busca | avançada
74137 visitas/dia
1,8 milhão/mês
Terça-feira, 16/9/2008
Comentários
Leitores

Hitler e a TV
Excelente! Desde que fiquei sabendo que Hitler havia utilizado a TV para fins bélicos, eu a ignoro... O primeiro sinal de TV do mundo foi para transmitir suas sandices. Belo artigo!

[Sobre "Comunicado importante: TV mata!"]

por cmedeiros
16/9/2008 às
06h24

Só se stressa quem quer
A crônica até vale como humor... Mas o que não dá para entender é porque diabos uma pessoa, que quer RELAXAR assistindo tv, escolhe logo programas como noticiarios, entrevistas, horario politico eleitoral... Eu "assisto" tv (na verdade eu baixo os programas que quero assistir da internet, e isso ja' me livra da ditadura da programacao e de precisar ficar zapeando os canais), mas, como dizia, eu assisto apenas ficcao na tv. Mais precisamente os seriados norte-americanos, como The Big Bang Theory, Boston Legal, Two And a Half Men, Eureka, House, Dexter, Lost e vários outros. E, desta forma, a tv *realmente* me distrai e me faz relaxar. Se alguem se stressa com tv, é porque escolhe os programas errados. Ainda mais se for a porcaria dos programas que compõem a péssima tv brasileira.

[Sobre "Comunicado importante: TV mata!"]

por Rubens
16/9/2008 às
04h50

Menos TV!
Parabéns mais uma vez, Pilar. Delícia de texto, e inteligente. Se mais gente desligasse a TV... que país melhor!

[Sobre "Comunicado importante: TV mata!"]

por Roberta Resende
15/9/2008 às
23h46

Mesmo sem entender, gostei
Bem, apesar de não ter entendio nada, gostei muito, hehehehe Hoje as atitudes alheias estão assim mesmo, ninguém entende mais ninguém e, o que é mais deprimente, ninguém procura entender ninguém. E assim a gente vai vivendo, cada vem mais pensando em ter do que em ser, uma pena! Com isso temos mais stress, angústia e falta de amor. E aí saímos fazendo mazelas dessa natureza huahauhaau Grande abraço, belíssimo texto! Amei...

[Sobre "Parece filme, mas é a vida"]

por Míriam
15/9/2008 às
21h41

Sushi Jazz: obrigatório!
Muito interessante a matéria do Sushi Jazz... Fui conferir e, para mim, deixou de ser mais uma opção em Sampa, passou a ser lugar obrigatório pra curtir boa música e excelente comida com um preço muito convidativo! Indiquei a amigos que também estão aprovando!

[Sobre "Sushi Jazz"]

por Lilian M. Marques
15/9/2008 às
19h26

Uma aula de história
Parabéns pelo excelente texto. É, sem sombra de dúvida, uma aula de história para leigos e adoradores do rock.

[Sobre "Elvis, the Pelvis, faz 50 anos"]

por alberto quirino
15/9/2008 às
15h46

diversificado e interessante
parabens camila, estou mto feliz por ver o seu texto publicado num site tao diversificado e interessante. voce merece esse reconhecimento, um beijo da meg

[Sobre "Parece filme, mas é a vida"]

por magali marinho
15/9/2008 às
14h59

É tudo verdade!
Bravo, Pilar! E você quase me "mata" de tanto rir. E o pior: o que você diz é tudo verdade! Obrigado, pois é muito bom iniciar a segunda na gargalhada.

[Sobre "Comunicado importante: TV mata!"]

por Sílvio Medeiros
15/9/2008 às
12h42

As mutações, de Adauto Novaes
Parabéns, Sérgio Rodrigues! O seu texto é bastante astucioso, ou melhor: inteligente! Sobretudo ao mencionar Poe, com os respectivos textos e argumentos datados. Leio (e que leitura gozoza!) no momento "Ver:Amor" de David Grossman (479 páginas), contudo estou ciente de que não posso servir de referência para a maior parte dos leitores da atualidade (na qualidade de professor, posso afirmar que o tempo exigido pela leitura ou o tempo lento é uma tortura para os alunos!). Eu tenho muito a argumentar sobre esse urgente tema, todavia este não é o espaço apropriado. Nesse caso, penso no ciclo de palestras organizado por Adauto Novaes: "Mutações - ensaios sobre as novas configurações do mundo"; o referido livro estará nas livrarias ainda esta semana. Certamente, por meio de tal conjunto de reflexões, poderemos encontrar algumas respostas para o nosso tempo, ou seja, um tempo não de transformações, mas de mutações! Abraços do Sílvio Medeiros.

[Sobre "Do tamanho dos textos"]

por Sílvio Medeiros
15/9/2008 às
11h47

Que venham os argentinos!
Estou no comecinho do livro e achando a leitura excelente. Salvei seu texto para ler "postumamente". Li o começo e já gostei da resenha. De qualquer modo, muito bom ler sobre o argentino Alan Pauls, aqui. Que, ao menos na literatura, brasileiros e argentinos não sejam rivais... Desde já, meus parabéns, Pilar! Abraço cordial, Isa

[Sobre "Os argentinos saem na frente"]

por isa fonseca
15/9/2008 às
11h44

Julio Daio Borges
Editor

busca | avançada
74137 visitas/dia
1,8 milhão/mês