Estação da Luz | Rafael Lima | Digestivo Cultural

busca | avançada
49722 visitas/dia
2,6 milhões/mês
Mais Recentes
>>> TOGETHER WE RISE TRAZ UMA HOMENAGEM ÀS PESSOAS QUE FIZERAM PARTE DA HISTÓRIA DO GREEN VALLEY
>>> Instituto Vox realiza debate aberto sobre o livro O Discurso da Estupidez'
>>> A Arte de Amar: curso online desvenda o amor a partir de sua representação na arte e filosofia
>>> Consuelo de Paula e João Arruda lançam o CD Beira de Folha
>>> Festival Folclórico de Etnias realiza sua primeira edição online
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> A desgraça de ser escritor
>>> Um nu “escandaloso” de Eduardo Sívori
>>> Um grande romance para leitores de... poesia
>>> Filmes de guerra, de outro jeito
>>> Meu reino por uma webcam
>>> Quincas Borba: um dia de cão (Fuvest)
>>> Pílulas Poéticas para uma quarentena
>>> Ficção e previsões para um futuro qualquer
>>> Freud explica
>>> Alma indígena minha
Colunistas
Últimos Posts
>>> Uma aula com Thiago Salomão do Stock Pickers
>>> MercadoLivre, a maior empresa da América Latina
>>> Víkingur Ólafsson toca Rameau
>>> Philip Glass tocando Mad Rush
>>> Elena Landau e o liberalismo à brasileira
>>> O autoritarismo de Bolsonaro avança
>>> Prelúdio e Fuga em Mi Menor, BWV 855
>>> Blooks Resiste
>>> Ambulante teve 3 mil livros queimados
>>> Paul Lewis e a Sonata ao Luar
Últimos Posts
>>> Coincidência?
>>> Gabbeh
>>> Dos segredos do pão
>>> Diário de um desenhista
>>> Uma pedra no caminho...
>>> Sustentar-se
>>> Spiritus sanus
>>> Num piscar de olhos
>>> Sexy Shop
>>> Assinatura
Blogueiros
Mais Recentes
>>> Nelson Freire em DVD e Celso Furtado na Amazônia
>>> Um caos de informações inúteis
>>> Asia de volta ao mapa
>>> Robinson Shiba do China in Box
>>> Aberta a temporada de caça
>>> Parei de fumar
>>> Ford e Eastwood: cineastas da (re)conciliação
>>> Amor à segunda vista
>>> O Gmail (e o E-mail)
>>> Diogo Salles no podcast Guide
Mais Recentes
>>> O Estalo - Infanto Juvenil de Luis Dill pela Positivo (2010)
>>> Detetive Cecilia E A Aguia De Bronze - Infanto Juvenil de Luis Eduardo Matta pela Brasil (2017)
>>> Marketing de Guerilha -Táticas e armas para pequenas e médias empresas de Jay Conrad Levinson pela BestSeller (1989)
>>> Doze Reis e a Moça No Labirinto do Vento - Infanto Juvenil de Marina Colasanti pela Global (2006)
>>> Manual da Princesinha - Infanto Juvenil de Sheila Walsh pela Thomas Nelson Brasil (2015)
>>> A Coleção Definitiva Marvel -Homem Aranha - Caido Entre os Mortos de Mark Millor e outros pela Salvat (2017)
>>> A Coleção Oficial de Graphic Novels Marvel - Surpreendentes X- Mem - Superdotados de Joss Whedon e John Cassaday pela Salvat (2013)
>>> Os Herois Mais Poderosos da Marvel - Homem Aranha Feliz Aniversario Homem Aranha e o Sexteto Sinistro de Varios pela Salvat
>>> Não era uma vez- Contos Classicos Recontados - Infanto Juvenil de Adela Basch e outros pela Melhoramentos (2010)
>>> Estrelas Tortas - Infanto Juvenil de Walcyr Carrasco pela Moderna (2003)
>>> O Anjo Rouco - Infanto Juvenil de Paulo Venturelli pela Positivo (2010)
>>> Comunicação Global - Aumentando Sua Inteligência Interpessoal de Lair Ribeiro pela Rosa dos Tempos (1992)
