Vendi meus livros, mas doeu | Walter Luiz Cid do N

busca | avançada
39649 visitas/dia
1,4 milhão/mês
Digestivo Cultural
O que é?
Quem faz?

Audiência e Anúncios
Quem acessa?
Como anunciar?

Colaboração e Divulgação
Como publicar?
Como divulgar?

Newsletter | Disparo
* Histórico & Feeds
TT, FB e Instagram
Últimas Notas
>>> Daily Rituals - How Artists Work, by Mason Currey
>>> Fernando Pessoa, o Livro das Citações, por José Paulo Cavalcanti Filho
>>> A Loja de Tudo - Jeff Bezos e a Era da Amazon, de Brad Stone
>>> Reflexões ou Sentenças e Máximas Morais, de La Rochefoucauld
>>> O Capital no Século XXI, de Thomas Piketty, o livro do ano
>>> Trágico e Cômico, o livro, de Diogo Salles
>>> Blue Jasmine, de Woody Allen, com Cate Blanchett
>>> The Devil Put Dinosaurs Here, do Alice in Chains
Temas
Mais Recentes
>>> Sobre caramujos e Omolu
>>> A literatura em transe
>>> Solitária cidadã do mundo
>>> Repensando a esquerda
>>> Ficção hiper-real
>>> Intervenção militar constitucional
>>> 'Eu quero você como eu quero'
>>> Reunião de pais, ops, de mães
>>> O gueto dos ricos
>>> Pendurados no Pincel
Colunistas
Mais Recentes
>>> Copa 2014
>>> Copa 2010
>>> Idade
>>> Origens
>>> Protestos
>>> Millôr Fernandes
Últimos Posts
>>> O Bolero, com Dudamel
>>> 120 anos da Poli
>>> Conheça General Rodriguez
>>> Ama teu vizinho
>>> Boca no Trombone
>>> Eduardo Galeano (1940-2015)
>>> Lembrança de Paulo Brossard
>>> Barbara Heliodora e a crítica
>>> Max Weber e o jornalismo
>>> Kiko Loureiro no Megadeth
Mais Recentes
>>> Lembranças de Ariano Suassuna
>>> Harold Ramis (1944-2014)
>>> Sergio Britto & eu
>>> Para o Daniel Piza. De uma leitora
>>> Joey e Johnny Ramone
>>> A Cultura do Consenso
>>> De Kooning em retrospectiva
>>> Delírios da baixa gastronomia
Mais Recentes
>>> Jaime Pinsky
>>> Luis Salvatore
>>> Catarse
>>> Chico Pinheiro
>>> Sheila Leirner
>>> Guilherme Fiuza
Mais Recentes
>>> O segundo e-book do Digestivo
>>> Momento cívico
>>> Digestivo Books
>>> Caixa Postal
>>> Nova Seção Livros
>>> Digestivo no Instagram
Mais Recentes
>>> Como detectar MAVs (e bloquear)
>>> Ascensão e queda do cinema iraniano
>>> Necrológico da Biblioteca
>>> O making-off da Navegação
>>> Entrevista com Douglas Diegues
>>> Entrevista com Leandro Carvalho
>>> 50 anos de poesia concreta
>>> A canção, por Wisnik
>>> Por que me ufano da América Latina
>>> A Casa de Ramos
COMENTÁRIOS

Quarta-feira, 1/9/2010
Comentários
Leitores


Vendi meus livros, mas doeu
Sofri quando, por necessidade, após entregar uma pequena parte de meus livros aos meu filhos e alguns a outras pessoas, tive que me desfazer de quase dois mil livros; optei por vendê-los todos por R$ 2.000,00 a um SEBO, contentando-me de que os mesmos ainda seriam lidos e consultados. Não lamento, mas que dói, não há dúvida!

[Sobre "Onde botar os livros?"]

por Walter Luiz Cid do N
1/9/2010 às
16h46 189.82.25.238
(+) Walter Luiz Cid do N no Digestivo...
 
Nossa esquecida finitude
Excelente texto! Me fez repensar o quanto observar uma biblioteca é um exercício de humildade, uma lembrança eloquente de nossa às vezes esquecida finitude.

[Sobre "Onde botar os livros?"]

por Gabriel Marques
http://www.portalconstitucional.blogspot.com
1/9/2010 às
11h56 201.50.130.83
(+) Gabriel Marques no Digestivo...
 
