Mais um bom livro | Alessandra Cristina

busca | avançada
28449 visitas/dia
949 mil/mês
Mais Recentes
>>> 7º CINEFANTASY - Festival Internacional de Cinema Fantástico abre dia 06/09 no MIS
>>> FILME SOBRE A SAÚDE DOS PROFISSIONAIS DA EDUCAÇÃO É PRODUZIDO EM SÃO VICENTE
>>> Documentário 'Raça' estreia nesta terça (30) na TV Brasil
>>> Estação Plural entrevista VJ e blogueira Titi Müller em novo dia na TV Brasil
>>> Samba na Gamboa celebra a obra de Lupicínio Rodrigues nesta segunda (29/8)
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> Super Campeões, trocas culturais de Brasil e Japão
>>> A noite em que Usain Bolt ignorou nosso Vinicius
>>> Sobre os três primeiros romances de Lúcio Cardoso
>>> Meu querido mendigo
>>> Na hora do batismo
>>> Simone Weil no palco: pergunta em forma de vida
>>> Existe na cidade alguém, assim como você...
>>> Eleições nos Estados Unidos
>>> Os dinossauros resistem, poesia de André L Pinto
>>> A que ponto chegamos, EUA!
Colunistas
Últimos Posts
>>> Lançamento e workshop em BH
>>> Reid Hoffman por Tim Ferriss
>>> Software Programs the World
>>> Daphne Koller do Coursera
>>> The Sharing Economy
>>> Kevin Kelly por Tim Ferriss
>>> Deepak Chopra Speaker Series
>>> Nick Denton sobre Peter Thiel
>>> Bill & Melinda Gates #Code2016
>>> Elon Musk Code Conference 2016
Últimos Posts
>>> O assim-chamado efeito Facebook
>>> Ainda tenho dúvidas
>>> Bel Pesce, empreendedorismo e crowdfunding
>>> Todos à USP!
>>> O acumulador
>>> A ABSTRATA MARGEM
>>> Rua da infância
>>> Nada disso estaria acontecendo...
>>> 180°
>>> Espírito Olímpico
Blogueiros
Mais Recentes
>>> Formando Não-Leitores
>>> Entrevista com o poeta Armando Freitas Filho
>>> Ramones 1977
>>> O apanhador no campo de centeio
>>> O centenário de Contos Gauchescos
>>> Viciados em Internet?
>>> Existe na cidade alguém, assim como você...
>>> Parangolé: anti-obra de Hélio Oiticica
>>> Na hora do batismo
>>> A soprano insaciável
Mais Recentes
>>> Mrs Dalloway
>>> Pais e Filhos
>>> Junta-Cadáveres
>>> Planeta 43/44
>>> A Contracultura
>>> Operação Cavalo de Tróia
>>> A Graça- O Infinito Amor de Deus
>>> Iniciação ao Tao pelo I Ching
>>> Memória de Elefante
>>> Respiração Artificial
>>> Planeta 23
>>> Prolegômenos a toda Metafísica Futura, que Possa Apresentar-se como Ciência
>>> Bibliografia de Antônio Cândido e Textos de Intervenção
>>> Eneagrama- Um Caminho para o seu Sucesso Individual e Profissional
>>> Apocalipse II
>>> A cartilha da nova mãe
>>> Vila dos Confins
>>> Showrnalismo- A notícia como espetáculo
>>> Arte de Ser Mulher- Manual de Consciência Corporal
>>> Freud- Estudo Crítico da Psicanálise.
>>> Revolução da Esperança
>>> Espírito de Miséria
>>> Jornada Xamânica ( Inclui CD para Meditação)
>>> O Simbolo da Transformação na Missa
>>> Planeta 15
>>> Angústia
>>> O Graal- Arthur e Seus Cavaleiros- Leitura Simbólica
>>> Tavares Bastos (Aureliano Cândido 1839-1875)
>>> Epitecto e a Sabedoria Estoica
>>> Ensaios de antropologia brasiliana
>>> Do Brasil Filipino ao Brasil de 1640
>>> Cenas Noturnas na Bíblia- Tardes e Manhãs, que conduzem ao dia perfeito
>>> Assuma o Controle de Sua Vida-Como dizer Não à Manipulação Emocional
>>> A conquista do deserto ocidental
>>> Individuação Junguiana
>>> Mar Morto
>>> Viagem ao centro da Terra
>>> Cordel para Crianças (Caixinha com 10 Títulos)
>>> 40 Anos de Teatro (Volume 3) - Mario Nunes
>>> 40 Anos de Teatro (Volume 2) Mário Nunes
>>> Curso de Cenografia - Di Cavalcanti
>>> Apolonia Pinto e o seu tempo - Coleção DIONYSOS
>>> Revista DIONYSOS - nº 5 (Fevereiro de 1955)
>>> Revista DIONYSOS - nº 26 (Especial: Teatro Oficina)
>>> Revista DIONYSOS - nº 24 (Especial: Teatro de Arena)
>>> Revista DIONYSOS - nº 22 (Os Comediantes)
>>> Revista DIONYSOS nº 16 (Teatro)
>>> Revista DIONYSOS - nº 25 (TBC - Teatro Brasilerio de Comédia)
>>> Revista DIONYSOS nº 23 (Teatro)
>>> Janeiro de Grandes Espetáculos - Origem e Perspectivas - 2ª Edição Revista e Ampliada
COMENTÁRIOS