>>> Dívida Externa, Recessão e Ajuste Estrutural de Diversos pela Paz e terra (1983)
>>> Apostila de Direito Comercial de Curso OAB pela Marcato (2005)
>>> A Cura Quântica de Deepak Chopra pela Best Seller (1989)
>>> Curso Teórico Prático do Processo Civil de José da Silva Pacheco pela Borsoi (1962)
>>> Lei dos registros públicos - Comentada de Walter Ceneviva pela Saraiva
>>> Petroladrões: a História do Saque à Petrobrás de Ivo Patarra pela Vide Editorial (2016)
>>> Novo - Código Civil Brasileiro de Auriverde pela Do Autor (2003)
>>> Tdd - Desenvolvimento Guiado Por Testes de Kent Beck pela Bookman (2010)
>>> O Canto do Dodô de David Quammen pela Companhia das Letras (2008)
>>> Financiamentos de Empresas - 25 princípios para captar dinheiro e crescer de Dileep Rao/Richard Cardozo pela Folha de S. Paulo (2003)
>>> Direito Administrativo e Ciência da Administração Direito vol. 3 l. 1 de J.G.Menengale pela Borsoi (1950)
>>> Direito Administrativo e Ciência da Administração Direitovol. 1 de J.G.Menengale pela Borsoi (1950)
>>> O andar do bêbado de Leonard Mlodinow pela Zahar (2009)
>>> A Ponte - Vida e Ascensão de Barack Obama de David Remnick pela Companhia das Letras (2010)
>>> Instituições de Direito Civil de Roberto de Ruggiero pela Saraiva (1958)
>>> Trabalho, Capital Mundial e Formação dos Trabalhadores de Antônia de Abreu e Sousa e Outros (org.) pela Ufc (2008)
>>> Feng Shui Para Harmonizar Seu Lar e Sua Vida de Pier Campadello pela Madras (1998)
>>> Mil Nomes de Deus de Eknath Easwaran pela Ece (1999)
>>> A Antiga Ciência e a Arte da Psicoterapia Prânica de Choa Kok Sui pela Ground (1991)
>>> Sexo, Drogas e Economia de Diane Coyle pela Futura (2003)
>>> Adventure Story de L. G. Alexander pela Longman (1987)
>>> terceiro Setor e Questão social Crítica ao Padrão emergente de intervenção social de Carlos Montaño pela Cortez (2008)
>>> Adventures With a Microscope de Richard Headstrom pela Dover (1977)
>>> O pensamento de Che Guevara de Michael Löwy pela Expressão Popular (1999)
>>> Dom Casmurro de Machado de Assis pela Record (1998)
>>> A Assustadora História da Medicina de Richard Gordon pela Prestígio (2002)
>>> Terapia Floral Bach Aplicada à Psicologia de Victor Kripper pela Gente (1992)
>>> Nova Adventures in Science de John Mansfield pela Addison Wesley (1983)
>>> Parsifal - Um Intelectual na Política de Luís Sérgio Santos pela Escrituras (2017)
>>> L'Adolescence Premier Livre de M. Delapalme pela Hachette (1914)
>>> Tardes de um Pintor Ou as Intrigas de um Jesuíta de Teixeira e Sousa pela Foco Letras (2020)
>>> Comunique-se melhor e Desenvolva sua memória de Jorge Luiz Brand pela Berthier (1999)
>>> Súmulas e Orientações Jurisprudenciais do TST Comentadas e organizadas por assunto de Élison Miessa dos Santos/Henrique Corrfeia pela Juspodivm (2012)
>>> ABZ do Amor de Inge e Sten Heleger pela Artenova (1979)
>>> Escala reduzida do Autoconceito - E.R.A. - de Lúcia Cerne G. Corona pela Cepa
>>> 150 Ways to Play Solitaire de Alphonse Moyse pela U S Playing Card Company
>>> Você tem Personalidade? de Pedro Bloch pela Bloch (1968)
>>> Saiba porque os cristãos devem guardar o sábado! de Antonio E.Marcondes pela Bfi
COLUNAS

