Tudo é ruim? | Gian Danton

busca | avançada
29020 visitas/dia
891 mil/mês
Mais Recentes
>>> CRIANÇAS DE HELIÓPOLIS REALIZAM CONCERTO DE GENTE GRANDE
>>> Winter Fest agita Jurerê Internacional a partir deste final de semana
>>> Coletivo Roda Gigante inicia temporada no Jazz B a partir de 14 de julho
>>> Plataforma Shop Sui dança dois trabalhos no Centro de Referência da Dança
>>> Seminário 'Dança contemporânea, olhares plurais'
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> Leminski, estações da poesia, por R. G. Lopes
>>> Crônica em sustenido
>>> Do inferno ao céu
>>> Meninos, eu vi o Bolsonaro aterrando
>>> Manual para revisores novatos
>>> A Copa, o Mundo, é das mulheres
>>> O espelho quebrado da aurora, poemas de Tito Leite
>>> Carta ao(à) escritor(a) em sua primeira edição
>>> Paris branca de neve
>>> A cidade e o que se espera dela
Colunistas
Últimos Posts
>>> Mirage, um livro gratuito
>>> Lançamento de livro
>>> Jornada Escrita por Mulheres
>>> Pensar Edição, Fazer Livro 3
>>> Juntos e Shallow Now
>>> Dicionário de Imprecisões
>>> Weezer & Tears for Fears
>>> Gryphus Editora
>>> Por que ler poesia?
>>> O Livro e o Mercado Editorial
Últimos Posts
>>> É cena que segue...
>>> Imagens & Efeitos
>>> Segredos da alma
>>> O Mundo Nunca Foi Tão Intenso Nem Tão Frágil
>>> João Gilberto
>>> Retalhos ao pôr do sol
>>> Pelagem de flor: AMARELO
>>> Muriel e o vovô
>>> Opção de cada um
>>> Páginas pautadas
Blogueiros
Mais Recentes
>>> Fritas acompanham?
>>> K 466
>>> O próximo do Woody Allen
>>> Terror em São Paulo
>>> Anna Schwartz sobre a crise
>>> A volta da Mad
>>> Espelho
>>> Syd Barrett no YouTube
>>> Lançamento de livro
>>> Música Folclórica: Bahia Singular e Plural
Mais Recentes
>>> A jangada de pedra de José Saramago pela Record-Altaya (1998)
>>> A grande arte de Rubem Fonseca pela Record - Altaya (1998)
>>> Lembranças da meia-noite de Sidney Sheldon pela Record (2014)
>>> Primeiro amor de Ivan Turguêniev pela Lpm (2008)
>>> A mágica de pensar grande de David J. Schwartz pela Record (1994)
>>> Conviviologia de Ilie Gilbert pela Ibrasa (1979)
>>> O ateneu de Raul Pompeia pela Martin Claret (2000)
>>> Brasíliana da biblioteca Nacional de Paulo Roberto Pereira pela Nova Fronteira (2001)
>>> Interesse Público: Doutrina/ Caderno de Direito Municipal ... de Marco Antonio C. Paixão: Diretor pela Notadez (2000)
>>> Sistemas de Registros de Imóveis (encadernado/ Com Sobre Capa) de Maria Helena Diniz pela Saraiva/ Sp. (1997)
>>> Direito Processual do Trabalho- Curso de Revisão e Atualização de Candy Florencio Thome/ Rodrigo Garcia Schwarz: Coord. pela Elsevier/ Campus (2011)
>>> Livro Como Chegar ao Sim - A negociação de acordos sem concessões de Roger Fisher pela Imago (2005)
>>> Natureza das Normas Sobre Provas de Hermenegildo de Souza Rego pela Revista dos Tribunais/ SP. (1985)
>>> Leasing: Arrendamento Mercantil no Direito Brasileiro de Arnaldo Rizzardo pela Revista dos Tribunais/ SP. (1996)
>>> Técnicas Straight-Wire Simplificada de Messias Rodrigues pela Dental Press (2011)
>>> Dynamics of Complex Systems de Yaneer Bar-Yam pela Perseus Book (2000)
