busca | avançada
29517 visitas/dia
891 mil/mês
Sexta-feira, 9/10/2009
Comentários
Leitores

Sabor do que mesmo?
Em São José do Rio Preto, antigamente havia um programa radiofônico que se chamava "Sabor do Som". E o locutor, chamado Sorroche Netto, dizia: música sabor morango, sabor cajú... Era uma frutaria total. Agora, vejo um cantora buscando "o sabor da canção"... Vivendo e aprendendo.

[Sobre "Caramelo, de Nadine Labaki"]

por Manoel Messias Perei
9/10/2009 às
19h45

A missão de ler na internet
Caro Rafael, são textos como este que dignificam a missão de ler na internet... Coisa que tem se tornado difícil, nessa chuva de trolls arruaceiros, que vivem empestando a vida de quem navega (e se informa) decentemente... Boa pedida; e pode saber que já tirei bons frutos que ajudarão a compor a minha estante... Um abraço!

[Sobre "A boa literatura brasileira"]

por Georgio Rios
9/10/2009 às
16h39

Concordo com a Juliana
A discussão aqui não é acerca do que a música transmite, não é acerca de sentimento - já que o objetivo da arte é comunicar, transmitir algo e, neste caso específico, você pode ouvir o que bem entender, desde que essa sensação lhe agrade, lhe transmita algo. Porém, o assunto é especificamente sobre a parte técnica, musical, a qualidade musical em si. Construção de riffs, melodias, arranjos, harmonias, afinação, timbres etc. E, sobre isso, não há o que discutir: O ROCK ERROU. Simples assim. Concordo com a Juliana, sobre seus comentários acerca do sentimento que qualquer música pode transmitir, sendo que alguém poderá se emocionar ouvindo até mesmo o som de um liquidificador ligado, o som do vento ou canto dos pássaros. A questão é outra aqui. Abraços a todos e VIVA O ROCK N ROLL!

[Sobre "A indigência do rock e a volta dos dinossauros"]

por Alex
9/10/2009 às
14h23

Sinônimo de felicidade
Ter um amigo é poder contar com o acolhimento, com a lealdade e, sobretudo, com o amor de alguém. Isso, para mim, é sinônimo de felicidade. [Rio de Janeiro - RJ]

[Sobre "Promo‡Æo Terras Baixas"]

por Elane da Silva
9/10/2009 às
08h58

Mais que famí­lia
O amigo é mais do que uma pessoa da família, pois o amigo somos nós que escolhemos, ou, o que é ainda melhor, somos escolhidos por ele. [Niterói - RJ]

[Sobre "Promo‡Æo Terras Baixas"]

por Fernando de Andrade
9/10/2009 às
08h57

Amizade e profundidade
O amigo é o grande acontecimento porque, num mundo de relacionamentos tão superficiais, é importante ter alguém para ter profundidade. [Rio de Janeiro - RJ]

[Sobre "Promo‡Æo Terras Baixas"]

por Julio da Rocha
9/10/2009 às
08h56

A amizade, sim
Para mim, o grande acontecimento é a amizade! [Rio de Janeiro - RJ]

[Sobre "Promo‡Æo Terras Baixas"]

por Edson Outani
8/10/2009 às
13h05

Nunca por obrigação
O amigo é o grande acontecimento. O amigo é o pai, a mãe, o irmão, a irmã que podemos escolher, e com os quais não temos que conviver por obrigação, mas, sim, porque queremos. [São Paulo - SP]

[Sobre "Promo‡Æo Terras Baixas"]

por Laura Navajas
8/10/2009 às
13h04

Concordo com o Nelson
Porque os amigos são aqueles que oferecem, justamente, o ombro amigo, a mão estendida, são mentes abertas, corações pulsantes, que cedem e não esperam retorno... [São Paulo - SP]

[Sobre "Promo‡Æo Terras Baixas"]

por Alvaro Macedo
8/10/2009 às
13h03

Amigos: famí­lia
Os amigos são a família que podemos escolher. [Curitiba - PR]

[Sobre "Promo‡Æo Terras Baixas"]

por Renata Penka
7/10/2009 às
18h38

Julio Daio Borges
Editor

busca | avançada
29517 visitas/dia
891 mil/mês