras do caminha
>>> Jesus,a Galaxia
>>> Medicina alternativa de A Z
>>> o que é 0 Esspiritismo
>>> Amor de cão
>>> Lobos do Mar
>>> Serviço total ao cliente
>>> Adolescente viva em harmonia com ele
>>> Manual Compcto de Matemática
>>> Melhores Contos
>>> Oráculos dos anjos
>>> Felicidade com Deus
>>> Vivendo Plenamente
>>> Amor e sexualidade
>>> Saber desenvolver a criatividade na vida e no trabalho
>>> Traços da Face Divina
>>> Pais e Companheiros de viagem
>>> É hora de mudar
>>> Um Grito de Luz
COLUNAS

Terça-feira, 31/1/2017
Em nome dos filhos
Luís Fernando Amâncio

+ de 800 Acessos

É difícil nomear algo. Pior ainda quando se trata de nomear uma pessoa. E complica ainda mais se for uma pessoa com quem você vai conviver a vida toda. Mais difícil do que dar nome aos bois é dar nome aos filhos. Já imaginou, seu rebento querido, no auge da rebeldia, se virar para você e soltar a clássica frase, “eu não pedi pra nascer”, acrescida de um “muito menos ter essa m**** de nome”?

Gerar um outro ser e, ainda por cima, criar uma alcunha para ele, é brincar de deus. Mas a grande maioria não aprendeu com o Homem-Aranha, que “grandes poderes trazem grandes responsabilidades”. Então, as pessoas saem por aí desferindo nomes no impulso, ao bel-prazer, sem pensar no futuro do cidadão que o ostentará por toda uma vida. Apenas nomeiam, porque acham que soa bem, porque viram o nome na tv, porque é o nome do pai misturado com o da mãe ou, simplesmente, PORQUE SIM.

Minha família sofre da “maldição do nome composto”. Talvez tenha começado na geração da minha mãe, quando filha mulher era quase sempre “Maria” e filho homem era “José”. Aí, quando vinha o segundo filho do mesmo gênero – e naquela época filho vinha de braçada –, já havendo um José ou uma Maria, era preciso diferenciar com um complemento. Além disso, os batismos ainda ricocheteavam em nomes de santos, num combo completo de benção.

Na minha geração, os pais já começaram a deixar de lado a beatice na hora de ir ao cartório. Só que um nome simples, sem complemento, continuou não servindo. Muitos dizem que tenho nome de galã de novela mexicana, por exemplo.

Hoje, a composição dupla de nomes continua. Os nomes ficaram mais enxutos, coisa da moda – Sofia, Alice, Miguel, Pedro, Arthur e por aí vai – mas raramente é um só. E para aplicar o nome composto há as mais variadas justificativas: o pai queria um nome, a mãe, outro; um nome é o da avó materna, o outro é o da avó paterna; o primeiro nome é de uma música e o outro é da cidade aonde ouvi essa música...

Mas a minha família e os nomes compostos são só uma tendência em meio ao turbilhão de escolhas questionáveis imortalizadas em certidões de nascimento. Quem não se lembra da febre do “K”? Quem se chama Kelly, Kaio, Kellen, Karolina, dentre outros, sabe do que estou falando.

Houve também o tempo das consoantes dobradas, dos ipsilons marotos roubando o lugar do “i”, e do “e” tornando o nome feminino “diferentão” – “’Mariana’” é comum, vou sapecar um “e” no fim e vai ficar bom, ‘Mariane’”.

Sem falar nos nomes gringos que ainda desembarcam por aqui. Quanta “versão brasileira: Herbert Richers” não fez a cabeça de papais e mamães? Washingtons, Kathlyns, Wellingtons, Charles e Rachels que o digam. E atores, atrizes e músicos também batizaram mais crianças do se pode imaginar. Se gritar “Michael Douglas” na rua, uns três vão virar. Sem falar nos exóticos “Waltdisney da Silva”, das “Whitney Houston dos Santos”, ou dos “Christopher Tiagos” da vida.

Enfim, quando a criatividade é grande, o céu – que no caso é o alfabeto – é o limite. Não estou aqui para julgar, tem gosto para tudo e o meu não é melhor do que o de ninguém. Mas se um dia eu quiser fazer algo de importante da vida, talvez eu crie uma ONG para estimular as pessoas a darem nomes a seus filhos com consciência. Não é dizer que tal nome é certo e o outro é errado. Mas é que às vezes, antes de tomar uma decisão, é preciso ouvir alguém dizer: “sério?”.

Afinal, adaptando a infeliz campanha publicitária do governo federal, gente boa também erra a mão na hora de dar nome aos outros.


Luís Fernando Amâncio
Belo Horizonte, 31/1/2017


Quem leu este, também leu esse(s):
01. Vocês, que não os verei mais de Elisa Andrade Buzzo
02. Em defesa da arte urbana nos muros de Fabio Gomes
03. O Que Podemos Desejar; ou: 'Hope' de Duanne Ribeiro
04. Meshugá, a loucura judaica, de Jacques Fux de Jardel Dias Cavalcanti


Mais Luís Fernando Amâncio
Mais Acessadas de Luís Fernando Amâncio
01. Tricordiano, o futebol é cardíaco - 26/4/2016
02. Nos tempos de Street Fighter II - 31/5/2016
03. Radiohead e sua piscina em forma de lua - 28/6/2016
04. Desbloqueie seu cartão, aumente seu pênis - 15/9/2015
05. Se a vida começasse agora - 6/10/2015


* esta seção é livre, não refletindo necessariamente a opinião do site



Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




PROCURA-SE UMA ROSA - VINICIUS DE MORAIS/PEDRO BLOCH/GLAUCO GIL (TEATRO BRASILEIRO)
VINICIUS DE MORAIS/PEDRO BLOCH/GLAUCO GIL
MASSAO ONO
(1961)
R$ 20,00



PAIS E FILHOS
IVAN TURGUÊNIEV
ABRIL CULTURAL
(1971)
R$ 7,20



MOMENTOS HUMANOS
EDWARD M. HALLOWELL
ROCCO
(2004)
R$ 15,17



-BOA-NOITE, DONA LUA
TERESINHA CAUHI DE OLIVEIRA
FTD S.A
(1997)
R$ 7,00



GEOGRÁFICA UNIVERSAL - JAN/1995
VÁRIOS
BLOCH
(1995)
R$ 7,20



DIREITOS HUMANOS DO BRASIL 2009
VV
FUNDAÇÃO HEINRICH BÖLL
(2009)
R$ 19,00



REFLEXÕES SOBRE O SERMÃO DO MONTE
LAÉRCIO MADSON DE AMORIM MONTEIRO
DO AUTOR
(2010)
R$ 14,00



REVISTA PET WORLD Nº 1
VÁRIOS
ANIMAL WORLD
(2007)
R$ 7,00



DISCIPLINA, LIMITE NA MEDIDA CERTA
IÇAMI TIBA
GENTE
(1996)
R$ 12,35



X-MEN ADVENTURES Nº2 E Nº1 DA SÉRIE II
MARVEL COMICS
ABRIL
(1995)
R$ 5,00





busca | avançada
23400 visitas/dia
586 mil/mês