busca | avançada
21498 visitas/dia
708 mil/mês
Terça-feira, 28/11/2006
¡Arriba Cuba!, em Búzios
Tais Laporta

Arriba Cuba

Cuba fechou as portas em 1959 com a certeza de não precisar do resto do mundo. Mas, certamente, o mundo sempre precisou das riquezas da ilha. Influências cubanas escapam do Caribe para outros mares há tempos. Uma das provas está em Búzios (RJ), onde os arquitetos Hélio Pelegrino e Sig Bergamin idealizaram uma casa inspirada nos tradicionais pátios de Havana velha, o Pátio Havana, na Rua das Pedras. Não por coincidência, é neste trecho mais movimentado do balneário que acontece o ¡Arriba Cuba!, festival que além de música cubana e latina, traz também filmes, fotografias e a mais típica gastronomia inventada na ilha de Fidel Castro.

Este ano, a casa recebe a big band paulistana Havana Brasil, que em apenas cinco anos participou de inúmeros festivais no Caribe. Ao lado do cantor cubano Fernando Ferrer e dos bailarinos do grupo Tribo, a banda fará uma antologia dos principais ritmos da música latino-americana, com destaque para a produção de Cuba. No repertório previsto, chamam a atenção as populares canções afro-cubanas e caribenhas "Tres Deseos", "Lola" e "Echale Limon". Além disso, o grupo apresentará os clássicos "Chan Chan" e "El Cuarto de Tula", do grupo cubano Buena Vista Social Club; "Oye como va", de Carlos Santana; e, ainda, "Guantanamera", de José Fernández Dias, umas das mais conhecidas músicas da região.

Também integra a programação a banda Sonora Caribe, composta pela cantora chilena Cláudia Zuñiga e pelo músico gaúcho Fábio Coimbra (violão e baixo), profundos pesquisadores de ritmos latinos como salsa, mambo, merengue e chachachá. Em 2006, com a entrada do espanhol Javier Ibañez (congas e timbales) e do cubano Delfin Rodriguez (trombone), a dupla ganhou um reforço extra na interpretação de estrelas do pop latino. Entre elas, Glória Estefan, Elvis Crespo, Maná, Carlos Santana e Buena Vista Social Club.

Ainda no cardápio musical, Pedro La Colina & Sexteto Cañaveral - dois grandes expoentes da música afro-latina no Brasil - prometem prestar uma calorosa homenagem a grandes compositores e intérpretes da música caribenha. Benny Moré, Willy Chirino, Oscar D' León, NG La Banda, Issac Delgado, Ruben Blades e Carlos Oliva são alguns nomes programados no repertório.

Entre os filmes exibidos no ¡Arriba Cuba!, um dos destaques é I´m Cuba (1964), dirigido por Mikhail Kalatozov e restaurado por Martin Scorcese e Francis Ford Coppola nos anos 90. Também na lista, o hollywoodiano Havana (2003), de Sydney Pollack, e o francês Cuba Feliz (2000), dirigido por Karim Dridi. Além disso, a trajetória dos legendários cantores cubanos Célia Cruz (1925-2003), Ibrahim Ferrer (1927-2005) e Pio Leiva (1917-2006) aparecerá em documentários durante o festival. A carreira do cantor Poncho Sanchez (1951), vencedor do Grammy de Melhor Álbum de Jazz Latino em 2000, também será tema nas telas do Pátio Havana.

Durante o festival, o público poderá degustar alguns dos charutos mais apreciados em todo o mundo. Petiscos tradicionais e duas bebidas típicas cubanas, daikiri e mojito (a preferida do escritor norte-americano Ernest Hemingway) também compõem o paladar da casa. Além disso, fotografias de Havana Velha estarão expostas no espaço em tempo integral. Ainda há tempo para quem quiser conferir de perto.

legenda

Para ir além
¡Arriba Cuba!, em Búzios (RJ), no Pátio Havana (Rua das Pedras, 101): 30/11 - Banda Sonora Caribe; 01/12 - Pedro La Colina e Sexteto Cañaveral; 02/12 - Banda Havana Brasil e Fernando Ferrer e grupo Tribo - Horário: 21h - Entrada franca

Tais Laporta
28/11/2006 às 10h46

 

busca | avançada
21498 visitas/dia
708 mil/mês