Digestivo nº 399 | Julio Daio Borges | Digestivo Cultural

busca | avançada
65683 visitas/dia
2,2 milhões/mês
Mais Recentes
>>> Pauta: E-books de Suspense Grátis na Pandemia!
>>> Hugo França integra a mostra norte-americana “At The Noyes House”
>>> Sesc 24 de Maio apresenta programação de mágica para toda família
>>> Videoaulas On Demand abordam as relações do Homem com a natureza e a imagem
>>> Irene Ravache & Alma Despejada na programação online do Instituto Usiminas
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> A pintura do caos, de Kate Manhães
>>> Nem morta!
>>> O pai tá on: um ano de paternidade
>>> Prêmio Nobel de Literatura para um brasileiro - I
>>> Contentamento descontente: Niketche e poligamia
>>> Cinemateca, Cinemateca Brasileira nossa
>>> A desgraça de ser escritor
>>> Um nu “escandaloso” de Eduardo Sívori
>>> Um grande romance para leitores de... poesia
>>> Filmes de guerra, de outro jeito
Colunistas
Últimos Posts
>>> A última performance gravada de Jimmi Hendrix
>>> Sebo de Livros do Seu Odilon
>>> Sucharita Kodali no Fórum 2020
>>> Leitura e livros em pauta
>>> Soul Bossa Nova
>>> Andreessen Horowitz e o futuro dos Marketplaces
>>> Clair de lune, de Debussy, por Lang Lang
>>> Reid Hoffman sobre Marketplaces
>>> Frederico Trajano sobre a retomada
>>> Stock Pickers ao vivo na Expert 2020
Últimos Posts
>>> Três tempos
>>> Matéria subtil
>>> Poder & Tensão
>>> Deu branco
>>> Entre o corpo e a alma
>>> Amuleto
>>> Caracóis me mordam
>>> Nome borrado
>>> De Corpo e alma
>>> Lamentável lamento
Blogueiros
Mais Recentes
>>> É Julio mesmo, sem acento
>>> No III Seminário da Cásper
>>> Não gaste o seu latim
>>> Gilberto Gil: Cultura Viva (2)
>>> A convergência das mídias
>>> 4 de Setembro #digestivo10anos
>>> É Isto um Homem?, de Primo Levi
>>> Violões do Brasil
>>> Sou um de vocês
>>> A redescoberta da(s) leitura(s)
Mais Recentes
>>> Viver Sem Tensão de Joseph Murphy pela Record (1959)
>>> Segredos do Iching – Os Mistérios da Sabedoria Oriental de Joseph Murphy pela Record (1970)
>>> A Magia do Poder Extra-Sensorial de Joseph Murphy pela Record (1994)
>>> Direito Constitucional 19ª ed. de Alexandre de Moraes pela Atlas (2006)
>>> A Paz Interior de Joseph Murphy pela Record (1979)
>>> 1001 Maneiras de Enriquecer (Coleção O Poder do Subconsciente) de Joseph Murphy pela Record (1966)
>>> O Poder Do Subconsciente de Joseph Murphy pela Record (1963)
>>> Mesa & Harmonia de Editores pela Companhia União dos Refinadores (1992)
>>> Festas & Férias de Editores pela Companhia União dos Refinadores (1989)
>>> Gibi Magali N°96 O Sumiço dos panetones de Mauricio de Sousa Editora pela Panni Comics (2014)
>>> Gibi Almanaque da Magali N°22 de Mauricio de Sousa Editora pela Panni Comics (2010)
>>> Gibi Magali N°34 A estrela cadente! de Mauricio de Sousa Editora pela Panni Comics (2009)
>>> Gibi Magali. N°55. Lady Magaga. de Mauricio de Sousa Editora pela Panni Comics (2011)
>>> Lições Positivas de Lauro Trevisan pela Da Mente (1993)
