A riqueza dos livros que não entendi | Blog do Carvalhal

busca | avançada
47273 visitas/dia
1,3 milhão/mês
Mais Recentes
>>> Banda GELPI, vencedora do concurso EDP LIVE BANDS BRASIL, lança seu primeiro álbum com a Sony
>>> Celso Sabadin e Francisco Ucha lançam livro sobre a vida de Moracy do Val amanhã na Livraria da Vila
>>> No Dia dos Pais, boa comida, lugar bacana e MPB requintada são as opções para acertar no presente
>>> Livro destaca a utilização da robótica nas salas de aula
>>> São Paulo recebe o lançamento do livro Bluebell
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> Rinoceronte, poemas em prosa de Ronald Polito
>>> A forca de cascavel — Angústia (FUVEST 2020)
>>> O reinado estético: Luís XV e Madame de Pompadour
>>> 7 de Setembro
>>> Outros cantos, de Maria Valéria Rezende
>>> Notas confessionais de um angustiado (VII)
>>> Eu não entendo nada de alta gastronomia - Parte 1
>>> Treliças bem trançadas
>>> Meu Telefunken
>>> Dor e Glória, de Pedro Almodóvar
Colunistas
Últimos Posts
>>> Diogo Salles no podcast Guide
>>> Uma História do Mercado Livre
>>> Washington Olivetto no Day1
>>> Robinson Shiba do China in Box
>>> Karnal, Cortella e Pondé
>>> Canal Livre com FHC
>>> A história de cada livro
>>> Guia Crowdfunding de Livros
>>> Crise da Democracia
>>> Banco Inter É uma BOLHA???
Últimos Posts
>>> Uma crônica de Cinema
>>> Visitação ao desenho de Jair Glass
>>> Desiguais
>>> Quanto às perdas I
>>> A caminho, caminhemos nós
>>> MEMÓRIA
>>> Inesquecíveis cinco dias de Julho
>>> Primavera
>>> Quando a Juventude Te Ferra Economicamente
>>> Bens de consumo
Blogueiros
Mais Recentes
>>> 2007 e os meus CDs ― Versão Internacional 1
>>> A felicidade, segundo Freud
>>> Memória das pornochanchadas
>>> Magia além do Photoshop
>>> Meu Telefunken
>>> Meu Telefunken
>>> Vida Virtual? Quase 10 anos de Digestivo
>>> Sombras Persas (X)
>>> Dor e Glória, de Pedro Almodóvar
>>> Atmosphere
Mais Recentes
>>> Terapia do Abraço 2 de Kathleen Keating pela Pensamento (2012)
>>> História Resumida da Civilização Clássica - Grécia/Roma de Michael Grant pela Jorge Zahar (1994)
>>> Cães de Guerra de Frederick Forsyth pela Record (1974)
>>> Jogo Duro de Mario Garnero pela Best Seller (1988)
>>> Psicologia do Ajustamento de Maria Lúcia Hannas, Ana Eugênia Ferreira e Marysa Saboya pela Vozes (1988)
>>> Uma Mulher na Escuridão de Charlie Donlea pela Faro (2019)
>>> Pra discutir... e gerar boas conversas por aí de Donizete Soares pela Instituto GENS (2015)
>>> Educomunicação - o que é isto de Donizete Soares pela Projeto Cala-boca já morreu (2015)
>>> Ficções fraternas de Livia Garcia-Roza - organizadora pela Record (2003)
>>> Prisioneiras de Drauzio Varella pela Companhia das Letras (2017)
>>> O diário de Myriam de Myriam Rawick pela Dark Side Books (2018)
>>> Contos de Rubem Fonseca pela Nova Fronteira (2015)
>>> Notícias - Manual do usuário de Alain de Botton pela Intrínseca (2015)
>>> Um alfabeto para gourmets de MFK Fisher pela Companhia das Letrs (1996)
>>> Os Mitos Celtas de Pedro Paulo G. May pela Angra (2002)
>>> A vida que ninguém vê de Eliane Brum pela Arquipélago Editorial (2006)
>>> As Cem Melhores Crônicas Brasileiras de Joaquim Ferreira dos Santos - organizador pela Objetiva (2007)
>>> O tigre na sombra de Lya Luft pela Record (2012)
>>> Elza de Zeca Camargo pela Casa da Palavra (2018)
>>> Sexo no cativeiro de Esther Perel pela Objetiva (2007)
>>> O clube do filme de David Gilmour pela Intrínseca (2009)
>>> Coisa de Inglês de Geraldo Tollens Linck pela Nova Fronteira (1986)
>>> As mentiras que os mulheres contam de Luis Fernando Veríssimo pela Objetiva (2015)
>>> Equilíbrio e Recompensa de Lourenço Prado pela Pensamento
>>> Cadernos de História e Filosofia da Ciência de Fátima R. R. Évora (org.) pela Unicamp (2002)
>>> Revista Internacional de Filosofia de Jairo José da Silva (org.) pela Unicamp (2000)
>>> Dewey um gato entre livros de Vicki Myron pela Globo (2008)
>>> Ilha de calor nas metrópoles de Magda Adelaide Lombardo pela Hucitec (1985)
>>> Sua santidade o Dalai Lama de O mesmo pela Sextante (2000)
>>> Meninas da noite de Gilberto Dimenstein pela Ática (1992)
>>> Paulo de Bruno Seabra pela Três (1973)
>>> Grandes Enigmas da Humanidade de Luiz C. Lisboa e Roberto P. Andrade pela Círculo do livro (1969)
>>> A História de Fernão Capelo Gaivota de Jonathan Seagull pela Nórdica (1974)
>>> Os Enigmas da Sobrevivência de Jacques Alexander pela Edições 70 (1972)
>>> Mulheres visíveis, mães invisíveis de Laura Gutman pela Best Seller (2018)
>>> Construir o Homem e o Mundo de Michel Quoist pela Duas cidades (1960)
>>> Vida Positiva de Olavinho Drummond pela Olavinho Drummond (1985)
>>> Força para Viver de Jamie Buckingham pela Arthur S. DeMoss (1987)
>>> Consumidos de David Cronemberg pela Alfaguara (2014)
>>> Viver é a melhor opção de André Trigueiro pela Correio Fraterno (2015)
>>> O Caso da Borboleta Atíria de Lúcia Machado de Almeida pela Ática (1987)
>>> Cânticos de Cecília Meireles pela Moderna (1995)
>>> Caminho a Cristo de Ellen G. White pela Cpb - Casa Publicadora Brasileira (2019)
>>> Um Estranho no Espelho de Sidney Sheldon pela Nova Cultural (1986)
>>> Le Divorce de Diane Johnson pela Record (1999)
>>> Trajetória do Silêncio de Maria do Céu Formiga de Oliveira pela Massao Ohno-Roswitha Kempf (1986)
>>> Zezinho, o Dono da Porquinha Preta de Jair Vitória pela Ática (1992)
>>> Aconselhamento Psicológico de Ruth Scheeffer pela Atlas (1981)
>>> Razão e Revolução de Herbert Marcuse pela Paz e Terra (1978)
>>> A Doutrina de Buda de Bukkyo Dendo Kyokai pela Círculo do livro (1987)
BLOGS >>> Posts

