Para quem compara PSDB e PT... | Digestivo Cultural

busca | avançada
73886 visitas/dia
2,1 milhões/mês
Mais Recentes
>>> Projeto “Sala de Visita” recebe Mauricio Virgulino para falar sobre Educomunicação e arte
>>> ZapMusic, primeiro streaming de músicos brasileiros, abre inscrições para violonistas
>>> Espetáculo de dança em homenagem à Villa-Lobos estreia nesta sexta
>>> Filó Machado comemora 70 anos de vida e 60 de carreira em show inédito com sexteto
>>> Série 8X HILDA tem sessões com leitura das peças As Aves da Noite e O Novo Sistema
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> Um antigo romance de inverno
>>> O acerto de contas de Karl Ove Knausgård
>>> Assim como o desejo se acende com uma qualquer mão
>>> Faça você mesmo: a história de um livro
>>> Da fatalidade do desejo
>>> Cuba e O Direito de Amar (3)
>>> Isto é para quando você vier
>>> 2021, o ano da inveja
>>> Pobre rua do Vale Formoso
>>> O que fazer com este corpo?
Colunistas
Últimos Posts
>>> Queen na pandemia
>>> Introducing Baden Powell and His Guitar
>>> Elon Musk no Clubhouse
>>> Mehmari, Salmaso e Milton Nascimento
>>> Gente feliz não escreve humor?
>>> A profissão de fé de um Livreiro
>>> O ar de uma teimosia
>>> Zuza Homem de Mello no Supertônica
>>> Para Ouvir Sylvia Telles
>>> Van Halen ao vivo em 1991
Últimos Posts
>>> Tiro ao alvo
>>> A TETRALOGIA BUARQUEANA
>>> Bom de bico
>>> Diário oxigenado
>>> Canção corações separados
>>> Relógio de pulso
>>> Centopéia perambulante
>>> Fio desemcapado
>>> Verbo a(fiado)
>>> Janelário
Blogueiros
Mais Recentes
>>> Os bastidores de Psicose
>>> Contra reforma ortográfica
>>> Para pecar, vá de manga
>>> Público, massa e multidão
>>> Vida de Estagiário II
>>> Biocyberdrama: quadrinhos pós-humanos
>>> Asia de volta ao mapa
>>> Suicídio on-line põe internet no banco dos réus
>>> O melhor presente que a Áustria nos deu
>>> Robinson Shiba do China in Box
Mais Recentes
>>> Curso de Direito Processual Civil (Volume 3) de Fredie Didier Jr. , Leonardo Carneiro da Cunha pela JusPodium (2016)
>>> Curso de Direito Processual Civil (Volume 2) de Fredie Didier Jr, Paula Sarno Braga, Rafael Alexandria de Oliveira pela JusPodium (2016)
>>> Direito e Democracia: entre Facticidade e Validade - Volume 2 de Jürgen Habermas pela Tempo Brasileiro (2003)
>>> Histoire Des Idees Sociales en France. Tome 3. D'Auguste Comte a P.-J. Prouhon de Maxime Leroy pela Gallimard (1954)
>>> O que Podemos Vir a Ser de Piero Ferrucci pela Totalidade (2007)
>>> La bella vita - Marcello Mastroianni racconta de Emzp Biagi pela Rizzoli (1996)
>>> A paixão de Cristo segundo Mel Gibson. uma história bem contada? de Walter Eduardo Lisboa pela Paulinas (2005)
>>> O Barco - Coleção Gato e Rato de Mary França - Eliardo França pela Ática (1987)
>>> Clube da Luta de Chuck Palahniuk pela Leya (2019)
>>> O Pega-pega - Coleção Gato e Rato de Mary França - Eliardo França pela Ática (1987)
>>> 12 Anos de Escravidão de Solomon Northup pela Seoman (2014)
>>> Respeita os Teus Limites de Ricardo Peter pela Paulus (1999)
>>> Ponciá Vicêncio de Conceição Evaristo pela Pallas (2017)
>>> Antologia poética de Fernando Pessoa pela Bazar do Tempo (2016)
>>> Poesia Reunida de Orides Fontela pela Cosac & Naify (2012)
>>> Guerras Mundiais - Kit com 2 Livros - 1ª e 2ª Guerra Mundial de Claudio Blanc pela Camelot (2020)
>>> Tungstênio de Marcello Quintanilha pela Veneta (2014)
>>> Getúlio 3 (1945-1954) de Lira Neto pela Cia das Letras (2012)
>>> Getúlio (1930-1945): Do governo provisório à ditadura do Estado Novo de Lira Neto pela cia das Letras (2012)
>>> Getúlio 1 (1882-1930) de Lira Neto pela Cia das Letras (2012)
>>> Cabeça de porco de Luiz Eduardo Soares , Mv Bill, Celso Athayde pela Objetiva (2005)
>>> Poesia 1930-1962 de Carlos Drummond de Andrade pela Cosac & Naify (2012)
>>> Marcados de Claudia Andujar pela Cosac & Naify (2009)
>>> Viagem ao Centro da Terra de Julio Verne pela L&PM Pocket (2002)
>>> Atitude Mental Positiva de Napoleon Hill pela CDG Grupo Editorial (2014)
BLOG >>> Posts

