O herói devolvido? | Digestivo Cultural

busca | avançada
82221 visitas/dia
2,5 milhões/mês
Mais Recentes
>>> Minute Media anuncia lançamento da plataforma The Players’ Tribune no Brasil
>>> Leonardo Brant ministra curso gratuito de documentários
>>> ESG como parâmetro do investimento responsável será debatido em evento da Amec em parceria com a CFA
>>> Jornalista e escritor Pedro Doria participa do Dilemas Éticos da CIP
>>> Em espetáculo de Fernando Lyra Jr. cadeira de rodas não é limite para a imaginação na hora do recrei
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> Silêncio e grito
>>> Você é rico?
>>> Lisboa obscura
>>> Cem encontros ilustrados de Dirce Waltrick
>>> Poética e política no Pântano de Dolhnikoff
>>> A situação atual da poesia e seu possível futuro
>>> Um antigo romance de inverno
>>> O acerto de contas de Karl Ove Knausgård
>>> Assim como o desejo se acende com uma qualquer mão
>>> Faça você mesmo: a história de um livro
Colunistas
Últimos Posts
>>> Hemingway by Ken Burns
>>> Cultura ou culturas brasileiras?
>>> DevOps e o método ágil, por Pedro Doria
>>> Spectreman
>>> Contardo Calligaris e Pedro Herz
>>> Keith Haring em São Paulo
>>> Kevin Rose by Jason Calacanis
>>> Queen na pandemia
>>> Introducing Baden Powell and His Guitar
>>> Elon Musk no Clubhouse
Últimos Posts
>>> Acentuado
>>> Mãe, na luz dos olhos teus
>>> PoloAC retoma temporada de Os Doidivanas
>>> Em um tempo, sem tempo
>>> Eu, tu e eles
>>> Mãos que colhem
>>> Cia. ODU conclui apresentações de Geração#
>>> Geração#: reapresentação será neste sábado, 24
>>> Geração# terá estreia no feriado de 21 de abril
>>> Patrulheiros Campinas recebem a Geração#
Blogueiros
Mais Recentes
>>> Flip 2006: um balanço tardio
>>> Flip 2006: um balanço tardio
>>> Flip 2006: um balanço tardio
>>> Montezano, do BNDES, sobre o marco do saneamento
>>> Leitor bebum começou com um gole
>>> Curtas e Grossas
>>> 12 de Agosto #digestivo10anos
>>> 11 de Fevereiro #digestivo10anos
>>> O homem da paz celestial
>>> Na contramão da História
Mais Recentes
>>> Você Só Precisa de Amor de John W. Jacobs pela Globo (2004)
>>> Almanaque da Tv Globo de Souto Maior pela Globo (2006)
>>> Sangue e Entranhas - a Assustadora História da Cirurgia de Richard Hollingham pela Geração (2011)
>>> O verão em que tudo mudou de Gabriela Freitas Thaís Wandrofski Vinícius Grosso pela Faro Editorial (2017)
>>> O estilo mafioso de gerenciar de Michael Franzese pela Thomas Nelson Brasil (2009)
>>> Desumano e Degradante de Patricia Cornwell pela Companhia das Letras (1996)
>>> Universidade Minecraft - A invasão zumbi de Winter Morgan pela Ciranda Cultural (2016)
>>> Um Amor Exclusivo de Johanna Adorján pela Geração (2011)
>>> Tá gravando. E agora? de Kéfera Buchmann pela Paralela (2016)
>>> Muito mais que 5 minutos de Kéfera Buchmann pela Paralela (2015)
>>> Sanguessugas do Brasil de Lucio Vaz pela Geração Editorial (2012)
>>> Personagens Encantados II de Ingrid Biesemeyer Bellinghausen pela Difusão Cultural do Livro (2006)
>>> Gildo de Silvana Rando pela Brinque Book (2010)
>>> Brasil Em Alta: a História de um Pais Transformado de Larry Rohter pela Geração Editorial (2012)
>>> O Aniversário de Teddy de Anne Faundez pela Ciranda Cultural (2011)
>>> Pato Atolado de Jez Alborough pela Brinque Book (2011)
>>> O Artesão de Walter Lara pela Abacatte (2010)
>>> Garrafinha de Mariana Caltabiano pela Companhia das Letrinhas (2011)
>>> Por favor, Obrogada, Desculpe de Becky Bloom e Pascal Biet pela Brinque Book (2016)
>>> Era uma vez um gato xadrez de Bia Villela pela Moderna (2016)
>>> Leve Mente Leve de Laura Medioli pela Leitura (2010)
>>> In the Snow de Paul Shipton pela Oxford (2014)
>>> O Imperador do Olfato, Uma História de Perfume e Obsessão de Chandler Burr pela Companhia das Letras (2006)
>>> Inácio o rato sortudo de Lucia Reis pela Paulinas (2018)
>>> Finding Nemo de Melanie Williams pela Pearson (2012)
DIGESTIVOS >>> Notas >>> Literatura

