Fui xingado pelo Catarro Verde | Digestivo Cultural

busca | avançada
77579 visitas/dia
2,1 milhões/mês
Mais Recentes
>>> Projeto “Sala de Visita” recebe Mauricio Virgulino para falar sobre Educomunicação e arte
>>> ZapMusic, primeiro streaming de músicos brasileiros, abre inscrições para violonistas
>>> Espetáculo de dança em homenagem à Villa-Lobos estreia nesta sexta
>>> Filó Machado comemora 70 anos de vida e 60 de carreira em show inédito com sexteto
>>> Série 8X HILDA tem sessões com leitura das peças As Aves da Noite e O Novo Sistema
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> Um antigo romance de inverno
>>> O acerto de contas de Karl Ove Knausgård
>>> Assim como o desejo se acende com uma qualquer mão
>>> Faça você mesmo: a história de um livro
>>> Da fatalidade do desejo
>>> Cuba e O Direito de Amar (3)
>>> Isto é para quando você vier
>>> 2021, o ano da inveja
>>> Pobre rua do Vale Formoso
>>> O que fazer com este corpo?
Colunistas
Últimos Posts
>>> Queen na pandemia
>>> Introducing Baden Powell and His Guitar
>>> Elon Musk no Clubhouse
>>> Mehmari, Salmaso e Milton Nascimento
>>> Gente feliz não escreve humor?
>>> A profissão de fé de um Livreiro
>>> O ar de uma teimosia
>>> Zuza Homem de Mello no Supertônica
>>> Para Ouvir Sylvia Telles
>>> Van Halen ao vivo em 1991
Últimos Posts
>>> Tiro ao alvo
>>> A TETRALOGIA BUARQUEANA
>>> Bom de bico
>>> Diário oxigenado
>>> Canção corações separados
>>> Relógio de pulso
>>> Centopéia perambulante
>>> Fio desemcapado
>>> Verbo a(fiado)
>>> Janelário
Blogueiros
Mais Recentes
>>> Que exemplo arrebatador a Colômbia dá ao mundo
>>> Um paralelepípedo
>>> Os bastidores de Psicose
>>> Contra reforma ortográfica
>>> Para pecar, vá de manga
>>> Público, massa e multidão
>>> Vida de Estagiário II
>>> Biocyberdrama: quadrinhos pós-humanos
>>> Asia de volta ao mapa
>>> Suicídio on-line põe internet no banco dos réus
Mais Recentes
>>> Na Roça - Coleção Gato e Rato de Mary França - Eliardo França pela Ática (1987)
>>> Tuca, Vovó e Guto - Coleção Gato e Rato de Mary França - Eliardo França pela Ática (1987)
>>> O Jogo e a Bola - Coleção Gato e Rato de Mary França - Eliardo França pela Ática (1987)
>>> O Trem - Coleção Gato e Rato de Mary França - Eliardo França pela Ática (1987)
>>> O Rabo do Gato - Coleção Gato e Rato de Mary França - Eliardo França pela Ática (1987)
>>> The Crucifixion of Mary Magdalene de Richard J. Hooper pela Sanctuary Publications (2005)
>>> Profiles of Jesus de Roy W. YHoover (ed.) pela Polebridge Press (2002)
>>> Introdução ao estudo do direito: Técnica, decisão, dominação de Tércio Sampaio Ferraz Júnior pela Atlas (2018)
>>> Múltiplas geografias -ensino-pesquisa-reflexão de Lucia helena batista gratão pela Humanidades (2008)
>>> Surpresas - Coleção Gato e Rato de Mary França - Eliardo França pela Ática (1987)
>>> Hermenêutica Constitucional - A Sociedade Aberta dos Intérpretes da Constituição de Peter Häberlë pela Sergio Fabris (2002)
>>> Os direitos fundamentais e a (in) certeza do direito de Menelick de Carvalho Netto , Guilherme Scotti pela Fórum (2012)
>>> Sobre a Brevidade da Vida de Sêneca pela L&PM Pocket (2011)
>>> Princípios Do Processo Civil de Rui Portanova pela Livraria do Advogado (2013)
>>> Constituição e Processo: a contribuição do processo ao constitucionalismo democrático brasileiro de Felipe Machado , Marcelo Cattoni pela Del Rey (2009)
>>> Fundamentos do Direito Processual Civi de Eduardo Couture pela Conceito (2008)
>>> Acesso À Justiça Democrático de Dierle Nunes e Ludmila Teixeira pela Gazeta Jurídica (2021)
>>> O Juiz e a Democracia de Antoine Garapon pela Renavan (2001)
>>> Uso e gestão dos recursos hídricos no brasil de Rodrigo constante martins pela Rima (2003)
>>> Processo como teoria da lei democrática de Rosemiro Pereira Leal pela Fórum (2010)
>>> Teoria da Decisão Judicial: Fundamentos do Direito de Ricardo Luis Lorenzetti pela Rt (2010)
>>> Como se Defender de Ataques Verbais de Barbara Berckhan pela Sextante (2011)
>>> Nulidades no Processo de Aroldo Plínio Gonçalves pela Del Rey (2014)
>>> Economia política da urbanização de Paul singer pela Contexto (1998)
>>> Força Normativa da Constituição de Konrad Hesse pela Sergio Fabris (1991)
BLOG >>> Posts

