Uma seleção de fracassados | Digestivo Cultural

busca | avançada
33925 visitas/dia
1,4 milhão/mês
Mais Recentes
>>> Namíbia, Não! curtíssima temporada no Sesc Bom Retiro
>>> Ceumar no Sesc Bom Retiro
>>> Mestrinho no Sesc Bom Retiro
>>> Edições Sesc promove bate-papo com Willi Bolle sobre o livro Boca do Amazonas no Sesc Pinheiros
>>> SÁBADO É DIA DE AULÃO GRATUITO DE GINÁSTICA DA SMART FIT NO GRAND PLAZA
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> Modernismo e além
>>> Pelé (1940-2022)
>>> Obra traz autores do século XIX como personagens
>>> As turbulentas memórias de Mark Lanegan
>>> Gatos mudos, dorminhocos ou bisbilhoteiros
>>> Guignard, retratos de Elias Layon
>>> Entre Dois Silêncios, de Adolfo Montejo Navas
>>> Home sweet... O retorno, de Dulce Maria Cardoso
>>> Menos que um, novo romance de Patrícia Melo
>>> Gal Costa (1945-2022)
Colunistas
Últimos Posts
>>> Lula de óculos ou Lula sem óculos?
>>> Uma história do Elo7
>>> Um convite a Xavier Zubiri
>>> Agnaldo Farias sobre Millôr Fernandes
>>> Marcelo Tripoli no TalksbyLeo
>>> Ivan Sant'Anna, o irmão de Sérgio Sant'Anna
>>> A Pathétique de Beethoven por Daniel Barenboim
>>> A história de Roberto Lee e da Avenue
>>> Canções Cruas, por Jacque Falcheti
>>> Running Up That Hill de Kate Bush por SingitLive
Últimos Posts
>>> A moça do cachorro da casa ao lado
>>> A relação entre Barbie e Stanley Kubrick
>>> Um canhão? Ou é meu coração? Casablanca 80 anos
>>> Saudades, lembranças
>>> Promessa da terra
>>> Atos não necessários
>>> Alma nordestina, admirável gênio
>>> Estrada do tempo
>>> A culpa é dele
>>> Nosotros
Blogueiros
Mais Recentes
>>> Um conto-resenha anacrônico
>>> Um parque de diversões na cabeça
>>> Rindo de nossa própria miséria
>>> História da leitura (V): o livro na Era Digital
>>> Duas crises: a nossa e a deles
>>> As pessoas estão revoltadas
>>> Eu sou fiscal do Sarney
>>> Vamos sentir saudades
>>> Pequena poética do miniconto
>>> Eu sou a favor do impeachment, mas eu acho triste
Mais Recentes
>>> Curso de Direito Natural de Luís Taparelli D'Azeglio, Sj;Nicolau Rosseti pela Anchieta (1945)
>>> Tiro no coração de Mikal Gilmore pela Companhia das Letras (1996)
>>> A Crise Do CapitalismoA de A Crise Do Capitalismo pela A Crise Do Capitalismo (1999)
>>> Histórias de Fadas de Oscar Wilde pela Saraiva (2015)
>>> Eu, Robô de Isaac Asimov pela Ediouro (2004)
>>> Gramatica de la lengua espantola de Emilio Alarcos Llorach pela Espasa (2015)
>>> A costureira de Dachau de Mary Chamberlain pela HarperCollins (2014)
>>> Grande Sertão. Veredas de Guimarães Rosa pela Nova Fronteira (2010)
>>> The India-Rubber Men de Edgar Wallace pela London hodder & stoughton limited (1940)
>>> Flash Mx Com Actionscript - Orientado A Objetos de Francisco Tarcizo B. Junior pela Érica (2002)
>>> Destros e canhotos de José Quadros Franca pela Melhoramentos (1969)
>>> História da riqueza do homem de Leo Huberman pela Zahar (1971)
>>> Sentimentos Modernos de Maria Angela D'incao pela Brasiliense (1996)
>>> A Criança Saudável de Wilhelm Zur Linden pela Brasiliense (1977)
>>> A Mae Do Freud de Luis Fernando Veríssimo pela L&pm (1987)
>>> Irritacao - O Fogo Destruidor de Torkom Saraydarian pela Aquariana (1991)
>>> Boa Noite Punpun de Inio Asano pela JBc (2019)
>>> Biblioteca Desafios Matemáticos - 7 volumes de Vários Autores pela RBA / Editec (2023)
>>> Mude a sua Mente e Transforme a sua Vida de Gerald G. Jampolsky e Diane V. Cirincione pela Cultrix (1999)
>>> Uns e Outros: Contos Espelhados - Tag de Helena Terra e Luiz Ruffato pela Tag / Dublinense (2017)
>>> A Metafísica do Cinema de Robert Bresson de Carlos Frederico Gurgel Calvet da Silveira pela Batel (2011)
>>> Violencia Política en el Siglo XXI de Adalberto C. Agozino pela Dosyuna (2011)
>>> Religiões e Homossexualidades de Maria das Dores Campos Machado; Fernanda Delvalhas Piccolo (Orgs.) pela Fgv (2010)
>>> Jerusalém de Gonçalo M. Tavares pela Companhia das Letras (2006)
>>> Cinema, Pipoca e Piruá de Sérgio Klein pela Fundamento (2009)
BLOG >>> Posts

