Governo retrógrado, caranguejo ou ximbica? | Valdemir Martins | Digestivo Cultural

busca | avançada
49568 visitas/dia
1,2 milhão/mês
Mais Recentes
>>> Banda GELPI, vencedora do concurso EDP LIVE BANDS BRASIL, lança seu primeiro álbum com a Sony
>>> Celso Sabadin e Francisco Ucha lançam livro sobre a vida de Moracy do Val amanhã na Livraria da Vila
>>> No Dia dos Pais, boa comida, lugar bacana e MPB requintada são as opções para acertar no presente
>>> Livro destaca a utilização da robótica nas salas de aula
>>> São Paulo recebe o lançamento do livro Bluebell
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> Rinoceronte, poemas em prosa de Ronald Polito
>>> A forca de cascavel — Angústia (FUVEST 2020)
>>> O reinado estético: Luís XV e Madame de Pompadour
>>> 7 de Setembro
>>> Outros cantos, de Maria Valéria Rezende
>>> Notas confessionais de um angustiado (VII)
>>> Eu não entendo nada de alta gastronomia - Parte 1
>>> Treliças bem trançadas
>>> Meu Telefunken
>>> Dor e Glória, de Pedro Almodóvar
Colunistas
Últimos Posts
>>> Revisores de Texto em pauta
>>> Diogo Salles no podcast Guide
>>> Uma História do Mercado Livre
>>> Washington Olivetto no Day1
>>> Robinson Shiba do China in Box
>>> Karnal, Cortella e Pondé
>>> Canal Livre com FHC
>>> A história de cada livro
>>> Guia Crowdfunding de Livros
>>> Crise da Democracia
Últimos Posts
>>> Uma crônica de Cinema
>>> Visitação ao desenho de Jair Glass
>>> Desiguais
>>> Quanto às perdas I
>>> A caminho, caminhemos nós
>>> MEMÓRIA
>>> Inesquecíveis cinco dias de Julho
>>> Primavera
>>> Quando a Juventude Te Ferra Economicamente
>>> Bens de consumo
Blogueiros
Mais Recentes
>>> Ser intelectual dói
>>> O Tigrão vai te ensinar
>>> O hiperconto e a literatura digital
>>> Aberta a temporada de caça
>>> Se for viajar de navio...
>>> Incompatibilidade...
>>> Alguns Jesus em 10 anos
>>> Blogues: uma (não tão) breve história (II)
>>> Picasso e As Senhoritas de Avignon (Parte I)
>>> Asia de volta ao mapa
Mais Recentes
>>> O Livro da moda de Alexandra Black pela Publifolha (2015)
>>> Rejuvelhecer a saude como prioridade de Sergio Abramoff pela Intrinseca (2017)
>>> O livro das evidencias de John Banville Tradução Fabio Bonillo pela Biblioteca Azul - globo (2018)
>>> O futebol explica o Brasil de Marcos Guterman pela Contexto (2014)
>>> O Macaco e a Essencia de Aldous Huxley pela Globo (2017)
>>> BATISTAS, Sua Trajetória em Santo Antônio de Jesus: o fim do monopólio da fé na Terra do Padre Mateus de Jorgevan Alves da Silva pela Fonte Editorial (2018)
>>> Playboy Bárbara Borges de Diversos pela Abril (2009)
>>> Sarah de Theresa Michaels pela Nova Cultural (1999)
>>> A Bela e o Barão de Deborah Hale pela Nova Cultural (2003)
>>> O estilo na História. Gibbon & Ranke & Macaulay & Burckhardt de Peter Gay pela Companhia das Letras (1990)
>>> Playboy Simony de Diversos pela Abril (1994)
>>> Invasão no Mundo da Superfície de Mark Cheverton pela Galera Junior (2015)
>>> José Lins Do Rego- Literatura Comentada de Benjamin Abdala Jr. pela Abril Educação (1982)
