A polêmica da leitura labial | Digestivo Cultural

busca | avançada
46744 visitas/dia
1,1 milhão/mês
Mais Recentes
>>> Banda GELPI, vencedora do concurso EDP LIVE BANDS BRASIL, lança seu primeiro álbum com a Sony
>>> Celso Sabadin e Francisco Ucha lançam livro sobre a vida de Moracy do Val amanhã na Livraria da Vila
>>> No Dia dos Pais, boa comida, lugar bacana e MPB requintada são as opções para acertar no presente
>>> Livro destaca a utilização da robótica nas salas de aula
>>> São Paulo recebe o lançamento do livro Bluebell
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> 7 de Setembro
>>> Outros cantos, de Maria Valéria Rezende
>>> Notas confessionais de um angustiado (VII)
>>> Eu não entendo nada de alta gastronomia - Parte 1
>>> Treliças bem trançadas
>>> Meu Telefunken
>>> Dor e Glória, de Pedro Almodóvar
>>> Leminski, estações da poesia, por R. G. Lopes
>>> Crônica em sustenido
>>> Do inferno ao céu
Colunistas
Últimos Posts
>>> Analisando o Amazon Prime
>>> Amazon Prime no Brasil
>>> Censura na Bienal do Rio 2019
>>> Tocalivros
>>> Livro Alma Brasileira
>>> Steve Jobs em 1997
>>> Jeff Bezos em 2003
>>> Jack Ma e Elon Musk
>>> Marco Lisboa na Globonews
>>> Jorge Caldeira no Supertônica
Últimos Posts
>>> O céu sem o azul
>>> Ofendículos
>>> Grito primal V
>>> Grito primal IV
>>> Inequações de um travesseiro
>>> Caroço
>>> Serial Killer
>>> O jardim e as flores
>>> Agradecer antes, para pedir depois
>>> Esse é o meu vovô
Blogueiros
Mais Recentes
>>> 2005: Diário de bordo
>>> Alfa Romeo e os bloggers
>>> Defesa dos Rótulos
>>> O Jovem Bruxo
>>> Sua Excelência, o Ballet de Londrina
>>> O diabo veste Prada
>>> Hilda Hilst delirante, de Ana Lucia Vasconcelos
>>> Daniel Piza by Otavio Mesquita
>>> The Making of A Kind of Blue
>>> Dirty Dancing - Ritmo Quente
Mais Recentes
>>> Lusíada (Nº 1): Revista Ilustrada de Cultura.- Arte.- Literatura.- História.- Crítica de Martins Costa/ Portinari/ Texeira Pascoaes (obras de) pela Simão Guimarães & Filhos./ Porto (1952)
>>> Fábulas que Ajudam a Crescer de Vanderlei Danielski pela Ave Maria (1998)
>>> Ninguém é igual a ninguém de Regina Otero e Regina Rennó pela Do Brasil (1994)
>>> Você Pode Escolher de Regina Rennó pela Do Brasil (1999)
>>> Apelido não tem cola de Regina Otero e Regina Rennó pela Do Brasil (2019)
>>> Coração que bate, sente de Regina Otero e Regina Rennó pela Do Brasil (1994)
>>> A galinha que criava um ratinho de Ana Maria Machado pela Ática (1995)
>>> Pinote, o fracote e Janjão, o fortão de Fernanda Lopes de Almeida pela Ática (2000)
>>> A lenda da noite de Guido Heleno pela José Olympio (1997)
>>> A História de uma Folha de Leo Buscaglia pela Record (1999)
>>> Chapeuzinho Amarelo de Chico Buarque pela José Olympio (1999)
>>> O último judeu: uma história de terror na Inquisição de Noah Gordon pela Racco (2000)
>>> Confissões de um Torcedor: Quatro copas e uma Paixão de Nelson Motta pela Objetiva (1998)
>>> Controle de Infecções e a Prática Odontológica em Tempos de Aids de Vários pela Brasília (2000)
>>> A Roda do Mundo de Edimilson de Almeida Pereira e Ricardo Aleixo pela Mazza/ Belo Horizonte (1996)
>>> Roda Mundo de Fanny Abramovich/ Ilustrações: Paulo Bernardo Vaz pela Formato/ Belo Horizonte (1993)
>>> Roda Mundo de Fanny Abramovich/ Ilustrações: Paulo Bernardo Vaz pela Formato/ Belo Horizonte (1993)