Sexta-feira, 14/11/2003
Comentários
Leitores


Mais um bom livro
Adoro todos os livros dele, são especiais e sempre tem algo mais a ensinar, já li Auto-Engano, Nada é Tudo e agora estou lendo Felicidade, ele além de um excelente economista também escreve muito bem.Adoro sua maneira de escrever sempre colocando pensamentos e grandes nomes da literatura e da história mundial. Eduardo Giannetti PARABÉNS!

[Sobre "Felicidade: reflexões de Eduardo Giannetti"]

por Alessandra Cristina
14/11/2003 às
08h59 200.155.41.47
(+) Alessandra Cristina no Digestivo...
 
Perfeito
Sou responsável pelo maior fã club da américa latina do cantor e posso garantir que seu texto foi brilhante. No dia em que as pessoas e a imprensa pararem de olhar o Michael como um megastar louco e maníaco, talvez essas mesmas pessoas que o julgam possam o entender e ver que ele é apenas um ser humano normal, que infelizmente não pode viver como todos nós. Ele não pode ir na esquina sem que dezenas de pessoas o persigam, talvez se vocês estivessem nessa mesma situação vocês entenderiam as atitudes excentricas e até mesmo bizarras que ele tem. Acima de tudo, antes dele ser um artista, um cantor ou um dançarino, ele é um homem que precisa do mínimo que uma pessoa precisa para viver: Amor! Mas amor verdadeiro, porque ele só encontra isso nas crianças, pois os adultos só querem se aproximar por puro interesse. Adorei o texto, vocês estão de parabens.

[Sobre "Quem somos nós para julgar Michael Jackson?"]

por Roberta Dias
13/11/2003 às
17h01 200.204.124.171
(+) Roberta Dias no Digestivo...
 
parabéns
Conheci este site sem querer, há pouco tempo, através do livro do Daniel Piza. Recém finalizei uma monografia sobre jornalismo cultural (sou formanda em jornalismo) na PUCRS em Porto Alegre. Este é definitivamente o melhor veículo do ramo que eu vi nestes últimos tempos. Parabéns. E até mais. Livia

[Sobre "Digestivo nº 149"]

por Livia
14/11/2003 às
10h14 200.176.196.102
(+) Livia no Digestivo...
 
Os anos de Anos Incríveis
Gostaria de fazer uma observação. O autor não se referiu a uma questão, que considero essencial do seriado: os anos de Anos Incríveis. Juliano Maesano refere-se aos anos incríveis, como sendo os anos do personagem Kevin Arnold, sua passagem da infância para a adolescência. Isto é verdade. Mas atentemos para o fato de que as estórias se passam entre os anos de 1968 e 1974, um período de revolução cultural (mudança e questionamento de valores, conceitos e costumes)no chamado mundo ocidental, vivido mais intensamente nos Estados Unidos (o centro do mundo) e de lá irradiado para outras partes do planeta. Então, os anos incríveis são os anos de Kevin Arnold, mas também são os anos daquele período de transição de uma sociedade americana conservadora para uma sociedade mais aberta, com o lema da Paz e Amor e o não à guerra. Um período de distenção do conservadorismo da sociedade americana herdado do protestantismo dos tempos de colônia. Um período de contestações (também da Guerra Fria), do movimento hippie, de descobrimento de sonhos e de grande vontade de realizá-los. "Espero o amanhã que cante ...", na música Soy Loco por ti América, inspirada em Che Guevara.

[Sobre "Anos Incríveis"]

por George Maranhão
9/11/2003 às
15h31 200.169.33.98
(+) George Maranhão no Digestivo...
 
continue assim
Achei muito bem feita a resenha, sobre o Neruda, com grande objetividade e arrojo, nos informando de maneira bem simples e de fácil entendimento. Parabens Aline, continue assim.

[Sobre "Ode a Pablo Neruda"]

por Emanuel
6/11/2003 às
08h00 200.149.182.138
(+) Emanuel no Digestivo...
 
Verdade verdadeira
Tudo se restringe a uma palavra: conteúdo. Este artigo demonstra bem isso, afinal é um especialista em WEB que está falando. Ou seja, não há ressentimentos. Se não tem razão de ser, entâo pra que se expressar. Toda essa avalanche de informações inúteis e recursos de computação em sites deve-se a voracidade do mercado que quer vender idéias (leia-se produtos) e "comprar" cada vez mais mentes.

