busca | avançada
53064 visitas/dia
2,2 milhões/mês
Segunda-feira, 14/4/2008
Comentários
Leitores

Navegabilidade e usabilidade
Atrair a atenção do internauta. É necessário moldar o texto para que ele seja apetitoso em qualquer ambiente onde os bits estiverem presentes. O jornalista deve estar preocupado com os três princí­pios básicos da internet: objetividade, navegabilidade e usabilidade. [Rio de Janeiro - RJ]

[Sobre "Promoção Jornalismo na Internet"]

por Francielle Pinho
14/4/2008 às
16h28

Questão de segundos
Agilidade e praticidade. No primeiro item, por exemplo, o internauta fica sabendo de uma foto quase que imediatamente após o seu acontecimento. Veja: quem não esteve no Morumbi e nem ouviu no rádio nem viu na TV, ficou sabendo que o São Paulo ganhou do Palmeiras no primeiro jogo da semifinal do Paulistão. Isso poucos segundos após a partida terminar. [São Paulo - SP]

[Sobre "Promoção Jornalismo na Internet"]

por Fernando Del Carlo
14/4/2008 às
16h28

habriendo puertas
la rapides con la que se puede enviar un "furo" a redacción y la posibilidad inmediata de remitir fotos o videos, ademas de habrir puertas para jovenes que de otra forma no tendrian oportunidad de mostrar su capacidad. [Montanha - ES]

[Sobre "Promoção Jornalismo na Internet"]

por Gabriel Criscuolo
14/4/2008 às
12h44

Todos os detalhes
A grande diferença é que pela internet a gente não perde nem um detalhe sequer. [Vila de Pitinga - AM]

[Sobre "Promoção Jornalismo na Internet"]

por Luis
14/4/2008 às
12h43

complementariedade
A possibilidade de informações e opiniões mais variadas e desconectadas das formas fixas que por vezes dominam outras mídias. Também a velocidade de informação e complementos, além da possibilidade de ajustar o momento de leitura ao tempo do internauta, fazem da internet um meio cada vez mais popular entre quem procura por notícia de qualidade. [Rio de Janeiro - RJ]

[Sobre "Promoção Jornalismo na Internet"]

por Larissa Helena
14/4/2008 às
12h43

construção jornalí­stica
Além de sua rapidez de disseminação, há a possibilidade de se usar linguagens diferentes da usual e com isso enriquecer o público com o máximo de sentido dado ao fato. Isso também está relacionado com a possibildade do hipertexto que, acima de tudo, faz com que o repertório sobre um fato ou o que for aumente, pois com esse mecanismo o objeto dinâmico é facilmente localizado e ampliado. Outro fator interessante é a possibildade do próprio receptor fazer parte da construção jornalí­stica, dando vazão logí­stica ao fato e aproximando o jornalismo da realidade. [Juiz de Fora - MG]

[Sobre "Promoção Jornalismo na Internet"]

por João Paulo AS
14/4/2008 às
12h42

textos diferentes
O jornalismo praticado na internet se diferencia do jornalismo impresso principalmente por não se pautar por modelos pré-estabelecidos, reservando lugar para textos diferentes. [São Paulo - SP]

[Sobre "Promoção Jornalismo na Internet"]

por Roberta Resende
14/4/2008 às
12h41

entre tese e antítese
O grande diferencial do jornalismo praticado na internet é a possibilidade de sintetização das distintas perspectivas que traduzem a mesma realidade, pois entre a tese e a antítese há inúmeras sinteses orgânicas, e todas elas representam o "umbigo do universo" para o sujeito da análise em questão. Devido ao relativismo conceitual característico da Pós-Modernidade, a internet permite várias interconexões envolvendo todos os minúsculos fragmentos de idéias contidos no texto, criando links diretos com qualquer recôndito do inconsciente coletivo. [Porto Alegre - RS]

[Sobre "Promoção Jornalismo na Internet"]

por Fernando Ernesto
14/4/2008 às
12h41

a segunda chance
O jornalismo praticado na internet possibilita ao jornalista retificar o que disse. Voltar atrás, corrigir. Isso é muito bom e pode evitar brigas e processos. [Bom Despacho - MG]

[Sobre "Promoção Jornalismo na Internet"]

por Lúcio Emí­lio
14/4/2008 às
12h35

Dimensão pequena
Acho que por enquanto só temos visão de uma dimensão muito pequena do que vai ser a diferença entre o jornalismo praticado na internet e nas outras mídias. A rapidez, o instântaneo me fascinam, e esse é o maior diferencial, mas, na média, a qualidade da informação é muito fraca. [São Paulo - SP]

[Sobre "Promoção Jornalismo na Internet"]

por Mario Blander
14/4/2008 às
12h25

Julio Daio Borges
Editor

busca | avançada
53064 visitas/dia
2,2 milhões/mês