>>> Roda Mundo de Fanny Abramovich/ Ilustrações: Paulo Bernardo Vaz pela Formato/ Belo Horizonte (1993)
>>> A Propagação do Amor: Sobre o Plantio e a Colheita do Bem de Betty J. Eadie pela Nova Era/ Record (2003)
>>> Auto- Estima: Amar a Si Mesmo para Conviver Melhor Com os Outros de Christophe André - Françoise Lelord pela Nova Era/ Record (2003)
>>> Os Lusíadas: Reprodução Paralela das duas Edições de 1572 / Ed. Ltd. de Luis de Camões pela Impr. Nac. Casa da Moeda/ Lis (1982)
>>> Administração de Marketing: Desvendando os segredos de: Vendas. Promoç de Stephen Morse pela McGraw Hill (1988)
>>> Obras Completas de Álvares de Azevedo - 02 Tomos ) de Álvares de Azevedo/ Org. Notas: Homero Pires pela Companhia Ed. Nacional (1942)
>>> Obras Completas (Poesia, Prosa e Gramática) de Laurindo José da Silva Rabelo/ Org: O. de M. Braga pela Companhia Ed. Nacional (1946)
>>> Sempre Em Desvantagem de Walter Mosley pela Record (2001)
>>> Sempre Em Desvantagem de Walter Mosley pela Record (2001)
>>> Os Anos 80: Contagem Regressiva para o Juízo Final de Hall Lindsey pela Record/ RJ.
>>> Na Linha de Frente de Lawrence Block pela Companhia das Letras/ SP. (2010)
>>> Na Linha de Frente de Lawrence Block pela Companhia das Letras/ SP. (2010)
>>> O Fator Psicológico na Evolução Sintática (Encadernado) de Cândido Jucá (filho)/ Autografado pela Organização Simões/ Rio (1958)
>>> Príncipe das Trevas, Ou Monsieur - o Quinteto de Avignon- I de Lawrence Durrell pela Estação da Liberdade (1989)
>>> Pare de Engordar- Obesidade: um Problema Psicológico de Dr. Nelson Senise pela Record/ RJ.
>>> Os Hospedeiros de Belém de Maria Pires pela Imprensa Oficial/ B. Horizonte (1984)
>>> Os Hospedeiros de Belém de Maria Pires (autografado) pela Imprensa Oficial/ B. Horizonte (1984)
>>> Catálogo dos Editores Brasileiros de Affonso Romano de Sant Anna: Presidente pela Biblioteca Nacional/INL (1994)
>>> Fontes do Latim Vulgar : o Appendix Probi de Serafim da Silva Neto/ Autografado pela Livr. Academica/ RJ. (1956)
>>> Camões e Fernão Lopes de Thiers Martins Moreira/ Autografado pela Rio de Janeiro (1944)
>>> Ver- o- Peso: Estudos Antropológicos no Mercado de belém (Vol. II de Wilma Marques Leitão (organização) pela Paka- Tatu Ed. (2016)
>>> O Pensamento Vivo de Montaigne de André Gide/ Tradução: Sérgio Milliet pela Livr. Martins Ed. (1953)
>>> Na Beleza dos Lírios de John Updike pela Companhia das Letras (1997)
>>> O Nariz Detetive de Stella Carr/ Ilustrações: Avelino Guedes pela Scipione (2019)
>>> Bouvard e Pécuchet: Dois Patetas Iluminados de Gustave Flaubert pela Scipione (1988)
>>> Bouvard e Pécuchet: Dois Patetas Iluminados de Gustave Flaubert pela Scipione (1988)
>>> A Filha da Noite de Marion Zimmer pela Imago/ Rio de Janeiro (1986)
>>> Família e Mudança: O Familismo Numa Sociedade Arcaica em Transformação de C. A. Medina pela Vozes/ Ceris (1974)
>>> Quando Meu Pai Perdeu o Emprego de Wagner Costa pela Moderna/ SP. (1993)
>>> Fernão Lopes: Suas Crónicas Perdidas e a Crônica Geral do Reino... de A. de Magalhães Basto pela Livr. Progredir/ Lisboa (1943)
>>> Decifrar pessoas de Jo-Ellan Dimitrius e Mark Mazzarella pela Alegro (2000)
>>> Como fazer sabões e artigos de toucador de Ribeiro de mello pela Icone (1987)
>>> Pokémon extreme Batalha épica no mundo de dentro de Venom Extreme pela Sextante (2016)
BLOG >>> Posts

