busca | avançada
60272 visitas/dia
2,0 milhões/mês
Sexta-feira, 8/5/2009
Comentários
Leitores

Veículos editam, ponto
Fal, você já publicou em algum veículo que não mexeu no seu texto? Então, você nunca publicou em nenhum veículo. Eu já, e já mexeram; principalmente na grande imprensa. Todos os veículos mexem, todos têm de adaptar os textos que publicam (aos seus padrões de edição). Nenhum editor tem tempo de ficar combinando "tudo com todo mundo". (Você também nunca deve ter editado, eu imagino...) O fato é que os blogueiros brasileiros estão muito mal acostumados; não sabem lidar com veículos. Se continuarem assim, vão continuar sem ser publicados. Boa sorte a todos.

[Sobre "Fui xingado pelo Catarro Verde"]

por Julio Daio Borges
8/5/2009 às
08h03

Oi Julio
Oi Julio, como vai? Olha só, se o texto tem 'um exagero' de palavrão, ou palavrão nenhum, não é problema nem meu, nem seu. É do autor. Ele que sabe, ele que se responsabilize. Seu problema (só seu, Julio, e não meu, :o) porque não tenho um site com montes de textos de autores vários, visitas e tal, nessa vc tá sozinho) é pensar se o tal do texto se adapta ou não ao seu veículo (pode chamar de veículo? não sei o nome certo, mas vc entendeu, né?). Se não cabe, se pra vc tá com palavrão a mais, pouco estilo, feio, bobo e chato, lima o cara. Não publica. Cabô. Mas não se pode mexer no texto de alguém, inda mais sem combinação prévia. Escritor é bicho chato e sensível e chorão. Precisa de muita sedução, conversinha no pé da orelhinha e 'vem cá minha nega' pra mexer num texto de alguem, Julio. E dizer 'achei que ele lia', tb não vale. Tem que combinar combinado, com todas as letras "Minha frô, vou mexer aqui, ali e aqui de novo". Não foi edição, Julio, na boa, não foi não. beijo grande. Fal.

[Sobre "Fui xingado pelo Catarro Verde"]

por Fal
7/5/2009 às
21h24

Antunes & Nelson
Antunes Filho é o grande responsável pela consagração post-mortem de Nelson com "Paraíso Zona-Norte" e "Nelson 2 Rodrigues". Tenho certeza de que ele deve ter feito um grande trabalho. Não tive o prazer de ver a montagem, mas creio que ele deve ter colocado de forma criativa toda a densidade e tragicidade que o texto exige.

[Sobre "Senhora dos Afogados, por Antunes Filho"]

por Marcio Rufino
7/5/2009 às
20h52

Tomara que não seja um estorvo
Vou ler o livro. Só espero que não tenha o mesmo hermetismo de "Estorvo".

[Sobre "Chico Buarque e o Leite derramado"]

por Marcio Rufino
7/5/2009 às
20h39

Pelo que apurei...
Pelo que apurei, as "edições" foram feitas sem o autor saber e sem nada ter sido combinado previamente quanto a edição de textos. Independentemente de como a situação se resolveu depois, isso não foi correto.

[Sobre "Fui xingado pelo Catarro Verde"]

por Mario Amaya
7/5/2009 às
19h12

Se você não curte Orkut...
Já estamos em 2009 e desde que escrevi aqui sobre o assunto o Orkut continua bombando. Cada vez mais útil, no meu ponto de vista, porque agora temos comunidades de Corel, Photoshop e tanto material educativo. Sem contar naquelas comunidades onde você vai pedir dicas de Windows e outros que ajudam a resolver problemas... Uma coisa é certa, tecnologia do computador é para quem gosta de pensar e tem paciência. É como estudar para o resto da vida, sempre tem novidade e você sempre tem que pensar e sempre tem desafio... Nenhum lugar tem isso de forma dinâmica e animada como nesta tecnologia. Orkut é so mais uma entre tantas ideias que permitem a pessoas comuns (se) expor sem pagar muita taxa... Parabéns ao Google por ser genial em tudo que faz. Se você não curte Orkut, compre um BIP e aguarde os recados!

[Sobre "Orkut, um sonho impossível?"]

por Jacques serafini
7/5/2009 às
10h16

O amor vai além das leis
É sempre possivel cantar e rever o amor, embora as leis possam estar descontroladas. Vale o olhar, a ternura, o jeito preciso de cuidar do outro sem possui-lo, como algo que adquire-se em lojas de pequenas quinquilharias.

[Sobre "Amor aos pedaços"]

por Manoel Messias Perei
7/5/2009 às
10h04

Que saudade de BH!
Ahhhh! Não teve jeito, tentei segurar as lágrimas mas não deu... Não cheguei a "pegar" essa época, tenho 25 anos, e sou do bairro Eldorado em Contagem, pertinho. Mas na minha infância e parte da aborrescência eu frequentei muito a lagoinha e os arredores. Tinha muitos amigos ali... Amigos que me marcaram pra sempre. Hoje, de longe, de um país distante, eu leio essa crônica e meus olhos enchem d'água... Que saudade de BH! Obrigado.

[Sobre "A cidade e as serras"]

por Thomas Mann
6/5/2009 às
20h56

É a força que move o mundo
..."e se não tiver amor, eu nada serei"...

[Sobre "O amor é importante, porra"]

por Anna Maria Botelho
6/5/2009 às
12h59

Farrear e acordar
É ir dormir tarde de tanto farrear e acordar bem cedo para trabalhar. [São Paulo - SP]

[Sobre "Promoção Brasileiros"]

por Fabio Takehara
6/5/2009 às
11h08

Julio Daio Borges
Editor

busca | avançada
60272 visitas/dia
2,0 milhões/mês