Mulheres, homens e outros insetos | Ana Elisa Ribeiro | Digestivo Cultural

busca | avançada
59182 visitas/dia
2,1 milhões/mês
Mais Recentes
>>> Exuberância - Moisés Patrício
>>> Missão à China
>>> Universidade do Livro desvenda os caminhos da preparação e revisão de texto
>>> Mississippi Delta Blues Festival será On-line
>>> Tykhe realiza encontro com Mauro Mendes Dias sobre O Discurso da Estupidez
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> Alameda de água e lava
>>> Entrevista: o músico-compositor Livio Tragtenberg
>>> Cabelo, cabeleira
>>> A redoma de vidro de Sylvia Plath
>>> Mas se não é um coração vivo essa linha
>>> Zuza Homem de Mello (1933-2020)
>>> Eddie Van Halen (1955-2020)
>>> Prêmio Nobel de Literatura para um brasileiro - II
>>> Vandalizar e destituir uma imagem de estátua
>>> Partilha do Enigma: poesia de Rodrigo Garcia Lopes
Colunistas
Últimos Posts
>>> Zuza Homem de Mello no Supertônica
>>> Para Ouvir Sylvia Telles
>>> Van Halen ao vivo em 1991
>>> Metallica tocando Van Halen
>>> Van Halen ao vivo em 2015
>>> Van Halen ao vivo em 1984
>>> Chico Buarque em bate-papo com o MPB4
>>> Como elas publicavam?
>>> Van Halen no Rock 'n' Roll Hall of Fame
>>> A última performance gravada de Jimmi Hendrix
Últimos Posts
>>> Normal!
>>> Os bons companheiros, 30 anos
>>> Briga de foice no escuro
>>> Alma nua
>>> Perplexo!
>>> Orgulho da minha terra
>>> Assim ainda caminha a humanidade
>>> Três tempos
>>> Matéria subtil
>>> Poder & Tensão
Blogueiros
Mais Recentes
>>> O Exército de Pedro
>>> Doida pra escrever
>>> Alguns momentos com Daniel Piza
>>> Desonra, por J.M. Coetzee
>>> Cisne Negro
>>> Burguesinha, burguesinha, burguesinha, burguesinha
>>> O dinossauro de Augusto Monterroso
>>> Asia de volta ao mapa
>>> Outros cantos, de Maria Valéria Rezende
>>> Micronarrativa e pornografia
Mais Recentes
>>> Guia de Conversação Langenscheidt Inglês de Vários Autores pela Martins Fontes (1998)
>>> Dicionário Inglês Português / Português Inglês de Amanda Marques & David Draper pela Ática (1988)
>>> Francês Para Viagem e Dicionário de Vários Autores pela Berlitz (1991)
>>> No Giro do Mundo os Periódicos do Real Gabinete Português de Leitura 1 de Eduardo da Cruz ( Org. ) pela Real Gabinete Português de Leitura (2014)
>>> Dicionário Espanhol Português / Português Espanhol de Vários Autores pela Dcl
>>> RL - Uma Autobiografia de Rita Lee pela Globo Livros (2016)
>>> Minidicionário Ruth Rocha de Ruth Rocha & Hindenburg da Silva Pires pela Scipione (2001)
>>> Mecânica Vetorial para Engenheiros - Estática de Ferdinand P. Beer e E. Russell Johnston Jr pela McGraw-Hill (1994)
>>> Dicionário Júnior da Língua Portuguesa de Geraldo Mattos pela Ftd (1996)
>>> Bá, Tchê! – Dicionário Temático de Luis Augusto Fischer pela Artes e Ofícios (2001)
>>> Mecânica Vetorial para Engenheiros 1 - Estática de Ferdinand P. Beer e E. Russell Johnston Jr pela McGraw-Hill (1977)
>>> Dicionário de Porto-Alegrês de Luís Augusto Fischer pela Artes e Ofícios (1999)
>>> Resistência dos Materiais de Ferdinand P. Beer e E. Russell Johnston Jr pela McGraw-Hill (1982)