Terça-feira, 18/12/2001
Estação da Luz
Rafael Lima

+ de 2700 Acessos
+ 4 Comentário(s)

Chegou o verão. Eu sei que, pelo giro da Terra, e oficialmente, o verão só começa daqui há alguns dias, mas qualquer um que more no Rio sabe que o ano se divide em quatro estações: primavera, verão, inverno e inferno. E como o inferno ainda não começou, essa é a hora boa de aproveitar o verão. Que daqui a pouco não vai dar mais para saber se o dia está insuportável por causa da canícula ou da música irritante que toca sem parar nos alto-falantes dos carros engarrafados a caminho da praia.
Chegou o verão, gente. Está na hora de fingir que a gente se preocupou com a qualidade da água do mar antes de sair correndo para dar o mergulho, e fingir que se preocupou mais com o FPS do filtro do que com o bronzeado da pele, apesar da hepatite e do câncer de pele. De mal acreditar que ainda é dia claro às 7 horas (da noite?), e largar tudo para uma voltinha no calçadão, ou mesmo um pulo na praia. De se inteirar das novas gírias, aprender as novas danças, provar os novos drinks gelados; de descobrir as últimas novidades em serviços & produtos que inventaram de vender na areia (entre as mais recentes, massagem shiatsu e queijo coalho assado); de ficar na praia o sábado inteiro, e de noite voltar para conferir o luau que está rolando. De ser frívolo, fútil e fácil.
É verão, quando a insistente máscara de elegância européia que teima em vestir os trópicos cai de podre. Ninguém em sã consciência vai manter a preocupação de chegar no fim do dia arrumado, penteado ou... seco. Porque aí está o suor, unificando a todos, e na escassez de roupas que aparece a verdadeira elegância (além das vantagens de se ver mulher em traje de banho). É hora das revistas publicarem aqueles especiais temáticos absolutamente iguais sobre verão, com uma garota sarada na capa, halteres às mãos, malhando numa academia com um body colorido. A reportagem indicará quais boates vão encher, qual trecho da praia será o mais movimentado e qual fruta cítrica será a base de sucos, batidas e saladas, denunciando aos olhos mal treinados uma impressionante falta de assunto dos editores, quando, na verdade, é o necessário 3x4 do período mais expressivo do ano, tido por muitos como o mais autêntico - aquele no qual o país mostra sua verdadeira cara - e por outros, como a maior desgraça da nação ("Para esse país andar pra frente tinha que acabar com carnaval, futebol e cerveja!").
E bom filtro solar FPS 30 para vocês.

Xô, shopping
Um shopping carioca, naquele bairro onde os prédios parecem discos voadores, os out-doors abusam da capacidade de agregar palavras estrangeiras à nossa língua e o intimismo se perdeu procurando uma esquina, está veiculando uma propaganda na Tv onde promete presentear com uma camiseta "personalizada" qualquer compra acima de não-sei-quanto. O "design" da camiseta é de Alexandre Hercovitch. Sem questionar o talento do jovem estilista, a promoção foi uma idéia de jerico: pedir para um paulista criar uma camiseta, com motivos temáticos de verão, evidentemente relacionados à cidade maravilhosa - à qual o tal shopping vinculou sua imagem desde a abertura - quando o Rio sempre foi pródigo ninho de desenhistas de humor (o Salão Carioca de Humor da Laura Alvim é um dos mais importantes do país; tudo quanto é bloco carnavalesco da cidade tem camiseta própria desenhada por cartunista carioca) foi bola foríssima. Depois, quando se descobrir que os autores do samba-enredo campeão foram um par de compositores do Jabaquara, que as alegorias foram desenhadas por uma carnavalesca de Londrina, e que as fantasias foram feitas por um curitibano, não me venham reclamar.

