Sites que mudaram o mundo | Digestivo Cultural

busca | avançada
73783 visitas/dia
2,7 milhões/mês
Mais Recentes
>>> “Bella Cenci” Estreia em formato virtual com a atriz Thais Patez
>>> Espetáculo teatral conta a história de menina que sonha em ser astronauta
>>> Exposição virtual 'Linha de voo', de Antônio Augusto Bueno e Bebeto Alves
>>> MAB FAAP seleciona artista para exposição de 2022
>>> MIRADAS AGROECOLÓGICAS - COMIDA MANIFESTO
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> 20 contos sobre a pandemia de 2020
>>> Das construções todas do sentir
>>> Entrevista com o impostor Enrique Vila-Matas
>>> As alucinações do milênio: 30 e poucos anos e...
>>> Cosmogonia de uma pintura: Claudio Garcia
>>> Silêncio e grito
>>> Você é rico?
>>> Lisboa obscura
>>> Cem encontros ilustrados de Dirce Waltrick
>>> Poética e política no Pântano de Dolhnikoff
Colunistas
Últimos Posts
>>> Cidade Matarazzo por Raul Juste Lores
>>> Luiz Bonfa no Legião Estrangeira
>>> Sergio Abranches sobre Bolsonaro e a CPI
>>> Fernando Cirne sobre o e-commerce no pós-pandemia
>>> André Barcinski por Gastão Moreira
>>> Massari no Music Thunder Vision
>>> 1984 por Fabio Massari
>>> André Jakurski sobre o pós-pandemia
>>> Carteiros do Condado
>>> Max, Iggor e Gastão
Últimos Posts
>>> A lei natural da vida
>>> Sem voz, sem vez
>>> Entre viver e morrer
>>> Desnudo
>>> Perfume
>>> Maio Cultural recebe “Uma História para Elise”
>>> Ninguém merece estar num Grupo de WhatsApp
>>> Izilda e Zoroastro enfrentam o postinho de saúde
>>> Acentuado
>>> Mãe, na luz dos olhos teus
Blogueiros
Mais Recentes
>>> Crise dos 40
>>> Marcelotas
>>> Para ler no botequim
>>> O blog da Bundas
>>> Introdução à lógica do talento literário
>>> O hiperconto e a literatura digital
>>> Nada a comemorar
>>> Washington Olivetto no Day1
>>> O desafio de formar leitores
>>> O Tigrão vai te ensinar
Mais Recentes
>>> O pensamento vivo de Rui Barbosa de Américo Jacobina Lacombe pela Livraria Martins (1944)
>>> Jornal Pasquim ANO X de 1979- Encadernados de Jornalistas pela Codecri (1979)
>>> Memórias inacabadas de Humberto de Campos pela José Olympio (1935)
>>> O cortiço de Aluis Azevedo pela Circulo do Livro (1991)
>>> Ressurreição de Machado de Assis pela Sociedade Gráfica (1962)
>>> O leopardo de Giuseppe Tomasi Di Lampedusa pela Abril Cultural (1974)
>>> O amigo fritz de Erckmann Chatrian pela Saraiva (1955)
>>> Não Posso Deixar-te de Luciana Peverelii pela Vecchi (1961)
>>> O País das uvas de Fialho D Almeida pela Livraria Clássica (1946)
>>> Literatura Comentada Oswald de Andrade de (Oswald de Andrade) pela Nova Cultural (1988)
>>> Os Dez Dias Que Abalaram o Mundo de John Reed pela Circulo do Livro (1986)
>>> Compêndio da Cambridge sobre Voltaire de Nicholas Cronk (Editor) pela Madras (2010)
>>> O Jornal da Noite de Arthur Hailey pela Record (1990)
>>> As meninas de Lygia Fagundes Telles pela Circulo do Livro (1979)
>>> Um estranho no espelho de Sidney Sheldon pela Circulo do Livro (1976)
>>> O Universo Das Comunicaçoes Humanas - Comunicação de Eneas Machado de Assis pela Mageart (1997)
>>> Literatura Comentada Guimarães Rosa de (Guimarães Rosa) pela Nova Cultural (1988)
>>> O Peregrino de John Bunyan pela Publicações Pão Diário (2020)
>>> O livro de san michele de Axel Munthe pela Círculo Do Livro (1985)
>>> Vargas E A Crise Dos Anos 50 - C. Politica de Org. Angela de Castro Gomes pela Relume (2011)
>>> Noel Rosa (literatura Comentada) de (Noel Rosa) pela Nova Cultural (1981)
>>> A Peregrina de John Bunyan pela Publicações Pão Diário (2020)
>>> Para Falar E Escrever Melhor O Portugues - Linguistica de Adriano Dagamakury pela Nova Fronteira (1989)
>>> O navegante de Morris West pela Circulo do Livro (1980)
>>> Conjunção Dos Verbos Em portugues -Pratico e Eficiente - Linguistica de Maria Aparecida Ryan pela Atica (1995)
BLOG >>> Posts

