Longa vida à fotografia | Fabio Gomes | Digestivo Cultural

busca | avançada
28479 visitas/dia
1,1 milhão/mês
Mais Recentes
>>> Urban Arts sedia exposição fotográfica gratuita
>>> Programa musical Reverbera estreia na TV Brasil, Rádio MEC e web nesta sexta (23)
>>> Elian Woidello apresenta show Vinho barato e Cinema Noir no Teatro Álvaro de Carvalho (TAC)
>>> Show de lançamento do Selo Blaxtream reúne grandes nomes do jazz e da música instrumental em SP
>>> Autobiografia de George Sand ganha edição brasileira em volume único
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> Os Doze Trabalhos de Mónika. 2. O Catolotolo
>>> A pós-modernidade de Michel Maffesoli
>>> Um parque de diversões na cabeça
>>> O que te move?
>>> O dia que nada prometia
>>> Super-heróis ou vilões?
>>> Seis meses em 1945
>>> Senhor Amadeu
>>> Correio
>>> A entranha aberta da literatura de Márcia Barbieri
Colunistas
Últimos Posts
>>> Cornell e o Alice Mudgarden
>>> Leve um Livro e Sarau Leve
>>> Pulga na praça
>>> No Metrópolis, da TV Cultura
>>> Fórum de revisores de textos
>>> Temporada 3 Leve um Livro
>>> Suplemento Literário 50 anos
>>> Ajudando um amigo
>>> Ebook gratuito
>>> Poesia para jovens
Últimos Posts
>>> A mulher de Lot
>>> Sem palavras
>>> Objetos de desejo
>>> Matéria prima
>>> Espírito Santo
>>>
>>> Fuga em Si
>>> Frutos
>>> Traço
>>> Criaturas
Blogueiros
Mais Recentes
>>> Seis meses em 1945
>>> 10 maneiras de tentar abolir o debate
>>> O amor é importante, porra
>>> Satã, uma biografia
>>> Pólvora e Poesia
>>> O que faz de um livro um clássico
>>> O Salão e a Selva
>>> O dia que nada prometia
>>> Ebook gratuito
>>> Palmada dói
Mais Recentes
>>> A Escalada, drogas tire suas dúvidas.
>>> O Andar no Espírito O Andar no Poder
>>> Metafísica da Sensação
>>> Dicionário do Pensamento Social do Século XX
>>> O Resto é Silêncio
>>> Antropologia Filosófica- Ensaio sobre o Homem
>>> Drogas e a Família
>>> Drogas, O universo paralelo
>>> Sitiado Em Lagos
>>> O Equilíbrio do temperamento Através da Música
>>> Cultura no Mercosul: uma política do Discurso
>>> Cristo Cósmico
>>> Coleção Série Princípios
>>> Vidas descoloridas, como Paulo se perdeu para as drogas.
>>> O Livro das Virtudes Uma antologia
>>> A Espiã
>>> Quarta-feira de Cinzas
>>> Cruzando o Paraíso
>>> A poética migrante de Guimarães Rosa
>>> Obra Reunida
>>> Dicionário Latim-Português Português-Latim
>>> Contos Mineiros
>>> Box Coleção História da Vida Privada
>>> Coleção de livros
>>> A Crônica
>>> Zen Budismo e Psicanálise
>>> A Essência do Eneagrama - Manual de Autodescoberta e Teste Definitivo de Personalidade
>>> Guerra e Paz
>>> Depois da Morte
>>> Doze Reis e a Moça do Labirinto do Vento
>>> As Noites Difíceis
>>> Luxo
>>> Fome, Catástrofe Provocada pelo Homem? (Sociologia/Geografia Humana)
>>> Os Irmãos Karamázovi - Fiódor Dostoiévski (Literatura Russa)
>>> Ana Karênina - Leon Tolstói (Literatura Russa)
>>> Almas Mortas - Nicolai Gogol (Literatura Russa)
>>> Pais e Filhos - Ivan Turgueniev (Literatura Russa)
>>> Os Imortais da Literatura Universal (Biografias) Volume III
>>> Processamento de Dados
>>> Teilhard e a Vocação da Mulher
>>> Falsa Identidade- A Conspiração para Reinventar Jesus
>>> Olha para Mim
>>> The Nature of Technology: What it is and how it evolves
>>> Digital Futures for Cultural and Media Studies
>>> Creative industries
>>> Everything is workable: A zen approach to conflict resolution
>>> i of the vortex: From Neurons to self
>>> Arquivos do mal-estar e da resistência
>>> Linked: A nova ciência dos networks
>>> O segundo mundo: Impérios e influência na nova ordem global
COLUNAS

Segunda-feira, 20/2/2017
Longa vida à fotografia
Fabio Gomes

+ de 2100 Acessos

Em outubro do ano passado, ao participar de evento no Rio de Janeiro, o fotógrafo Sebastião Salgado fez uma previsão sombria: a fotografia não iria durar mais que 20 ou 30 anos. Ela iria perder o lugar, no entender do veterano profissional, para a imagem, que é o que você vê no Instagram ou no celular. A fotografia, para Salgado, "é um objeto materializado que você imprime, você tem, você olha".

