Global Cities, na Tate Modern | Paula Góes

busca | avançada
37059 visitas/dia
1,4 milhão/mês
Mais Recentes
>>> Banda GELPI, vencedora do concurso EDP LIVE BANDS BRASIL, lança seu primeiro álbum com a Sony
>>> Celso Sabadin e Francisco Ucha lançam livro sobre a vida de Moracy do Val amanhã na Livraria da Vila
>>> No Dia dos Pais, boa comida, lugar bacana e MPB requintada são as opções para acertar no presente
>>> Livro destaca a utilização da robótica nas salas de aula
>>> São Paulo recebe o lançamento do livro Bluebell
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> Rinoceronte, poemas em prosa de Ronald Polito
>>> A forca de cascavel — Angústia (FUVEST 2020)
>>> O reinado estético: Luís XV e Madame de Pompadour
>>> 7 de Setembro
>>> Outros cantos, de Maria Valéria Rezende
>>> Notas confessionais de um angustiado (VII)
>>> Eu não entendo nada de alta gastronomia - Parte 1
>>> Treliças bem trançadas
>>> Meu Telefunken
>>> Dor e Glória, de Pedro Almodóvar
Colunistas
Últimos Posts
>>> Revisores de Texto em pauta
>>> Diogo Salles no podcast Guide
>>> Uma História do Mercado Livre
>>> Washington Olivetto no Day1
>>> Robinson Shiba do China in Box
>>> Karnal, Cortella e Pondé
>>> Canal Livre com FHC
>>> A história de cada livro
>>> Guia Crowdfunding de Livros
>>> Crise da Democracia
Últimos Posts
>>> Uma crônica de Cinema
>>> Visitação ao desenho de Jair Glass
>>> Desiguais
>>> Quanto às perdas I
>>> A caminho, caminhemos nós
>>> MEMÓRIA
>>> Inesquecíveis cinco dias de Julho
>>> Primavera
>>> Quando a Juventude Te Ferra Economicamente
>>> Bens de consumo
Blogueiros
Mais Recentes
>>> Ser intelectual dói
>>> O Tigrão vai te ensinar
>>> O hiperconto e a literatura digital
>>> Aberta a temporada de caça
>>> Se for viajar de navio...
>>> Incompatibilidade...
>>> Alguns Jesus em 10 anos
>>> Blogues: uma (não tão) breve história (II)
>>> Picasso e As Senhoritas de Avignon (Parte I)
>>> Asia de volta ao mapa
Mais Recentes
>>> O Livro da moda de Alexandra Black pela Publifolha (2015)
>>> Rejuvelhecer a saude como prioridade de Sergio Abramoff pela Intrinseca (2017)
>>> O livro das evidencias de John Banville Tradução Fabio Bonillo pela Biblioteca Azul - globo (2018)
>>> O futebol explica o Brasil de Marcos Guterman pela Contexto (2014)
>>> O Macaco e a Essencia de Aldous Huxley pela Globo (2017)
>>> BATISTAS, Sua Trajetória em Santo Antônio de Jesus: o fim do monopólio da fé na Terra do Padre Mateus de Jorgevan Alves da Silva pela Fonte Editorial (2018)
>>> Playboy Bárbara Borges de Diversos pela Abril (2009)
>>> Sarah de Theresa Michaels pela Nova Cultural (1999)
>>> A Bela e o Barão de Deborah Hale pela Nova Cultural (2003)
>>> O estilo na História. Gibbon & Ranke & Macaulay & Burckhardt de Peter Gay pela Companhia das Letras (1990)
>>> Playboy Simony de Diversos pela Abril (1994)
>>> Invasão no Mundo da Superfície de Mark Cheverton pela Galera Junior (2015)
>>> José Lins Do Rego- Literatura Comentada de Benjamin Abdala Jr. pela Abril Educação (1982)