Quinta-feira, 7/5/2009
Fui xingado pelo Catarro Verde

+ de 7700 Acessos
+ 6 Comentário(s)

Descobri o Catarro Verde por indicação de um Colunista do Digestivo Cultural, quando os blogs estavam aparecendo — e a maioria de nós nem sequer conhecia o formato.

Devo ter gostado do que vi, porque, tempos depois, pedi, ao Sergio Faria, para reproduzir alguns posts do Catarro Verde, em forma de Coluna, e ele sempre autorizou (tenho os e-mails guardados).

Como tínhamos ambições de alta cultura na época, optei por suavizar os palavrões dele — substituindo-os por sinônimos (que não eram palavrões).

Como o Sergio sempre publicava os links no próprio Catarro — quando os posts dele saíam no Digestivo —, e como seguimos publicando-o outras vezes (nesse mesmo esquema), assumi que ele lia e concordava com a edição dos palavrões.

Tempos depois — depois que paramos de republicar seus posts, não sei por que cargas d'água (agora) —, o Sergio Faria reapereceu no meu e-mail pedindo para recolocar os palavrões ou tirar os textos dele do ar. Dizia que, sem os palavrões, os textos não podiam receber a "assinatura" dele.

Como eu sempre procurei manter o arquivo do Digestivo intacto — até por uma questão de histórico —, removi os palavrões, que o próprio Sergio Faria localizou e substituiu, me passando, inclusive, o HTML, para facilitar todo o trabalho (tenho esses e-mails também guardados).

De uns anos pra cá, contudo, Sergio Faria me acusa de "censurá-lo" e me chama de vários nomes. Como tantas outras pessoas xingadas por ele, eu poderia simplesmente ignorar — mas achei que valia a pena esclarecer essa história de uma vez por todas.

Assim, quando você encontrar o Catarro Verde me xingando (e ao Digestivo), você já sabe do que se trata. Trata-se de edição. Edição não é censura. Pergunte a qualquer Colaborador do Digestivo Cultural se existe censura aqui no site — e ele vai te confirmar o que eu acabei de escrever, inclusive reconhecendo que, no caso do Catarro, os palavrões sempre foram exagerados...


Postado por Julio Daio Borges
Em 7/5/2009 às 11h06


Quem leu este, também leu esse(s):
01. José Olympio Pereira, do Credit Suisse, e a bolsa de Julio Daio Borges
02. O mercado de delivery durante a crise de Julio Daio Borges
03. Hangout Draft de Julio Daio Borges
04. Roubalheira vai parar o Brasil de Julio Daio Borges
05. Aécio: 'Lula é um Exemplo' de Duanne Ribeiro


Mais Julio Daio Borges no Blog
* esta seção é livre, não refletindo necessariamente a opinião do site

