Crítico | Digestivo Cultural

busca | avançada
73422 visitas/dia
2,5 milhões/mês
Mais Recentes
>>> Minute Media anuncia lançamento da plataforma The Players’ Tribune no Brasil
>>> Leonardo Brant ministra curso gratuito de documentários
>>> ESG como parâmetro do investimento responsável será debatido em evento da Amec em parceria com a CFA
>>> Jornalista e escritor Pedro Doria participa do Dilemas Éticos da CIP
>>> Em espetáculo de Fernando Lyra Jr. cadeira de rodas não é limite para a imaginação na hora do recrei
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> Silêncio e grito
>>> Você é rico?
>>> Lisboa obscura
>>> Cem encontros ilustrados de Dirce Waltrick
>>> Poética e política no Pântano de Dolhnikoff
>>> A situação atual da poesia e seu possível futuro
>>> Um antigo romance de inverno
>>> O acerto de contas de Karl Ove Knausgård
>>> Assim como o desejo se acende com uma qualquer mão
>>> Faça você mesmo: a história de um livro
Colunistas
Últimos Posts
>>> Hemingway by Ken Burns
>>> Cultura ou culturas brasileiras?
>>> DevOps e o método ágil, por Pedro Doria
>>> Spectreman
>>> Contardo Calligaris e Pedro Herz
>>> Keith Haring em São Paulo
>>> Kevin Rose by Jason Calacanis
>>> Queen na pandemia
>>> Introducing Baden Powell and His Guitar
>>> Elon Musk no Clubhouse
Últimos Posts
>>> Acentuado
>>> Mãe, na luz dos olhos teus
>>> PoloAC retoma temporada de Os Doidivanas
>>> Em um tempo, sem tempo
>>> Eu, tu e eles
>>> Mãos que colhem
>>> Cia. ODU conclui apresentações de Geração#
>>> Geração#: reapresentação será neste sábado, 24
>>> Geração# terá estreia no feriado de 21 de abril
>>> Patrulheiros Campinas recebem a Geração#
Blogueiros
Mais Recentes
>>> A escrita boxeur de Marcelo Mirisola
>>> Desorientação vocacional
>>> Flip 2006: um balanço tardio
>>> Flip 2006: um balanço tardio
>>> Flip 2006: um balanço tardio
>>> Montezano, do BNDES, sobre o marco do saneamento
>>> Leitor bebum começou com um gole
>>> Curtas e Grossas
>>> 12 de Agosto #digestivo10anos
>>> 11 de Fevereiro #digestivo10anos
Mais Recentes
>>> Golem e o Gênio: uma Fábula Eterna de Helene Wecker pela DarkSide (2015)
>>> Os Chakras: e os Campos de Energia Humanos de Shafica Karagulla, M.D. e Dora Van Gelder Kunz pela Pensamento (1991)
>>> O Caminho da Tranquilidade de Dalai Lama pela Sextante (2000)
>>> Perdas & Ganhos de Lya Luft pela Record (2003)
>>> Minecraft Fortaleza Medieval de Mojang pela Abril (1500)
>>> Minecraft Guia de Criação de Mohang pela Abril (2017)
>>> Minecraft Guia de Exploração de Mohang pela Abril (2021)
>>> Salomé de Oscar Wilde pela Principis (2021)
>>> O Mercador de Veneza de William Shakespeare pela Principis (2021)
>>> Do Contrato Social de Jean - Jacques Rousseau pela Principis (2021)
>>> Kilmeny do Pomar de Lucy Maud Montgomery pela Principis (2021)
>>> A Mamãe é Rock de Ana Cardoso pela Principis (2019)
>>> Nos Bastidores Trinta Anos Escrava, Quatro Anos na Casa Branca de Elizabeth Keckley pela Principis (2021)
>>> O Conde de Monte Cristo de Alexandre Dumas pela Principis (2021)
>>> Romeu e Julieta de William Shakespeare pela Principis (2021)
>>> O Condenado de Camilo Castelo Branco pela Principis (2021)
>>> The secret Agent de Joseph Conrad pela Collins Classics (2012)
>>> Vandrad, o Viking a Contenda e o Feitiço de Joseph Storer Clouston pela Principis (2021)
>>> Helena de Machado de Assis pela Principis (2021)
>>> Utopia de Thomas More pela Principis (2021)
>>> Poliana de Eleanor H. Porter pela Tricaju (2021)
>>> Cause of death de Patricia Cornwell pela Warner Books (1997)
>>> Um Inimigo do Povo de Henrik Ibsen pela Principis (2021)
>>> The Da Vinci Code de Dan Brown pela Corgi Books (2004)
>>> Little Woman de Luisa May Alcott pela Signet Classics (2012)
BLOG >>> Posts