>>> Livro Flor da neve e o leque secreto de Lisa See pela Rocco (2005)
>>> Responsabilidade Civil: Aquiliana.- Contratual e do Estado de Humberto Theodoro Júnior (Autografado) pela Leud; Livr. Ed. Direito (1986)
>>> Livro Jogos para Atores e Nao-atores de Augusto Boal pela Civilização Brasileira (2009)
>>> Prótese Fixa - Atualidades e Perspectivas de Antonio Domingos Bassanta e Danielle S. Bassanta pela Sarvier (1997)
>>> O Manifesto da Economia Digital de Rick Levine - Cristopher Locke - Doc Searls pela Campus (2000)
>>> Euclidean and Non euclidean Geometries Development and History - 3ª edition de Marvin Jay Greenberg pela W.H.freemann (1997)
>>> Livro Shakespeare: Uma Vida de Park Honan pela Companhia das Letras (2001)
>>> As Lições de Outubro de Leon Trotsky pela Global/ SP. (1976)
>>> Relações de Trabalho e Negociação Coletiva na virada de Antonio Carvalho Neto pela Vozes (2001)
>>> Boris Yeltsin: Biografia Política de Vladimir Solovyov / Elena Klepikova pela Rocco/ RJ. (1993)
>>> Livro Dicionário Teórico e Crítico de Cinema de Jacques Aumont pela Papirus (2010)
>>> S. Bernardo de Graciliano Ramos pela Record (2003)
>>> As Mecânicas do Tratamento Ortodôntico e o Aparelho Pré-Ajustado de J. C. Bennett e R. P. McLaughlin pela Artes Médicas (1996)
>>> O Político E As Transformações: Crítica ao Capitalismo e Ideologias da Crise Entre Os Anos Vinte e Trinta de Giacomo Marramao pela Oficina de Livros: Página Aberta (1990)
>>> Livro Cinema e Politicas de Estado - Vol.1 de Melina Izar Marson pela Escrituras (2009)
>>> Psicoterapias: Abordagens Atuais de Aristides Volpato Cordioli: Organizador pela Artmed (1998)
>>> Medicina Intensiva Em Pediatria de Piva & Celiny pela Revinter (2005)
>>> Ensine Ciência a seu Filho de Michael Shermer pela Jsn (2011)
>>> Livro Cinema - Direção de Atores de Carlos Gerbase pela Artes e Ofícios (2010)
>>> O homem que fazia chover de Edson Amâncio pela Barcarolla (2006)
>>> Química - Volume único de João Usberco, Edgar Salvador pela Saraiva (2013)
>>> Sentença Civil: Liquidação e Cumprimento de Luiz Rodrigues Wambier pela Revista dos Tribunais (2005)
>>> A Clínica de Dor - Organização, Funcionamento e Bases Científicas de Antônio Bento de Castro pela Maio (2003)
>>> Livro O Tartufo ou o Impostor de Moliére pela Martin Claret (2005)
>>> Livro Hamlet de William Shakespeare pela Martin Claret (2000)
>>> Livro Dicionário de Teatro de Luiz Paulo Vasconcellos pela L&PM Pocket (2009)
>>> Livro A Águia e a Galinha de Leonardo Boff pela Vozes (2010)
>>> Gorbachiov - Reagan- um Passo para a Paz: Acordos Sobre a Eliminação de Mísseis Firmados entre URSS e EUA de Gorbachiov - Reagan pela Revan (1988)
>>> Livro Shakespeare e a Economia de Gustavo Franco pela Zahar (2009)
>>> Como a Criança Pensa - A psicologia de Piaget e suas aplicações educacionais de Ruth M. Beard pela Ibrasa (1978)
>>> Livro As Alegres Matronas de Windsor de William Shakespeare pela L&PM Pocket (2007)
>>> Itinerário de Pasárgada de Manuel Bandeira pela Nova Fronteira/ RJ. (1998)
>>> Livro Macbeth de William Shakespeare pela L&PM Pocket (2009)
>>> Livro O Doente Imaginário de Moliére pela Martin Claret (2005)
COMENTÁRIOS