>>> A modernidade vienense e as crises de identidade de Jacques Le Rider pela Civilização Brasileira (1993)
>>> Machado De Assis - Literatura Comentada de Marisa Lajolo pela Abril Educação (1980)
>>> A Viena de Wittgenstein de Allan Janik & Stephen Toulmin pela Campus (1991)
>>> O Velho e o Mar de Ernest Hemingway pela Círculo do livro (1980)
>>> Veneno de Alan Scholefield pela Abril cultural (1984)
>>> O Livreiro de Cabul de Asne Seierstad pela Record (2007)
>>> Os Dragões do Éden de Carl Sagan pela Francisco Alves (1980)
>>> O Espião que sabia demais de John Le Carré pela Abril cultural (1984)
>>> Administração de Materiais de Jorge Sequeira de Araújo pela Atlas (1981)
>>> Introdução à Programação Linear de R. Stansbury Stockton pela Atlas (1975)
>>> Como lidar com Clientes Difíceis de Dave Anderson pela Sextante (2010)
>>> As 3 Leis do Desempenho de Steve Zaffron e Dave Logan pela Primavera (2009)
>>> Curso de Educação Mediúnica 1º Ano de Vários Autores pela Feesp (1996)
>>> Recursos para uma Vida Natural de Eliza M. S. Biazzi pela Casa Publicadora Brasileira (2001)
>>> Jesus enxuga minhas Lágrimas de Elza de Almeida pela Fotograma (1999)
>>> As Aventuras de Robinson Crusoé de Daniel Defoe pela LPM Pocket (1997)
>>> Bulunga o Rei Azul de Pedro Bloch pela Moderna (1991)
>>> Menino de Engenho de José Lins do Rego pela José Olympio (1982)
>>> Terra dos Homens de Antoine de Saint-Exupéry pela Nova Fronteira (1988)
>>> O Menino de Areia de Tahar Ben Jelloun pela Nova Fronteira (1985)
>>> Aspectos Endócrinos de Interesse à Estomatologia de Janete Dias Almeida pela Unesp (1999)
>>> Nociones de Historia Linguística y Estetica Literaria de Antonio Vilanova- Nestor Lujan pela Editorial Teide/ Barcelona (1950)
>>> El Estilo: El Problema y Su Solucion de Bennison Gray pela Editorial Castalia/ Madrid (1974)
>>> El Cuento y Sus Claves de Raúl A. Piérola/ Alba Omil (profs. Univ. Tucumán pela Editorial Nova, Buenos Aires (1955)
>>> Las Fuentes de La Creacion Literaria de Carmelo M. Bonet pela Libr. del Collegio/ B. Aires (1943)
>>> As Hortaliças na Medicina Doméstica/ Encadernado de Alfons Balbach pela A Edificação do Lar (1976)
>>> A Flora Nacional na Medicina Doméstica de Alfons Balbach pela A Edificação do Lar
>>> Arlington Park de Rachel Cusk pela Companhia das Letras (2007)
>>> Muitas Vidas, Muitos Mestres de Brian L Weiss pela Salamandra (1991)
>>> As Frutas na Medicina Doméstica de Alfons Balbach pela A Edificação do Lar
>>> Coleção Agatha Christie - Box 8 de Agatha Christie; Sonia Coutinho; Archibaldo Figueira pela HarperCollins (2019)
>>> As Irmãs Aguero de Cristina García pela Record (1998)
>>> Não Faça Tempestade Em Copo Dágua no Amor de Richard Carlson pela Rocco (2001)
>>> Um Estudo Em Vermelho - Edição De Bolso de Arthur Conan Doyle pela Zahar (2013)
>>> Eu, Dommenique de Dommenique Luxor pela Leya (2011)
>>> Os Cavaleiros da Praga Divina de Marcos Rey pela Global (2015)
>>> O Futuro da Filosofia da Práxis de Leandro Konder pela ExpressãoPopular (2018)
COLUNAS

