busca | avançada
38130 visitas/dia
1,3 milhão/mês
Sexta-feira, 27/5/2005
Sobre blogs e blogueiros
Daniela Castilho

O que eu considero mais importante no que é chamado por muitos de "fenômeno dos blogs" é que, usando as melhores características que a internet possui - a tendência ao caos e a liberdade de expressão - os blogs permitem que pessoas muito interessantes expressem a si mesmas. Eu não enxergo a blogsfera como um fenômeno jornalístico ou literário, não superestimo nem subestimo a simples existência dos blogs, não acredito que um ou vários blogs vão mudar o mundo: a maioria dos blogs que hoje são notícia, que são considerados importantes ou que são apenas populares simplesmente desaparecerão em alguns anos e serão totalmente esquecidos.

Volatilidade é a principal característica da internet
Talvez pelo fato do meio ser eletrônico e bastar um comando de delete para que um site inteiro seja pulverizado, talvez porque basta acabar a luz ou acontecer um defeito no computador para arquivos desaparecem, o fato é que a rede de computadores mundial não perpetua nada: qualquer coisa pode desaparecer em segundos, sem deixar rastro e ser rapidamente esquecida. Poucos saberiam citar de memória algum site ou página pessoal que tenha sido notícia há dez anos, que tenha sido destaque em alguma das também já desaparecidas revistas de internet - aquelas que traziam coleções de bookmarks, lembram delas? A memória, na internet é ainda mais volátil que no mundo real.

As páginas pessoais hospedadas em servidores gratuitos - tipo Geocities, AcmeCity, Fortunecity, etc. - foram febre na década de 90, seguidas pela febre dos sites de webcam, os grupos Yahoo!, os fóruns. Todas essas febres foram passageiras - e esquecidas. Quem saberia citar de memória hoje um endereço ou nome de uma página pessoal que foi famosa nos idos de 90? Quem lembra da Jennicam, ou da página pessoal do Turco Louco? E todos eles foram visitados por milhares de pessoas, foram considerados revolucionários, cada um a seu tempo - tudo isso, em um espaço de apenas dez anos, o que não é muito tempo.

E o que são os blogs?
Os blogs são simplesmente um espaço pessoal onde as pessoas podem exercitar e expressar a si mesmas, usando uma ferramenta simples e eficiente que permite que qualquer pessoa monte um sistema de publicação rapidamente, e passe a publicar o que quiser - sejam confissões do tipo diarinho, fotos da sua turma, contos, ensaios ou qualquer outra coisa - quando e de onde quiser.

A concepção do espaço pessoal virtual não mudou muito em pouco mais de uma década; o que mudou foi a ferramenta. Existe pouca diferença entre as antigas páginas pessoais hospedadas na Geocities e os blogs de hoje. O sistema de publicação dos blogs apenas concedeu maior autonomia e versatilidade às pessoas. O fato de existirem blogs jornalísticos, literários ou artísticos se deve ao fato de que o ser humano possui muitas facetas; todos os blogs têm seu lugar na Web, democraticamente, independente do assunto - como acontecia com as antigas páginas pessoais.

O principal elemento diferencial de um blog é quem é o dono dele e o que essa pessoa escreve. Blogs são interessantes porque as pessoas por trás deles são interessantes. Dizer que os blogs são um "grande fenômeno" é ser historicamente redundante e superestimar a ferramenta: as páginas pessoais já foram consideradas fenônemo, bem como os sites de webcam e os fotologs. Cada tecnologia é considerada "um fenômeno" enquanto está na moda, mas é rapidamente substituída por alguma outra coisa.

A essência da internet é que permanece imutável, o que importa, o grande fenômeno real é a rede em si e a liberdade de expressão e interatividade que proporciona às pessoas - seja em blogs, páginas pessoais, fotologs ou no Orkut.

Alguns blogs brasileiros
André Lemos - Um dos papas da cibercultura no Brasil, o professor-doutor da UFBA André Lemos tem um blog onde posta comentários sobre cibercultura, com uma coleção de links extremamente interessante.

Dudi Maia Rosa - O Dudi é artista plástico. Seu blog é silencioso, poucas palavras, muitas imagens: cartas, desenhos de seus filhos, esboços, fotos que ele tira pelas ruas. Dudi não tem preocupação em montar narrativas, nem em se explicar. São "reflexões imagéticas", é um blog no estilo "vamos olhar o que acontece na cabeça desse artista plástico", quase um "quero-ser-Dudi-Maia-Rosa".

Reduto do Comodoro - Blog do cineasta Carlos Reichenbach. Não há muito mais a ser dito, exceto uma coisa: ele linca e comenta blogs de cinéfilos que entram em contato com ele e trata todos com aquela sua simpatia característica.