Segunda-feira, 16/9/2002
Comentários
Leitores


Tudo é ruim?
Olá Felipe! Agradeço muito seu comentário. Entretanto, considero sua postura muito apocaliptica. Por que a cultura pop nunca pode ser crítica? Por que nunca pode ser arte? A postura de Adorno e da Escola de Frankfurt como um todo não esconde um certo medo do novo? Uma neofobia? Como Sócrates dizendo que a escrita ia acabar coma inteligência humana porque as pessoas não iam precisar mais usar a memória?

[Sobre "Cultura pop"]

por Gian Danton
16/9/2002 às
18h09 200.242.96.2
(+) Gian Danton no Digestivo...
 
Conselhos de amigo...
1- Para sanar os sintomas imediatos de falta de alegria, amor e tesão, recomendo que você, Eduardo, realize experiências sexuais e lúdicas mais constantes (principalmente com judeus, comunistas, negros e alunos ou alunas da FFLCH - você vai se surpreender...) alternando-as com a participação, ao menos eventual, em rituais e danças exóticas que celebrem a paz entre os homens e o equilíbrio destes com a natureza. 2- Como medicina preventiva, para evitar futuras frustações e desilusões traumáticas, recomendo que você estude um pouco mais (principalmente história e cultura ocidental) antes de sair por aí se gabando por ser muito inteligente, por estudar na melhor faculdade da América Latina, por fazer parte de uma raça superior e civilizada - a quebra da dogmaticidade pode ser muito dolorosa e, no seu caso, quase irreversível. Cumprindo esses dois procedimentos eu acho que você estará revertendo a relação entre as pulsões thanáticas e eróticas de seu corpo em favor da segunda, que aparenta estar muito recalcada e/ou castrada, em detrimento da primeira. Mais do que isso, fará um grande bem à sociedade se conseguir recomeçar seu desenvolvimento racional e emocional daquele ponto em que ele estagnou por acreditar infantilmente na chegada ao nirvana da raça. Nesse momento, será fundamental o auxílio de um espelho e, condição imprescindível, uma profunda sinceridade consigo e com aqueles que ainda ama: será?

[Sobre "Festa na floresta"]

por Danilo (FFLCH)
16/9/2002 às
15h02 200.204.105.89
(+) Danilo (FFLCH) no Digestivo...
 
Sou da sua turma.
Eu faço parte da turminha do "concordo-parabéns-e-que-texto-mais-brilhante-o-seu-Eduardo". Parabés, Eduardo. Fez ótima escolha trocando a USP pela GV. Textos como os seus fazem falta na grande imprensa. Você é da mesma turma do Francis, do Giron, do Forastieri, do Tognolli, do Tinhorão. Estou com vocês!

[Sobre "Festa na floresta"]

por Fernando Paiva
16/9/2002 às
14h41 200.170.143.127
(+) Fernando Paiva no Digestivo...
 
Fofa!!!
Helion amiguinho, sei que você fica horrorizado com os erros gramaticais que grassam na web mas vou fazer um esforço para não chatea-lo mais. Agora me faça uma fineza se você puder vir aqui me ensinar como configurar o meu teclado que não sei por que raios reluta em obedecer os comandos digitados principalmente os acentos! Helion tome para você o conselho que eu sugeri para o Eduardo. Pegue um avião e va ate (aposto que você esta se roendo pela ausência de acentos)Itapuã e dê um mergulho para esfriar a cabeçinha! Beijinho, Fofa!!!