O mercado do jabá
Parabéns a Mauro Dias pelo ótimo artigo. Há tempos que não leio, ouço ou vejo alguém não estar conivente com o estado de coisas da industria cultural. Sou arranjador e trabalhei no Rio em gravadora na década de 70; sempre ouvia o termo "jabá" e não acreditava muito, até que ouvi de um figurão (produtor) que as somas em dinheiro se avolumavam. Isto, meu querido, na década de 70... O que falo pra meus alunos ou artistas é que o investimento em um artista não é o que ele vai pagar em horas de estúdio, arranjos, músicos, prensagem, design gráfico e sim o que eles vão pagar de "propina" para as rádios, televisão e pros grandes jornais. É uma realidade triste, mas creio que podemos mudar isto lutando contra, seja na Web ou em movimentos independentes. Sorry se falei demais, vou seguir o seu blog, abraço!

[Sobre "Novos caminhos para a cultura"]

por carlos roberto rocha
http://carlos_birdland
1/9/2010 às
04h12 200.158.228.98
(+) carlos roberto rocha no Digestivo...
 
O interesse na alienação
Uau. Tanta lucidez chega a emocionar. Segundo o que aprendi no Ensino Médio, o interesse na alienação é do governo. Na verdade, as palavras alienação e ideologia aprendi foi na faculdade de jornalismo. Mas na disciplina de português do Ensino Médio a professora deixou bem claro que o governo tinha interesse no analfabetismo funcional, em que as pessoas sejam "ledoras" e não "leitoras"; que as pessoas não tivessem opinião própria, que não entendessem de política, e que, inclusive, grande parte continuasse desnutrida por uma má alimentação, pois, assim, teriam o raciocínio comprometido.

[Sobre "A quem interessa uma sociedade alienada?"]

por Débora Carvalho
http://www.debcaroli.wordpress.com / @debcaroli
31/8/2010 às
13h56 189.120.175.46
(+) Débora Carvalho no Digestivo...
 
Já não estamos vacinados?
Impressionante como volta e meia alguém vem decretar a morte de alguma coisa. A do disco, a do rock, a do vídeo, a da imprensa escrita etc. etc... Já não estamos todos vacinados (e demasiadamente céticos) para dar crédito para estes artigos de efeito?

[Sobre "Economist matando os blogs"]

por wellvis
http://prepuciocomqueijo.blogspot.com
31/8/2010 às
12h21 46.114.113.113
(+) wellvis no Digestivo...
 
Vigiar os políticos
Parabéns pelo artigo, Marcelo! Aborda temas importantes e chegou na hora certa. Só não vejo ingenuidade em querer, ao mesmo tempo, diminuição de impostos e melhora de serviços públicos. A equação fecha direitinho se diminuirmos o roubo e o mau uso do imposto arrecadado. Concordo com você, devemos escolher nossos candidatos levando em conta a ideologia que defendem, mas devemos, também, vigiar os políticos e lutar contra a corrupção. Abraço!

[Sobre "A quem interessa uma sociedade alienada?"]

por Carla Ceres
http://carlaceres.blogspot.com/
31/8/2010 às
10h22 187.39.154.24
(+) Carla Ceres no Digestivo...
 
Meu novo ídolo!
Meu novo ídolo. Sou redator publicitário e vejo muita gente da área reclamando porque tem que fazer 50, 100 títulos prum anúncio, imagina se eles têm que escrever 2 livros por dia? Exemplo de dedicação, método, trabalho, criatividade e, claro, inspiração. A ser imitado.

[Sobre "Ryoki Inoue"]

por Alberto de C Freitas
31/8/2010 às
09h21 187.114.170.247
(+) Alberto de C Freitas no Digestivo...
 
Necessidade de pensar
A certeza que temos é que todo o processo filosófico nasce de uma necessidade: a do pensar. O ser humano é um ser causador, pensante. E ninguém pensa em estacionar o seu veículo em alto mar nem sentar-se no vazio do espaço. Portanto, o filosofar nasce da concretude da vida. A erudição científica vem com o processo laboratorial a partir da escrita, da busca cartorial, editorial, da pesquisa do processo de entrevista do trabalho de campo, e tudo isto tem o objetivo e objeto de estudo, que em última análise chama-se necessidade humana.

[Sobre "Introdução ao filosofar, de Gerd Bornheim"]

por Manoel Messias Perei
http://www.pop.com.br
31/8/2010 às
06h11 189.79.217.194
(+) Manoel Messias Perei no Digestivo...
 
