Micro-Twitter-Blogging | Tati de Roterdã | Digestivo Cultural

busca | avançada
71417 visitas/dia
1,9 milhão/mês
Mais Recentes
>>> Teatro: Sesc Santo André traz O Ovo de Ouro, espetáculo com Duda Mamberti no elenco
>>> PianOrquestra fecha a temporada musical 2021 da Casa Museu Eva Klabin com o espetáculo online “Colet
>>> Primeira temporada da série feminina “Never Mind” já está completa no Youtube da Ursula Monteiro
>>> Peça em homenagem à Maria Clara Machado estreia em teatro de Cidade Dutra, na periferia de São Paulo
>>> Campanha Sonhar o Mundo traz diversificada programação elaborada pelos museus paulistas
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> Eleições na quinta série
>>> Mãos de veludo: Toda terça, de Carola Saavedra
>>> A ostra, o Algarve e o vento
>>> O abalo sísmico de Luiz Vilela
>>> A poesia com outras palavras, Ana Martins Marques
>>> Lourival, Dorival, assim como você e eu
>>> O idiota do rebanho, romance de José Carlos Reis
>>> LSD 3 - uma entrevista com Bento Araujo
>>> Errando por Nomadland
>>> É um brinquedo inofensivo...
Colunistas
Últimos Posts
>>> A história de Claudio Galeazzi
>>> Naval, Dixon e Ferriss sobre a Web3
>>> Max Chafkin sobre Peter Thiel
>>> Jimmy Page no Brasil
>>> Michael Dell on Play Nice But Win
>>> A história de José Galló
>>> Discoteca Básica por Ricardo Alexandre
>>> Marc Andreessen em 1995
>>> Cris Correa, empreendedores e empreendedorismo
>>> Uma história do Mosaic
Últimos Posts
>>> Entre outros
>>> Entre o corpo e a alma, o tempo
>>> O tempo é imbatível
>>> Consciência
>>> A cor da tarja é de livre escolha
>>> Desigualdades
>>> Novembro está no fim...
>>> Indizível
>>> Programador - Trabalho Remoto que Paga Bem
>>> Oficinas Culturais no Fly Maria, em Campinas
Blogueiros
Mais Recentes
>>> Pai e Filho
>>> Solaris, o romance do pesadelo da ciência
>>> E o Doria virou político...
>>> A ABSTRATA MARGEM
>>> Salvem os jornais de Portugal
>>> Irmãos Amâncio
>>> Chris Cornell
>>> Nosso Primeiro Periscope
>>> YouTube, lá vou eu
>>> Contra os intelectuais
Mais Recentes
>>> Psicometria Genética (lacrado) de Sara Pain pela Casa do Psicologo (1995)
>>> Solidão de John T. Cacioppo, William Patrick pela Record (2011)
>>> Coaching de Relacionamentos a Dois (lacrado) de Ritah Oliveira pela Qualitymark (2017)
>>> Mitos e Realidades da Qualidade no Brasil de Marco A. Oliveira pela Nobel (1994)
>>> História Global Ensino Médio Volume Único de Gilberto Cotrim pela Saraiva (2016)
>>> Olhos de Madeira de Carlo Ginzburg pela Companhia das Letras (2001)
>>> A Formação da Professora Alfabetizadora - 6ª Ed. de Regina Leite Garcia pela Cortez (1998)
>>> Cinema Brasileiro no Século 21 de Franthiesco Ballerini pela Summus (2012)
>>> Microsoft Project 2007 Gestão e Desenvolvimento de Projetos de Maurício Moreira pela Erica (2009)
>>> O Dinheiro do Diabo (novo) de Pedro Ángel Palou pela Benvirá (2012)
>>> Fernando Pessoa - Homoerotismo Psicanálise Sublimação (lacrado) de Durval Checchinato pela Companhia de Freud (2012)
>>> Linhas de Fuga (lacrado) de Susana Scramim, Marcos Siscar, Alberto Pucheu pela Iluminuras (2016)
>>> Brandscendência - o Espirito das Marcas (lacrado) de Mario Ernesto René Schweriner pela Saraiva (2010)
>>> Fernando Pessoa - Resposta à Decadência (lacrado) de Haquira Osakabe pela Iluminuras (2013)
>>> A Practical Way to English 2 de Joseph Troster pela Não Encontrada (1982)
>>> Ética Concorrencial (lacrado) de Oscar Pilagallo pela Campus / Elsevier (2014)
>>> Viagem à Palestina - Prisão a Céu Aberto de Adriana Mabilia pela Civilização Brasileira (2013)
>>> Made in Japan: Akio Morita e a Sony de Edwin M. Reingold e Mitsuko Shimomura pela Cultura (1986)
>>> Nunca é Tarde Demais de Amy Cohen pela Best Seller (2009)
>>> O Sujeito Não Envelhece - Psicanálise e Velhice de Ângela Mucida pela Autêntica (2007)
>>> Contabilidade Introdutória de Sérgio de Iudícibus pela Atlas (1994)
>>> Perdidos por Aí (lacrado) de Adi Alsaid pela Verus (2015)
>>> The Picture in the Attic de Richard Macandrew / Cathy Lawday pela Cengage Learning (2014)
>>> Viagens de Gulliver de Jonathan Swift pela Abril Cultural (1971)
>>> Minna - Coleção Premio Nobel de Literatura de Karl Gjellerup pela Delta (1963)
COLUNAS >>> Especial Twitter

