A social-democracia e o Brasil | Digestivo Cultural

busca | avançada
75201 visitas/dia
2,4 milhões/mês
Mais Recentes
>>> Renato Morcatti transita entre o público e o íntimo na nova exposição “Ilê da Mona”
>>> Site WebTV publica conto de Maurício Limeira
>>> Nó na Garganta narra histórias das rodas de choro brasileiras
>>> TODAS AS CRIANÇAS NA RODA: CONVERSAS SOBRE O BRINCAR
>>> Receitas com carne suína para o Dia dos Pais
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> Ao pai do meu amigo
>>> Paulo Mendes da Rocha (1929-2021)
>>> 20 contos sobre a pandemia de 2020
>>> Das construções todas do sentir
>>> Entrevista com o impostor Enrique Vila-Matas
>>> As alucinações do milênio: 30 e poucos anos e...
>>> Cosmogonia de uma pintura: Claudio Garcia
>>> Silêncio e grito
>>> Você é rico?
>>> Lisboa obscura
Colunistas
Últimos Posts
>>> Deep Purple em Nova York (1973)
>>> Blue Origin's First Human Flight
>>> As últimas do impeachment
>>> Uma Prévia de Get Back
>>> A São Paulo do 'Não Pode'
>>> Humberto Werneck por Pedro Herz
>>> Raquel Cozer por Pedro Herz
>>> Cidade Matarazzo por Raul Juste Lores
>>> Luiz Bonfa no Legião Estrangeira
>>> Sergio Abranches sobre Bolsonaro e a CPI
Últimos Posts
>>> Biombos
>>> Renda Extra - Invenção de Vigaristas ou Resultado
>>> Triste, cruel e real
>>> Urgências
>>> Ao meu neto 1 ano: Samuel "Seu Nome é Deus"
>>> Rogai por nós
>>> Na cacimba do riacho
>>> Quando vem a chuva
>>> O tempo e o vento
>>> “Conselheiro do Sertão” no fim de semana
Blogueiros
Mais Recentes
>>> Sombras Persas (V)
>>> Há um corpo estendido no chão
>>> A Viagem de Klimt
>>> Fazendo Amigos e Influenciando Pessoas
>>> A internet não é nada
>>> Hellbox
>>> Autores & Ideias no Sesc-PR I
>>> One Click, a História da Amazon, de Richard L. Brandt
>>> Anos Incríveis
>>> Sarau Libertário em BH
Mais Recentes
>>> Liderança & Supervisão #14 (Suplemento) de Vários pela Quantum (2005)
>>> Livreto Michaelis - Guia Prático da Nova Ortografia de Douglas Tufano pela Melhoramentos (2008)
>>> Mulher Brasileira Em Primeiro Lugar de Ludenbergue Góes pela Ediouro (2007)
>>> O que a Bíblia realmente ensina? de Watch Tower Bible Society Of Pennsylvania pela Watch Tower Bible (2013)
>>> Branca de Neve e o Caçador de Lily Blake pela Novo Conceito (2012)
>>> Matéria dos Sonhos de Johannes Mario Simmel pela Círculo do Livro (1988)
>>> Memórias Póstumas de Brás Cubas de Machado de Assis pela Ática (1992)
>>> Raízes do Brasil de Sérgio Buarque de Holanda pela Companhia das Letras (1999)
>>> Para Sempre de Alyson Noël pela Intrínseca (2009)
>>> Como Se Dar Bem Com as Pessoas de M. K. Rustomji pela Summus (1975)
>>> As Mentiras que os Homens Contam de Luis Fernando Veríssimo pela Objetiva (2001)
>>> Raiva e Paciência - Ensaios Sobre Literatura Política e Colonialismo de Hans Magnus Enzensberger pela Paz e Terra (1985)
>>> Anjos e Demônios de Dan Brown pela Arqueiro (2012)
>>> Comunicar Para Liderar de Leny Kyrillos e Mílton Jung pela Contexto (2016)
>>> O Morro dos Ventos Uivantes de Emily Brontë pela Círculo do Livro (1994)
>>> O Essencial no Amor: as diferentes faces da experiência amorosa de Catherine Bensaid e Jean-Yves Leloup pela Vozes (2006)
>>> Deus Castiga? de Helena Craveiro pela Petit (1998)
>>> Cine Odeon de Livia Garcia Roza pela Record (2001)
>>> O Silêncio dos Amantes de Lya Luft pela Record (2008)
>>> História Viva de um Ideal - uma Orquestra uma Família uma Profissão de Hélio Brandão pela Do Autor (1996)
>>> Álbum de Família de Danielle Steel pela Record (1998)
>>> Tragédia o Mal de Todos os Tempos Como Suavizar a Voz Nesses Conflitos de Glorinha Beuttenmüller pela Instituto Montenegro Raman (2009)
>>> Educação corporativa fundamentos e praticas de Ana Paula Freitas Mundim/ Eleonora Jorge Ricardo pela Qualitymark (2004)
>>> Fontes para a educação infantil de Alex Criado pela Cortez (2003)
>>> Uma Mulher Inacabada de Lillian Hellman pela Francisco Alves (1981)
BLOG >>> Posts