>>> Gibi Cebolinha N°30 de Mauricio de Sousa Editora pela Panni Comics (2009)
>>> Gibi Zé Carioca N°2338 de Disney pela Abril (2009)
>>> 7 Passos Para Dar a Volta Por Cima de Lauro Trevisan pela Da Mente (2004)
>>> O Poder Infinito da Sua Mente de Lauro Trevisan pela Da Mente (1980)
>>> O Poder Infinito da Sua Mente 2 de Lauro Trevisan pela Da Mente (2010)
>>> O Poder Interior de Lauro Trevisan pela Da Mente (1982)
>>> O Poder Interior de Lauro Trevisan pela Da Mente (1982)
>>> 1480-1520 A passagem do século. Série Virando Séculos. de Serge Gruzinski pela Companhia das Letras (1999)
>>> Paris Rendez-vous. Les photos de légende d'une ville amoureuse de François Besse & Clara Mackenzie pela Parigramme (2014)
>>> O Poder do Silêncio de Eckhart Tolle pela Sextante (2005)
>>> Praticando o Poder do Agora de Eckhart Tolle pela Sextante (2005)
>>> Um Novo Mundo - O Despertar de uma Nova Consciência de Eckhart Tolle pela Sextante (2007)
>>> Viagem pelo Ombro da Minha Jaqueta de Lo Galasso pela Atica (1995)
>>> O cultivo do ódio. A experiência burguesa da rainha Vitória a Freud. Vol. 3 de Peter Gay pela Companhia das Letras (1995)
>>> El Valor Con Conocimiento de Causa de Pierre Michel Klein pela Fondo de Cultura Economica (1994)
>>> Mercado de arte. Ensaio de economia da arte de Diva Benevides Pinho pela Esetec (2009)
>>> Os Jesuítas e a Traição a Igreja Católica de Malachi Martin pela Record (1989)
>>> The Ultimate Vegetarian Cookbook de Roz Denny pela Smithmark (1994)
>>> As aventuras de Benjamim, O muiraquitã de Camila Franco, Marcela Catunda, Blandina Franco pela Companhia das letras (2004)
>>> Espíritos entre nós de James Van Praagt pela Sextante (2010)
>>> Direito ambiental de Marcia Diegues Leuzinger e Sandra Cureau pela Elsevier (2008)
>>> O cortiço de Ivan Jaf pela Ática (2013)
>>> Improbidade Administrativa: Lei 8.429/1992 Teoria e Exercícios de Ivan Lucas de Souza Júnior pela Gran cursos (2011)
>>> Plástica. Quando? Por Quê? de Rolando Zani pela Manole (2001)
>>> Sexo tântrico : como prolongar o prazer e atingir o êxtase espiritual de Cassandra Lorius pela Ediouro (2000)
>>> Burocracia e ocupação no setor público brasileiro de José Celso Cardloso Jr pela Diálogos para o desenvolvimento (2011)
>>> O Mistério das Aranhas Verdes de Carlos Heitor Cony; Anna Lee pela Salamandra (2001)
>>> Bem do seu tamanho de Ana Maria Machado; Mariana Massarani pela Salamandra (2003)
>>> Ponte para Terabítia de Katherine Paterson pela Salamandra (2006)
>>> Slam Dunk de Takehiko Inoque pela Conrad (2006)
>>> Slam Dunk de Takehiko Inoque pela Conrad (2006)
>>> Neon Genesis Evangelion the Iron Maiden 6 de Funino Hayashi - GAINAX pela Conrad (2006)
>>> Neon Genesis Evangelion the Iron Maiden 5 de Funino Hayashi - GAINAX pela Conrad (2003)
>>> Minha formação de Joaquim Nabuco pela 34 (2020)
>>> Mestre da Critica de Vários autores pela Topbooks (2001)
>>> Memórias para servir à História do Reino do Brasil de Luís Gonçalves dos Santos pela Senado (2020)
DIGESTIVOS