Quarta-feira, 30/8/2006
Sites que mudaram o mundo

+ de 6000 Acessos
+ 4 Comentário(s)

(Dica do Guilherme.) Quinze sites que mudaram o mundo, segundo a Carta Capital. Ebay, Wikipedia, Napster, YouTube, Blogger, Friends Reunited(?), Drudge Report(?), Myspace, Amazon.com, Slashdot, Salon, Craigslist, Google, Yahoo! e Easyjet.com(?). (Na verdade, segundo The Observer, de quem a Carta Capital reproduz matérias traduzidas semanalmente.)

(Agora, vamos às minhas críticas...) Não entendi o Google e o Yahoo! quase no final da lista. Não entendi a ausência da AOL, que está mal das pernas, foi responsável pela compra desastrada da Time Warner (e pela entrada desastrada no Brasil), mas que teve sua importância na era pré-internet. Netscape não é um site (hoje, na verdade, até é), mas foi vital (a primeira IPO). Tudo bem não incluir MSN (Microsoft sempre gera antipatia), mas cadê o Hotmail (primeiro caso de marketing viral)? OK, Blogger (embora não tenha inventado o blog) e YouTube, mas faltou o Flickr (que fez a mesma coisa pelas imagens "estáticas"...). OK, Slashdot, mas não sei se é mais importante, hoje, do que o Digg (e o del.icio.us!) e principalmente, como fenômeno de "jornalismo cidadão", do que o OhMyNews... OK, Salon, mas faltou o Newswine (e a Slate Magazine, você também não incluiria?). Falaram do Ewan Williams, e do Blogger, mas não falaram do Odeo (e dos podcasts...!).

Que mais? Craigslist é hors concours, matando os classificados dos jornais... E Amazon, um dos maiores símbolos da sobrevivência da internet pós-Bolha. (Que tal, também, a extinta CDNow, na área de CDs?) Não entendi o Friends Reunited (nunca tinha ouvido falar...); eu trocaria pelo Facebook (muito mais importante). Por que o Drudge Report e por que não outros blogueiros tão influentes quanto (John Battelle, primeiro autor de livro-blog; e Chris Anderson, pai de The Long Tail, uma teoria que está destruindo outras...)? Sei que não é site, mas eu incluiria a Wired (talvez, então, o Wired News; das primeiras agências de notícia 100% Web) - ainda a Bíblia... E o Seth Godin. (Easyjet? Melhor Google Maps, apesar do Google já estar lá...) Do velho mainstream: o próprio Guardian? BBC?

