busca | avançada
50836 visitas/dia
1,8 milhão/mês
Segunda-feira, 17/8/2009
Comentários
Leitores

Medo de não existir (2)
(continuação) Não senti nenhum desconforto enquanto não existi, portanto, não crio ideias sobre o que deverei temer e, assim, ganho mais tempo para pensar em como me "recompensar" em vida mesmo.

[Sobre "Deus, um delírio, de Richard Dawkins"]

por Evandro Santos
17/8/2009 às
04h49

Medo por não existir
Acreditar que a vida é uma só impõe aceitar que após a morte iremos "não existir", assim como "não existimos" até o momento de nossa geração. O medo da inexistência pode ser parte do nosso instinto de sobrevivência, já que é evidente que "existir" é muito mais interessante, mesmo que mais incômodo. Algum espertalhão que, talvez há uns poucos milhares de anos atrás, ao perceber a ignorância de algum povo primitivo diante de um trovão, doença ou alguma outra desgraça, resolveu ameaçá-los com "boas novas" que requereriam enquadramentos obrigatórios, a fim de lucrar vantagens escusas que lhe convinham. Aos desenquadrados, a pena seria um destino pior ainda do que a inexistência eterna: o fogo e as nojeiras eternas do inferno... e essa história colou fácil, fácil... E foi transformada em tradição e virou "religião", cada povo com a sua verdade, angariou até mesmo pessoas de boa vontade. Que povinho... Prefiro também as evidências aos ideais. Não senti nenhum desconforto enquanto não...

[Sobre "Deus, um delírio, de Richard Dawkins"]

por Evandro Santos
17/8/2009 às
04h31

Laboratório da linguagem
Ops, escapou, eu me esqueci! O autêntico escritor deve possuir pleno domínio da linguagem: literatura é laboratório da linguagem!

[Sobre "A verdade entre o professor e o rascunho"]

por Sílvio Medeiros
16/8/2009 às
19h46

A arte da leitura
Que tema de difícil discussão! Em poucas palavras: do meu ponto de vista, um escritor deve ser um bom observador do mundo; possuir imaginação fértil e ler, isto é, enamorar-se, empreender-se, aprimorar-se, sempre! na arte de ler. abs do Sílvio Medeiros. Campinas, é inverno de 2009.

[Sobre "A verdade entre o professor e o rascunho"]

por Sílvio Medeiros
16/8/2009 às
19h38

Amor virtual ainda aceso
Reli textos sobre o amor virtual e acredito piamente que as pessoas estão se doando cada vez mais a este tipo de amor, cuja materialização nem sempre é possível, porém o sentimento não é volátil, mas sensível ao coração. Tudo que falei em meus comentários anteriores, mantenho e, para minha alegria, posso revelar que cada vez mais o que existe entre nós é muito lindo, com espaço destinado a carinho, apoio, declarações inflamadas de amor e um bom desejo de um futuro juntos.

[Sobre "A internet e o amor virtual"]

por hassanya
16/8/2009 à
01h13

A importância dos tradutores
Essas pessoas, os tradutores, estão muito presentes na vida de nós que amamos livros, mas pouco se ouve o que eles têm a dizer. Esta é uma profissão que eu adoraria seguir (apesar do que ele (não) disse sobre a parte financeira hehe).

[Sobre "O livro de Dave e seu tradutor"]

por Julio C Mulatinho
15/8/2009 às
22h52

Quem foi Michael Jackson
Parabéns pelo texto, refletiu muito bem o que e quem foi MJ.

[Sobre "Considerações sobre Michael Jackson"]

por neli
15/8/2009 às
12h03

Gostei de ti, sapoti!
Olá, gostei de ti, sapoti! Para um sagitariano, de uma sagitariana dos sertões de Goiás!

[Sobre "Quem sou eu?"]

por Aline
15/8/2009 à
00h05

O sítio da tia Chica
Passar as férias no sítito da tia Chica. Porque podia fazer tudo o que não podia fazer na cidade. Era muito divertido. Saudades. [Caxias do Sul - RS]

[Sobre "Promoção Calvin & Haroldo"]

por Mônica Fernanda
14/8/2009 às
15h29

Correndo dos bichos
Do sí­tio que existia próximo a minha casa e que não existe mais, pois no lugar foi construída a Via Light. Tenho muito saudades de brincar - na verdade, implicar com os bichos. E tomar cada corrida... rsrsr [Sã João de Meriti - RJ]

[Sobre "Promoção Calvin & Haroldo"]

por Daniele de Paula
14/8/2009 às
15h29

Julio Daio Borges
Editor

busca | avançada
50836 visitas/dia
1,8 milhão/mês