>>> O Constitucionalismo democrático latino-americano em debate de Leonardo Avritzer/Lilian Cristina Bernardo Gomes (Org) pela Autêntica (2017)
>>> Reiki - Medicina Energética de Libby Barnett e Magie Chambers pela Nova Era (1999)
>>> Revista do Livro Ano V Número 20 Dezembro de 1960 de Lêdo Ivo, Mário de Andrade, Heitor Lyra e outros pela Instituto Nacional do Livro (1960)
>>> The Argumentative Indian - Writings on Indian History, Culture de Amartya Sen pela Picador (2005)
>>> O Encanto da Montanha & Caminho ao Lar de Linda Howard pela Harlequin Books (2010)
>>> Afrodiáspora 6 e 7 - Revista de estudos do mundo negro de Vários Autores pela Ipeafro (1985)
>>> Aventura Ardente de Diana Palmer pela Harlequin Books (2013)
>>> Indiscreta de Candace Camp pela Harlequin Books (2005)
>>> Meu Anjo de Sherryl Woods pela Harlequin Books (2005)
>>> Pido la Paz y la Palabra de Blas de Otero pela Cantalapiedra (1955)
>>> Steve Jobs de Walter Isaacson pela Companhia das Letras (2011)
>>> Sem Perdão de Frederick Forsyth pela Abril Cultural (1985)
>>> Comunidades imaginadas de Benedict Anderson pela Companhia Das Letras (2019)
>>> A Segunda Vitória de Morris West pela Abril Cultural (1985)
>>> Os Insaciáveis de Harold Robbins pela Rio Gráfica (1985)
>>> O Fã Clube de Irving Wallace pela Abril Cultural (1985)
>>> Palavra Desordem de Arnaldo Antunes pela Iluminuras (2002)
>>> A Filha Pródiga de Jeffrey Archer pela Nova Cultural (1986)
>>> Escritos Sobre o Racismo, Igualdade e Direitos de André Costa pela Inst. Afirmação de Direitos (2009)
>>> A Origem da Família, Da Propriedade Privada e do Estado de Friedrich Engels pela Boitempo (2019)
>>> Romântico, sedutor e anarquista -Como e por que ler Jorge Amado de Ana Maria Machado pela Companhia Das Letras (2014)
>>> Easy English - Book One - 6a Edição de Nelsi M. de Jesus pela Eden
>>> Dieta das 8 horas de David Zinczenko - Peter Moore pela Sextante (2014)
>>> Law And Ecology The Rise of The Ecosystem Regime de Richard O. Broks/Ross Jones/Ross A.Virgínia pela Asgate Publishing (2002)
>>> Perguntas Perfeitas, Respostas Perfeitas de A. C. Bhaktivedanta Swami Prabhupãda e Bob Cohen pela Bbt (1999)
>>> The Book Thief de Markus Zusak pela Knopf (2007)
>>> O processo civilizador 2: formação do estado e civilização de Norbert Elias pela Zahar (2019)
>>> O Livro das Coisas Perdidas de John Connolly pela Bertrand Brasil (2006)
>>> O Avesso e o Direito de Albert Camus pela Record (1996)
>>> A Encantadora de Bebês de Tracy Hogg; Melinda Brau pela Manole (2006)
>>> A Semiologia de Pierre Guiraud pela Editorial Presença (1973)
>>> Os Segredos de Uma Encantado de Bebês de Tracy Hogg; Melinda Brau pela Manole (2020)
>>> Alta Fidelidade de Nick Hornby pela Rocco (1995)
>>> Fonte Viva de Francisco Cândido Xavier pela Feb (2003)
>>> Cozinha de Estar - Receitas Práticas para Receber de Rita Lobo pela Paralela (2012)
>>> Uma janela em Copacabana de Luiz Alfredo Garcia-Roza pela Companhia das letras (2001)
>>> O ateneu de Raul Pompéia pela Estadão (1999)
COLUNAS