Quinta-feira, 5/2/2009
Governo retrógrado, caranguejo ou ximbica?
Valdemir Martins

+ de 3600 Acessos
+ 2 Comentário(s)

Todos se lembram do fantástico crescimento dos chamados Tigres Asiáticos há alguns anos, o que garante a países como Índia, Coréia do Sul, Indonésia e Vietnã, fôlego ainda nesta massacrante crise global. Esses países sobreviveram e sobressaem, após destrutivos conflitos sociais e guerras arrasadoras, graças a inteligentes investimentos feitos em seus países por governantes com visão de futuro, forte nacionalismo e extraordinário feeling com relação à educação de seus povos e às pesquisas tecnológicas. São nações hoje com singular domínio do que devem fazer perante esta colossal crise econômica que arrasta poderosos estados em suas marés. Os tigres tornaram-se gatos, mas não foram para o frigorífico. Como felinos, são espertos o suficiente para manterem suas diretrizes equacionadas de crescimento econômico-social.

Na contramão dos felinos asiáticos, os vira-latas latino-americanos, comandados pela trupe Morales/Lula/Chavez, com o indefectível lastro insular da família Castro, estão mais preocupados com suas imortalidades e perpetuação de suas espécies. Aqui nos lados tupiniquins e tupinambás, as marolinhas do Lula estão se transformando em autênticos tsunamis, graças a uma visão extremamente oblíqua das hostes econômicas das profundezas pantanosas do PT com relação à crise mundial. Como tudo neste país se torna verdadeiro após o Carnaval, aguardem, então, as avalanches.

E o que faz este Governo? E o que faz, além de ameaçar, punir empresas que precisam demitir ou negociar empregos para sobreviver? E o que faz, além de tentar preservar empregos na construção civil e no setor automotivo ― maiores empregadores nacionais ― com o inescrupuloso e indissimulável foco na eleição presidencial de 2010, tentando garantir os votos desses trabalhadores? Simples resposta, que está na mídia: burocratizou a importação de produtos estratégicos para a nossa economia e baixou um bloqueio retrógrado no Orçamento da União. Privilegiando somente os setores estrategicamente políticos e as obras do PAC ― a suja bandeira da campanha presidencial do PT ― em detrimento da Educação, da Cultura, do Turismo, do Esporte, do Meio Ambiente e da Tecnologia.

Quando assumiu seu primeiro mandato, Lula não teve a coragem de efetivar suas promessas de campanha, principalmente no que diz respeito à política econômica. Manteve ― e também nisso ele foi esperto ― a cartilha criada desde o governo Itamar, pela equipe formada e liderada por Fernando Henrique, responsável inclusive pela criação do Plano Real que, afinal e apesar de tudo, deu certo. A equipe de Lula soube gerenciar a economia, então, sob a égide da cartilha e se deu bem, colhendo continuamente só os louros e assumindo indecorosamente como trabalho seu. Porém, a falta de visão, previsão e competência na gestão das coisas públicas levou-os agora, numa situação inusitada, não prevista na cartilha, a meter os braços pela calças.

Comecemos com a recente nota, sim, nota, baixada pelo Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior com novas medidas burocráticas para a entrada de produtos no país, as chamadas importações. Só que esse governo o fez no susto do desequilíbrio negativo da balança comercial, pois nem isso conseguiu prever. Após a avalanche de críticas empresariais e de respeitáveis economistas, o Ministério justificou com a seguinte expressão oficial: "trata-se de um procedimento usual no comércio internacional para fins de monitoramento estatístico". Não deu vinte e quatro horas e o mesmo Governo voltou atrás, suspendendo a nova regra de importações. Pelo menos para isso teve bom senso, pois, se não o fizesse, começaria a faltar matérias-primas para produtos brasileiros destinados à exportação, a inflação seria facilitada e a balança comercial quebraria de vez. Um belíssimo exemplo de "tiro no pé" para se usar em conversas e até em aulas e palestras. Aproveite que o Governo lhe deu essa chance.

Por outro lado, como se não fosse já o suficiente, o Ministério do Planejamento acaba de cortar "preventivamente" R$ 37,2 bilhões do Orçamento da União para 2009. Os gastos com investimentos foram os mais atingidos. Passaram de R$ 48,2 bilhões para R$ 33,5 bilhões, mas o governo faz questão de dizer que a menina dos olhos do PAC está preservada. As pastas mais prejudicadas foram as do Turismo e do Esporte, com cortes respectivos de 95,6% e 94,5%. A pasta do Turismo é um simples cabide de empregos e o Governo não tem a hombridade de assumir que neste país o Turismo pode ser um grande arrecadador de divisas. Tanto não tem visão que até bem pouco tempo a blue eyes Marta "Relaxa e Goza" chefiava esse Ministério, por absoluta conveniência política e não por se tratar de um setor economicamente estratégico. O Esporte, apoio e interesses empresariais à parte, para o Governo, é pura diversão.

Num momento onde o mundo e até o novo governo norte-americano estão preocupados com a preservação ecológica, Lula cortou 79% do orçamento do Ministério do Meio Ambiente, que já vive com pouco dinheiro e muito barulho. Seu Ministro arrulha como uma pomba. E só, pois os desmatamentos ilegais na Amazônia apenas diminuíram também em função da crise, e não pela ação do pombo. E o pior, este Governo reduziu a verba para Ciência e Tecnologia, setor onde o mundo hoje tem aumentado o investimento, exatamente como uma das armas para sair da crise, com inovação.