Quinta-feira, 9/10/2014
Para quem compara PSDB e PT...

+ de 11500 Acessos

...em matéria de corrupção:

Quem não acompanha política, embaralha tudo em época de eleição.

Nem todos os políticos são corruptos. Nem todos os *partidos* são corruptos.

Quando vejo "comparações" entre PSDB e PT, a primeira coisa que me chama a atenção é a generalização apressada segundo a qual "ambos são igualmente corruptos".

Não são "igualmente" corruptos. O PT é *infinitamente* mais corrupto. Isso se o PSDB pode ser chamado de "corrupto".

Deixa eu te contar a história do Mensalão. O Mensalão ficou conhecido - e vai completar 10 anos -, mas muita gente ainda não entendeu direito o que foi o Mensalão.

Corrupção pontual existe. Lembremos Lord Acton: "O poder corrompe".

Outra coisa é corrupção sistêmica. De novo, Lord Acton: "O poder absoluto corrompe absolutamente".

O Mensalão não foi um "caso isolado" de corrupção. O Mensalão foi um *esquema* de compra de votos, no Congresso Nacional, garantindo aprovação a projetos do governo federal, durante o primeiro mandato de Luiz Inácio Lula da Silva.

Se você já ouviu falar em Montesquieu, deve lembrar da teoria dos três poderes: Executivo, Legislativo e Judiciário. Compõem o famoso sistema de "freios e contrapesos" que garante o equilíbrio de forças entre quem governa, quem faz as leis e quem garante que as leis sejam respeitadas.

No sistema brasileiro, cuja constituição de 1988 privilegia o parlamentarismo, é fundamental que haja equilíbrio de forças entre governo e congresso. Para que, justamente, o governo não faça só o que bem entende (tirania ou, mais recentemente, ditadura).

Com o Mensalão, o PT corrompeu esse sistema. Não foi um episódio de corrupção isolado, repito. Como uma licitação fraudulenta, por exemplo: onde, para fazer uma obra pública, uma prestadora de serviços corrompe um representante do governo e "vence" a concorrência, pagando propina a esse agente do governo.

O Mensalão foi muito mais do que isso. O Mensalão foi uma *máquina* montada para compra - sistemática - de apoio do Congresso Nacional a projetos do primeiro governo do PT. Um esquema que foi denunciado em 2005, num mandato que havia começado em 2003.

O governo do PT não negociava mais apoio no congresso, como é normal acontecer. Ele *comprava*. Ele subornava parlamentares, da chamada "base aliada", com um "salário", uma *mensalidade* - um "mensalão" (até o nome é asqueroso).

Esse sistema de corrupção é muito mais sofisticado do que qualquer caso de corrupção de que se tenha notícia em toda a História do Brasil desde a Proclamação da República.