Domingo, 17/5/2015
A riqueza dos livros que não entendi
Guilherme Carvalhal

+ de 600 Acessos

Em seu livro Como Falar dos Livros que Não Lemos, o psicólogo e ensaísta francês Pierre Bayard propõe uma abordagem diferenciada sobre a relação das pessoas com os livros. Suas ideias nasceram de uma realidade notada por ele em seu consultório, ao ouvir as dificuldades de seus pacientes em ler. O que ele percebeu era que literatura não era sinônimo de felicidade ou prazer, mas de frustração e dificuldade. Dessas análises ele foi aprimorando sua visão da relação das pessoas com os livros, até resultar na tese que defende em seu livro.

Sua ideia consiste na criação de uma mancha cinzenta entre o ato de ler e o de não ler um livro. Por exemplo, se uma pessoa nunca leu um livro de Heidegger, mas leu artigos e livros a respeito de seu pensamento e conhece bastante suas teorias, essa pessoa leu ou não leu? Se alguém leu um livro, mas esqueceu ou não entendeu, ela realmente leu?

Na minha lista de livros lidos, há alguns volumes que eu não entendi. São obras com linguagem extremamente moderna, que acabam confundindo o leitor, ou então grandes épicos que me deixaram perdido em meio a seu enredo.

O maior caso dessa história foi com A Montanha Mágica, de Thomas Man. Desse livro, tenho recordações meio vagas, como longos diálogos com propostas filosóficas. Das lembranças mais concretas estão o personagem principal alegando não conseguir imaginar a existência humana sem charutos e um momento de mediunismo no qual um poeta morto recita seus versos.

