busca | avançada
44715 visitas/dia
1,3 milhão/mês
Sábado, 15/6/2002
Comentários
Leitores

Ai, que dor de cotovelo!!!
Será que esse tal Paulo Polzonoff (cujo sarcasmo me lembra a pobreza de espírito de um Jô Soares) tem capacidade de compreender o poema de Fernando Pessoa, acima citado? O que esperavas do Pellegrini, Polzon? Um escritor não precisa dar boas palestras para ser bom escritor, tenhamos um pouco de compreensão se o homem não foi feliz em todos os momentos. Críticas como a sua vêm destruindo a literatura brasileira há décadas, valha-me Deus... como se já não bastasse. Quer saber? Isso tudo cheirou-me a inveja.

[Sobre "Da decepção diante do escritor"]

por Douglas
15/6/2002 às
19h10

Romário é passado
Quanta asneira. Quando vc se propuser a escrever sobre futebol, escreva sobre futebol. A proposito, que que tem a ver o seu amigo que fez pós graduação nos EUA, com o resto da baboseira que vc escreveu?

[Sobre "Romário"]

por Antonio Castellane
15/6/2002 às
18h33

Correção
Alexandre, Como V. está vendo, a digitação saiu péssima. Somente quero fazer uma correção para não mudar o sentido de uma determinada frase: E NISTO RESIDE A GRAÇA DA POLÊMICA... E NÃO :A RAÇA DA POLÊMICA. Cansei. Abraço. Flavio

[Sobre "Psiquiatra declara Japão Oficialmente Maluco"]

por Flavio
15/6/2002 às
18h04

Tô aqui...
Alexandre, Gostei de seu regresso. Educado, mas um pouco pretencioso. Deixa meu português em paz . Ele não é pior ou melhor que o seu. Olhe o que aconteceu com D. Sue. Não se pode dizer que qualquer resdposta minha tenha sido desrespeitosa. O que acontece é que muita gente não gosta da contardição . Deixe-me perguntar: Você já leu RAMALHO ORTIGÃO ( AS FARPAS ) ? É um livro exemplar para esse tipo de conversa crítica. Sei que V. saber, mas deixe-me dizer-lhe que Ortigão foi o mais célebre polemista da literatua de Portugal. Mas era absolutamente irônico. E nisto reside a raça da polêmica, que é um gênero literário excelente. O que eu quiz dizer e provocar, desde o início, era justamente isto: o debate, a contradição. Cada qual tem seu estilo: o meu é este. Agora lá vêm VV a quererem consertar os estilo e o português da gente, quando não se está a escrever para a posteridade. Se, for apurar, encomtram-se erros em todas as manifestaçõews desta página do Digestivo. às vezes isto representa uma maneira de fugir ao debate do conteúdo. Esquece. Gostei de seu regresso. Abraço Flavio

[Sobre "Psiquiatra declara Japão Oficialmente Maluco"]

por Flavio
15/6/2002 às
17h43

Xanduba? Great Scott!
(Xanduba?) Flavio, quando você tiver terminado de sentir o povo na praia, volta, vamos conversar. Mas não insulte os meus convidados. Isso é um faux pas pior do que corrigir o alemão deles ao mesmo tempo que escreve "intelegência", "perdõa", "pessõas". Como disse um grande sábio baiano (como era mesmo?): "Quando faltam argumentos, néscios vociferam desaforos". Não gosto muito da prosódia da coisa, mas o sentido é esplêndido./ Então se acalme, e será bem recebido - a menos que não controle esse excesso de familiaridade ("Xanduba" é indesculpável). Me deixe até começar a conversa, dando o tom civilizado que, peço, deve ser mantido at all costs: você realmente gosta de Zélia Gattai? Por quê? Abraços de longe, meramente simbólicos- Alexandre.

[Sobre "Psiquiatra declara Japão Oficialmente Maluco"]