Quarta-feira, 8/11/2006
Crítico

+ de 1600 Acessos
+ 1 Comentário(s)

Como é possível haver independência da crítica se nos jornais de referência (...) o espaço da crítica musical séria se reduz cada vez mais?

Como reflexo da ignorância e analfabetismo endêmico (...) hoje em dia já nem na imprensa existem elites culturais, os editores são na sua maioria jovens inábeis vindos de escolas de jornalismo, que apesar de conceitos técnicos aprendidos não aprendem o essencial: cultura onde não existe substrato, um defeito da universidade (...), também geralmente medíocre e pouco estimulante. Quem acaba na cultura são rapazes (...) que não dão para a "polítrica" ou para qualquer coisa de mais "útil" dentro do jornal ao contrário de exemplos saudosos do passado em que editores eram figuras intelectuais de referência (...).

Esta falta de substrato lato leva a um destaque de certas formas de cultura, que geralmente nunca incluem a música, compartimentando conhecimentos e formas de agir perante a arte. O cinema, por exemplo, terá sempre destaque face à música, porque é mais acessível aos editores (...). A literatura também passa à frente da música numa compartimentação artística absurda e ligada sempre a carências de gosto e de formação, o que não acontece, por exemplo, na Alemanha, Inglaterra, França, Holanda, Bélgica, Luxemburgo, Países Nórdicos ou Áustria e que é mais um sintoma do nosso atraso e falta de substrato.

Estes editores são o espelho de administrações mercantilistas e de direções tontas, que julgam que o povo quer é massificação. A opinião política, também esta rasteira e enviezada, enxameia e contamina os jornais e consome os orçamentos. Sempre desprezando o fato básico que leva à venda real de um jornal na via pública: as notícias, notícias bem escritas, em cima da hora.(...)

Um exemplo: apesar de meios técnicos avançadíssimos os jornais já não conseguem ter no dia seguinte a crítica à ópera da véspera, nem sequer em 3000 caracteres, o que é quase igual a zero.(...)

Por outro lado a possibilidade de formação de públicos, no que é verdadeiramente serviço público, está totalmente arredada dos jornais. Pensa-se que o leitor é basicamente estúpido e inculto e não está interessado em coisas longas e complexas, espelho afinal de mentalidades igualmente limitadas. De fato o público é inteligente e está ávido de informação. É evidente que a escrita para um público geral sobre música clássica, por exemplo, deve explicar os contextos e ser relativamente simples, mas não significa que seja imbecilizada, ou reduzida apenas ao D. Giovanni (...) ou à porcaria inenarrável que constitui o exemplo de Anne Sophie von Otter a cantar Abba que surge em destaque em todos os jornais (...).

Reduz-se a zero o espaço inteligente para a escolha dos críticos cada vez mais limitada, críticos que já nem sequer podem escolher o tema de cada artigo que vão escrever, acabando ao editor, que geralmente é uma nulidade total no assunto (e que tem na cabeça, geralmente cabeçuda, o que acha que o público quer) acabando por se exercer uma censura cultural e uma tarraxa que nivela pelo nível mais rasteiro os temas que conseguem entrar nos escassos linguados que vão sobrando aos desgraçados dos críticos.