Comigo não, violão
O livro novo do Sérgio Augusto, Lado B, tem um ensaio de abertura com potencial para levantar um bocado de poeira. Fundamentalmente, o ensaio diz que o Plano Real foi ruim para a MPB porque ao democratizar o acesso das classes sociais mais baixas ao consumo de CDs, abaixou a qualidade média das músicas lançadas pelas gravadoras. Esse problema de cegueira e do imediatismo das gravadoras, que as faz pensar apenas em termos de vendagem na maior fatia de mercado, ignorando a fidelidade e permanência de consumidores de segmentos menores, também foi abordado pelo Ruy Castro no recém-lançado A onda que se ergueu no mar. Sérgio Augusto limitou-se a relatar e concatenar os fatos; não deve-se cair na tentação de extrapolar suas afirmações, como ocorreu em recente programa televisivo: "uma recessãozinha caía muito bem", nem como ironia. Ecoa também nessas horas aquela referência de que a música composta durante o período militar era superior à do período democrático subseqüente, como se censura fosse fertilizante da imaginação - quando o que acontece é que em períodos de menor liberdade de expressão sobra para os artistas fazer o protesto que em sociedades democráticas é tarefa dos meios de comunicação e organismos da sociedade civil organizada.
Nas entrevistas, Sérgio Augusto tem afirmado que o livro é sua tentativa de "democratizar o elitismo", iniciativa louvável e até subversiva de distribuir biscoito fino em tempos de massa mal misturada, mas ele se trai ao resvalar no elitismo, que o impede de enxergar por trás da explosão de consumo dos CDs a inacreditável democratização dos meios hoje, quando uma banda de garagem consegue alugar um estúdio e gravar seu CD, um escritor pode enviar suas obras por e-mail, e um animador pode expor curta-metragens em seu site. Que o conteúdo médio ainda não tenha alcançado a excelência exigida por Sérgio, é um questão de tempo e paciência para esperar a seleção natural atuar. Isso, obviamente, se o público consumidor mostrar que quer qualidade e se os meios de distribuição não forem engolidos pelo monopólio das mega-fusões antes...
Lado B :::: Sérgio Augusto, Editora Record, 2001
A onda que se ergueu no mar :::: Ruy Castro, Cia das Letras, 2001


Laerte ruuuulez!!!
laerte on blogs


If I was a work of art

Composição A

Se eu fosse um quadro, eu seria a Composição A de Piet Mondrian.

Eu sou rigidamente organizado e metódico, embora minha aparência exterior fria e distante esconda um modo de pensar brilhante e uma natureza inovadora. Muitas pessoas não me entendem, mas eu ainda posso afetá-las em nível emocional.

Qual trabalho de arte você seria?
The Art Test



Rafael Lima
Rio de Janeiro, 18/12/2001


Quem leu este, também leu esse(s):
01. Treliças bem trançadas de Ana Elisa Ribeiro
02. Manchester à beira-mar, um filme para se guardar de Renato Alessandro dos Santos
03. Marcador de página inteligente de Wellington Machado
04. Arte virtual: da ilusão à imersão de Gian Danton
05. Game of Thrones, Brasil e Ativismo Social de Guilherme Mendes Pereira


Mais Rafael Lima
Mais Acessadas de Rafael Lima em 2001
01. Charge, Cartum e Caricatura - 23/10/2001
02. A diferença entre baixa cultura e alta cultura - 24/7/2001
03. O Tigrão vai te ensinar - 12/3/2001
04. Sobre o ato de fumar - 7/5/2001
05. Um álbum que eu queria ter feito - 6/11/2001