Sexta-feira, 19/9/2008
Mulheres, homens e outros insetos
Ana Elisa Ribeiro

+ de 2900 Acessos
+ 1 Comentário(s)

É questão de mercado. Oferta e demanda, talvez. Questão de nicho ou, como dizem alguns, segmento. Parcelas grandes de população em idade reprodutiva (e nem sempre produtiva) se contentam com pouco, não raro apenas com o exoesqueleto. Sendo assim, basta uma barata e é puro prazer.

Certa vez, minha bela e charmosa amiga, além de tudo bastante inteligente, voltou abalada da cidade onde fora morar. O problema não teria sido nem o clima, nem a comida, mas o casamento fracassado, dizia ela. Chorosa como uma viúva (que deveria estar feliz), minha linda amiga lastimava a tentativa frustrada de unir-se a um gaúcho bonito e bem-sucedido. Ela também era bem-sucedida, conheceram-se, inclusive, em reuniões de trabalho. Bons salários, belos rostos, bons corpos. Adivinharam que se queriam em um beijo intolerado. Namoraram e resolveram se mudar para dentro das vidas um do outro (mais um do que o outro, leia-se, como quase sempre é).

Cada um deles era de uma cidade diferente. Bem longes no mapa, dessas que demandam insuportáveis viagens de ônibus ou caríssimas milhas de avião. Sendo assim, o amor acaba corrompendo a compreensão de ambos e resolveram acelerar a decisão. Ela foi para lá, ele abriu espaço entre as gavetas e prateleiras.

Mês vai, mês vem, os e-mails dela começaram a ficar desanimados. O que antes era graça, agora era força de expressão. Depois de um mês de mudança, ela conseguira compreender a razão do choro soluçante logo no primeiro dia. Só porque esperava uma grande recepção e ele pedira uma pizza em domicílio? A vida é assim, querida. Era isso o que ele queria mostrar.

Sábado vai, sábado vem. A bela moça, cada vez mais linda, mais cuidada, mais poeta, passou a se cansar. Além dos assuntos contábeis do trabalho, vinha ele, todos os dias, lá pelas 18h, como se fosse uma Ave Maria, rezar o terço dos descontentamentos da repartição, do truco com os amigos, do churrascão no domingo e dos compromissos inadiáveis na casa de não se sabe que parceiro de bola. Ela introduzia um livro qualquer, a visita de uma nova amiga, um passeio pela rua, mas não tinha muita coragem para nada. Machão, não? Pensei que seria diferente. Já dizia minha mãe para não levar a Cinderela a sério.

Um dia, minha belíssima amiga se cansou. Admitiu que era tudo uma porcaria e voltou para casa. Sem o peso agudo de um filho, ficava tudo fácil. Consolava-se bem: ao menos não havia feito essa burrice duradoura que é a gravidez numa circunstância como esta. Assimilou umas coisas, rearranjou o guarda-roupas dele, pediu desculpas por qualquer incômodo e voltou. Aqui, ela teve coragem de se confessar umas tantas coisinhas, inclusive que achava que casamento fosse mais bacana. Algumas de nós até sugerimos que existem registros de boas experiências. É necessário só ter alguma paciência para procurar, tarefa que a geração internet não há de estranhar.

Mas minha amiga linda logo logo voltou para a noite da cidade. De vez em quando, encontrava-se conosco num chá mais cedo e logo dizia: deixe eu ir me montar no banheiro. Daqui a pouco vêm me buscar. E tocava para as boatezinhas onde a maior parcela da população em idade reprodutiva (nem sempre, quase nunca, produtiva) deveria estar.

Um dia, minha amiga me perguntou o que eu achava de ela sair para aqui ou para ali. Eu fingi que não escutei. Há perguntas que são retóricas, não é mesmo? Mas ela insistiu. E então eu expliquei: menina, é questão de lógica, análise combinatória, probabilidade. Para outros tantos analistas, é questão de segmento de mercado, nicho. Nesses lugares onde você tem ido, há imensas chances de você encontrar um belo rapaz que não lhe interessa, querida. Um macho padrão, sem qualquer desvio a seu favor. Ele provavelmente se encantará com seu corpinho lindo, seu sorriso escandalosamente bonito, mas não precisará de mais do que isso para compreender os dois ou três sentidos que tem a vida dele. Não é preciso ser muito inteligente para desejar comer uma mulher como você, convenhamos. Talvez seja disso que você precisa neste momento: alguém que a arrebate a alma tecendo elogios às coisas que você visivelmente é. Será preciso que alguém, a esta altura, ainda confirme que você é linda? Talvez. Mas o que você busca não está nesse show e nem nessa boate. Essa pessoa só pode estar em outro lugar. Você precisa se dar as chances que você quer. Certamente seu próximo namorado gostará dos seus seios, sorte a dele, que terá uma menina cheia de atributos. Existe gente com todos os gradientes de belezura (ou não). Mas bem que é gostoso conviver com gente que sabe conversar, não é, não? Para comer a carapaça, basta ser qualquer crustáceo. Se até os zumbis de filmes trash saem à procura de cérebros, deve haver uma mínima parte dos homens (e das mulheres) interessados em biscoito fino. Uma regalia lidar com gente inteligente.