Segunda-feira, 7/7/2008
Micro-Twitter-Blogging
Tati de Roterdã

+ de 5000 Acessos

Há mais de um ano, recebi um convite para participar do Twitter, um e-mail com o título: "o que você está fazendo nesse momento?" Eu até me inscrevi, pois gosto do amigo que havia me convidado. Me inscrevi, fiz um perfil e nunca mais abri a página. Em outras palavras, deixei por isso mesmo, sem tempo para pérolas como "estou tomando um café na esquina de casa", "estou tomando banho" e similares, por mais que eu ame os meus amigos.

Lembrei desse perfil há duas semanas, quando um outro conhecido se inscreveu no Twitter. Eu recebi o e-mail que avisa que você arrumou um "amigo". No caso do Twitter, o que você arruma é um "seguidor". Na mesma semana ainda, um outro amigo confessou que não dormia mais porque estava mergulhado nisso de Web social e estava feliz por ser celebridade no Twitter, ou seja, o meu amigo havia se tornado um "twitterati". Foi quando resolvi dar uma olhada nisso de Twitter.

Típicas na história dos computadores são as invenções que, quando aparecem, ninguém sabe para que servem. Um grande exemplo disso é o "personal computer", isto é, o seu PC. Hoje ninguém vive sem um. Assim como o meu primeiro encontro com o Twitter foi acompanhado pela pergunta "e para que isso serve?", o meu segundo encontro vem acompanhado de fascinação. Em pouco tempo criei uma rede de "seguidores e pessoas que eu sigo", por onde eu sei das últimas notícias sobre aquilo que me importa: internet, mídia e tecnologia.

Inovações na internet procuram em regra atrair um público que é chamado de "early adopters". Essas são aquelas pessoas que começam a usar um serviço novo, testam ele, dão retorno sobre as experiências, escrevem sobre ele nos blogs e fazem o serviço virar moda, ter sucesso e ser acessado pelo grande público. Um serviço da Web 2.0 vira um produto e cria forma dependendo de como as pessoas o usam.

O Twitter, no momento, vai mais além do que uma plataforma onde gente que trabalha com software e ama a internet conversa com gente que ama a internet e trabalha com software, e não se resume à empolgação dos "early adopters". O Twitter começou, entre outras coisas, a ter valor como plataforma de notícias por ser rápido, fácil de usar e global. Um dos twitterólicos escreveu no próprio blog que soube do terremoto na China antes mesmo de ele acontecer, pois as medições foram "tiwtteradas", isto é, apareceram no Twitter. No final de 2007 podia-se ler notícias sobre o incêndio na Califórnia no momento em que ele acontecia, também graças aos usuários do Twitter.

