busca | avançada
29267 visitas/dia
1,1 milhão/mês
Sexta-feira, 25/10/2002
Comentários
Leitores

Não se acanhem...
Obrigado a todos - literalmente a todos. Os que quiseram me elogiar, me elogiaram - os que quiseram me xingar tiveram suas palavras convertidas em elogios, devido à falta de gramática, habilidade ou equilíbrio. Um, na mesma mensagem, me pergunta como consegui um emprego e me manda ir trabalhar - um non sequitur cheio de charme proletário ("Vá marcar cartão, seu pedante!"). Depois parece achar que eu acho que Serra vai ganhar. Não acho, e é justamente por isso que disse algo contra Lula. A véspera da derrota é o momento de mostrar suas cores - não a véspera da vitória - e muito menos o dia seguinte à vitória. Um cavalheiro saberia disso... Sem contar os insultos (idiota, filhinho de papai, etc) que só fazem os próprios autores das mensagens se desqualificarem aos olhos de quem lê esta página. É como se quisessem atirar tortas na minha cara, na minha nobre, inteligente, adorável cara - mas acabassem acertando nas próprias calças - enquanto algumas azeitonas fazem um arco no ar e param bem ao alcance dos meus dedos (de onde passam, vejam só, diretamente ao meu martíni). Que posso fazer, senão agradecer? Voltem sempre...Todas as classes sociais são bem-vindas - mesmo as pitorescas...

[Sobre "Lula Já É Um Coitado"]

por Alexandre Soares
25/10/2002 à
00h51

Alexandre, clone de FFHH
Pelo que li , você não passa de um idiota. Como conseguiu emprego? Certamente é da curriola do FFHH. Vá trabalhar! Vá marcar cartão, seu pedante! Quero ver sua cara na segunda , filhinho de Papai.

[Sobre "Lula Já É Um Coitado"]

por Marcos
24/10/2002 às
20h14

A pergunta que não quer calar
Onde esconder-se-á (concessão mesoclítica aos burgueses, no sentido marxista, subitamente tão preocupados com o mau uso da língua portuguesa e o monoglotismo do candidato Lula) Regina Duarte, a amedrontadinha do Brasil, a partir de segunda-feira??? Sofro antecipadamente ao pensar que não teremos mais a presença de tão insígne atriz em nossos palcos e telas pelos próximos 4 anos. A menos, é claro, que ela se submeta a uma dessas terapias anti-pânico e consiga ´trabalhar´ o seu medo.

[Sobre "Lula Já É Um Coitado"]

por Claudio
24/10/2002 às
11h25

Mais Coward
Aos fãs do Noël Coward sugiro o filme "Design for living" ("Sócios no amor" para os ´coitados´ que precisam de legenda) do Lubitsch baseado em uma peça dele. Obviamente que a versão cinematográfica é menos ferina que a peça e o homossexualismo presente no delicioso triângulo amoroso entre Frederic March, Gary Cooper e Miriam Hopkins é apenas sugerido. Houve há alguns anos uma ridícula e oportunista montagem brasileira (com o nome de "Gilda") com a ´dama´ do teatro brazuca, Fernanda Montenegro. Totalmente dispensável. Enquanto isso continuo pedindo em minhas preces de ateu que outros textos dele sejam levados à tela ou aos palcos.

[Sobre "Lula Já É Um Coitado"]

por Claudio
24/10/2002 às
09h15

valeu pelo toque
Olá Isabel, valeu pelo toque.

[Sobre "Lula Já É Um Coitado"]

por Carina
24/10/2002 às
09h38

+ um estranho no ninho...
Sinistro, Alexandre! Quanto preconceito no comentário sobre a periferia. Coisa de intelectualóides que se acham acima do bem e do mal. Muitos acham que os problemas do Brazuca se resolverão porque algum dirigente sabe que ASSESSOR se escreve com quatro "esses" (como os dedos da mão esquerda do futuro presidente, queiram ou não!). Avise seu tiete OTÁVIO que acessor do Croward é demais!!!!!

[Sobre "Lula Já É Um Coitado"]

por Cesar
23/10/2002 às
23h28

Não existe salvador!!!!!!!!!!!
Por favor não confundam as 3 premissas básicas que regiam o mundo ou algum lugar maravilhoso que são essas amar , dar e receber. Sei que parece coisa de gente fresca, zen, exotérica e outros tendências não convencionais .A simplicidade da vida humana foi perdida e não sei como reverter a única coisa que tenho certeza e que se o balde não for chutado vamos ficar a divagar sobre esquerda e direita o resto da vida . Minha opinião sobre política é de nunca depositar nossa esperança numa pessoa como a gente "pois na hora da dor quem é que a gente chama"????????????????

[Sobre "Lula Já É Um Coitado"]

por Vinicius Brown
23/10/2002 às
18h06

Gente "ipócrita" é um problema
Alexandre, quero cumprimentá-lo pelos textos, que sempre foram uma de minhas leituras preferidas no Digestivo. Quanto ao Mansur, sou obrigada a admitir que ele está certo. Nos últimos 20 anos, Lula não apenas lutou por "reformas sociais" e "distribuição de renda" como as obteve, em grande estilo -só que para si mesmo. Hoje, ele é um integrante da elite política e econômica, mas não dispensa o "discurso da vítima". E por que deveria fazê-lo, se ele funciona até com gente brilhante como Mansur e Carina -essa moça com autoridade lingüística suficiente para dispensar o "h" de "hipócrita"? Abraços da Isabel.

[Sobre "Lula Já É Um Coitado"]

por Isabel
23/10/2002 às
16h41

Corrigindo....
Corrigindo.... Grupos de rap cantam o que eles veem na periferia, nem sempre são obrigados a morar lá, mas eles sabem da realidade, pois já viveram lá, então eles cantam para o povo, por isso é que eu fico tão chateada com uma pessoa que pense isso de um movimento tão sincero.

[Sobre "Lula Já É Um Coitado"]

por Carina
23/10/2002 às
09h16

movimento tão sincero
Nossa, realmente este texto é rídiculo, tenha noção do que representa racionais, com esse pensamento de burguês enrustido. Roubar gravata para se vestir bem? É isso que vc faz, faça me um favor..... isso é muito ruim, quer dizer que não basta ser tem que parecer ser.... isso é papo de gente ipocrita, que só parece ser o que não é... Grupos de rap cantam o que eles veem na periferia, nem sempre, eles falam do povo, através do que eles viveram, olha simplesmente ridiculo, fico muito chateada que uma pessoa pense isso e um movimento tão sincero.

[Sobre "Lula Já É Um Coitado"]

por Carina
23/10/2002 às
08h49

Julio Daio Borges
Editor

busca | avançada
29267 visitas/dia
1,1 milhão/mês