(...) As direções e edições de cultura (...) de muitos (...) jornais, acrescento eu, são incompetentes para o serviço a que se propõem.

E continuo a acreditar que a crítica bem escrita e fundamentada, por longa que seja, suscita interesse do leitor, sobretudo nas classes que lêem os supostos jornais de referência, e também potencia a formação de quem não tem tanto interesse pelo assunto a priori. O público é bem mais inteligente que os editores e direções dos jornais (...)

P.S. - Uma das vacas sagradas da imprensa (...) são os diretores e os editores. Nenhum jornalista, colaborador ou crítico (...) se atreve a criticar qualquer destes influentes personagens, toda a gente quer continuar a trabalhar... Creio que num blog independente se poderá abordar este assunto sem grandes problemas e é nestes pontos que a blogosfera continua a ganhar ao jornalismo puro.

Henrique Silveira, em Crítico (porque parece o Brasil, mas é Portugal...)


Postado por Julio Daio Borges
Em 8/11/2006 à 00h39


Quem leu este, também leu esse(s):
01. Caco Barcellos expulso de Julio Daio Borges
02. Da Teoria para a Práxis de Julio Daio Borges
03. Snoopy no Dia dos Namorados de Marília Almeida
04. Mozarteum 2006 para iniciantes de Marília Almeida
05. As mulheres e o futebol de Julio Daio Borges


Mais Julio Daio Borges no Blog
* esta seção é livre, não refletindo necessariamente a opinião do site

ENVIAR POR E-MAIL
E-mail:
Observações:
COMENTÁRIO(S) DOS LEITORES
8/11/2006
16h58min
Impressionante é verificar como esta incompetência é global. No Brasil, onde a produção artística destacada pelo jornalismo cultural e pelas próprias instituições que promovem estes eventos se resume à cultura de rua e ações que são mais voltadas ao assistencialismo social, onde o presidente condecora os Racionais MCs como "cavaleiros da cultura", era de se esperar que tais fenômenos fossem motivo de atenção. Mas verificar que esta inversão de padrão cultural se promove na Europa é triste. Necessário seria investigar quais meios financiam essas manifestações, pois claramente há um fim comum nessas ações: a alienação total para a formação de castas controláveis por meio de suposta crítica sócio-cultural.
[Leia outros Comentários de Paulo Castro]
COMENTE ESTE TEXTO
Nome:
E-mail:
Blog/Twitter:
* o Digestivo Cultural se reserva o direito de ignorar Comentários que se utilizem de linguagem chula, difamatória ou ilegal;

** mensagens com tamanho superior a 1000 toques, sem identificação ou postadas por e-mails inválidos serão igualmente descartadas;

*** tampouco serão admitidos os 10 tipos de Comentador de Forum.



Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




Os Sete Passos para a Calma
A. M. Mattews
Ediouro Publicações
(1999)



Manual de Primeiros Socorros para Hipocondríacos
James Gorman
Frente
(1995)



O que a Google faria?
Jeff Jarvis
Manole
(2009)



Taxionomia Contratual
Marcos Cavalcante de Oliveira
Forense
(1981)



Melhores Amigas Piores Inimigas
Eva Margolies
Melhoramentos
(1990)



Vendas
Maurício Sita, Marcelo Ortega
Literare Books International
(2017)



El Siglo XX (iii.): Problemas Mundiales Entre los dos Bloques de Poder
Wolfgan Benz Hermann Graml
Siglo Veintuno
(1982)



Ajax Inaction
Dave Crane/eric Pascarello/darren James
Manning
(2006)



Artistas Alemães e o Brasil (capa Dura)
Wolfgang Pfeiffer
Empresa das Ares
(1995)



As Crianças Descobrem a Bíblia
Vários Autores
Cpad
(2000)





busca | avançada
73422 visitas/dia
2,5 milhões/mês