>>> A modernidade vienense e as crises de identidade de Jacques Le Rider pela Civilização Brasileira (1993)
>>> Machado De Assis - Literatura Comentada de Marisa Lajolo pela Abril Educação (1980)
>>> A Viena de Wittgenstein de Allan Janik & Stephen Toulmin pela Campus (1991)
>>> O Velho e o Mar de Ernest Hemingway pela Círculo do livro (1980)
>>> Veneno de Alan Scholefield pela Abril cultural (1984)
>>> O Livreiro de Cabul de Asne Seierstad pela Record (2007)
>>> Os Dragões do Éden de Carl Sagan pela Francisco Alves (1980)
>>> O Espião que sabia demais de John Le Carré pela Abril cultural (1984)
>>> Administração de Materiais de Jorge Sequeira de Araújo pela Atlas (1981)
>>> Introdução à Programação Linear de R. Stansbury Stockton pela Atlas (1975)
>>> Como lidar com Clientes Difíceis de Dave Anderson pela Sextante (2010)
>>> As 3 Leis do Desempenho de Steve Zaffron e Dave Logan pela Primavera (2009)
>>> Curso de Educação Mediúnica 1º Ano de Vários Autores pela Feesp (1996)
>>> Recursos para uma Vida Natural de Eliza M. S. Biazzi pela Casa Publicadora Brasileira (2001)
>>> Jesus enxuga minhas Lágrimas de Elza de Almeida pela Fotograma (1999)
>>> As Aventuras de Robinson Crusoé de Daniel Defoe pela LPM Pocket (1997)
>>> Bulunga o Rei Azul de Pedro Bloch pela Moderna (1991)
>>> Menino de Engenho de José Lins do Rego pela José Olympio (1982)
>>> Terra dos Homens de Antoine de Saint-Exupéry pela Nova Fronteira (1988)
>>> O Menino de Areia de Tahar Ben Jelloun pela Nova Fronteira (1985)
>>> Aspectos Endócrinos de Interesse à Estomatologia de Janete Dias Almeida pela Unesp (1999)
>>> Nociones de Historia Linguística y Estetica Literaria de Antonio Vilanova- Nestor Lujan pela Editorial Teide/ Barcelona (1950)
>>> El Estilo: El Problema y Su Solucion de Bennison Gray pela Editorial Castalia/ Madrid (1974)
>>> El Cuento y Sus Claves de Raúl A. Piérola/ Alba Omil (profs. Univ. Tucumán pela Editorial Nova, Buenos Aires (1955)
>>> Las Fuentes de La Creacion Literaria de Carmelo M. Bonet pela Libr. del Collegio/ B. Aires (1943)
>>> As Hortaliças na Medicina Doméstica/ Encadernado de Alfons Balbach pela A Edificação do Lar (1976)
>>> A Flora Nacional na Medicina Doméstica de Alfons Balbach pela A Edificação do Lar
>>> Arlington Park de Rachel Cusk pela Companhia das Letras (2007)
>>> Muitas Vidas, Muitos Mestres de Brian L Weiss pela Salamandra (1991)
>>> As Frutas na Medicina Doméstica de Alfons Balbach pela A Edificação do Lar
>>> Coleção Agatha Christie - Box 8 de Agatha Christie; Sonia Coutinho; Archibaldo Figueira pela HarperCollins (2019)
>>> As Irmãs Aguero de Cristina García pela Record (1998)
>>> Não Faça Tempestade Em Copo Dágua no Amor de Richard Carlson pela Rocco (2001)
>>> Um Estudo Em Vermelho - Edição De Bolso de Arthur Conan Doyle pela Zahar (2013)
>>> Eu, Dommenique de Dommenique Luxor pela Leya (2011)
>>> Os Cavaleiros da Praga Divina de Marcos Rey pela Global (2015)
>>> O Futuro da Filosofia da Práxis de Leandro Konder pela ExpressãoPopular (2018)
ENSAIOS