[Sobre "A internet não é nada"]

por Izabela Pires Raposo
4/11/2003 às
18h04 200.249.255.2
(+) Izabela Pires Raposo no Digestivo...
 
Difìcil!
Sou brasileira e namoro com um japonês, e as vezes sofro muito pela frieza e a mania de ser perfeito e melhor em tudo. Gostaria de saber do senhor se os japoneses sofrem de algum tipo de complexo de inferioridade e se ter paciencia com eles resolve alguma coisa. Aguardo anciosamente pela sua resposta. Gostaria de saber se o senhor possui algum livro específico neste assunto.

[Sobre "Psiquiatra declara Japão Oficialmente Maluco"]

por Fernanda Avelar
4/11/2003 às
15h51 200.216.218.59
(+) Fernanda Avelar no Digestivo...
 
A mídia é um lixo!
A música brasileira hoje em dia é uma vergonha,tudo está voltado para a venda,as rádios nos entopem de lixo músical, é ridiculo, por isso que eu curto hard core "underground", quem faz esse tipo de som está pouco se lixando para vender ou não,fazem pq gostam. Killi é um exemplo: letras boas e não toca nas rádios. Já não basta a Tv com aquela porcariada toda. Tudo que é bom a mídia não nos oferece,nós temos que procurar sozinhos,a mídia é uma droga!!

[Sobre "Digestivo nº 147"]

por Amanda Aron
1/11/2003 às
23h32 200.221.170.196
(+) Amanda Aron no Digestivo...
 
Gil e Gerald
Gilberto Gil é um dos melhores "violeiros" do mundo. E isso não é pouca coisa, ora! Creio que o Alessandro esteja criticando posionamento político do Gil ao chamá-lo de simplório. Aí não discuto por desconhecimento de causa. Agora, quem é Gerald Thomas, senão o principal propagador dele ser o dramaturgo-pós-engajado-intelectual semita-destraumatizado sexualmente do Brazil, zil, zil...? A única referência que nós, a sociedade decadente brasileira, temos sobre GT é através de GT. Isso sim é cafonice, dele e nossa. Chega, gente!!!

[Sobre "A bunda do Gerald Thomas"]

por Izabela Pires
31/10/2003 às
19h10 200.249.255.2
(+) Izabela Pires no Digestivo...
 
Viva Samson Flexor
Penso que a música começa no silêncio, que o movimento começa na quietude e o caos só existe se existir uma ordem preestabelecida. A obra de Samson Flexor é obra de arte de qualidade, tanto é que gerou vários contrapontos de argumentos contrários à arte. Não apenas por isso, mas não se esqueça que a arte indigêna é baseada na geometria. A geometria não é uma cópia da natureza, e o homem não copiando a natureza começou a criar e dar novos significados à vida. Não se esqueça que Mondrian e Malevitch reformularam os conceitos artísticos com obras totalmente geometricas e racionais. A emoção não existe sem a razão e vice-versa. O Tao já ensinou isso há muito tempo.

[Sobre "Nota Bene"]

por Diuk Mourao
31/10/2003 às
10h47 200.201.164.7
(+) Diuk Mourao no Digestivo...
 
Julio Daio Borges
Editor
mais comentários

Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




UM VOO BRECHTIANO
INGRID DORMIEN KOUDELA (ORG.)
PERSPECTIVA
(1992)
+ frete grátis



A TRAMA DOS TAMBORES - A MÚSICA AFRO-POP DE SALVADOR
GOLI GUERREIRO
34
(2000)
+ frete grátis



GÁLATAS
WITNESS LEE
ÁRVORE DA VIDA
(2004)
+ frete grátis



MADAME BOVARY
GUSTAVE FLAUBERT
ABRIL COLEÇÕES
(2010)
+ frete grátis



AS NOITES DIFÍCEIS
DINO BUZZATI
NOVA FRONTEIRA
(1986)
+ frete grátis



CONTEMPLA A FACE DO SENHOR- ORAR COM ÍCONES
HENRI J.M. NOUWEN
LOYOLA
(2001)
+ frete grátis



ELAS PODEM.E DEVEM 2ª EDIÇÃO
FLAVIANE BRANDEMBERG
SER MAIS
+ frete grátis



À SOMBRA DAS RAPARIGAS EM FLOR
MARCEL PROUST
GLOBO
(2006)
+ frete grátis



SAÍDA PELO TRIÂNGULO - COL. A DESCOBERTA DA MATEMÁTICA
ERNESTO ROSA
ÁTICA
(2003)
+ frete grátis



O RABO DO CACHORRO
JEAN DI BARROS
TORÓ NA CUCA
(2010)
+ frete grátis





busca | avançada
28449 visitas/dia
949 mil/mês