Para onde vai o governo? | Digestivo Cultural

busca | avançada
82062 visitas/dia
2,7 milhões/mês
Mais Recentes
>>> Bienal On-line promove studio visit com artista argentina Inés Raiteri
>>> Castelo realiza piqueniques com contemplação do pôr do sol ao ar livre
>>> A bailarina Ana Paula Oliveira dança com pássaro em videoinstalação de Eder Santos
>>> Festival junino online celebra 143 da cidade de Joanópolis
>>> Nova Exposição no Sesc Santos tem abertura online nessa quinta, 17/06
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> Ao pai do meu amigo
>>> Paulo Mendes da Rocha (1929-2021)
>>> 20 contos sobre a pandemia de 2020
>>> Das construções todas do sentir
>>> Entrevista com o impostor Enrique Vila-Matas
>>> As alucinações do milênio: 30 e poucos anos e...
>>> Cosmogonia de uma pintura: Claudio Garcia
>>> Silêncio e grito
>>> Você é rico?
>>> Lisboa obscura
Colunistas
Últimos Posts
>>> Cidade Matarazzo por Raul Juste Lores
>>> Luiz Bonfa no Legião Estrangeira
>>> Sergio Abranches sobre Bolsonaro e a CPI
>>> Fernando Cirne sobre o e-commerce no pós-pandemia
>>> André Barcinski por Gastão Moreira
>>> Massari no Music Thunder Vision
>>> 1984 por Fabio Massari
>>> André Jakurski sobre o pós-pandemia
>>> Carteiros do Condado
>>> Max, Iggor e Gastão
Últimos Posts
>>> Fiel escudeiro
>>> Virtual: Conselheiro do Sertão estreia quinta, 24
>>> A lei natural da vida
>>> Sem voz, sem vez
>>> Entre viver e morrer
>>> Desnudo
>>> Perfume
>>> Maio Cultural recebe “Uma História para Elise”
>>> Ninguém merece estar num Grupo de WhatsApp
>>> Izilda e Zoroastro enfrentam o postinho de saúde
Blogueiros
Mais Recentes
>>> A crônica e o futebol
>>> O hiperconto e a literatura digital
>>> O Tigrão vai te ensinar
>>> Washington Olivetto no Day1
>>> Avis rara hoje no jornalismo
>>> Entrevista com Paula Dip
>>> O diabo veste Prada
>>> Entre o velho e o novo
>>> 10º Búzios Jazz & Blues II
>>> Pensar puede matar
Mais Recentes
>>> Peixes de Aquário de Douglas Fabichak pela Nobel (1978)
>>> A Nova Ordem Mundial de José William Vesentini pela Ática (2003)
>>> Brasil Nunca Mais de D. Paulo Evaristo Arns pela Vozes (1985)
>>> Formação Econômica do Brasil de Celso Furtado pela Companhia Nacional (1974)
>>> Era Verde? Ecossistemas Brasileiros Ameaçados de Zysman Neiman pela Atual (1989)
>>> Observação de Bebês de Manuel Pérez-sanchez pela Paz e Terra (1983)
>>> Coma Bem Viva Melhor de Dr. Rex Russell pela Betânia (1998)
>>> O Velho da Praça de Antonieta Dias de Moraes; Ciça Fittipaldi pela Atual Didáticos (1988)
>>> O Tempo Não Apagou de Don R. Christman pela Casa (1987)
>>> O Salto para a Vida (colecao Depoimento) de Célia Valente pela Ftd (1999)
>>> Cousteau uma Biografia de Axel Madsen pela Campus (1989)
>>> Amazônia de Luiz Gê; Alan Oliveira pela Saraiva Didáticos (2009)
>>> Peixes de Aymar Macedo Diniz Filho pela Ática (1997)
>>> Migrações da Perda da Terra à Exclução Social de Ana Valim pela Atual (1996)
>>> Artes e Oficios de Roseana Murray; Cao Cruz Alves pela Ftd (2007)
>>> Meu Primeiro Livro de Telma Guimarães Castro Andrade pela Aliança (2000)
>>> Tocaram a Campainha de Pat Hutchins pela Moderna (1998)
>>> Quenco, o Pato - Colecao Barquinho de Papel de Ana Maria Machado pela Atica (2012)
>>> Ladrão Que Rouba Ladrão de Domingos Pellegrini pela Ática (2002)
>>> Língua de Angelo Machado pela Nova Fronteira (2004)
>>> A Princesinha Boca Suja de Cláudio Fragata; Odilon Moraes pela Scipione (2005)
>>> Donnie! um Dia Com o Cão-guia de Vicky Ramos pela Global (2009)
>>> Para Onde o Coração Aponta de Marcelo Lelis; Murilo Silva Cisalpino pela Formato (1996)
>>> União Européia de Ivan Jaf; André Martin pela Atica (2007)
>>> Gafe Não é Pecado de Claudia Matarazzo pela Melhoramentos Jc (1996)
BLOG >>> Posts

Domingo, 23/11/2014
Para onde vai o governo?

+ de 1500 Acessos

Um governo que não sabe para onde vai

Eu nunca vi um governo cujo ministro da Fazendo tivesse sido demitido do cargo e cujo próximo ministro demorasse tanto a ser confirmado...

