Saudades do Waaal! | Martin Froener

busca | avançada
34499 visitas/dia
846 mil/mês
Mais Recentes
>>> Bolo de chocolate recheado de frutas com cobertura de chocolate
>>> Homenagem ao nascimento de Heidegger
>>> Rapper Flávio Renegado solta a voz da periferia no programa Arte do Artista
>>> Cineasta Estela Renner debate formação na primeira infância no Estação Plural
>>> Campo Limpo Celebra 79 anos com grande festa ao público
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> Alice in Chains, por David De Sola
>>> Simpatia pelo Demônio, de Bernardo Carvalho
>>> Afinidade, maestria e demanda
>>> O Quixote de Will Eisner
>>> Era uma vez um inverno
>>> Caindo as fichas do machismo
>>> Uma livrada na cara
>>> YouTube, lá vou eu
>>> Srta Peregrine e suas crianças peculiares
>>> Super Campeões, trocas culturais de Brasil e Japão
Colunistas
Últimos Posts
>>> Ed Catmull por Jason Calacanis
>>> Lançamento e workshop em BH
>>> Reid Hoffman por Tim Ferriss
>>> Software Programs the World
>>> Daphne Koller do Coursera
>>> The Sharing Economy
>>> Kevin Kelly por Tim Ferriss
>>> Deepak Chopra Speaker Series
>>> Nick Denton sobre Peter Thiel
>>> Bill & Melinda Gates #Code2016
Últimos Posts
>>> Eleições Municipais e o Efeito DunDum!
>>> Dente-de-leão
>>> MARINHA
>>> O que dizer depois da reunião de orientação
>>> Natureza do som
>>> Insone
>>> Sobre a Filosofia (obrigatória) no ensino médio
>>> Estátuas de areia
>>> Diário de um niilista
>>> 10.049 km pelo Brasil
Blogueiros
Mais Recentes
>>> Os 35 anos do Jornal Nacional
>>> Orkut way of life
>>> Blog é coisa séria. Já a Veja...
>>> O grande ausente
>>> O Apanhador no Campo de Centeio
>>> YouTube, lá vou eu
>>> O Apanhador no Campo de Centeio
>>> Dialogando com o público leitor
>>> Do Surrealismo
>>> História do livro e do leitor
Mais Recentes
>>> Literatura Brasileira - A arte da palavra e Literatura Brasileira e os vestibulares com CD
>>> Manual de Contabilidade Societária
>>> As tardes de um pintor
>>> Capitães da areia
>>> Histórias para o rei
>>> Nada na língua é por acaso
>>> O advogado do diabo
>>> Os limites do sentido
>>> A linguística e o ensino da língua portuguesa
>>> Textualidade e ensino
>>> História da escola em São Paulo e no Brasil
>>> Resenha
>>> Fundamentos empíricos para uma teoria da mudança linguística
>>> Ensino de gramática: descrição e uso
>>> Pequena gramática do português brasileiro
>>> A emoção e a regra
>>> A fórmula do texto
>>> Descobertas acidentais em ciências
>>> Gabriela cravo e canela
>>> O rei, o Rio e suas hiistórias
>>> Esboço para uma teoria das emoções
>>> Verdes vales do fim do mundo
>>> O Jogador
>>> A Humilhação do Redentor- Encarnação e Sofrimento
>>> Automotivação- ''É Fácil''- O Caminho do Sucesso
>>> As Múltiplas Faces da Velhice no Brasil
>>> Desenvolvendo Relacionamentos Familiares
>>> Manual do Auxiliar de Célula
>>> Noções Básicas de Discipulado - Para Jovens - Jumoc
>>> Manual da Escola de Oraçao
>>> Limites do Sofrimento
>>> Quero Minha Vida de Volta
>>> Quero Minha Vida de Volta
>>> Quero Meu Filho de Volta
>>> Quero Meu Filho de Volta
>>> Piranguçu: a Cidade das Garças
>>> O Noviço o Juiz de Paz na Roça - Objetivo
>>> Meu Vale Encantado
>>> Sonho de uma Noite de Verão - Objetivo
>>> Antologia Brasileira Diamantes II
>>> Mitos Gregos - Objetivo
>>> Sonho de uma Noite de Verão - Objetivo
>>> Princípios para uma Vida Feliz
>>> Um Pastorzinho Peregrino Em Busca da Paz Com Deus
>>> Filhos Brilhantes Alunos Fascinantes (Edicão De Bolso)
>>> Recados Do Corpo E Da Alma
>>> O Menino Mágico
>>> Como Deus Planejou Você - Questões Sobre Sexualidade Graça e Fé
>>> Fiel testemunha: vida e obra de William Carey
>>> 150 Segredos para Criar Filhos Felizes
COMENTÁRIOS

