busca | avançada
70300 visitas/dia
2,6 milhões/mês
Quinta-feira, 13/11/2008
Dê notícias! 9 Encontro BH
Ana Elisa Ribeiro

O 9 Encontro das Literaturas, em Belo Horizonte, está em andamento. Dei uma passada lá ontem, apesar de minhas baterias estarem quase no fim às 19hs., e me revigorei com a mesa-redonda sobre a pesquisa Retratos da Leitura no Brasil. Alguns nomes de nossos estudos e ações sobre a leitura estavam lá, inclusive a secretária municipal de cultura de Belo Horizonte, profa. Antonieta Cunha, e Galeno Amorim, um dos responsáveis diretos pela megapesquisa, cuja versão anterior datava de 2000. Ufa, bom saber que o Brasil andou avançando. A metodologia mudou um pouco e talvez isso também afete os resultados, em todo caso, melhoramos como leitores, ao que parece, quando vemos pelo menos os números. A qualidade fica para outro tipo de pesquisa medir. Melhor ainda foi comprar o livro que interpreta os resultados. Todo mundo que presta atenção nisso deveria ter um. De cabeceira.

Embora a palestra tenha sido boa, a despeito de ter sido muito introdutória (o gosto de quero mais toma conta da boca, bom sinal), o local de realização do evento não ajudou muito. Quando eu soube que o Encontro saíra da bela e "inestacionável" Serraria Souza Pinto, sob o viaduto da Floresta, achei maravilhoso. Ufa, o Chevrollet Hall tem estacionamento, eba! Mas aí a palestra foi posta logo na entrada, sem muito conforto para os ouvintes, além da concorrência com o trânsito de 19hs. da avenida Nossa Senhora do Carmo e o sonso auê de quem comia pizza na lanchonete logo atrás de nós. Assim, nem tão difícil de resolver, mas só para o ano que vem. Corri para comprar o livro, que não vai ser fácil de achar por estas plagas.

De toda forma, vale a pena dar uma passadinha no 9 Encontro, que vai até domingo, com oficinas, debates e estandes com descontos. Só para motivar mais, o Fernando Fábio Fiorese Furtado lança livro de poema lá na sexta-feira à noite e a bela poeta Mônica de Aquino participa de uma mesa no domingão à tarde. Não se pode reclamar de não ter o que fazer. E dentro do Chevrollet Hall não chove, tá?

Ana Elisa Ribeiro
13/11/2008 às 15h53

 

busca | avançada
70300 visitas/dia
2,6 milhões/mês