busca | avançada
59665 visitas/dia
1,8 milhão/mês
Segunda-feira, 11/1/2010
Comentários
Leitores

A mulher, ué
É óbvio que a grande contribuição da mulher, ao mundo do trabalho, é a própria mulher no ambiente de trabalho! Fazer um escritório só com homens é como imaginar um conto de fadas só com dragões ou um brejo só com sapos. São necessárias princesas para ambos os ecossistemas! [Lauro de Freitas - BA]

[Sobre "Promoção Mulheres, trabalho e arte do savoir faire"]

por Albarus Andreos
11/1/2010 às
12h57

Uma longa história
Melhor vai ser quando eu puder comprar o Kindle DX, que tem a tela de quase 25cm na diagonal, praticamente o dobro do tamanho do meu atual modelo. Concordo 100% com os comentários do Julio Daio. O Kindle é o início de uma longa história!

[Sobre "Lendo no Kindle"]

por Marcus Terra
11/1/2010 às
10h34

Livros grossos e tendinite
Acabei de me dar conta de que o e-reader tem mais uma vantagem. Ele permite que você leia livros grossos sem ter uma tendinite no pulso ou no cotovelo. O último livrão que li foi "Mr. Norrel & Jonathan Strange", de Susanna Clarke, e fiquei dolorido por semanas. Agora comprei o "Arco-Íris da Gravidade", do Pynchon. Com e-reader acho que ficaria fisicamente mais confortável a leitura; com o livro físico, praticamente só posso ler sentado, apoiando o livro numa mesa, por exemplo. Ponto pra eles, dessa vez...

[Sobre "Lendo no Kindle"]

por Albarus Andreos
11/1/2010 às
09h39

O mundo dá trabalho
Passamos a ver quanto trabalho o mundo dá. [Pontes e Lacerda - MT]

[Sobre "Promoção Mulheres, trabalho e arte do savoir faire"]

por Marcela F. de Ávila
11/1/2010 às
08h56

Nova guerra dos sexos?
A grande contribuição da mulher ao mundo do trabalho foi o aperfeiçoamento como um todo. Isso porque antes que elas "trabalhassem fora", os homens eram autossuficientes e se "garantiam", naquilo que faziam, mas, agora, eles têm que "rebolar" para aperfeiçoar seu trabalho, senão, quem diria, são trocados rapidinho por mulheres que façam melhor que eles. Esse contexto gerou progresso e qualidade, cada um dando o melhor de si para mostrar que pode ser útil, criativo, produtivo etc. Parabéns às mulheres que fazem seu dever com absoluta competência, e que vença o melhor!!! [Jales - SP]

[Sobre "Promoção Mulheres, trabalho e arte do savoir faire"]

por Cláudia Maschio
11/1/2010 às
08h54

Revolucionando...
Primeiro: agora ficou bem mais fácil casar ou, pelo menos, encontrar uma namorada no local de trabalho. Segundo: fundamental para levantar um outro tema para discussão na sociedade, que é o "assédio sexual" no ambiente de trabalho. Vocês não queriam uma resposta "revolucionária", né? [Salvador - BA]

[Sobre "Promoção Mulheres, trabalho e arte do savoir faire"]

por Alberto de C. Freita
11/1/2010 às
08h52

São Luiz do Paraitinga!
Belo texto! Eu sou uma das muitas formiguinhas que participaram todo dia desta última semana, no trabalho de lavar o lodo e resgatar o orgulho do povo de São Luis. Acredito na recuperação da cidade e acredito na solidariedade. Tenho viajado e me superado todo dia, na esperança de poder levar e conquistar junto a esperança pra esta cidade lenda...

[Sobre "São Luiz do Paraitinga"]

por Armando Marcondes Go
11/1/2010 à
00h19

Lendo Diário do Farol
Acabei de ler o livro e também fiquei com a impressão de que no caso do parricídio foi muito barulho por nada. E que a primeira metade é bem superior à segunda. Começo muito bom, e final decepcionante.

[Sobre "Diário do Farol, de João Ubaldo Ribeiro"]

por César Pinheiro
10/1/2010 às
12h23

Não chorem, editoras
Não adianta choradeira, a transformação tecnológica é diária, quem não lembra das fitas de filmes? Demorou mas chegou o CD, cadê os videocassetes? Agora é para valer, as editoras estão com seus dias contados, acabou o que era doce (para elas) e vai ficar mais fácil para os novos autores brasileiros. Ler na tela é muito bom e tem proteção contra os olhos, não faz mal, já penaram numa biblioteca, de qualquer lugar, enfileirada: as telas e as pessoas lendo, pesquisando; é uma novidade que inexoravelmente temos que aceitar; e o nosso Paulo Coelho... saiu na frente. E não pensem que vai ficar nas mãos de uma empresa só, será disputado... porém mais acessível a todos, sem dizer que muito mais barato...

[Sobre "As editoras contra o Kindle"]

por Candido Rubim Rios
10/1/2010 às
11h30

Determinação feminina
Determinação, essa é a marca registrada para a mulher, não há barreiras, nem empecilhos e, devido às curvas, são todas "expert" em jogo de cintura! [Cerquilho - SP]

[Sobre "Promoção Mulheres, trabalho e arte do savoir faire"]

por katia mota
10/1/2010 às
09h56

Julio Daio Borges
Editor

busca | avançada
59665 visitas/dia
1,8 milhão/mês