busca | avançada
59013 visitas/dia
2,0 milhão/mês
Quinta-feira, 28/1/2010
Comentários
Leitores

Resp: Lula = Maiakóvski
Caro Jardel, se a proposta não era fazer uma crítica ao filme, o que inferi do título, o texto está perfeito. Comecei a leitura pré-disposto a ler uma resenha, e só no final fui perceber que esse não era o propósito.

[Sobre "Lula, o filme"]

por Miguel Lannes Fernan
28/1/2010 às
12h04

Avatar e sua poesia
Gostei do artigo. Assisti ao filme surpreendido pela sua beleza. O cenário é estonteante, as criaturas nos conquistam pela doçura, pela integridade. Apesar de longo, não senti cansaço. Fui preparado pra ver mais um panfleto americano - ele existe -, mas Avatar é mais que isso: uma obra de arte. E o artigo do Daniel comenta com competência essas peculariedades da obra de Cameron.

[Sobre "Avatar e um mundo novo"]

por Sebastião Aimone
28/1/2010 às
11h54

Lula na Rolling Stone
Demorei para meter a minha colher neste assunto, mas se quiserem ler uma opinião diversa desta... (Escrita por mim mesmo.)

[Sobre "O filme do Lula e os dois lados da arquibancada"]

por Antônio do Amaral
28/1/2010 às
11h42

Um corpo que cai
"Um corpo que cai", porque ele é da mais bela imagem e o suspense que nos mantém durante todo o romance com os cabelos em pé!

[Sobre "Promoção: O Véu"]

por Francisco de Souza M
28/1/2010 às
08h51

Cura Fatal, de Cook
"Cura Fatal", de Robin Cook, porque revela o horror em que vivem os pacientes em hospitais de todo o mundo, dando a solução para a humanização de nossos manicômios! Amém! [Porto Alegre - RS]

[Sobre "Promoção: O Véu"]

por Ingrid Fanck
28/1/2010 às
08h49

Grimpow, de Abalos
O melhor não há, mas um dos melhores: "Grimpow, o eleito dos templários", de Rafael Abalos. Por prender cada segundo, para descobrir o que virá a seguir. Como ele conseguirá se desvencilhar dos inimigos, quais novos descobrimentos haverão e como poderá superar os obstáculos. [Ubirata - PR]

[Sobre "Promoção: O Véu"]

por Jose Feldman
28/1/2010 às
08h45

Crepúsculo?
"Crepúsculo", pois é um suspense, onde a emoção surge quando alguém está preocupado com sua falta de conhecimento sobre os acontecimentos, o desenvolvimento de um evento significativo; combinandos à antecipação da incerteza e a obscuridade do futuro. [Jaboticabal - SP]

[Sobre "Promoção: O Véu"]

por Cristiane Fantozi
28/1/2010 às
08h44

Lula = Maiakóvski
Caro Lannes, a crítica estética ao filme não foi feita porque o filme nem se propõe a ser um fato estético. Seria como analisar esteticamente os medíocres poemas para os planos quinquenais escritos por Maiakóvski. Não dá. Já os poemas de amor do poeta russo, estes, sim, são fatos estéticos.

[Sobre "Lula, o filme"]

por jardel
27/1/2010 às
20h14

Rosa é maior que o Brasil
Depois de ler Guimarães Rosa, todos os outros escritores ficam banais. Desisti de tentar ser escritor. Parece que não há mais nada a ser inventado, Guimarães Rosa já se apoderou da língua do Brasil. Mesmo que eu tivesse toda a inventividade vocabular dele, ainda me faltariam a alma da terra, a intuição e a poesia das plantas, dos bichos, dos ventos, dos cheiros, dos sentimentos todos das gentes, inclusive aqueles bem embutidos que não se explicam com palavras ou expressões normais... e, por fim, me faltaria a sabedoria simples e humilde de quem enxerga tudo, entende tudo, por dentro e por fora. São muitos os leitores instruídos absolutamente incapazes de compreender toda a beleza emanada de "Grande Sertão: Veredas". Mesmo a instrução, mesmo a inteligência comportam limitações. Comparar um carro-esporte com uma suprema obra de arte, e cometer o sacrilégio de preferir o carro-esporte! Guimarães Rosa não é para todos. É complicado, e é simplório demais para as chãs erudições do utilitarismo.

[Sobre "Como Guimarães Rosa me arranjou um emprego"]

por Roberto Valderramos
27/1/2010 às
16h31

Progresso assistencialista
Sim, mas é um progresso de dependência assistencialista, desde sempre. Não existem indústrias para serem representadas em porcentagem; de certo modo, permanecemos no artesanato e na onda da economia mista. [Planaltina - GO]

[Sobre "Promoção: Deu Tilt no Progresso Científico"]

por Edson Lima
27/1/2010 às
16h20

Julio Daio Borges
Editor

busca | avançada
59013 visitas/dia
2,0 milhão/mês