Eu nunca vi um governo de esquerda, ou de extrema esquerda, convidar uma senadora de direita, ou de extrema direita, para um ministério tão delicado...

E eu nunca vi um governo envolvido em tantos escândalos de corrupção, em vez de afastar os políticos citados, de seus cargos, acusar a própria população, usando um ministro da Justiça para dizer que, no Brasil, a corrupção é "cultural"...

Além do "petrolão", que está na ordem do dia, existem, pelo menos, duas estratégias em conflito, na composição do novo ministério e na condução do próprio governo.

De um lado, o onipresente ex-presidente Lula, que, evocando seu pragmatismo em 2003, faz campanha para colocar a economia de volta "nos eixos". É dele a sugestão de Joaquim Levy, discípulo de Armínio Fraga, o ministro de Aécio Neves (!), para a Fazenda, e Nelson Barbosa, para o Planejamento. Nomes que, oportunamente "vazados", agradaram ao mercado.

De outro lado, está a ala mais radical do PT. Aquela que prega a tal "hegemonia". Em matéria de economia, mais alinhada com os acadêmicos da Unicamp. Com direito a muxoxo de Luiz Gonzaga Belluzzo, quando o nome de Levy foi "ventilado". E, até, "fogo amigo" do ministro-chefe da Casa Civil, Aloizio Mercadante - que ambicionava a Fazenda para si, e que elabora, "diuturna e noturmanente", um dossiê - com críticas do próprio Levy à política-econômica do atual ex-Mantega.

Com a prestação de contas da campanha de Dilma na mão de Gilmar Mendes, o pretrolão supostamente abastecendo campanhas de senadores como Gleise Hoffmann e Humberto Costa, fora o "crime de responsabilidade" já caracterizado, inclusive por editorial do Estadão, e a "improbidade administrativa" logo ali na esquina, porque o TCU avisou e Paulo Roberto Costa ratificou via e-mail (está na Veja), o impeachment acena no horizonte...

Recrudesce, portanto, a batalha entre as duas estratégias em conflito dentro do governo...

Os radicais não querem nem saber. Não abrem mão das "conquistas": na sua visão, "emprego" e "renda". E querem "muito mais". Danem-se os que chamam o governo de "bolivariano". O Brasil nunca esteve tão perto... Vão acionar o braço armado do MST, e de outros movimentos sociais, se necessário, e vão implementar as "reformas", nem que ela seja "na marra". Para quem já pegou em armas, e já participou da luta armada, uma guerra civil não tem nada de mais. Fora que, faltando "tão pouco"... vão morrer na praia? Como já proclamaram via militância virtual: "Companheiros, às armas!".

Já Lula e os "moderados" não têm essa paixão toda pela "revolução". Têm, sim, pelo poder. A esquerda teórica ajudou muito Lula, na sua "caminhada", mas ele não quer ser nenhum "intelectual da USP", nenhum FHC. Está mais para Macunaíma, o herói de Mário de Andrade. Está mais para José Sarney. Collor. Até Maluf... Esse tipo de "sobrevivente" político. Lula não se importa em fazer um aceno para a economia de mercado, para o setor produtivo e até para a "direita", se necessário. Lula não acredita tanto assim em Marx, para querer extirpar o capitalismo da face da Terra. Fora que esse tal de capitalismo até que não é mal... O Lulinha não vai querer morar numa "Cuba", vai?

Enquanto isso, o governo, propriamente dito, luta contra o relógio. Dilma já adiou o anúncio da nova equipe econômica para segunda. Ou quinta. Na dúvida, quinta.

E, enquanto isso, quem não gostou de Levy e sua turma, tem até segunda para elaborar uma contestação. E até quinta para derrubar, de vez, a indicação.

O problema é que a Lava Jato não espera. E o juiz Sergio Moro, e os delegados da Polícia Federal, estão fazendo o diabo...

Mais um dia? Pode ser fatal.


Postado por Julio Daio Borges
Em 23/11/2014 às 17h05


Mais Julio Daio Borges no Blog
* esta seção é livre, não refletindo necessariamente a opinião do site



Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




Os Anjos de Badaró
Mario Prata
Planeta
(2011)



Sintaxe Latina
G Zenoni
Missoes Cucujaes
(1953)



João Francisco Lisboa: Jornalista e Historiador
Maria de Lourdes M. Janotti
Ática
(1977)



A Hierarquia das Raças: Negros e Brancos Em Salvador
Jeferson Afonso Bacelar
Pallas
(2001)



Gente Catarina Origens e Raízes
Werner Zotz
Letras Brasileiras
(2002)



Dermatologia: Clínica Ilustrada - 400 Ilustrações a Cores
Gunter Korting
Manole (sp)
(1988)



Duplamente Abençoado: Sobre Ser Gay e Judeu
Andy Balka Christie Rose (org)
Rosa dos Tempos
(2004)



Eu vi Onde Termina o Mar
Rosalie Gallo y Sanches
Ie
(2003)



Que Nossos Olhos Se Abram
Conferência dos Religiosos do Brasil
Nacional
(2011)



1000 Perguntas de Direito Tributário
Walter Garcia
Lumen Juris
(1994)





busca | avançada
82062 visitas/dia
2,7 milhões/mês