Na seleção do Brasil, pela própria Carta Capital, faltou quase tudo... Acho que todos os portais, mesmo com todos os defeitos, foram importantes. A começar pela Agência Estado (leia da sua importância, pioneira, aqui). Cadê o Zip.Net (um negócio da China, quando conteúdo ainda valia ouro...)? OK, UOL (hoje da Folha), mas o BOL (da Abril) também foi importante. Cadê, OK, embora seja apenas o Yahoo brasileiro... iG, pelo Último Segundo? E - é inevitável o trocadilho - cadê o Buscapé, um dos maiores sucessos dos últimos tempos (desde 1998, um portal praticamente)? Submarino, eu respeito, mas e a Booknet, do Jack London, que antecedeu a ela? Mandic (alguém ainda se lembra dela/dele)? Zap, que deu origem ao Terra... HpG até, o Geocities brasileiro (aliás, cadê o Geocities na lista dos gringos, o Orkut-a-manivela?). Blogueiros brasileiros... algum? No (Mínimo) mais Digestivo (eu assumo - se formos pensar em equivalentes para Salon e Slate, não respectivamente...). Americanas.com, pioneira na classe C (agora tem até Marabraz e Casas Bahia, lógico, na jogada). Orkut, claro, para nós um marco. Globo.com, pelos vídeos(?) e pelo Blogger.com.br(?). E BlueBus, para fechar. Cliquemusic, no auge? Play?

Vou hoje lá, pessoalmente, puxar a orelha do Mino Carta...


Postado por Julio Daio Borges
Em 30/8/2006 às 08h55


Quem leu este, também leu esse(s):
01. O tempora de Julio Daio Borges


Mais Julio Daio Borges no Blog
* esta seção é livre, não refletindo necessariamente a opinião do site

ENVIAR POR E-MAIL
E-mail:
Observações:
COMENTÁRIO(S) DOS LEITORES
31/8/2006
10h15min
Realmente faltou o BuscaPé, o pioneiro no crescente mercado de comparação de preços no Brasil.
[Leia outros Comentários de Thiago]
31/8/2006
19h54min
Msn, Google, Yahoo, Orkut, Wikipédia e Youtube... Todos eles mudaram, sim, a vida dos brasileiros inclusos nesse novo universo digital.
[Leia outros Comentários de João Gabriel Galdea]
4/9/2006
16h17min
Concordo que faltaram alguns sites na relação, principalmente o Último Segundo e o Buscapé.
[Leia outros Comentários de Élida]
30/10/2006
11h35min
A matéria traz muita coisa interessante e alguns sites de que, realmente, nunca tinha nem ouvido falar. Os "reis" americanos são bem diferentes dos "reis" brasileiros, com algumas excessões. Taí uma coisa que eu queria saber (Quem são os 15 reis do clique aqui no Brasil?) Viva a Internet! E como diria um navegador português: "Navegar é preciso, viver não é preciso!".
[Leia outros Comentários de Luiz Eduardo Pinheir]
COMENTE ESTE TEXTO
Nome:
E-mail:
Blog/Twitter:
* o Digestivo Cultural se reserva o direito de ignorar Comentários que se utilizem de linguagem chula, difamatória ou ilegal;

** mensagens com tamanho superior a 1000 toques, sem identificação ou postadas por e-mails inválidos serão igualmente descartadas;

*** tampouco serão admitidos os 10 tipos de Comentador de Forum.



Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




Como Se Preparar para o Exame de Ordem 1ª e 2ª Fases
Vauledir Ribeiro Santos
Método
(2000)



Natal Especial
Halia Pauliv de Souza
Vozes
(2003)



Tradição, Cultura e Protesto Popular no Brasil (1780-1880); Escra
Projeto Historia 16 - Cultura e Trabalho
Puc Sp
(1998)



O Que é Contracepção
Kurt Kloetzel
Brasiliense
(1987)



As Mulheres na Guerra: 1939 - 1945 - Dois Volumes
Claude Quétel
Larousse
(2009)



A Questão Urbana - Industrialização na Bahia; Politica Salarial;
Cláudio Penani (responsável) Cadernos do Ceas
Ceas (salvador)
(1976)



Missão Reciclar Papai
Pete Johnson
Melhoramentos
(2005)



1º de Abril
Cloder Rivas Martos
Escrituras
(2013)



Reb - Revista Eclesiástica Brasileira Volume 30
Frederico Vier
Ltr
(1970)



You Can Draw
Adrian Hill
Hart Publishing (nova Iorque)
(1966)





busca | avançada
73783 visitas/dia
2,7 milhões/mês