* esta seção é livre, não refletindo necessariamente a opinião do site

ENVIAR POR E-MAIL
E-mail:
Observações:
COMENTÁRIO(S) DOS LEITORES
29/12/2001
17h52min
voce deve ser bem velhinho para não curtir o Rio e suas belezas naturais e o povo alegre e alto astral que nele habita e que voce não mais está enxergando
[Leia outros Comentários de maria lucia puty]
2/1/2002
14h36min
Rafael, o Rio de Janeiro continua lindo, como sempre foi. O verão no rio é que mudou. Nessa estação mostra-se tudo, menos a cara. Pode reparar, mas isso tudo se repete nas demais estações do ano, de uma forma ou de outra, padronizando as ações de todos, para ninguém sair do "programa". Quanto ao samba, o que você tem contra paulistas e paranaenses? O samba é brasileiro, muito antes de ser carioca. Já existia o samba nos festejos de outrora (hã?). É outro tipo de samba, mas é samba. Aos seus comentários do "Lado B", acrescento ao último parágrafo: "Isso, obviamente,... se os meios de distribuição não forem engolidos pelo monopólio das mega-fusões ..." monopólio esse que não têm o menor interesse em melhorar a qualidade do gosto do público consumidor. Prá quê? De repente, as pessoas podem ficar exigentes, começar a pensar e ver a bobagem que lhes estão empurrando...
[Leia outros Comentários de Sonia Pereira]
3/1/2002
13h34min
Nada contra sambistas paulistas ou paranaenses, Sonia, mas acho um erro não valorizar os talentos nativos, quando - pelo menos em tese - eles são os mais indicados para interpretar sua terra. E ao invés de ficar apontando o dedo para as mega-fusões, é bom lembrar que o 'aumento de exigência' do público consumidor quase sempre é vencido pela vontade de 'ninguém sair do programa'... Mas que o Rio continua lindo, continua...
[Leia outros Comentários de Rafael Lima]
3/1/2002
14h50min
O Rio continua lindo como sempre foi? Com milhares de godzillas arquitetônicos, camelôs, favelas, sujeira, multidões de pessoas repulsivas destruindo Copacabana, prostitutas, travestis, pobres e a lagoa Rodrigo de Freitas reduzida a quase metade de seu tamanho?
[Leia outros Comentários de François Maltie]
COMENTE ESTE TEXTO
Nome:
E-mail:
Blog/Twitter:
* o Digestivo Cultural se reserva o direito de ignorar Comentários que se utilizem de linguagem chula, difamatória ou ilegal;

** mensagens com tamanho superior a 1000 toques, sem identificação ou postadas por e-mails inválidos serão igualmente descartadas;

*** tampouco serão admitidos os 10 tipos de Comentador de Forum.




Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




LITERATURA BRASILEIRA DAS ORIGENS AOS NOSSOS DIAS
JOSÉ DE NICOLA
SCIPIONE
(1996)
R$ 29,00
+ frete grátis



LIVRO DO ANO 1994
DIVERSOS
ENCYCLOPEDIA BRITANNICA DO BRA
(1994)
R$ 9,90



GESTÃO DE PESSOAS
IDALBERTO CHIAVENATO
ELSEVIER
(2005)
R$ 49,00



AEROPORTO
ARTHUR HAILEY
NOVA FRONTEIRA
R$ 6,90



SAUDADE DO FUTURO
LUIZ FERNANDO COELHO
JURUÁ
(2017)
R$ 7,50



A GRANDE PIRÂMIDE REVELA SEU SEGREDO
ROSELIS VON SASS
ORDEM DO GRAAL NA TERRA
(1972)
R$ 7,00



PELOS CAMINHOS DA ÁGUA - COL. DESAFIOS
VARIO AUTORES
MODERNA
(1999)
R$ 6,90



DES ASTRES DE LA VIE ET DES HOMMES
ROBERT JASTROW
SEUIL (PARIS)
(1972)
R$ 26,28



AMOR DE PERDIÇÃO - CAMILO CASTELO BRANCO (LITERATURA PORTUGUESA)
CAMILO CASTELO BRANCO
ORFEU
(1985)
R$ 10,00



O MOTOBOY DO AMOR. DICAS, TRUQUES E CANTADAS INFALÍVEIS
BRUNO TAVARES
AGE
(2004)
R$ 9,42





busca | avançada
49722 visitas/dia
2,6 milhões/mês