Ana Elisa Ribeiro
Belo Horizonte, 19/9/2008


Quem leu este, também leu esse(s):
01. Carta aberta a quem leu Uma Carta Aberta ao Brasil de Adriane Pasa
02. A grama do vizinho de Adriane Pasa
03. Um 'Réquiem' para a Memória de Felipe Leal
04. Pieguice ou hipocrisia? de Rosângela Vieira Rocha
05. Ode à Mulher de Jardel Dias Cavalcanti


Mais Ana Elisa Ribeiro
Mais Acessadas de Ana Elisa Ribeiro em 2008
01. Uísque ruim, degustador incompetente - 8/8/2008
02. Trocar ponto por pinto pode ser um desastre - 3/10/2008
03. Substantivo impróprio - 25/4/2008
04. Minha coleção de relógios - 31/10/2008
05. Confissões de uma doadora de órgãos - 7/3/2008


* esta seção é livre, não refletindo necessariamente a opinião do site

ENVIAR POR E-MAIL
E-mail:
Observações:
COMENTÁRIO(S) DOS LEITORES
19/9/2008
11h41min
Essa a questão. Encontrar pessoas que saibam conversar até que não é tão difícil. Mas, até quando uma boa conversa pode durar? Algumas se tornam intermináveis, e quando isso acontece, a união pode ser duradoura. Mas, só quando encontramos alguém que quer conversar conosco exatamente sobre aquilo de que gostamos de conversar, é que a união é para sempre. Sua amiga, Ana, não precisa sair por aí, procurando essa pessoa. Ela poderá surgir a qualquer momento, sem que se dê conta disso. Observação pode ser uma boa "dica", mas ela precisa "dizer" sobre o que mais gosta de conversar. Se for Literatura, ela pode passar a frequentar bibliotecas e/ou livrarias. Quem sabe, em uma dessas visitas, não surja o tal bom conversador dos anseios dela? Sei que isso é ficção, que essa sua amiga "não existe", mas como foi legal conhecê-la. Um abraço.
[Leia outros Comentários de Américo Leal Viana]
COMENTE ESTE TEXTO
Nome:
E-mail:
Blog/Twitter:
* o Digestivo Cultural se reserva o direito de ignorar Comentários que se utilizem de linguagem chula, difamatória ou ilegal;

** mensagens com tamanho superior a 1000 toques, sem identificação ou postadas por e-mails inválidos serão igualmente descartadas;

*** tampouco serão admitidos os 10 tipos de Comentador de Forum.




Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




LIVRO DE COLORIR BEN 10 SALVANDO O MUNDO
CIRANDA CULTURAL
CIRANDA CULTURAL
(2015)
R$ 9,33



O VELHO DA HORTA / AUTO DA BARCA DO INFERNO / FARSA DE INÊS PEREIRA
GIL VICENTE
ATELIÊ EDITORIAL
(1998)
R$ 9,99



DICIONÁRIO HOUAISS CONCISO (NOVA ORTOGRAFIA)
MAURO DE SALLES VILAR (EDITOR)
MODERNA
(2011)
R$ 30,00



WORDS AND THEIR WAYS IN ENGLISH SPEECH
JAMES BRADSTREET GREENOUGH / GEORGE L. KITTREDGE
NÃO DEFINIDO
(1961)
R$ 47,02



A VIDA NA ESCOLA E A ESCOLA DA VIDA
VÁRIOS AUTORES
VOZES
(1984)
R$ 6,90



O TEMPO DO AUTOENCONTRO
ROSSANDRO KLINJEY
FEEGO
(2016)
R$ 30,00



PESQUISA EM SERVIÇO SOCIAL - UTOPIA E REALIDADE
AGLAIR ALENCAR SETUBAL
CORTEZ
R$ 20,00



REGISTROS DE MIM
JOÃO MENDES FERREIRA
COIMBRA
(1996)
R$ 22,33



UM PASSEIO NO JARDIM DA VINGANÇA
DANIEL NONOHAY
NOVOS TALENTOS DA LITERATURA
(2016)
R$ 12,00



COLEÇÃO GRANDES GUERRAS - N°. 27 - OPERAÇÃO BARBAROSSA
VÁRIOS AUTORES
ABRIL
(2009)
R$ 16,75





busca | avançada
59182 visitas/dia
2,1 milhões/mês