Sábado, 10/3/2007
Comentários
Leitores


Saudades do Waaal!
Todos os que liam o "Diário da Corte" sentem falta de um "Waaal!" nas edições dominicais dos jornais. E dos petelecos que Caio Blinder recebia no Manhattan também.

[Sobre "Uma década no rastro de Paulo Francis"]

por Martin Froener
http://mfroener.blogspot.com/
10/3/2007 às
16h24 201.89.185.91
(+) Martin Froener no Digestivo...
 
Proust: sempre surpreendente
Gostei do texto. Li Proust pela primeira vez quando tinha 17, por obrigação, e acabei me encantada por suas obras, pela maneira com que fazia descrições, como ele mesmo diz em "No caminho com Swann": "parecia-me que eu era o assunto de que tratava o livro". Hoje aos vinte leio a obra pela segunda vez e não páro de me surpreender.

[Sobre "Como Proust mudou minha vida"]

por clivia vieira
10/3/2007 às
16h11 201.32.210.87
(+) clivia vieira no Digestivo...
 
PF: espantalho para muitos
Julio: é preciso escrever também sobre o quanto o Francis da última fase é uma espécie de espantalho para muitos. Renato Russo disse, numa entrevista, que uma pessoa com quem nunca se deitaria era Paulo Francis. A recíproca com certeza deveria ser verdadeira. Outra figura que citou Francis numa música foi Gabriel O Pensador, mas, em entrevista, negou-se a comentar o referido jornalista. Talvez por penúria intelectual, ou quem sabe medo de levar uma traulitada.

[Sobre "Uma década no rastro de Paulo Francis"]

por Lúcio Jr
9/3/2007 às
18h58 200.97.92.133
(+) Lúcio Jr no Digestivo...
 
mais honestidade
Ótimo texto, espero que traga mais honestidade até mesmo para os menos honestos.

[Sobre "Honestidade"]

por André Busha
9/3/2007 às
18h05 201.21.5.188
(+) André Busha no Digestivo...
 
Oxigênio
Beleza de texto, Julio. Vale mais essa forma de perceber o Francis que mil análises mais formais sobre ele. E o Francis dava mesmo um gás nos seus leitores, promovia uma oxigenação geral. Seu texto é tocante. Valeu!

[Sobre "Uma década no rastro de Paulo Francis"]

por Guga Schultze
9/3/2007 às
17h40 201.80.148.31
(+) Guga Schultze no Digestivo...
 
críticas de não-críticos
Eu me esbaldo lendo as críticas de cinema de não-críticos; me divirto imensamente lendo as impressões que um livro causa nos não-literatos; e o mesmo com a política, com a música. E opinião é algo bonito. O cinema não é produzido para cineastas, tampouco a literatura para literatos; de modo que ler num blogue as reverberações do autor sobre Shopenhauer é uma chance única de acesso a um tipo de opinião crua, sem gatekeepers editoriais. A crítica sem critério é valiosíssima. É como uma pesquisa de opinião voluntária. Acho que as pessoas devem além de ler, escrever mais. Eu mesmo, aqui, acostumado a postar nada mais que opinião, já fui muitas vezes mal compreendido por leitores que ainda enxergam tudo com um olhar meio ditador; e não as culpo, é herança cultural esse negócio de que opinar é perigoso.(trecho de um post meu, que não coube todo aqui. Você tem toda razão. Depois do medo de opinar, vem o medo de pensar, e aí não tem mais volta. Abraço.)

