busca | avançada
71417 visitas/dia
1,9 milhão/mês
Segunda-feira, 10/11/2008
Comentários
Leitores

Vaga-Lume Filmes
Quando o cinema nacional vai descobrir o tesouro que é a série Vaga-Lume? Quem não gostaria de ver um filme do seu livro favorito da série? Um abraço.

[Sobre "Canto Infantil Nº 3: Série Vaga-lume"]

por Sebastião Pereira
10/11/2008 às
14h21

Dr. Protógenes, o nosso Obama
Nosso Barack Obama: Depois da atitude do Dr Protógenes eu voltei a ter fé no ser humano! Creio que ele deveria ser candidato a presidente na próxima eleição. E tenho a plena convicção de que não nos será apresentado candidato mais capaz para este cargo! Eu já me cansei de votar no menos pior, e tinha decidido votar nulo, pois não acredito mais nestes políticos apresentados pela mídia sensacionalista e interesseira! Mas o senhor Dr Protógenes foi como uma luz no fim do túnel, e não só pra mim, mas para todo este povo que se sente enganado! Seja candidato a presidente; nós mesmos nos encarregaremos de divulgar sua candidatura, e faremos sua campanha sem dar tanta despesa para os cofres públicos! E tenho a plena convicção de que será eleito, e voltaremos a ter orgulho de ser brasileiros!

[Sobre "A Eleição de Barack Obama"]

por João Cirino Gomes
10/11/2008 às
14h07

Na torcida, mas com calma...
Julio: voce tirou as palavras da minha boca... (rs) Ou melhor: eu já disse isso (com algumas mudanças) para amigos que ficaram seduzidos pela eleição do Obama e logo em seguida tiveram acesso a dados que desconheciam. Acredito que o Messias já veio e foi crucificado. Não esperemos deste homem que salve coisa alguma. Ele pode ser tudo isso que é - culto, inteligente etc. -, e querer mudar as coisas. Mas não esqueçamos que ele faz parte de um sistema. Quem o elegeu? Os milhões de dólares vieram de quem? Alguém aí está iludido? Evidente que os americanos, mais que ninguém no mundo - aliás, todo mundo -, também querem uma saída urgente para este status quo introduzido pela era Bush e que acabou com a imagem paradisíaca dos Estados Unicos como nação poderosa e democrática. Apenas as máscaras caíram, e agora eles elegeram alguém em quem supostamente podem confiar. Como disse alguém aí em comentário: resta saber como será o Obama presidente. Por enquanto, o discurso foi para ganhar a eleição.

[Sobre "A Eleição de Barack Obama"]

por Ana L.Vasconcelos
10/11/2008 às
13h53

Esquerda indignada
O Obama ainda vai deixar a direita americana numa sinuca e a esquerda internacional decepcionada.... Notem que não escrevi perplexa, nem indignada, nem que ele vai deixar todo mundo na pindaíba.

[Sobre "A Eleição de Barack Obama"]

por Felipe Pait
10/11/2008 às
10h57

Obama: a resposta
Ponderada e pertinente a matéria demonstra que a humanidade não mudou muito com relação à necessidade de "seguir um líder". O engano, que está justamente no que foi colocado, que ele não é o "Messias". O que sinto com o resultado desta eleição, é a necessidade das pessoas de viver em um mundo mais igualitário, onde as diferenças não sejam tão discrepantes e a solidariedade seja mais presente. Obama é, sem dúvida, a resposta ao que estava estabelecido, o que já é um grande passo para uma consciência mais democrática e menos capitalista.

[Sobre "A Eleição de Barack Obama"]

por Rosangela Friedrich
10/11/2008 às
09h56

E viva o estrangeirismo!
A qual 'língua portuguesa' se refere a nossa colunista? Pode haver uma 'língua lusitana', mas essa foi falada só nos primeiros dias após o descobrimento... e essa nem os próprios lusos conhecem mais. De 1501 em diante, os habitantes da Terra de Santa Cruz, Vera Cruz, e depois do Pau Vermelho, falaram mesmo foi o Tupi, o Guarany, o Tupinambá e o Botucudo. Misturam tudo e deu no que deu, uma língua, digamos, abrasileirada. E graças ao Criador assim ocorreu, porque ficamos plenos em novo conhecimento linguístico, evoluimos nas palavras e aumentamos nossas frases... E graças aos franceses, aos holandenses, aos negros africanos, os escravos da vez, a nossa lingua brasileira aumentou em qualidade, em sons e variedades. Deus nos livre se continuássemos somente com a modesta língua lusa... já pensou se hoje disséssemos: "Maria,onde está o puto que estava acá na bicha?" E só queríamos perguntar: "Maria, onde o menino que estava aqui na fila?" Que coisa parva, ó pá!

[Sobre "Vamos fazer o português entrar na moda!"]

por I. Boris vinha
10/11/2008 às
09h48

Nas Diretas Já
Menti descaradamente para meus pais para coneguir ir ao comí­cio das "Diretas Já" no Rio do Janeiro. Morava (ainda moro) em Volta Redonda, 117 quilômetros do Rio. Tinha menos de quinze anos e inventei uma mirabolante excursão para o Museu Nacional. Apesar de achar execrável o ditado "os fins justificam os meios", usei uma mentira enorme para conseguir assistir ao comí­cio. Foi um momento emocionante, onde as pessoas lá reunidas queriam um Brasil melhor. [Volta Redonda - RJ]

[Sobre "Promoção Contos Indiscretos"]

por Karen Duarte
10/11/2008 às
09h39

Atacando a ex
Numa carraspana inesquecí­vel, fui bater na casa da minha 2ª mulher, já estando casado com a 4ª!

[Sobre "Promoção Contos Indiscretos"]

por Wilson Damas
10/11/2008 às
09h37

Pergunta ao Cosac
Perguntei pro Charles Cosac quem costura as batas dele e qual o tipo de tecido. [São Paulo - SP]

[Sobre "Promoção Contos Indiscretos"]

por Humberto Alitto
10/11/2008 às
09h35

A noiva feia
Foi quando eu estava em uma espécie de recepção, na casa de uma famí­lia amiga. Havia uma moça um pouco mais nova que eu, e naquele momento eu soube que era seu noivado. De brincadeira, perguntei ao sujeito com quem eu estava conversando: "Quem é o doido que vai casar com ela"? Ele respondeu: "Sou eu mesmo". Arf! [Feira de Santana - BA]

[Sobre "Promoção Contos Indiscretos"]

por Altamirando Martins
10/11/2008 às
09h34

Julio Daio Borges
Editor

busca | avançada
71417 visitas/dia
1,9 milhão/mês