Terça-feira, 4/7/2006
Uma seleção de fracassados
+ de 5900 Acessos
+ 7 Comentário(s)

Sábado, quartas de final. Brasil perde o jogo e a Copa. Perde para uma das seleções mais desacreditadas da competição, a França de Zinedine Zidane, ou simplesmente, Zizou. Eu chorei ao final do jogo, não pela derrota, mas sim por constatar o que eu já sabia: que os jogadores não dão a mínima para a Copa e para os brasileiros. Tudo o que interessa são as propagandas e recordes individuais. Eu chorei de raiva ao ver nosso herói, Robinho, aquele que pedíamos tanto para ver como titular, todo feliz e sorridente abraçando Zidane após o final do jogo, como se nada grave tivesse acontecido. Jogadores do Brasil pareciam ter ganhado a Copa, todos sorrindo. Só faltaram pedir autógrafos, como fazem as seleções menores diante do Brasil. Os únicos que choraram foram Gilberto Silva e Zé Roberto, pelo menos os que eu vi, dois jogadores que a mídia nem dava bola e que além de chorarem, fizeram o jogo ser menos humilhante do que poderia ter sido.

No especial do mês passado, escrevi um artigo sobre a Copa do México de 1970, e critiquei os super craques da seleção atual, e foi publicado no dia do jogo contra Gana, logo após o Brasil ter vencido o Japão. Muitos disseram que o texto estava desatualizado e que os Ronaldos estavam com toda a força novamente, e o Fenômeno havia renascido das cinzas e seria o grande jogador da Copa. Ele bateu seu recorde, tornando-se o maior artilheiro em Copas de todos os tempos, mas foi só isso. Depois de alcançar seu objetivo, não fez mais esforço algum.

Que papelão, sr. Parreira, que ainda tenta justificar o injustificável. Dizer que os jogadores tiveram garra é caçoar de nossa cara e achar que ainda somos ingênuos e burros. Dessa vez não houve convulsões nem abalos psicológicos. O que aconteceu é que toda a equipe amarelou. Parreira devia estar assistindo a outro jogo, já que não dormiu, como eu, assistindo aquilo que obviamente não estava funcionando. Substituições tardias, e tudo isso por causa do planejamento tático de anos que ele insistia em sustentar. Ao ser questionado sobre Robinho, ele alegou que o jogador vinha de uma contusão e por isso só entrou nos minutos finais. Mas aquela era uma quarta de final, erros não são aceitos, e se os planos não estão dando certo, ele deve arriscar. Até eu, leiga do assunto, sei que ele devia ter feito substituições muito antes do primeiro gol da França.

Que falta de garra srs. Ronaldos & cia. Ao invés de uma revanche contra a França, o que tivemos foi um espetáculo de balé, onde Zizou foi a maior estrela, com seus chapéus belíssimos em cima dos maiores craques do planeta, inclusive sobre o "Fenômeno". Uma seleção morta assistia ao show do grande craque francês que está encerrando a carreira como ele merece: no topo!

O Brasil, além de não jogar bonito, perdeu com um futebol horroroso e vergonhoso. Parecia uma daquelas seleções que entraram por acaso na Copa e estavam admiradas com o adversário poderoso. Não consigo lembrar de um lance do Brasil que ficou para a história desta Copa. A seleção dos sonhos saiu e nem parece que participou da competição. Ninguém sentiu falta dos pentacampeões. Nem nós mesmos. Esta é uma seleção para ser esquecida. Que venha a renovação com jogadores que realmente amem aquela camiseta amarela que ainda possui algum peso e causa medo nos adversários. Chega de viver das vitórias do passado, os jogadores têm que entender que é preciso jogar bola para se alcançar a tal da sexta estrela. Que 2010 seja diferente na África do Sul.