Na ocasião, cheguei a escrever um artigo a respeito desse tema polêmico, intitulado A fotografia irá se acabar? - nele, estão linkados reportagens publicadas na época e até um vídeo com a fala do próprio Salgado à imprensa no Rio.

Eis que pouco mais de três meses depois, Salgado volta ao assunto, anunciando ter mudado de opinião. Isto aconteceu durante entrevista a Jorge Silva, concedida no dia 8 em Bangkok (Tailândia), onde o fotógrafo se encontrava para a abertura de sua exposição O Mundo Através dos Seus Olhos, e publicada no dia 10 no site da edição americana do noticiário da agência inglesa Reuters. Disse Salgado:

- Não acho que (a fotografia) esteja em perigo, pensei assim em algum momento, mas estava errado e retiro o que disse. Agora mais do que nunca, tem um longo futuro pela frente.

Curiosamente, na sequência do texto (leia a íntegra, em inglês, neste link), Salgado embasa sua mudança de pensamento no trabalho dos fotógrafos documentais, que, ao criar "imagens memoráveis ​​que irão sobreviver", se diferenciam das imagens-de-smartphone. Sobre estas, na prática Sebastião Salgado mantém sua opinião, já exposta em outubro: "O que as pessoas fazem com seus telefones não é fotografia, são imagens. A fotografia é uma coisa tangível, você a pega, você a olha, é algo parecido com a memória".

O texto de Silva finaliza com uma sucessão de dados que não amparam a opinião do entrevistado. Vou citar aqui os principais:

- Estima-se que em 2017 serão produzidas no mundo mais de 1 trilhão de fotos.

- Destas, 85% ao menos deverão ser feitas nos mais de 2 bilhões de smartphones existentes no mundo.

- Outros 10% das fotos serão feitas em câmeras digitais (como a que o próprio Salgado usa desde 2008, combinando desde então a captação digital com a impressão tradicional em papel fotográfico).

Em suma: me parece um caminho sem volta. Quer você chame de fotografia, quer você chame de imagem, nossas lembranças serão cada vez mais registradas em meios digitais, o que não impede que venham a ser impressas em papel, que pode ser guardado. Mas imaginar que a fotografia analógica possa voltar a ser dominante me parece bem utópico.


Fabio Gomes
Belém, 20/2/2017


Quem leu este, também leu esse(s):
01. Um Cântico para Rimbaud, de Lúcia Bettencourt de Jardel Dias Cavalcanti
02. A rede contra as raposas analógicas de Carla Ceres
03. A Poética do Chá de Felipe Leal
04. Feminista? Eu? Claro que sim! de Marta Barcellos
05. Literatura, Interação e Interatividade de Marcelo Spalding


Mais Fabio Gomes
Mais Acessadas de Fabio Gomes
01. Etapas em combustão - 18/4/2016
02. Longa vida à fotografia - 20/2/2017
03. Eu blogo, tu blogas? - 4/7/2016
04. Em 2016, pare de dizer que você tem problemas - 11/1/2016
05. Você sabe quem escreveu seu show preferido? - 21/3/2016


* esta seção é livre, não refletindo necessariamente a opinião do site



Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




O QUE É ESPIRITISMO
ALLAN KARDEC
LAKE
(1987)
R$ 3,00



SINASTRIA
RONALD DAVISON
NOVA FRONTEIRA
(1990)
R$ 32,00
+ frete grátis



THETAHEALING AVANÇADO -UTILIZANDO O PODER DE TUDO O QUE É.
VIANNA STIBAL
MADRAS
(2016)
R$ 41,90



COMO FALAR AO TELEFONE
PATRICK FORSYTH
NOBEL
(2003)
R$ 8,00



O CAÇADOR DE PIPAS
KHALED HOSSEINI
GLOBO LIVROS
(2015)
R$ 30,00



VIAGEM PARA O PARAÍSO
OSCAR LOIOLA DE ALENCAR NETO
SCORTECCI
(2014)
R$ 15,00



PARAÍSO- A CIDADE SANTA E A GLÓRIA DO TRONO
ELWOOD SCOTT
PALAVRA DA FÉ
(1992)
R$ 37,80



SEXO E AMOR
FLÁVIO GIKOVATE
MG EDITORES ASSOCIADOS
(1998)
R$ 16,90



WINNING RESULTS WITH GOOGLE ADWORDS, SECOND EDITION
ANDREW GOODMAN
MCGRAW-HILL EDUCATION
(2008)
R$ 50,00



SÃO JOSÉ DA TERRA FIRME
GILBERTO GERLACH E OSNI MACHADO
INDÚSTRIA GRÁFICA
(2007)
R$ 70,00





busca | avançada
28479 visitas/dia
1,1 milhão/mês