Quinta-feira, 29/6/2006
A polêmica da leitura labial

+ de 3100 Acessos
+ 11 Comentário(s)

Parreira

O Fantástico realizou um dos seus quadros mais criativos e divertidos no domingo passado. Ao contratar um grupo de surdos-mudos para fazer leitura labial de jogadores da seleção e do técnico Carlos Alberto Parreira, o programa dominical inovou e ousou no que existe de mais simples: o que dizem as pessoas "ao natural". Pois Parreira não gostou. Acusou a emissora de invasão de privacidade e se disse chateado. A reação da Globo conseguiu ser mais boba que o comentário de Parreira: o diretor de Esportes, Luiz Fernando Lima, telefonou ao técnico e se desculpou pelo quadro em nome da emissora.

A atitude provocou um pedido pessoal de demissão do diretor do Fantástico, Luiz Nascimento, prontamente negado. Ainda assim, Nascimento deve voltar ao Brasil e se recusa a continuar cobrindo o campeonato. A atitude do diretor pode ter sido exagerada, mas o motivo era dos mais justos. Afinal, como dizer que houve invasão de privacidade na fala de um técnico de seleção de futebol que cochicha, grita e gesticula num estádio onde estão milhões e milhões de pessoas? Como dizer que Parreira teve a intimidade invadida se ele, esperto como é, sabe muito bem que está sendo filmado (e pode estar sendo ouvido) durante cada segundo de jogo?

E uma questão mais "grave" e na qual, aparentemente, ninguém tocou: o que Parreira tem a esconder pra se sentir tão ofendido quando suas palavras se revelam? É segredo ele demonstrar alegria com as jogadas de Ronaldo? É sigiloso ele reclamar do desempenho de algum outro jogador? É top secret ele se dirigir aos assistentes e soltar um palavrão ou dar instruções em campo? Simplesmente não dá pra entender a revolta do técnico.

Ou talvez dê. Parece que Parreira se sente tão dono de si, tão mestre da verdade e tão prepotente na sua certeza de tudo que se dá o direito de questionar o inquestionável. Algo como Ronaldo querer bater boca em público com ninguém menos que o presidente da República, naquela desnecessária saia-justa sobre bebidas e gordura. No saldo final, a impressão é de que a turma de Parreira (com honrosas exceções) é um bando de crianças mimadas e pirracentas.


Postado por Marcelo Miranda
Em 29/6/2006 às 08h17


Quem leu este, também leu esse(s):
01. Pérola Negra, de Luiz Melodia de Julio Daio Borges
02. Um Everest de Desmandos de Duanne Ribeiro
03. Ayn Rand: inveja e feminismo de Yuri Vieira
04. Michelangeli & Ravel de Julio Daio Borges
05. Jonny Ken do migre.me, no MitA de Julio Daio Borges


Mais Marcelo Miranda no Blog
* esta seção é livre, não refletindo necessariamente a opinião do site