Outra obra dentro dos não entendidos foi O Som e a Fúria, de William Faulkner. As duas primeiras partes do livro, que narra a decadência da família Compson, são escritas através do fluxo mental dos personagens. O primeiro é Benjy, que é autista. O segundo é Quentin, irmão de Benjy, que imerso em uma confusão mental e emocional tem um fluxo de pensamentos ainda mais confuso do que o primeiro.

A obra que gera dificuldades a mim e à grande maioria de quem tenta ler é Ulisses, de James Joyce. Um marco da literatura moderna, essa obra é digna de grupos de discussão que tentam entendê-lo e decifrá-lo para o restante da humanidade. Sua obra inspirada em Homero tenta trazer a Odisseia para os tempos modernos, reencarnando o herói grego na pele de Leopold Bloom, uma pessoa tão comum quanto as que cruzamos pelas ruas no dia a dia. A obra é repleta de jogos linguísticos e compreendê-la exige uma grandiosa dedicação.

Existe uma gratidão a se prestar aos livros que não entendemos. Não digo que foram os melhores que li na minha vida, mas são justamente obras desse tipo que nos levam a sair do conforto mental e a nos agitarmos para entender. Elas nos alavancam a patamares diferentes, enchendo-nos mais de dúvidas do que certezas e o esforço a que nos leva é uma das melhores formas de nos aperfeiçoarmos culturalmente.

Quando li Ulisses, eu passava pelas páginas cheio de dúvidas quanto a seus significados. Algumas situações dava para pescar, como o arremesso de uma lata de biscoito representando a fuga dos ciclopes da Odisseia, ou o ambiente do prostíbulo representando a ilha de Circe. No mais, é uma tentativa inútil de compreensão, pois para entender é preciso pesquisar artigos a respeito da obra, não se limitando apenas ao livro.

Os livros não entendidos, ou aqueles que nos custamos a entender, criam uma experiência de leitura diferenciada ao nos forçar a compreensão. Esse é o livro que tira o leitor da zona de conforto e da mera passividade, que o obriga a ler resenhas para melhor entender, que o leva a voltar as páginas, a passar vários momentos refletindo a respeito do que leu. Provavelmente é um livro que venha formar mais do que aquele lido rapidamente em uma única levada. Mesmo com todas as dúvidas que restam após a leitura, o livro não entendido é uma pérola por causa do embate que ele proporciona ao leitor que, mesmo saindo derrotado, acaba ganhando.



Postado por Guilherme Carvalhal
Em 17/5/2015 às 21h40


Mais Blog do Carvalhal
Mais Digestivo Blogs
Ative seu Blog no Digestivo Cultural!

* esta seção é livre, não refletindo necessariamente a opinião do site

Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




ESTÉTICA NA ERA TECNOLÓGICA - CONVIDADO ESPECIAL CELSO FAVARETTO
ATRATOR ESTRANHO Nº 27 DE 1997
NTC SP
(1997)
R$ 22,28



O ATENEU
RAUL POMPEIA
ATICA
(1986)
R$ 10,00



IH! ERREI!
VÁRIOS AUTORES
MELO
(2007)
R$ 20,00



TUDO DE MIM... - REAVIVAMENTO E REFORMA - COM CD (LÍDER)
DOMINGOS JOSÉ DE SOUSA (COORD.)
UNIÃO CENTRAL BRASILEIRA
(2011)
R$ 39,00



DONA FLOR E SEUS DOIS MARIDOS
JORGE AMADO
RECORD
R$ 10,00



PEDIATRIA CLÍNICA A PEDIATRIA ATRAVÉS DA HISTÓRIA CLÍNICA VOL 5 FASC 2
AFONSO DELGADO RUBIO
SOCIEDADE BRASILEIRA PEDIATRIA
(1996)
R$ 10,00



VAREJO COMPETITIVO - VOL. 4
CLAUDIO FELISONI DE ANGELO E JOSÉ AUGUSTO G. DA...
ATLAS
(2000)
R$ 7,50



ENCICLOPÉDIA DO ESTUDANTE - LITERATURA EM LÍNGUA PORTUGUESA - 14
OSCAR PILAGALLO FILHO (EDITOR)
MODERNA
(2008)
R$ 15,00



PSICOPEDAGOGIA - UM PORTAL PARA A INSERÇÃO SOCIAL
BEATRIZ JUDITH LIMA- CLAUDIA FELDMAN E OUTROS
VOZES
(2004)
R$ 55,00



TEX EL MORISCO
BONELLI-LETTERI
BEST SELLERS
(2003)
R$ 190,00





busca | avançada
47273 visitas/dia
1,3 milhão/mês