[Sobre "Festa na floresta"]

por Aguinaldo Silva
16/9/2002 às
14h53 200.246.210.4
(+) Aguinaldo Silva no Digestivo...
 
velhíssimo calção de banho...
Mas é claro que esperava (tamanha polêmica). A não ser que imaginasse que o texto iria ficar restrito à turminha do "concordo-parabéns-e-que-texto-mais-brilhante-o-seu-Eduardo". Que freqüenta muito essas plagas aqui. Mas fórum de discussão aberta tem dessas coisas: há que se aguentar os discordantes, mesmo que a contragosto. Seria tão mais fácil se fosse possível escrever qualquer coisa sem fundamento e ficar por isso mesmo, não é verdade?/// Última coisa: já sabia que algumas pessoas apelariam, quando faltassem os argumentos, para a "denúncia" de incorreções gramaticais eventualmente presentes nas mensagens discordantes. É, Aguinaldo, usar corretor ortográfico é fácil, escrever com correção é bem mais difícil. Mesmo assim temos que aturar coisas como “extudantes”, “insitiu”, “tio san”, “acita”, “marxistas-xenofobos”. Aliás, qual corretor que você usou e deixou passar essa última expressão? “Ternumakintosh”? Ou “TFPortuguês ao alcance de todos”?

[Sobre "Festa na floresta"]

por Helion
16/9/2002 às
14h12 200.154.218.41
(+) Helion no Digestivo...
 
Um velho calção de banho...
Que maçada! Eduardão, aposto que você não esperava tamanha polêmica acerca da FFLCH. Relaxe meu amigo, nessa terra quem ousa por a mão em certos vespeiros sempre acaba sendo picado pela ignorância dos xiitas-marxistas-xenofobos-arrogantes etc... Abraço e boa sorte!!!

[Sobre "Festa na floresta"]

por Aguinaldo Silva
16/9/2002 às
13h49 200.246.210.4
(+) Aguinaldo Silva no Digestivo...
 
Evitem sujar o meu tapete
Recomendo aos próximos visitantes que se comportem. E isso não significa concordar com as minhas opiniões. É que eu não tenho tempo nem paciência para responder individualmente aos absurdos que alguns de vocês tem coragem de escrever. E também acho que isso é completamente desnecessário, porque todos eles são, repito, comentários-suicidas, que revelam a ignorância e a imbecilidade do autor no conteúdo delirante e no estilo arrepiante em que são escritos.
Isso é óbvio para os leitores educados, com os quais compartilho os meus pêsames. O resto, remeto novamente ao meu texto; vocês conseguiram comprovar com extraordinária precisão afirmações como esta: os futuros historiadores são, com mais de 20 anos de idade, analfabetos funcionais e alucinados incorrigíveis. Ou então, da próxima vez, por favor: pegaria menos mal se vocês usassem o revisor ortográfico e gramatical de Português disponível no Word. Eu não entendo dialetos tribais utilizados em florestas remotas. Muito obrigado pela compreensão, beijos e abraços,
Eduardo

[Sobre "Festa na floresta"]

por Eduardo
16/9/2002 às
13h02 200.183.87.41
(+) Eduardo no Digestivo...
 