Sexta-feira, 22/11/2002
A social-democracia e o Brasil

+ de 1800 Acessos

fonte: www2.uol.com.br/veja

A idéia de social-democracia (SD) desembarcou no Brasil no fim dos anos 80 e foi apropriada em maior medida pelo PSDB, mas também, na época, pelo PDT e mesmo pelo PT. O fato é que o PSDB, um "partido de quadros" (ou seja, cheio de intelectuais de sotaque europeu e de políticos sem muito voto, com honrosas exceções), depois de um arrastado quarto lugar nas eleições de 1989, chegou ao poder de forma avassaladora e inesperada nas eleições de 1994.

Com efeito, o mundo real foi um choque indelével para os tucanos, que chegaram ao poder como os franceses no Novo Mundo, no século XVI, e aqui descobriram a "cunhadagem", a indolência dos nativos, e também dos colonos, mais chegados a uma esperteza que ao trabalho. Tudo diferente do que se esperava.

Para quem tinha uma embocadura nacionalista, foi igualmente chocante perceber que o aparato protecionista havia degenerado em uma imensa máquina de geração de privilégios e de "rendas de monopólio", o mesmo valendo para a política industrial. Para quem imaginava criar parcerias européias, tripartites e concertadas, entre setor público e empresas privadas, o que se via eram conluios espúrios, com vistas a pilhar o Estado, centenas de maneiras de se apropriar da regulação pública para benefício privado.

Também melancólico era ver a maioria das estatais quebrada, muitas consumidas pelo corporativismo ou coisa pior. Para alguém de esquerda, que historicamente não gosta de banco, nada poderia ser pior que ver quebrados muitos, ou quase todos, os bancos públicos e muitos dos maiores bancos privados. E ter de montar operações para sanear o sistema financeiro a fim de proteger o depositante, que não tem culpa de nada, e ver-se, por fim, acusado de governar para os bancos.

Enquanto não era governo, e não tinha de resolver os problemas do mundo real, [a social-democracia] tinha tantas dúvidas que o "muro", não o de Berlim, mas o da hesitação, se tornou sua maldição. O poder levou o PSDB do muro à vidraça. Já o PT, mais socialista [...], em vez de lidar com suas dúvidas usando um muro, desenvolveu a habilidade de atirar pedras. E o fez com tamanha competência que chegou ao poder. A partir de agora deverá levar muitos sustos, esquecer seu passado todo dia um pouco e amadurecer.

Gustavo Franco em "Social-democracia e Brasil real"


Postado por Julio Daio Borges
Em 22/11/2002 às 10h59


Quem leu este, também leu esse(s):
01. Ramones no jardim da infância de Julio Daio Borges
02. E a Holanda eliminou o Brasil de Tatiana Mota
03. A vida em 2020 de Julio Daio Borges
04. Italo Calvino no shopping de Ana Elisa Ribeiro
05. Drummond: Procura da Poesia de Julio Daio Borges


Mais Julio Daio Borges no Blog
* esta seção é livre, não refletindo necessariamente a opinião do site



Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




Patrulha Canina - os Filhotes Salvam a Colheita 3 Livros
Ciranda Cultural
Ciranda Cultural
(2018)



Para Não Dizer Adeus
Lya Luft
Record
(2005)



Vade Mecum Saraiva Oab e Concursos
Saraiva
Saraiva
(2013)



A Princesa Apaixonada
Meg Cabot
Record
(2009)



A Personagem de Ficção - 13ª Edição
Antonio Candido & Anatol Rosenfeld & Décio ..
Perspectiva
(2014)



Feijoada
Sonia Rosa
Pallas
(2009)



Primeira Lição de Urbanismo - 1ª Edição - 2ª Reimpressão
Bernardo Secchi
Perspectiva
(2015)



Além do Bem e do Mal - 3ª Edição - Coleção Textos Filosóficos
Friedrich Nietzsche
Vozes
(2012)



Tudo É Possível
Lidia Maria Riba
Vergara & Riba
(1996)



O Pequeno Filosofo
Gabriel Chalita
Globinho Globo
(2011)





busca | avançada
75201 visitas/dia
2,4 milhões/mês