Sexta-feira, 23/1/2009
Digestivo nº 399
Julio Daio Borges

+ de 1900 Acessos




Artes >>> A cultura do Renascimento na Itália, de Jacob Burckhardt
Depois de ouvi-lo falar de grandes homens da história, em preleções na universidade da Basiléia, Nietzsche, aos 24 anos — entre se doutorar e assumir a cátedra de filologia —, concluiu que, pela primeira vez na vida, sentia prazer em assistir a uma aula. Não é nova a incompatibilidade entre o gênio e a universidade; Schopenhauer dedicou um livro inteiro a combater, por exemplo, a "filosofia universitária". O fato é que o jovem Nietzsche e o professor Burckhardt se aproximaram; e gostavam muito de conversar, em passeios, sobre alguém que chamavam de "o nosso filósofo"... Schopenhauer, claro. Vinte anos depois, Burckhardt foi quem alertou a irmã de Nietzsche para o fato de suas cartas indicarem alguma coisa errada. Era o começo da loucura do autor do Zaratustra... Burckhardt, que publicamente dizia não se interessar por filosofia, além de ser amigo de Nietzsche, foi um dos maiores historiadores do século XIX. E sua obra-prima foi, justamente, A cultura do Renascimento na Itália, que a Companhia das Letras relança agora em formato de bolso. Burckhardt consolidou a noção de que a renascença italiana culminava com o desenvolvimento do indivíduo, a "descoberta" do mundo e do homem (não sendo, tão somente, um "redespertar" da Antiguidade). Schopenhauer entra na história, com seu conceito de "vontade", porque Burckhardt, ao abordar a Itália do período, apostava num Estado determinado pela cultura, e, não, pela política, pura e simples, ou pela religião, como na Idade Média. Portanto, aproximava a Itália renascentista da época da pólis grega, quando a cultura também reinava soberana. Voltaire, em sua modéstia ímpar, considerava que o Renascimento era um dos quatro períodos, na história humana, dignos de consideração. Quem nos lembra é Peter Burke, na introdução ao volume. Se Voltaire tinha razão, no seu vício de polemista, nada como se iniciar através deste ensaio clássico... [1 Comentário(s)]
>>> A cultura do Renascimento na Itália
 



Televisão >>> 24 Horas — Redenção, o filme
O longa da eletrizante série 24 Horas se fazia anunciar no Internet Movie Database (IMDb) desde o ano passado. Mas, agora lançado em DVD, descobrimos que não é um filme conforme muitos esperavam. Não é, surpreendentemente, um teaser para não-iniciados em matéria de Jack Bauer — é, ao contrário, um remendo, um parêntese, um interlúdio entre a sexta e a sétima temporadas. O medo dos realizadores era o de haver uma nova greve dos roteiristas neste ano, prejudicando, como em 2008, a cronologia de 24 Horas e o andamento dos trabalhos. Solução: adiantar uma nesga da próxima temporada com um produto novo (chegaram, inclusive, a cogitar formatos para a internet ou para o celular). As gravações começaram, adiantadamente, no fim de abril e terminaram em junho. Bauer, depois de matar boa parte do elenco (e ir perdendo, ano a ano, seus colegas e familiares), ressurge em "Sangala", um país fictício da África. Como a ação nunca o abandona, chega procurando se reconciliar com sua alma inquieta, mas encontra a região no meio de um iminente golpe de estado. Voilà: Bauer, mais uma vez, não consegue, como agente, se aposentar. A idéia por trás do roteiro se aproxima, deliberadamente, do genocídio de Ruanda, durante o governo Clinton — o qual se eximiu de intervir, sendo criticado, justamente, por dar a entender que, na África, não estão em jogo interesses como, no Oriente Médio, o do petróleo... Coincidência ou não, a série que já antecipou um presidente negro, em 2001, atualmente aposta numa mulher presidente, aproximando-a, inevitavelmente, de Hillary Clinton. Bauer salva as criancinhas africanas de uma guerra civil, mas a suposta participação de norte-americanos na ação golpista — neste Redenção apenas sugerida — há de ser concluída na sétima temporada... O filme, exibido na TV dos EUA, atraiu mais de 10 milhões de telespectadores. Bauer, ainda assim, sem alma (e quase sem identidade), vai ter de se reinventar na sua sétima encarnação. [Comente esta Nota]
>>> 24 Horas
 