[Sobre "Honestidade"]

por Ed
http://www.eddcaulfield.wordpress.com
9/3/2007 às
10h59 201.30.142.5
(+) Ed no Digestivo...
 
vale a pena beijar!
Realmente o título "O homem que não gostava de beijo" fica na nossa mente, pertubando e se perguntando, porque que um cara não vai gostar de beijo? O texto está bem escrito e vale a pena beijar!!!

[Sobre "O homem que não gostava de beijos"]

por Clovis Ribeiro
http://www.clubedoscompositores.com.br
9/3/2007 às
10h41 201.92.190.108
(+) Clovis Ribeiro no Digestivo...
 
Paulo Francis é um imortal
A sua marca no jornalismo é vista de forma copiosa por vários dos seus discípulos. Paulo foi uma comediante antes de ser um crítico. Suas apimentadas reportagens sempre conduziam a opiniões contrárias dos seus adversários. Merece o lugar em que está.

[Sobre "Paulo Francis não morreu"]

por Clovis Ribeiro
http://www.clubedoscompositores.com.br
9/3/2007 às
10h39 201.92.190.108
(+) Clovis Ribeiro no Digestivo...
 
comentário sobre Gerald Thomas
Você me convenceu. Realmente deu vontade de ler esse livro. Vou procurá-lo em alguma livraria. Quem sabe o encontre. Abraço. Adriana (PS: Adorei o seu comentário sobre Gerald Thomas, muito pertinente.)

[Sobre "O homem que não gostava de beijos"]

por adriana
9/3/2007 à
01h06 201.58.152.200
(+) adriana no Digestivo...
 
PF no DC
Só agora li o seu texto sobre Paulo Francis. E me encantei de verdade. Parece aquele vinho bom que a gente vai tomando devagar, degustando gostosamente e com medo de que acabe. Li todos os artigos sobre PF no DC. Todos me acrescentaram alguma coisa, mesmo que já soubesse outras tantas. Mas é assim mesmo, uma personalidade como a dele tem que ser de alguma forma reverenciada. Embora politicamente tenha "mudado de lado", nunca perdeu a majestade. Quando vejo Manhattan Connection, ainda penso que ele esteja lá. Contudo, ao ver a cara absolutamente mascarada e inexpressiva de Diogo Mainard, querendo ser polêmico, dizendo que não gosta de música, com um ataque insano ao Lula e uma defesa imoral de Bush, aí vejo que não tem mais jeito. Certamente, se PF estivessse vivo, o Diogo Mainard não conseguiria abrir a boca. Um abraço, Adriana

[Sobre "Uma década no rastro de Paulo Francis"]

por adriana
9/3/2007 à
00h58 201.58.152.200
(+) adriana no Digestivo...
 
Julio Daio Borges
Editor
mais comentários

Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




FÁBULAS - FEDRO
FEDRO
ESCALA
(2006)



VOCÊ É O LÍDER DA SUA VIDA
CÉZAR SOUZA
SEXTANTE
(2007)



O CLUBE MEFISTO
TESS GERRITSEN
RECORD
(2011)



NADANDO CONTRA A MORTE - LOURENÇO CAZARÉ
LOURENÇO CAZARÉ
FORMATO
(1998)



CASAIS INTELIGENTES ENRIQUECEM JUNTOS
CERBASI, GUSTAVO
GENTE



ELA DISSE, ELE DISSE
THALITA REBOUÇAS
ROCOO
(2010)



O PÓS-DRAMÁTICO (TEATRO)
J. GUINSBURG E SÍLVIA FERNANDES (ORGS.)
PERSPECTIVA
(2010)



O SELF DESDOBRADO- PERSPECTIVA DE CAMPO EM GESTALT-TERAPIA
JEAN-MARIE ROBINE
SUMMUS
(2006)



REVISTA CIVILIZAÇÃO BRASILEIRA - CADERNO ESPECIAL 2 - TEATRO E REALIDADE BRASILEIRA
VÁRIOS AUTORES
CIVILIZAÇÃO BRASILEIRA
(1968)



ROWAN, O GUARDIÃO
EMILY RODDA
FUNDAMENTO
(2011)





busca | avançada
34499 visitas/dia
846 mil/mês