ENVIAR POR E-MAIL
E-mail:
Observações:
COMENTÁRIO(S) DOS LEITORES
28/6/2006
19h08min
Acho que, em qualquer hipótese, o Parreira (ou outro treinador) tem que gozar de privacidade, caso contrário terá que medir, a todo o tempo, as palavras e complicar a comunicação entre ele e o time.
[Leia outros Comentários de Luis Viana]
29/6/2006
14h34min
De acordo, belo post! Parreira tá formal demais pra atuar numa área de muita descontração onde seus excessos de alegria podem vazar a cada momento na mídia. Frescura dele!
[Leia outros Comentários de Dre]
29/6/2006
16h07min
O Parreira está certo. Ninguém gosta de ser incomodado em sua privacidade. Se a mídia tem o direito de usá-lo por ele ser uma pessoa pública são outros quinhentos. Mas não existe lei que obrigue cidadão nenhum a se expor para o deleite da plebe.
[Leia outros Comentários de josé adailton]
29/6/2006
16h54min
Acho que eu, no lugar do Parreira, também teria ficado mto irritada. A falta de assunto nas TVs hoje é tão grande que precisam apelar, e acho mesmo que foi apelação, o que o Parreira discute em campo, com Zagallo e comissão técnica, não diz respeito a ninguém. O que diz respeito é a atitude dele de colocar os jogadores em campo e dar as coletivas. Sou totalmente contra a atitude da rede Bobo e eu, no lugar do Parreira, tb teria ficado muito brava.
[Leia outros Comentários de Bianca Fiori]
29/6/2006
18h33min
Privacidade? Em um estádio de futebol? Em jogo da copa do mundo? Pelamor..... Parece até brincadeira uma atitude dessa. Quer privacidade vai assistir ao jogo lá da cabine de imprensa!
[Leia outros Comentários de Paula M.]
29/6/2006
19h38min
Concordo plenamente com o teor do post. Se ele não quer ter a cara na mídia, vá ser camelô em qualquer cidade do Brasil menos ser o cara mais importante do Brasil no momento: técnico da seleção! Ou ele não sabe que o Brasil é a pátria de chuteiras? Pastel!!!
[Leia outros Comentários de Gilson]
1/7/2006
20h41min
O Sr. Parreira, que de técnico só tem o nome, ao dizer um palavrão para o povo brasileiro, ele demonstrou que não tinha coragem de repetir isto no microfone, demonstrou que foi contratado pra perder esta rídicula Copa do Mundo, e a imprensa ruim como imprensa, estupidamente e tecnicamente, só elogiava o time medíocre que não consegue passar mesmo tendo os melhores jogadores, faltou dignidade, faltou respeito para o povo que põe a bola no lugar do coração. Tivemos os melhores jogadores, mas o pior técnico da Copa, valeu CBF, bando de lacraias, de personas não gratas, o Brasil enquanto ficar contratando os retranqueiros como Zagallo e Parreira ficará na saudade, foi bom dispensar Felipão, não foi? Toma! O negocio agora é torcer com fevor pro timão portugues.
[Leia outros Comentários de Manoel Messias Perei]
2/7/2006
03h01min
Uma coisa é alguém, seja lá quem for, falar na frente de câmeras CIENTE de que é possível ser ouvido. Outra, bem diferente é a pessoa ser filmada, e, SABENDO QUE NÃO PODE SER OUVIDA, falar algo que não falaria ao público em geral. Tanto é invasão de privacidade que foi necessário que alguém fizesse leitura labial! Hoje em dia, existem câmeras em tudo quanto é lugar, viveríamos uma paranóia se qualquer um pudesse acessar uma gravação nossa e "decodificar" nossa conversa sem incorrer em invasão de privacidade! E isso não é mera opinião, é Princípio Constitucional!
[Leia outros Comentários de Marina]
3/7/2006
17h59min
Parreira ficou magoado porque leram seus lábios. É invasão, como afirma o comentário acima? É tanta invasão quanto olhar pela janela do seu prédio para a rua e ver o que as pessoas estão conversando (ou será que quem sabe ler lábios não pode sair de casa, deve ficar com tapa-olhos?). Qualquer ser humano na rua tem que saber que está compartilhando espaço e privacidade com outros seres humanos... Se você quer privacidade absoluta, talvez só mesmo na solitária de uma prisão... Ou no breu do seu quarto. Saiu de casa, se molha, mermão (como o Parreira gosta de dizer...). Tanto escândalo por nada, afinal o que ele disse todos nós já sabiamos. E para Marina, acima, digo que se a câmera filmasse, e alguém decodificasse tudo que é dito na rua, seria inócuo e entediante... Ninguém é tão importante ou fala coisas tão indizíveis na rua, que necessite da privacidade total... :)
[Leia outros Comentários de Ram]
3/7/2006
18h27min
O quadro do Fantástico devia tentar ler a mente do Parreira, porque a teimosia dele beira a burrice, e isso nos levou à derrota contra a França. Um vexame mundial. Quanto ao Ronaldo, de Fenômeno demonstrou não ter nada, e ainda é mal educado com a maior autoridade do país, Lula, Presidente da República, que só perguntou o óbvio naquela conferência. Se Ronaldo se ofendeu, que telefonasse diretamente ao Presidente, não demonstraria ser um mimadinho e rebelde sem causa na frente de uma nação. Esta seleção é uma vergonha e deve ser esquecida. Perdeu feio e jogou sem vontade nem garra. Que o Parreira e seus protegidos leiam os lábios da Nação: FORA!!!
[Leia outros Comentários de Tatiana Cavalcanti]
18/7/2006
18h00min
Mas que bobagem! Qual o problema da leitura labial? Bush falou sem querer num microfone aberto e soltou "shit". Sem qualquer problema. Qualquer um poderia ler seus movimentos labiais. Parreira tem o direito de falar o que quiser e qualquer emissora tem o direito de mostrar o que viu e ouviu. Liberdade!!! Ivo Samel
[Leia outros Comentários de Ivo Samel]
COMENTE ESTE TEXTO
Nome:
E-mail:
Blog/Twitter:
* o Digestivo Cultural se reserva o direito de ignorar Comentários que se utilizem de linguagem chula, difamatória ou ilegal;