Além do Mais >>> Outsiders, de Howard S. Becker
Entre os fora-da-lei e os "estabelecidos", surgiram os outsiders ou "desviantes". Preocupado em "descriminalizar" quem não seguia estritamente as regras — contestando-as, ou simplesmente protestando com um comportamento insubordinado —, Howard S. Becker publicou, em 1963, Outsiders. Mas não se trata de uma obra sociológica qualquer — embora às vezes surjam entediantes interpretações de dados (pretensamente "fazendo ciência") —, e tampouco Becker se revela um sociólogo inconveniente (daqueles televisivos, que, no Brasil, querem meter o bedelho em tudo)... Outsiders redime quem sempre se sentiu diferente do grupo, mas, igualmente, alerta para o risco iminente de "guetização" (para usar outra expressão do vocabulário sociológico). Consciente ou inconscientemente, os outsiders se incomodam com as leis socialmente acordadas e as burlam, às vezes exageradamente, outras vezes apenas para introduzir regras novas. Esse comportamento, contudo, desperta uma reação da própria sociedade que deseja punir os transgressores ou então pedagogicamente enquadrá-los. Não espanta que o livro tenha sido escrito nos anos 60, época de mudanças de comportamento, na qual, culturalmente falando, se todo mundo fosse preso, não sobraria muita gente para contar a história... Encarar o outsider como "não-criminoso" foi um grande passo e ele se deve a Becker. Agora, a "ideologização" do outsider e sua transformação em figura cool pode ser perigosa. A rebeldia é necessária para revitalizar a sociedade. Não confundir, porém, losers com outsiders... [4 Comentário(s)]
>>> Outsiders
 

 
Julio Daio Borges
Editor

* esta seção é livre, não refletindo necessariamente a opinião do site

Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




NÔVO DICIONÁRIO DE HISTÓRIA DO BRASIL ILUSTRADO
BRASIL BANDECCHI, LEONARDO ARROYO, UBIRATAN R
MELHORAMENTOS
(1970)
R$ 17,00



GOSSIP GIRL - VOCÊ SABE QUE ME AMA VOL. 02
CECILY VON ZIEGESAR
GALERA RECORD
(2008)
R$ 5,00



COMO CONVIVER COM A HIPERTENSÃO
SARAH BREWER
PUBLIFOLHA
(2009)
R$ 18,00



CHAMUSCOU, NÃO QUEIMOU
ANGELA CARNEIRO
EDIOURO
(1995)
R$ 6,90



SELEÇÕES DE LIVROS FALSA IMPRESSÃO, A RAINHA DO SUPRA-SUMO, TEMPORADA
VARIOS
READERS DIGEST
(2007)
R$ 6,90



O SEGREDO DE NINA
MARCELA CAMPOS
ZAP BOOK
(2014)
R$ 20,00



AS MIL E UMA NOITES
ADAPTAÇÃO SABÁ GERVÁSIO
ABRIL
(1973)
R$ 6,90



O MUNDO DOS MUSEUS
FRANZ MEYER
CODEX
(1967)
R$ 72,90



COLEÇÃO A OBRA PRIMA DE CADA AUTOR - TAO TE CHING - O LIVRO QUE REVELA
LAO TSÉ
MARTIN CLARET
(2003)
R$ 24,90



VIP SABRINA Nº 249
VARIOS AUTORES
ABRIL
(2006)
R$ 10,00





busca | avançada
65683 visitas/dia
2,2 milhões/mês