Dizem que PC Farias recebia porcentagens de todos os contratos fechados durante o governo Collor. Que ele era o "operador", digamos assim (como Marcos Valério).

Collor, vale lembrar, assumiu em 1990 e sofreu impeachment em 1992.

Por analogia, Lula merecia, no mínimo, um impeachment. Porque o Mensalão foi muito além de receber porcentagens em contratos governamentais, o Mensalão atentava contra as bases da República, onde o poder Executivo "comprava" o Legislativo, não em uma única votação mas sistematicamente.

Portanto, dizer que o PT "respeita" a democracia é, no mínimo, uma afirmação de quem não conhece a história recente. Um partido que, no governo, fez pouco caso do congresso, montando um sistema de compra sistemática de votos - desmoralizando-o no processo -, não tem vocação para o diálogo, passa por cima das leis e está muito mais próximo de uma ditadura do que de qualquer outro regime.

É de corrupção em nível institucional que estamos falando. É de um *partido* corrupto. Afinal, o presidente do partido, José Genoíno, o ministro-chefe da Casa Civil, José Dirceu, e o tesoureiro do partido, Delúbio Soares, para não falar de outras figuras menores, foram condenados pelo Supremo Tribunal Federal. E por *formação de quadrilha*.

Não estamos falando de uma prefeitura em uma cidadezinha esquecida, onde o prefeito subornava seus vereadores. Estamos falando do governo federal. Estamos falando do Congresso Nacional. Estamos falando do partido do governo. E estamos falando do Supremo Tribunal Federal.

Estamos falando das mais altas esferas da República. Estamos falando - lamentavelmente - da nossa História. E estamos falando do Brasil.

Por mais incrível que possa parecer, quem desaconselhou o impeachment de Lula foi Fernando Henrique Cardoso. Numa reunião em sua casa, com o então ministro da Justiça de Lula, Márcio Thomaz Bastos (o mesmo que, voltando a ser advogado, "defendeu" os réus do Mensalão em 2012).

Fernando Henrique Cardoso conteve a oposição, na instauração de um processo de impeachment, em 2005. Porque acreditava que um impeachment, naquele então, abalaria, mais uma vez, nossa incipiente democracia.

Assim, quando vierem falar que PSDB e PT "são a mesma coisa" em matéria de corrupção, evoque o escândalo do Mensalão. Conte do Mensalão. Refresque a memória de quem quer que seja sobre o Mensalão.

O Mensalão foi o Holocausto da nossa República, em matéria de corrupção.

E devemos lembrar dele sempre. Para que não haja mais confusão.


Postado por Julio Daio Borges
Em 9/10/2014 às 15h15


Quem leu este, também leu esse(s):
01. The Best Blogging Newspapers de Julio Daio Borges


Mais Julio Daio Borges no Blog
* esta seção é livre, não refletindo necessariamente a opinião do site



Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




A Missa do Diabo
Luiz Galdino
Atual
(1986)
R$ 5,00



Cara ou Coroa
Fernando Sabino
Ática
(2021)
R$ 41,30
+ frete grátis



Sou Exu - Eu Sou a Luz... - 1ª Edição
Joice Piacente ( Espíritos José, Maria Eugênia )
Madras
(2013)
R$ 23,95



A Vida em Flor de Dona Beja
Agripa Vasconcelos
Itatiaia
(1988)
R$ 22,00



Servidão Humana vol. 2
W. Somerset Maugham
Abril Cultural
(1982)
R$ 25,00
+ frete grátis



A Aceitação de uma Dor - Autografado
Lenize Pedrozo Martins
Bk
(2012)
R$ 12,00



Recordações Poemas e Contos
Maria Cecília Maurício da Rocha
Belo Horizonte
(1998)
R$ 8,00



Info Profissional Excel
Vários
Abril
R$ 15,00



Garotada Criativa Desenho Artistico
Kat Rakel - Ferguson
Madras
(2006)
R$ 37,00



Pirâmides, Esfinges e Faraós
Kurt Lange
Itatiaia
(1961)
R$ 17,00





busca | avançada
73886 visitas/dia
2,1 milhões/mês