por Alexandre Soares
15/6/2002 às
16h23

Alexandre - O Grande
Alexandre, Você não chegou tarde não. Entre e sente-se, aceita um uísque ? Mas não ponha na minha boca as palavras que Vc não tem coragem de pronunciar contra seus próprios colegas .Portanto, Alexandre, fica quietinho aí no teu cantinho e se comporte.. Quem os chamou de "burros,bestas e desocupados" ?? Estas expressões não sairam do meu teclado. Sairam do seu. Toda discussão é esclarecedora. Apenas eu me referi ao tema em discussão: um punhado de gente a diagnosticar as patologias do psiquismo do Japão. Ora essa, não tem assunto melhor para conversar ? De estarrecer é ler aquele DENIS distratar a cultura nacional, quando ela se apresenta nordestina. Sei que externa a frustação por não ter São Paulo nada parecido com a riqueza folclórica do Nordeste. Olhe as expressões que ele usou "PETAPETAS, CARANAMAIOS, CARNAJUNHOS,CARANAJULHOS,CARAGOSTOS E INÚMERAS OUTRAS FESTANÇAS POPULARES, GERALMENTE COMANDADAS POR BRASILEIROS DE TURBANTES, COM TRAJOS AFRICANOS...BRASILEIROS QUE ACHAM ''LINDJU'' SER FILHO DE ''MAMA AFRICA'' E ATÉ TROCAM O NOME JOSÉ E RAIMUNDO POR ALULELÊ DE ORUBÁ E POMATURE DE ALAKETO. PARA MIM, SE QUER MESMO SABER O QUE PENSO, ESSA GENTE BATUQUEIRA É MUITO MAIS MALUCA DO QUE OS INVENTORES DO TAMAGOCHI. ESTOU CHEIO DE VER TANTA FESTA CRETINA COMEMORANDO PORCARIA NENHUMA.'' Pois é, Alexandre, grosseria é isso aí. Veja como o SR DENIS se refere ao povo : ""ESSA GENTE""". É uma expressão que, escapulindo por entre seus dentes, carrega toneladas de desdém, desprezo e ojeriza ao povo nordestino. E ainda o SR DENIS galopa seu ROCINANTE pela literatura nacional, desdizendo JORGE AMADO, este ícone literário que perpassa todo um século. Como talvêz não goste de bater em morto, dá um chute nos traseiros da mulher do escritor, e, ainda por cima, chama os imortais da Academia Brasileira de Letras de analfabetos e irresponsáveis. Isto porque não elegeram sua escritora predileta HILDA HILST para a cadeira da imortalidade literária. E você, meu caro XANDUBA, não protesta contra essa calamidade ??? SR DENIS dê graças a DEUS por não ter ainda encontrado um bom BAIANO ( aliás, todos são bons...pois o que seria da música popular brasileira sem os BAIANOS...???) Quando apedreja os Baianos por usarem no Carnaval suas fantasias chegadas ao espirito africano, está deixando escapulir seu RACISMO, seu horror contra os negros. Um zeloso Procurador encontraria elementos de sobra para levá-lo ao banco dos réus por discriminação racial. Esse DENIS deve ser um infeliz. Em poucas linhas que escreveu, olha sá quanta barbaridade e como revela seus sentimentos :HORROR às festas populares, HORROR às fantasias carnavalescas, HORROR à Jorge Amado, HORROR aos baianos e nordestinos de uma manera geral, HORROR à cultura popular, HORROR à alegria do povo, HORROR à HISTÓRIA DO BRASIL,HORROR aos inventores do TAMAGOCHI, HORROR a tudo e todos. Infeliz esse DENIS... Alex ( ou XANDUBA, como é que o DENIS o trata ??), aceita outro uísque ?? Vc parece triste hoje. Outra dose lhe fará bem... Ah!! Vc diz que está começando a refletir sobre o que disse o seu amigo DENIS ?? Mas eu lhe peço, ALEX, perdõa o Denis, ele só quer aparecer. Se Vc mora perto dele, por favor, diz a ele que não existe HER HITLER, mas sim HERR HITLER. Esse Denis...incorrigível. Ele que aguarde os baianos... Bem, hojé é sábado, e eu vou à praia, ver e sentir o povo. Mas Alex, não vá ao teclado agora , para não voltar a dizer tolices... Flavio

[Sobre "Psiquiatra declara Japão Oficialmente Maluco"]

por Flavio
15/6/2002 às
11h23

HarryPotter:Do livro ao cinema
Eu li todos os os livros do harry potter, eu amei e ficava imainando como seria tudinho!Fiquei doida para ver o filme,aliás ,eu sempre imaginei que Harry Potter daria um ótimo filme e então fui assisti.Eu achei que todos atuaram bem ,e as crianças foram demais.O Dan que fez o Harry era lindo ,como eu imaginava.O Rupert(rony) ficou uma graça,ele não é bonito,mas é ilário e fofo.Já a Emma Watson ficou demais no papél de Hermione, ela fez tudo direitinho,apesar deu imagina-la um pouco diferente.Eu acho que resumiram bem o filme pois o livro é grande,só o jogo de quadribol poderia ser um filme.Bom,isso é só pessoal,pra mim valeu a pena,estou esperando o próximo livro e filme.Beijos.

[Sobre "Harry, Rony e Hermione"]

por Castiel Potter
14/6/2002 às
17h54

Entra de novo, Flavio
Cheguei tarde, mas achei divertida a briga...Flavio, foi você que começou chamando "vocês todos" de desocupados, burros, bestas; eu realmente gostaria que todos os leitores que queiram mandar um comentário irritado para o Digestivo respirem fundo antes, e façam de conta que estão entrando numa roda de amigos - discorde, que é divertido, mas mantenha a polidez. Você não entraria numa roda de desconhecidos dizendo "Será que não há mais nada de bom e proveitoso para fazer?", entraria? Nem "Deixem de literatices MALUCAS e tratem de estudar!" Muito rude, Flavio, muito rude! Respire fundo, entre de novo como se fosse a primeira vez, diga bom dia, sente, e discorde do texto e dos comentários, se quiser - será bem vindo...Um abraço- Alexandre.

[Sobre "Psiquiatra declara Japão Oficialmente Maluco"]

por Alexandre
14/6/2002 às
15h53

Legal!!
Adorei a explicação e o seu ponto de vista bem descontraido. Parabéns

[Sobre "Entre São Valentim e os Lupercais"]

por Marcio Hypólito
14/6/2002 às
15h37

Pera ai...
Olha Rafael que generalizações são sempre perigosas... Eu moro aqui na Bélgica e tenho assistido a todos os jogos que posso (também tenho que trabalhar...) e pode crer que curto o futebol. As belas pernas, é claro, estão incluídas mas não são o fundamental. Aqui em casa é o quartel general e aqui torcemos pro Brasil, Bélgica e Portugal. Nosso grupo é composto de três mulheres (eu, uma Húngara que mora no Brasil há uns 15 anos e já se sente brasileira e uma portuguesa) e só um homem (meu marido que é belga). Brasil jogará com a Bélgica na segunda e terei um breve divórcio, pois na segunda só vai dar Brasil! Acabamos de ver Portugal perder prá Coréia, ah foi triste, muito triste.. Tô aqui rouca de tanto torcer de manhã prá a Bélgica e à tarde prá Portugal, agora é recuperar a voz prá gritar bem alto BRASIL e agarrar a bandeira! Um abraço.

[Sobre "Romário"]

por Tânia Nara
14/6/2002 às
12h12

Julio Daio Borges
Editor

busca | avançada
44715 visitas/dia
1,3 milhão/mês