Segunda-feira, 9/7/2007
Global Cities, na Tate Modern
Paula Góes

+ de 3500 Acessos


The Big City, Kevin Fitzpatrick

Londres, São Paulo, Cidade do México, Xangai, Mumbai, Tóquio, Joanesburgo, Los Angeles, Cairo e Istambul. São dez cidades em pólos opostos do mundo, com históricos de desenvolvimento completamente diferentes, de identidade sócio-cultural das mais diversas, novas ou anciãs — mas com muito em comum.

São as chamadas "Global Cities" ou "Cidades Globais", frutos e vítimas dos efeitos das aceleradas transformações econômicas e sociais pós-industrialização. O termo que as une em uma só categoria foi cunhado em 1991, pela socióloga e economista holandesa Saskia Sassen, em alusão a Londres, Tóquio e New York no livro The Global City.

São metrópoles que não param de crescer e se desenvolver, ao mesmo tempo em que possuem semelhanças entre si e enfrentam problemas comuns: superpopulação, falta de moradia, de integração social, alto índice de pobreza, desemprego e violência. Elas possuem sistemas de transporte avançados e modernos, mas de certa forma inadequados ou ineficientes. Elas têm aeroportos de porte internacional e estão conectadas com o mundo — mas grande parte de seus habitantes não podem arcar com as despesas de andar de avião, ou visitar um outro país.

Cada vez mais, essas cidades atuam como imãs, atraindo pessoas pelos mais diversos motivos, entre cidadãos nativos do mesmo país e estrangeiros. Existem, hoje, 20 cidades com mais de 10 milhões de habitantes, e quase 450 outras regiões com mais de um milhão de pessoas. Juntos, esses centros abrigam mais de um milhão de pessoas, em um espaço relativamente pequeno.

Metade da população mundial hoje vive em centros urbanos. A perspectiva das Nações Unidas é de que, até 2050, esse número chegue a mais de 8 bilhões de pessoas. Ou seja, 75% da população mundial estará concentrada nas cidades. É um número assustador quando se leva em consideração que, há um século, apenas 10% da população ocupava centros urbanos. Hoje, um em cada três cidadãos no mundo já vive em favelas.

São Paulo e o mundo
A maior e mais desenvolvida cidade da América do Sul é a quinta no mundo em tamanho. São Paulo tem uma região metropolitana do tamanho de Los Angeles ou Xangai. Em se tratando de densidade, são 2.300 pessoas por quilômetro quadrado, metade da densidade de Londres.

Jovem, multicultural e diversa, cerca de 66% da sua população tem menos de 20 anos. A maioria de seus residentes tem uma origem étnica que mistura sangues português, japonês, espanhol e libanês. Em Londres, 27% dos residentes nasceram fora do Reino Unido.

Pobreza, desemprego e inequalidade social são os grandes desafios a serem vencidos pelo coração financeiro do país, que dobrou de tamanho nos últimos 45 anos e cresceu quase 10% só na última década. A velocidade com que São Paulo cresce chega à taxa de 25 habitantes por hora, igual à da Cidade do México e muito maior do que a de Londres (+6).

Seis milhões de carros circulam pelas avenidas paulistas e mil novos carros são registrados a cada dia. Apenas pouco menos da metade das jornadas diárias são feitas através de ônibus, enquanto um pouco a mais da metade são feitas de carros privados. Ao lado de Tóquio e Nova York, a frota particular de helicópteros de São Paulo chega a mais de mil veículos — sendo que não entram nesse cálculo os táxis aéreos que disputam os céus e heliportos paulistanos.

Global Cities
Essas são algumas das facetas apresentadas na exposição Global Cities, uma parceria da Bienal de Veneza e o museu de arte moderna de Londres, Tate Modern. Tomando a capital britânica como ponto de referência e de partida, a exposição traduz em arte dados geográficos e estatísticas socio-econômicas elaborados pela London School of Economics (LSE).

Trata-se de um verdadeiro raio-X desses pulsantes centros urbanos, onde resultados são exibidos em painéis, fotos, vídeos, filmes, instalações, imagens capturadas por satélites e maquetes, montados por artistas e arquitetos do mundo inteiro. Todos os participantes têm um link com esses centros e encontraram inspiração nos efeitos da arquitetura e urbanismo no mundo contemporâneo em que vivemos.