Postado por Tatiana Cavalcanti
Em 4/7/2006 às 08h50

Mais Tatiana Cavalcanti no Blog
* esta seção é livre, não refletindo necessariamente a opinião do site

ENVIAR POR E-MAIL
E-mail:
Observações:
COMENTÁRIO(S) DOS LEITORES
3/7/2006
17h01min
Pô, o Brasil podia perder p/ qualquer time q tivesse jogando, menos p/ França q não jogou nd, será q algm tm alguma dúvida do q acontceu???
[Leia outros Comentários de juliana ]
4/7/2006
01h28min
Muito oportuno o texto. A arrogância da seleção (técnico e jogadores) não os deixou perceber a realidade. Estavam acima de qualquer coisa, do cidadão, do Presidente da República, do repórter, do próprio país. Eles eram intocáveis. Eles eram de onde mesmo? (Muitos voltaram de Frankfurt diretamente para suas casas - em países europeus!!!)
[Leia outros Comentários de Nilmar Cavalcanti ]
10/7/2006
19h05min
Foram comprados... Com certeza... Vc viu a calma do Parreira??? E o Kaká e o Roberto Carlos que não impediram o defender?! Foram comprados!
[Leia outros Comentários de Eduardo]
12/7/2006
23h27min
EU SOU o princípio do universo. Quando esses caras entraram em campo (exceções: Lúcio e Dida), nenhum deles tinha, de fato, a consciência de ser Pentacampeão do Mundo. Muito menos a de ser brasileiro.
[Leia outros Comentários de Bernard Gontier]
13/7/2006
14h42min
Maldita seja essa seleção e essa Copa ridícula! Esse timinho midiático!!! E aquela final então?
[Leia outros Comentários de Maria]
15/7/2006
15h26min
So' queria saber uma coisa: sera' que o Ronaldinho Gaucho poderia cobrar de cada um dos brasileiros a mesma garra e dedicacao ao trabalho que se cobra dele? E' muito simples ficar transferindo comportamentos... No entanto, esses jogadores nada mais sao que seres humanos de uma determinada cultura: a nossa... Cada um deveria se perguntar: sera' que me dediquei tanto ao que faco e aos meus resultados (que interessam, sim, 'a sociedade) com a garra necessaria para vencer um Brasil e uma Franca? Ja' cansei de ler "os 200 milhoes em 11"... Isso e' a maior sandice que temos no nosso pais. Queria saber se todo mundo que digita, sua tanto e trabalha tanto quanto um destes jogadores...!
[Leia outros Comentários de Ram]
31/7/2006
11h08min
Esses jogadores vivem é no mundo da fantasia, da ilha encantada. Vão trabalhar na roça.
[Leia outros Comentários de carlos eduardo]
COMENTE ESTE TEXTO
Nome:
E-mail:
Blog/Twitter:
* o Digestivo Cultural se reserva o direito de ignorar Comentários que se utilizem de linguagem chula, difamatória ou ilegal;

** mensagens com tamanho superior a 1000 toques, sem identificação ou postadas por e-mails inválidos serão igualmente descartadas;

*** tampouco serão admitidos os 10 tipos de Comentador de Forum.

Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




Os Principios de Liderança de Jack Welch
Jeffrey A. Krames
Sextante
(2006)



Ecologia Em Debate
Marcia Kupstas Organizadora
Moderna
(1997)



A Caminho de um Novo Ser
José Luiz Teixeira
Naós
(2005)



Curso de Direito Constitucional
Manoel Gonçalves Ferreira Filho
Saraiva
(1971)



O Melhor do Pior
Evandro Santo
Matrix
(2013)



Qualquer Semelhança É Mera Coincidênciaa Máquina de Fatasias
Mauricio de Sousa
Mauricio D Sousa
(2018)



A Economia do Insumo-produto (1986)
Wassily Leontief
Nova Cultural
(1986)



100 Segredos das Pessoas Felizes
David Niven
Sextante
(2001)



O Meio Ambiente para as Crianças
Philippe Paraire
Scipione
(1991)



Bíblia as Grandes Narrações do Antigo Novo Testamento
B. Marchon
Scipione
(1994)





busca | avançada
33925 visitas/dia
1,4 milhão/mês