Nossos livros de bolso
Mila, no Brasil a editora L&PM coloca no mercado livros de bolso muito baratos. É possível encontrar clássicos da literatura brasileira e estrangeira por preços entre 10 e 15 reais. Por isso não citei os pockets. Outras editoras começaram a entrar nesse filão nos últimos anos e ainda há algumas que vendem pockets um pouco mais caros, mas aí depende do tamanho do livro e tal. Mas a L&PM faz um trabalho deslumbrante nessa área, e sinceramente não tenho nada a reclamar.

[Sobre "Sobre o preço dos livros 1/2"]

por Rafael Rodrigues
http://bravonline.abril.com.br/blogs/entretantos
31/8/2010 à
00h32 189.105.180.166
(+) Rafael Rodrigues no Digestivo...
 
E se fosse psicografado?
Sempre me incomodou essa atribuição do "Instantes" a Borges. Seria a negação de toda uma vida criativa, o repúdio tardio à sua própria obra. A comparação entre os dois poemas mostra que "Instantes" não é de Borges. Por outro lado, caso "Instantes" fosse obra psicografada, ela teria as mesmas qualidades das obras pós-vida de autores famosos, recebidas por médiuns espíritas. Os críticos apontam que o "plano astral" ou "espiritual" faz muito mal ao estilo dos artistas, ficando praticamente irreconhecíveis.

[Sobre "Instantes: a história do poema que não é de Borges"]

por José Frid
http://blogdofrid. blogspot.com
30/8/2010 às
16h09 201.28.40.249
(+) José Frid no Digestivo...
 
Julio Daio Borges
Editor
mais comentários

>>> Mariana Kotscho e Roberta Manreza conversam com mães refugiadas na TV Brasil
>>> Série musical traça panorama da obra de Luiz Ayrão
>>> Mariana Muniz encerra temporada de "D'Existir", em Votorantim
>>> Documentário 'Flamengo Paixão' estreia na TV Brasil nesta sexta (24)
>>> O ator Heinz Limaverde e a Cia Rústica estreiam em SP, O Fantástico Circo-Teatro de um Homem Só
>>> Mendigos são centro temático em SPon SPoff SPend, novo espetáculo do Maracujá Laboratório de Artes
* clique para encaminhar

Bertrand Brasil
Arquipélago Editorial
Nova Fronteira
Globo Livros
Editora Conteúdo
Best Seller
Editora Perspectiva
José Olympio
Intrínseca
Cortez Editora
Primavera Editorial
Editora Record
Companhia das Letras
WMF Martins Fontes
Civilização Brasileira
Hedra
LIVROS


ALÉM DO ARCO-ÍRIS
ROBERTO PROCÓPIO DE LIMA NETTO

De R$ 39,90
Por R$ 19,95
50% off
+ frete grátis



JOGO DE PAPÉIS
ZILMA DE MORAES RAMOS DE OLIVEIRA

De R$ 33,00
Por R$ 16,50
50% off
+ frete grátis



CREPÚSCULO - LIVRO DE ANOTAÇÕES DA DIRETORIA
CATHERINE HARDWICKE

De R$ 29,90
Por R$ 14,95
50% off
+ frete grátis



AMOR ATÉ DEBAIXO D'ÁGUA
TORRE DEROCHE

De R$ 35,00
Por R$ 17,50
50% off
+ frete grátis



11 GOLS DE PLACA
FERNANDO MOLICA

De R$ 49,90
Por R$ 24,95
50% off
+ frete grátis



A DÉCIMA SINFONIA
JOSEPH GELINEK

De R$ 44,80
Por R$ 22,40
50% off
+ frete grátis



OS CONCEITOS FUNDAMENTAIS DA PESQUISA SÓCIO-ESPACIAL
MARCELO LOPES DE SOUZA

De R$ 45,00
Por R$ 22,50
50% off
+ frete grátis



INFERNO
MEG CABOT

De R$ 35,00
Por R$ 17,50
50% off
+ frete grátis



PALMEIRAS - O ALVIVERDE IMPONENTE
ORLANDO DUARTE

De R$ 36,00
Por R$ 18,00
50% off
+ frete grátis



A ECLOSÃO DO TWITTER
NICK BILTON

De R$ 44,90
Por R$ 22,45
50% off
+ frete grátis



busca | avançada
39649 visitas/dia
1,4 milhão/mês