busca | avançada
60885 visitas/dia
2,1 milhões/mês
Sexta-feira, 22/2/2008
Berkeley Webcasts

Julio Daio Borges




Digestivo nº 355 >>> Que a internet está promovendo uma revolução na mídia, todo mundo sabe; já que a internet provoca uma mudança histórica também na educação, estamos começando a perceber agora. E uma boa base para impulsionar esse tipo de reflexão são os podcasts que a Universidade de Berkeley, na Califórnia, disponibiliza para o mundo todo. A cada semestre, alguns cursos oferecidos são selecionados e cada aula é gravada e indexada no site da universidade em formato MP3. Os assuntos são os mais variados possíveis e, neste primeiro semestre de 2008, pode-se acompanhar disciplinas de economia, biologia, história, filosofia e até uma série de palestras (lectures) com políticos envolvidos na eleição norte-americana deste ano. Que o e-learning, assim como o e-commerce, é uma das iniciativas que mais cresce no Brasil, todo mundo também sabe — mas o que pode acontecer se outras grandes universidades seguirem o exemplo de Berkeley? A aceitação tem sido tanta que as matérias em podcast têm, invariavelmente, mais inscritos do que vagas — e os professores recebem e-mails com consultas do mundo todo. A novidade, mais recentemente, são os webcasts, onde as aulas são filmadas e, multiplicadas pelo número de downloads, fazem os quinze minutos de fama para mestres e calouros. A melhor parte, claro, é poder usufruir desse conhecimento, devolvendo à universidade um papel social que ela perdeu, fechando-se no hermetismo da pesquisa e na burocracia dos acadêmicos. E no Brasil, quem vai tomar a dianteira?
>>> Berkeley Webcasts
 
>>> Julio Daio Borges
Editor
 

busca | avançada
60885 visitas/dia
2,1 milhões/mês