Isso se deve ao fato do Twitter ser "lifestream" (ao vivo) e miniblog. O site "guia para jornalistas usando o Twitter" escreve sobre ele ser uma maneira excepcional de ter notícias em primeira mão e apresentá-las na mesma hora para o público. O Twitter é isso e mais: ele facilita conversas e discussões sobre a notícia, e na hora que a notícia acontece! Um dos últimos exemplos disso são as eleições norte-americanas, que estão tendo cobertura e discussão em tempo real na plataforma. A discussão é visível e aberta a todos. Tanto o Barack Obama quanto os adversários abriram um perfil no Twitter (recebi um e-mail "Você esta sendo seguida pelo Barack Obama"!!!).

O Twitter é popular. Segundo as estatísticas oficiais, essa popularidade significa 4 milhões de conexões entre usuários (os ditos Twitterers seguindo outros Twitterers). Segundo a Comscore, uma empresa que oferece estatísticas oficiais, o numero global de pessoas usando o site em março foi de 1.3 milhões.

Outro lado fortíssimo do Twitter é o universo que se formou ao redor da possibilidade de acoplar outros softwares menores, como, por exemplo, o Tweetscan.com, um serviço que permite que se busque entre o que está sendo postado no momento da busca. E tem muitos outros: tem os que permitem conectar o Twitter com o Google Maps e ver graficamente de onde as pessoas estão mandando mensagens de texto, tem pequenos programas para rodar o Twitter no desktop do seu computador e muito mais. Existem listagens na internet com esses outros serviços. Uma lista grande se encontra no Wiki Twitter Fans.

O Twitter tem um grande problema: de vez em quando o site sai do ar. A demanda é tanta que os servidores não agüentam. Recentemente a indústria investiu 15 milhões de dólares no serviço, para ver se o site consegue ser acessado por todos ao mesmo tempo e o tempo inteiro, mesmo sem garantias de que o Twitter saiba como ganhar o dinheiro para pagar tudo isso de volta. Sendo que se trata de Web 2.0, isto é, os serviços que ninguém sabe como monetizar, quem é apaixonado pelo Twitter faz canção, como essa que eu encontrei no YouTube (outro serviço Web 2.0 que não ganha dinheiro): "Twitter, volte".



Nota do Editor
Tati de Roterdã é especialista em Mídias Digitais, sendo mestre pelo instituto Piet Zwart, da Holanda.


Tati de Roterdã
Roterdã, 7/7/2008


Quem leu este, também leu esse(s):
01. Antes que seque de Guilherme Pontes Coelho
02. Defensores da Amazônia de Marilia Mota Silva
03. Entre a folia e o Oscar de Marta Barcellos
04. Contra reforma ortográfica de Guga Schultze
05. Abrir os portões de Auschwitz sessenta anos depois de Daniela Sandler


Mais Tati de Roterdã
Mais Especial Twitter
* esta seção é livre, não refletindo necessariamente a opinião do site



Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




Produção de Coelhos Caseira Comercial Industrial
Márcio Infante Vieira
Nobel
(1978)



Poesia na Escola - Profissionais Coletânea Ano 2015
Editora Secretaria Municipal de Educação do Rj
Gl
(2016)



O tempo é um rio que corre
Lya Luft
Record
(2014)



Fábulas de Esopo
Lúcia Tulchinski
Scipione
(2009)



Bisa Bia, Bisa Bel
Ana Maria Machado
Salamandra
(2007)



Um Espírito Através do Cosmo
Dulcídio Dibo
Panorama
(1999)



Project para Profissionais
Eduardo Maraz
Digerati
(2009)



Entre Memórias e Narrativas
Nancy Campos Muniz
Ática
(2014)



Refeições de Verão Cozinha Criativa
Varios Autores
Caracter
(2010)



Reflexões
Graham Greene
Record
(1993)





busca | avançada
71417 visitas/dia
1,9 milhão/mês