** mensagens com tamanho superior a 1000 toques, sem identificação ou postadas por e-mails inválidos serão igualmente descartadas;

*** tampouco serão admitidos os 10 tipos de Comentador de Forum.



Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




OS MESTRES DA INTERCOIFFURE MODA, ESSA ESPECIE DE VIRUS, MUTANTE FUGAZ
FERNANDO NATIVIDADE
ORANGE STAR
(2005)
R$ 30,00



REDES MÓVEIS - TECNOLOGIAS E ESPECTRO DE FREQÜENCIAS
VINÍCIUS OLIVEIRA CARAM GUIMARÃES
NOVAS EDIÇÕES ACADÊMICAS
R$ 391,00



A DAMA E O UNICÓRNIO
TRACY CHEVALIER
BERTRAND BRASIL
(2006)
R$ 15,00



QUERIDO DIÁRIO OTÁRIO 8 - NÃO É MINHA CULPA SE EU SEI DE TUDO
JIM BENTON
FUNDAMENTO
(2015)
R$ 34,00



PENSADORES
MARIO VITOR SANTOS
REALEJO
(2015)
R$ 54,90



BIBLIOTECA DA MATEMÁTICA MODERNA - VOLUME 5
ANTÔNIO MARMO DE OLIVEIRA E AGOSTINHO SILVA
LISA
(1976)
R$ 15,00



UM CERTO SUICÍDIO
PATRICIA HIGHSMITH
BEST SELLER
R$ 15,00



POLUIÇÃO DO AR: SAMUEL MURGEL BRANCO, EDUARDO MURGEL
SAMUEL MURGEL BRANCO; EDUARDO MURGEL
MODERNA
(1995)
R$ 8,00



MEMÓRIAS DE ADRIANO
MARGUERITE YOURCENAR
NOVA FRONTEIRA
(1985)
R$ 4,90



OBSTETRÍCIA VOLUME 1 - DIAGNÓSTICO DE GRAVIDEZ
EQUIPE MEDCURSO
MEDCURSO
(2012)
R$ 4,99





busca | avançada
46744 visitas/dia
1,1 milhão/mês