As projeções de queda da arrecadação tributária e de um crescimento econômico menor para 2009, não visíveis para esta turma governamental na época em que anunciaram a "marolinha", fez agora seus integrantes borrarem as calças com medo do que vem por aí ­ e com o frio no estômago de perder as eleições. A ponto de seu titular não ter a visão de estadista para investir no futuro da nação brasileira. Seu investimento único e exclusivo, a exemplo dos irmãos Castro, de Hugo Chavez e de Evo Morales, como já disse, é da perpetuação. Assim, continuaremos a ser os vira-latas, enquanto os gatos asiáticos, sem dúvidas e sem tropeços, voltarão a ser tigres.


Valdemir Martins
São Paulo, 5/2/2009


Quem leu este, também leu esse(s):
01. Houston, we have a problem de Renato Alessandro dos Santos
02. Domingão, domingueira de Ana Elisa Ribeiro
03. A Copa, o Mundo, é das mulheres de Luís Fernando Amâncio
04. A cidade e o que se espera dela de Luís Fernando Amâncio
05. De pé no chão (1978): sambando com Beth Carvalho de Renato Alessandro dos Santos


Mais Valdemir Martins
* esta seção é livre, não refletindo necessariamente a opinião do site

ENVIAR POR E-MAIL
E-mail:
Observações:
COMENTÁRIO(S) DOS LEITORES
18/2/2009
08h39min
O governo estabelecido segue um sistema político e econômico, que é o mesmo sistema do processo de globalização, que é o mesmo sistema dos articuladores da crise, que é o mesmo sistema de quem mantém a desigualdade no mundo. Portanto, há desgoverno por toda a parte da Terra, e com o PT não é diferente, pois alimenta o mesmo time e estuda na mesma escola em que há uma aplicação neoliberal. Outro mundo é possível, se um novo fantasma rondar as idéias e novas ações forem implementadas. Pois só há revolução com teorias revolucionárias.
[Leia outros Comentários de Manoel Messias Perei]
18/2/2009
19h19min
Se você acha que "Indonésia e Vietnã (...) sobreviveram e sobressaem (...) graças a inteligentes investimentos feitos em seus países por governantes com visão de futuro, forte nacionalismo e extraordinário feeling...", posso pedir seus óculos cor-de-rosa emprestados?
[Leia outros Comentários de Felipe Pait]
COMENTE ESTE TEXTO
Nome:
E-mail:
Blog/Twitter:
* o Digestivo Cultural se reserva o direito de ignorar Comentários que se utilizem de linguagem chula, difamatória ou ilegal;

** mensagens com tamanho superior a 1000 toques, sem identificação ou postadas por e-mails inválidos serão igualmente descartadas;

*** tampouco serão admitidos os 10 tipos de Comentador de Forum.




Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




GUIA DE RESTAURANTES - SÃO PAULO - 2007
JOSIMAR MELO
DÓREA BOOKS
(2007)
R$ 11,00



ROYAL PHILHARMONIC ORCHESTRA + CD!
RICHARD WAGNER
PUBLIFOLHA
(2005)
R$ 13,00



PEQUENA VIAGEM PELO MUNDO DA PINTURA
HILDEGARD FEIST
MODERNA
(2005)
R$ 15,00



HISTÓRIAS DE JACK (LONDON)
JACK LONDON
CULTRIX
(1964)
R$ 13,00
+ frete grátis



LANCE MAIOR
SYLVIO BACK
IMAGO
(2008)
R$ 4,00



CORAÇÕES SUJOS
FERNANDO MORAIS
CIA DAS LETRAS
(2000)
R$ 42,00



MEMÓRIAS DE GUERRA - O VATICANO E A ITÁLIA NAS DUAS GUERRAS MUNDIAIS
CARLOS MAGALHÃES DE AZEREDO
ACADEMIA BRASILEIRA DE LETRAS
(2004)
R$ 20,00



Nº 625 - REVISTA X-9
NORMAN A. DANIELS / BENTON BRADEN / OUTROS
RIO GRÁFICA
R$ 8,11



A BRUXA DE PORTOBELLO
PAULO COELHO
PLANETA
(2006)
R$ 8,00



MUITO BARULHO POR NADA - SÉRIE REENCONTRO - 1ª ED.
WILLIAM SHAKESPEARE / LEONARDO CHIANCA (TRAD.)
SCIPIONE
(2000)
R$ 14,00





busca | avançada
49568 visitas/dia
1,2 milhão/mês