O trabalho tem como meta documentar os desafios enfrentados por dez das mais dinâmicas cidades do mundo. Migrações, mobilidade, integração social, impacto causado pela presença humana e o crescimento sustentável são alguns dos temas abordados através de cinco linhas temáticas: tamanho, densidade, forma, diversidade da população e velocidade de crescimento. A exposição tem como objetivo maior conscientizar os visitantes quanto aos problemas a serem enfrentados — tanto numa escala global quanto humana — e mostrar que é o formato dessas cidades determinará o futuro não só seus milhões de habitantes, mas também a sustentabilidade do planeta.

Para quem está em Londres, vale a pena conferir também os eventos paralelos. Dentre os pontos altos da exposição estão dois filmes fantásticos: London e Robinson in the Space, estilosos retratos do Reino Unido em película, parte documentário, parte ficção — ou quem sabe nem um nem outro. Os dois serão exibidos no dia 22 de julho (o primeiro às 13h e o segundo às 15h), seguidos de um debate com o diretor Patrick Keiller, um das vozes mais distintas do cinema britânico.

O Tate encerra a série de eventos paralelos com a exibição do filme Cosmópolis, um documentário que mostra São Paulo como uma cidade emergente no século XX, uma metrópole gulosa que cresce rapidamente e cospe as mais híbridas culturas. Rodado em 2005, filme de Camilo Tavares, Otavio Cury e Cói Belluzzo traça paralelos entre a história da cidade e os mundos privados de seus moradores. Será exibido no dia 12 de agosto, às 15h, no Tate Modern Starr Auditorium.

Para ir além
Global Cities fica em cartaz até 27 de agosto no Turbine Hall e tem entrada gratuita. Entre os artistas e arquitetos estão Nigel Coates, Rem Koolhaas, Fritz Haug, Nils Norman, Andreas Gursky, Atelier Bow Wow, Eva Koch e Maha Maamoun.

Nota do Editor
Leia também "As cidades e os carros".


Paula Góes
Londres, 9/7/2007

Mais Paula Góes
* esta seção é livre, não refletindo necessariamente a opinião do site

Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




MINHA LUTA CONTRA O MAR
JOSÉ REGINALDO LIMA VERDE LEAL
EDIÇÃO DO AUTOR
(2005)
R$ 15,00



JUCA JABUTI, DONA LEÔNCIA E A SUPERONÇA
ORÍGENES LESSA
MODERNA
(1982)
R$ 5,00



SEMENTES PARA UMA NOVA ERA
PIERRE WEIL
VOZES
(1984)
R$ 10,00



PRIMATE EVOLUTION AND HUMAN ORIGINS
RUSSELL L. CIOCHON E JOHN G. FLEAGLE
ALDINE DE GRUYTER
(1987)
R$ 90,00



HISTÓRIA DOS FILÓSOFOS ILUSTRADA PELOS TEXTOS
ANDRÉ VERGEZ E DENIS HUISMAN
FREITAS BASTOS
(1980)
R$ 44,10



PAIS + FILHOS: COMPANHEIROS DE VIAGEM
ROBERTO SHINYASHIKI
GENTE
(1994)
R$ 5,00



HISTÓRIA DA REPÚBLICA BRASILEIRA 10 O ESTADO NOVO - 1937-1938
HÉLIO SILVA
TRÊS
(1975)
R$ 18,46



DIÁLOGOS III SOCRÁTICOS: FEDRO, EUTÍFRON, APOLOGIA DE SÓCRATES, OUTROS
PLATÃO
EDIPRO
(2015)
R$ 54,90



APRESENTAÇÃO DA POESIA BRASILEIRA - MANUEL BANDEIRA
MANUEL BANDEIRA
EDIOURO
(1966)
R$ 18,00



A MAGIA DA CAMISA 10 /// FUTEBOL. UNIFORMES. JOGADORES FAMOSOS.
ANDRÉ RIBEIRO E VLADIR LEMOS
VERUS
(2006)
R$ 20,00





busca | avançada
37059 visitas/dia
1,4 milhão/mês