Segunda-feira, 8/12/2003
O herói devolvido?
Julio Daio Borges

+ de 2800 Acessos




Digestivo nº 152 >>> Para quem não sabe, Marcelo Mirisola é considerado uma das revelações da nossa literatura. É difícil dizer quem o referendou; existe uma história (recente) da proteção fornecida por Manuel da Costa Pinto, quando tentaram censurá-lo na “Cult”; também a polêmica reportagem da “Trip”, que, como Millôr Fernandes fez com Woody Allen, chamou-o de “loser” (ou “nerd”, tanto faz) que deu certo. Mirisola é ainda amigo de Mário Bortolotto, o homem de teatro por trás do vanguardista “Cemitério de Automóveis”, que andou adaptando suas obras. Mas será que isso tudo basta para uma “consagração”? Para terminar, Mirisola proclama que vive “sem grana”, que o tempo de hoje não é o da literatura e que Big Brother é “Dostoiévski sem cérebro” (apud Pedro Bial). Pode até parecer interessante para uma “personalidade”, mas seus livros – que deveriam justificar toda essa “promoção” – não o são. Pelo menos, não esse “Bangalô” (2003): 125 páginas de confissões. Mirisola é, no máximo, um cronista – daqueles que destilam suas misérias. Dá muitas voltas para (não) falar de si próprio – e está lá em todas as folhas. Se fosse autodestrutivo, romântico e trágico, talvez desse uma versão anos 2000 para Carlinhos Oliveira, o “Órfão da Tempestade” – que não rendeu literatura (só crônica), mas que cresceu em função do folclore. Há, porém, uma contradição flagrante. Se os bêbados míticos do jornalismo brasileiro viveram demais e escreveram de menos, a geração “Mirisola” escreveu demais e viveu de menos. São montanhas de orgias, drogas, barbarismos e excrementos. No papel. Na realidade, o sujeito continua o mesmo gordinho bonachão de sempre. Uma persona literária altamente inverossímil, portanto. Parece querer usar seus escritos para “comer” quem não “comeu”, “tomar” o que não “tomou”, “agredir” quem não “agrediu”... E lamentavelmente não são poucos os “Mirisolas”. Qualquer um que já teve algum contato com o “métier”, deve ter topado com aquele tipinho clássico: entre 30 e 40 anos, “artista”, vociferando contra o mundo, enquanto se esconde debaixo da saia da mamãe (não necessariamente a genitora). Certamente um excelente caso para a psicanálise; mas não para a literatura.
>>> Bangalô - Marcelo Mirisola - 125 págs. - Editora 34
 
Julio Daio Borges
Editor

Quem leu esta, também leu essa(s):
01. Berkeley Webcasts (Internet)
02. A paisagem é o homem (Literatura)
03. Patuscada (Internet)
04. Entertainer (Música)
05. Noviças do vício (Internet)


Mais Notas Recentes
* esta seção é livre, não refletindo necessariamente a opinião do site

Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




Metodologia da Linguagem 8ª Edição
Maria H. Cozzolino Oliveira e Conceição Monte
Saraiva
(1990)



A Autonomia Universitária no Brasil: Dádiva Legal Ou Construção
Celia Regina Otranto
Edur (univ Rural - Rj)
(2009)



Digital Cash Commerce on the Net
Peter Wayner
Ap Professional
(1997)



A Casa dos Blessings
Anna Quindlen
Objetiva
(2003)



Oh My Goddess 1 555 Goddess
Kosuke Fujishima
Dark House
(1996)



A Mulher de uma Noite
Alfred Machard
Civilização Brasileira S/a
(1939)



Viagem do Presidente Geisel ao Japão
Relações Públicas: Presidência da República
Pres da República
(1976)



A Autonomia dos Órgãos de Perícia Oficial no Brasil: uma Questão
Anderson Maia
Nova Letra (blumenau)
(2015)



O Projeto Dragão
Rubens Teixeira Scavone
Scipione
(1988)



Desenho Geométrico Métodos e Exercícios Volume 2
Rubens
Loyola
(1980)





busca | avançada
82221 visitas/dia
2,5 milhões/mês