Cultura Pop
Olá Gian, Legal o assunto tratado, mas tenho algumas opiniões que possa enriquecer um debate neste assunto tão importante. A Cultura Pop NASCEU de um único objetivo CENTRAL, - entrenimento que visa o lucro (ponto final). Esse é o seu fundamento, mas até pode haver algumas vantagens nisso. Na sua produção, esse entretenimento não pode ter uma visão crítica, a não ser se essa for mascarada. Porque não pode ter uma visão critica. Por que não vende em quantidade. A estética POP possui suas fórmulas, e estar precisam usadas. O exemplo é o K.Reaves no Matrix, era preciso um astro do cinema Holly, para passar uma mensagem e vender bastante também. De sua estrutura de fabricação logo nasceu sua concepção de "massa", de homogenização, POP (POPULAR). Por essencia de seu propósito, não busca em seu conteúdo e muito menos em sua forma ser inovadora, crítica ou provocadora. Porém, temos que analisar que a Cultura Pop é só um veículo que o mercado tem em mãos para venda. Se a crítica virar POP, a critica será vendida. Tome como exeplo o RAGE AGAINST THE MACHINE, onde tanto como conteúdo e forma criticam o sistema em que a cultura pop reina descaradamente, e este grupo é tratado pela mesma gravadora que a Madonna, a rainha POP. O que temos em muitas vezes, é a mascaração na estética POP, por uma critica construtiva ou evolutiva. Isto é, usando a forma que chegue a massa, possuindo um conteúdo em entre linhas de maneira construtiva. Isso pode entendido nos quadrinhos comentado, em filmes, nas músicas.... Mas isso não caracteriza a Cultura POP como tal. A CUltura POP pertence à um movimento que acabou de vez com a ARTE, que foi sem dúvida o Pós-modernismo. A arte vem do nada para o nada, tudo é arte, tudo é nada. Apaga-se o teor construtivo, da escola, das tradições. A arte deve ser entendida como um fator solto no espaço e no tempo. E aí surgiu a estética POP. uma estética padronizada, desde Adorno até os dias de hoje. É a maneira de atingir muitos e milhares, de gostos diferentes, de vidas diferentes....é superficial ao máximo, exatamente para atingir um maior número de pessoas. É impossível, dividir Cultura POP,da Indústria- ela é a própria. É a que financia a indústria, principalmente a do entrenimento. Temos que analisar muito bem; o que é Cultura POP e como ela é usada. Existem Produtos POP inovadores? Se exite alguém por traz ditando valores e elementos construtivos usando a estética POP, realmente existe, mas de maneira de conteúdo banal e retroativo.... nunca É de se notar que esses exemplos construtivos são mínimos de um total de produtos POPs vendido no mercado.

[Sobre "Cultura pop"]

por Felipe
16/9/2002 às
11h54 200.165.243.60
(+) Felipe no Digestivo...
 

Alexandre: Agradeço a vc por escrever seus artigos aqui no Digestivo. Aproveito para convidá-lo a ler minha coluna em O Indivíduo (www.oindividuo.com), que não é tão boa como a sua, mas faço possível para chegar perto.

[Sobre "Três Idiotas"]

por Martim Vasques
16/9/2002 às
12h23 200.211.120.4
(+) Martim Vasques no Digestivo...
 



[Sobre "Nas garras do Iluminismo fácil "]

por alessandro
16/9/2002 às
10h59 200.186.174.130
(+) alessandro no Digestivo...
 
Julio Daio Borges
Editor
mais comentários

Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




AGORA É PRA VALER! (1315)
MARCIA LUZ AUTOGRAFADO!!
DVS
(2012)
R$ 25,00



ALMA CIGANA
SELENEH DE MEDEIROS
A ESTANTE
(1959)
R$ 29,00



VOCÊ É DO TAMANHO DOS SEUS SONHOS
CÉSAR SOUZA
A NEGÓCIOS
(2009)
R$ 15,00



CAVALEIROS DO ZODÍACO 47
MASAMI KURUMADA
CONRAD
(2003)
R$ 20,00



INTELIGÊNCIA EMOCIONAL E A ARTE DE EDUCAR OS FILHOS
JOHN GOTTMAN
OBJETIVA
(1997)
R$ 19,83



DAS GROßE BUCH DER DINOSAURIER
KLAUS GRÖPEREMARIO KESSLER
LOEWE
(1993)
R$ 72,00



HISTÓRIAS CRÔNICAS E CRÔNICAS AGUDAS
MAURO BARROS E LUIZ CARLOS AUGUSTO (ILUSTRAÇÕES)
LETRAS E VERSOS (RJ)
(2013)
R$ 19,82



ALÉM DOS JARDINS DO IPIRANGA - HISTÓRIA, RESTAURO E VIDA NO PARQUE DA INDEPENDÊNCIA
SHEILA FARAH / IATÃ CANNABRAVA
NEAT SÃO PAULO
(2004)
R$ 30,00



ROLLING MILL PRACTICE
P. POLUKHIN / N. FEDOSOV E A. KOROLYOV
PEACE PUBLISHERS MOSCOW
R$ 15,00



DÉCADA REPUBLICANA - VOLUME 2
CÂNDIDO DE OLIVEIRA
UNB BRASÍLIA
(1986)
R$ 12,00





busca | avançada
29020 visitas/dia
891 mil/mês