ENVIAR POR E-MAIL
E-mail:
Observações:
COMENTÁRIO(S) DOS LEITORES
7/5/2009
19h12min
Pelo que apurei, as "edições" foram feitas sem o autor saber e sem nada ter sido combinado previamente quanto a edição de textos. Independentemente de como a situação se resolveu depois, isso não foi correto.
[Leia outros Comentários de Mario Amaya]
7/5/2009
21h24min
Oi Julio, como vai? Olha só, se o texto tem 'um exagero' de palavrão, ou palavrão nenhum, não é problema nem meu, nem seu. É do autor. Ele que sabe, ele que se responsabilize. Seu problema (só seu, Julio, e não meu, :o) porque não tenho um site com montes de textos de autores vários, visitas e tal, nessa vc tá sozinho) é pensar se o tal do texto se adapta ou não ao seu veículo (pode chamar de veículo? não sei o nome certo, mas vc entendeu, né?). Se não cabe, se pra vc tá com palavrão a mais, pouco estilo, feio, bobo e chato, lima o cara. Não publica. Cabô. Mas não se pode mexer no texto de alguém, inda mais sem combinação prévia. Escritor é bicho chato e sensível e chorão. Precisa de muita sedução, conversinha no pé da orelhinha e 'vem cá minha nega' pra mexer num texto de alguem, Julio. E dizer 'achei que ele lia', tb não vale. Tem que combinar combinado, com todas as letras "Minha frô, vou mexer aqui, ali e aqui de novo". Não foi edição, Julio, na boa, não foi não. beijo grande. Fal.
[Leia outros Comentários de Fal]
8/5/2009
08h03min
Fal, você já publicou em algum veículo que não mexeu no seu texto? Então, você nunca publicou em nenhum veículo. Eu já, e já mexeram; principalmente na grande imprensa. Todos os veículos mexem, todos têm de adaptar os textos que publicam (aos seus padrões de edição). Nenhum editor tem tempo de ficar combinando "tudo com todo mundo". (Você também nunca deve ter editado, eu imagino...) O fato é que os blogueiros brasileiros estão muito mal acostumados; não sabem lidar com veículos. Se continuarem assim, vão continuar sem ser publicados. Boa sorte a todos.
[Leia outros Comentários de Julio Daio Borges]
8/5/2009
12h35min
Tem escritores que não conseguem ser editados. Péssimo! Eu já tive uma coluna de música em uma revista de moda, e ser editado só enriquece o escritor. Mesmo que a edição seja uma bosta. Editar é preciso.
[Leia outros Comentários de Isabella (isa_belha)]
11/5/2009
22h50min
Concordo com o Julio, é preciso adaptar, é preciso editar, e quem fornece o texto sabe disso. Já editaram alguns textos meus, outros não. Não guardo mágoa. Aprendi bastante. Escritor que é escritor entende uma boa crítica construtiva, os demais, são estrelinhas cadentes!
[Leia outros Comentários de Juliany Luz]
3/6/2009
11h20min
O Sergio se acha e só ama o próprio umbigo ou da sua restrita panelinha. Xinga a todos que não concordam com sua opinião mas nunca mostra a cara. Talvez ele seja apenas um avatar...
[Leia outros Comentários de Zé Maria]
COMENTE ESTE TEXTO
Nome:
E-mail:
Blog/Twitter:
* o Digestivo Cultural se reserva o direito de ignorar Comentários que se utilizem de linguagem chula, difamatória ou ilegal;

** mensagens com tamanho superior a 1000 toques, sem identificação ou postadas por e-mails inválidos serão igualmente descartadas;

*** tampouco serão admitidos os 10 tipos de Comentador de Forum.



Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




Dia Milhão
Frederik Pohl
José Olympio
(1975)
R$ 15,00
+ frete grátis



Relato de um Cativo de Guerra
Stratis Doukas
Odysseus
(2005)
R$ 5,00



Felizes No Amor - Os Segredos da Vida a Dois - Religião
Nancy Van Pelt
Cpb
(2018)
R$ 110,00



Interações Revistas do Programa de Pós Graduação Em Psicologia
Unimarco
Unimarco
(2004)
R$ 10,00



Memórias de Guerra - Volume 3
General de Gaulle
Biblioteca do Exército
(1979)
R$ 15,00



O Morro das Ilusões
Zibia M Gasparetto
Edicel
(1987)
R$ 25,90



Mal de Amores
Angeles Mastretta
Objetiva
(1997)
R$ 12,00



Contos
Voltaire
Abril Cultural
(1979)
R$ 8,00



Quem pintou o arco íris?
Fernando Lobo
José Olympio
(1988)
R$ 5,00



A Profecia Awii
Clarissa de Franco & Luciana Martins
Giz Editorial
(2010)
R$ 15,00





busca | avançada
77579 visitas/dia
2,1 milhões/mês