Marcelo Tas - O Tas é um cara muito interessante. Quem tem menos de 30 anos não tem idéia de quem era "Ernesto Varela" ou como o Tas simplesmente foi entrando pela porta da frente da TV, da imprensa, da multimídia, sem perguntar se podia fazer isso. Em tempos onde jornalistas ficam por aí apavorados com o que é que pode acontecer com seus empregos caso eles escrevam isso ou aquilo em blogs, ler o Tas é um alívio: ele fala o que pensa, sem se preocupar se é politicamente correto, se vão gostar, ou se vão jogar tomates virtuais nele.

Cabeza Marginal - Eles são vários - e várias. Homens e mulheres saídos de vários lugares do Brasil que escrevem, pintam, fotografam, fazem poesia e vídeo digital. É um dos poucos "blogs coletivos" que ultrapassou o simples nome de "blog" e pode ser chamado de "movimento artístico". Os "marginais" não se explicam, apenas existem.

Verbeat - Eu gosto muito da turma toda do Verbeat mas tenho um favoritismo explícito e declarado pela Olivia (sem acento). O blog da Olivia (sem acento) chama-se Forsit e é mais que um blog: é um pequeno mundo virtual onde nem sempre as regras de funcionamento são as mesmas do mundo do lado de cá do computador. Olivia promove pequenos jogos de ilusão, fala sobre variados assuntos, faz ficção e pequenos flashmobs. Como ela mesma diz, ela tem um plano para dominar o mundo e, acreditem, deve ser infalível. Leiam aqui a explicação da Olivia do porquê de ninguém levar blogs a sério.

O homem da cartola e seus amigos "de direita": os Wunderblogs - Não tem como falar de blog e não citar o Monsieur "ASS" e seus cúmplices. Os Wunderblogs são a prova viva de que muita gente leva blog a sério demais: eles têm uma vasta torcida do tipo "ame ou odeie".

Bibi Box - Coleções de links, comentários sobre notícias. Tem de tudo um pouco, fotografia, cinema, quadrinhos, comidas estranhas, posters.

URLs Sinistras - Blog de Fábio Caparica com os endereços interessantes que ele vai encontrando pela Web. Você encontra coisas que não imaginaria que existem na internet.

Copy & Paste - Outro blog que existe há bastante tempo, desde 2002. É um blog dedicado a copiar e publicar posts de outros blogs, uma espécie de "compêndio" da blogsfera, o que dá oportunidade de sempre estar lendo "o melhor da blogsfera" e conhecer novos blogs.

Brainstorms - É um blog sobre publicidade, trazendo as propagandas e campanhas mais criativas, as premiadas e as mais polêmicas, com fotos e download dos vídeos.

Carreira Solo - Um blog para auxiliar as pessoas que são empreendedoras; traz entrevistas, dicas, reportagens e histórias de sucesso.

Blogs pelo mundo: idéias originais e surpreendentes
William Gibson - O Homem que Inventou o Ciberpunk tem um blog, e posta com alguma regularidade falando de cibercultura.

Neil Gaiman - O famoso escritor inglês criador do personagem Sandman dos quadrinhos é uma pessoa acessível, simpática e em seu blog conta sobre o que tem feito, responde e-mails de fãs e fala de seus livros.

Random Acts of Logic - O blog de Eric Grow, onde ele reflete sobre sua cultura de uma forma geral. Como ele mesmo diz: "We all have a unique outlook on life. This is mine. Enjoy".

The News Blog by Steve and Jen - Notícias do mundo, comentadas.

Modern Art Notes - Tyler Green's modern and contemporary art blog - um blog sobre arte contemporânea, comentando exposições e notícias.

Boing Boing - Como o nome do blog diz, é "um diretório de coisas maravilhosas". Notícias, curiosidades, lendas e fofocas.

We Make Money not Art - Invenções estranhas e objetos interessantes. Estranhos e incomuns "objetos de consumo".

Apartment Therapy - Um dos blogs mais divertidos e criativos da blogsfera: a proposta é manter os leitores informados sobre decoração para apartamentos minúsculos, provendo os leitores com links e sugestões para implementar os pequenos espaços, deixá-los mais agradáveis e promover concursos de fotos desses pequenos apartamentos.

Post Secret - É um projeto muito interessante e sério: as pessoas são convidadas a enviar cartões postais de forma anônima para uma caixa postal contando um segredo que jamais contaram antes. Os cartões postais surpreendem pela criatividade e beleza.

Nota do Editor
Daniela Castilho é designer, diretora de arte e assina o blog MadTeaParty.

Daniela Castilho
São Paulo, 27/5/2005

 

busca | avançada
38130 visitas/dia
1,3 milhão/mês