busca | avançada
39745 visitas/dia
891 mil/mês
Terça-feira, 21/7/2009
Comentários
Leitores

Arquitetura da palavra
Pelo visto, não é só escrever um texto, mas esboçar, e desenhar uma obra arquitetônica na escrita. Elaborar, instrumentalizar e garantir a satisfação de quem ler. Isto é ótimo.

[Sobre "Montanhismos"]

por manoel messias perei
21/7/2009 às
17h13

A dupla Michael & Quincy Jones
Diogo, eu imito os passos até hoje.... hahaha. Belo texto que coloca a dupla Michael/Quincy no lugar que eles merecem, ressaltando a contribuição para a música pop, o talento incrível e principlamente sem toda a "loucura" em torno do mito Michael Jackson. Abs.

[Sobre "Michael Jackson e a Geração Thriller"]

por Saulo Ferraz de Camp
21/7/2009 às
12h38

Pepe Legal
Pô, esse cara aí na foto é o Pepe Legal. :)

[Sobre "Mob Flash"]

por Eduardo Andrade de C
21/7/2009 às
11h28

Um gatinho na foto!
Parabéns, muito legal o texto. Um gaaatinho na foto!!!

[Sobre "Michael Jackson e a Geração Thriller"]

por patty
21/7/2009 às
11h09

Indissociáveis
Arte e artista são indissociáveis. Influências, vivências e condições da produção da obra exercem uma forte influência sobre o que é feito. [Blumenau - SC]

[Sobre "Promo‡Æo Testamento de Rilke"]

por Marina Melz
21/7/2009 às
09h00

Maior que o artista...
Não. E devo acrescentar um infelizmente, já que sei que os artistas são realmente muito mais do que expressam em suas obras. Entretanto, existe em cada obra um poder único de capturar a essência dos detalhes de cada situação. A arte às vezes se torna maior que o artista... e não podemos culpá-la, seu poder de transformação a faz ser assim e é o que realmente a deixa interessante. Uma pessoa desfruta da irredutibilidade de não poder ser menos que uma pessoa, mas constantemente não consegue ser mais também... a arte pode ser uma porcaria tanto quanto pode alcançar um status divino. [São Paulo - SP]

[Sobre "Promo‡Æo Testamento de Rilke"]

por Renan De Simone
21/7/2009 às
08h59

O artista não dura
Mais pela arte, porque a obra é permanente, o artista, não. [Curitiba - PR]

[Sobre "Promo‡Æo Testamento de Rilke"]

por Zeferino Demartini
21/7/2009 às
08h59

O artista e seu jeito
Sim, porque a arte não existiria sem o artista, sua vivência, seus amores, suas dores, sua singularidade, sua maneira particular de se expressar. [Curitiba - PR]

[Sobre "Promo‡Æo Testamento de Rilke"]

por Silvana do Carmo
21/7/2009 às
08h58

Uma grande revelação
Quando pequena sempre ouvia histórias. Papai gostava de lê-las para nós e mamãe de contá-las. Cresci, casei-me e quando meu caçula estava com seis anos fui fazer Magistério, e depois de sete anos fiz Letras... Como já era difícil conseguir aulas naquela época, eu dava aulas como eventual. E eu gostava de ler algum texto e trabalhar sempre dentro de um contexto. Um dia, li uma das histórias de Malba Tahan para uma turma do primeiro ano do Ensino Médio. Qual não foi a minha surpresa, no final da aula, ao receber uma carta de um dos alunos relatando que eu havia realizado um sonho dele, pois desde a infância nunca ninguém havia lido uma história para ele. Confesso que fiquei muito emocionada e aquilo me deu forças para continuar lutando contra os obstáculos da minha carreira... Hoje sou efetiva na Rede Estadual de Ensino, na disciplina de Língua Portuguesa e continuo lendo muitas histórias para meus alunos e desenvolvendo projetos de leitura...

[Sobre "Projetando um leitor"]

por Cátia Lopes Ribeiro
20/7/2009 às
16h04

A alma do artista
Sim. Porque a arte é a alma do artista. Um só ganha sentido com a existência do outro. [Joinville - SC]

[Sobre "Promo‡Æo Testamento de Rilke"]

por Stella Bousfield
20/7/2009 às
14h07

Julio Daio Borges
Editor

busca | avançada
39745 visitas/dia
891 mil/mês