Narcos | Julio Daio Bløg

busca | avançada
41138 visitas/dia
1,3 milhão/mês
Mais Recentes
>>> Banda GELPI, vencedora do concurso EDP LIVE BANDS BRASIL, lança seu primeiro álbum com a Sony
>>> Celso Sabadin e Francisco Ucha lançam livro sobre a vida de Moracy do Val amanhã na Livraria da Vila
>>> No Dia dos Pais, boa comida, lugar bacana e MPB requintada são as opções para acertar no presente
>>> Livro destaca a utilização da robótica nas salas de aula
>>> São Paulo recebe o lançamento do livro Bluebell
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> Rinoceronte, poemas em prosa de Ronald Polito
>>> A forca de cascavel — Angústia (FUVEST 2020)
>>> O reinado estético: Luís XV e Madame de Pompadour
>>> 7 de Setembro
>>> Outros cantos, de Maria Valéria Rezende
>>> Notas confessionais de um angustiado (VII)
>>> Eu não entendo nada de alta gastronomia - Parte 1
>>> Treliças bem trançadas
>>> Meu Telefunken
>>> Dor e Glória, de Pedro Almodóvar
Colunistas
Últimos Posts
>>> Revisores de Texto em pauta
>>> Diogo Salles no podcast Guide
>>> Uma História do Mercado Livre
>>> Washington Olivetto no Day1
>>> Robinson Shiba do China in Box
>>> Karnal, Cortella e Pondé
>>> Canal Livre com FHC
>>> A história de cada livro
>>> Guia Crowdfunding de Livros
>>> Crise da Democracia
Últimos Posts
>>> Uma crônica de Cinema
>>> Visitação ao desenho de Jair Glass
>>> Desiguais
>>> Quanto às perdas I
>>> A caminho, caminhemos nós
>>> MEMÓRIA
>>> Inesquecíveis cinco dias de Julho
>>> Primavera
>>> Quando a Juventude Te Ferra Economicamente
>>> Bens de consumo
Blogueiros
Mais Recentes
>>> Ser intelectual dói
>>> O Tigrão vai te ensinar
>>> O hiperconto e a literatura digital
>>> Aberta a temporada de caça
>>> Se for viajar de navio...
>>> Incompatibilidade...
>>> Alguns Jesus em 10 anos
>>> Blogues: uma (não tão) breve história (II)
>>> Picasso e As Senhoritas de Avignon (Parte I)
>>> Asia de volta ao mapa
Mais Recentes
>>> O Livro da moda de Alexandra Black pela Publifolha (2015)
>>> Rejuvelhecer a saude como prioridade de Sergio Abramoff pela Intrinseca (2017)
>>> O livro das evidencias de John Banville Tradução Fabio Bonillo pela Biblioteca Azul - globo (2018)
>>> O futebol explica o Brasil de Marcos Guterman pela Contexto (2014)
>>> O Macaco e a Essencia de Aldous Huxley pela Globo (2017)
>>> BATISTAS, Sua Trajetória em Santo Antônio de Jesus: o fim do monopólio da fé na Terra do Padre Mateus de Jorgevan Alves da Silva pela Fonte Editorial (2018)
>>> Playboy Bárbara Borges de Diversos pela Abril (2009)
>>> Sarah de Theresa Michaels pela Nova Cultural (1999)
>>> A Bela e o Barão de Deborah Hale pela Nova Cultural (2003)
>>> O estilo na História. Gibbon & Ranke & Macaulay & Burckhardt de Peter Gay pela Companhia das Letras (1990)
>>> Playboy Simony de Diversos pela Abril (1994)
>>> Invasão no Mundo da Superfície de Mark Cheverton pela Galera Junior (2015)
>>> José Lins Do Rego- Literatura Comentada de Benjamin Abdala Jr. pela Abril Educação (1982)
>>> A modernidade vienense e as crises de identidade de Jacques Le Rider pela Civilização Brasileira (1993)
>>> Machado De Assis - Literatura Comentada de Marisa Lajolo pela Abril Educação (1980)
>>> A Viena de Wittgenstein de Allan Janik & Stephen Toulmin pela Campus (1991)
>>> O Velho e o Mar de Ernest Hemingway pela Círculo do livro (1980)
>>> Veneno de Alan Scholefield pela Abril cultural (1984)
>>> O Livreiro de Cabul de Asne Seierstad pela Record (2007)
>>> Os Dragões do Éden de Carl Sagan pela Francisco Alves (1980)
>>> O Espião que sabia demais de John Le Carré pela Abril cultural (1984)
>>> Administração de Materiais de Jorge Sequeira de Araújo pela Atlas (1981)
>>> Introdução à Programação Linear de R. Stansbury Stockton pela Atlas (1975)
>>> Como lidar com Clientes Difíceis de Dave Anderson pela Sextante (2010)
>>> As 3 Leis do Desempenho de Steve Zaffron e Dave Logan pela Primavera (2009)
>>> Curso de Educação Mediúnica 1º Ano de Vários Autores pela Feesp (1996)
>>> Recursos para uma Vida Natural de Eliza M. S. Biazzi pela Casa Publicadora Brasileira (2001)
>>> Jesus enxuga minhas Lágrimas de Elza de Almeida pela Fotograma (1999)
>>> As Aventuras de Robinson Crusoé de Daniel Defoe pela LPM Pocket (1997)
>>> Bulunga o Rei Azul de Pedro Bloch pela Moderna (1991)
>>> Menino de Engenho de José Lins do Rego pela José Olympio (1982)
>>> Terra dos Homens de Antoine de Saint-Exupéry pela Nova Fronteira (1988)
>>> O Menino de Areia de Tahar Ben Jelloun pela Nova Fronteira (1985)
>>> Aspectos Endócrinos de Interesse à Estomatologia de Janete Dias Almeida pela Unesp (1999)
>>> Nociones de Historia Linguística y Estetica Literaria de Antonio Vilanova- Nestor Lujan pela Editorial Teide/ Barcelona (1950)
>>> El Estilo: El Problema y Su Solucion de Bennison Gray pela Editorial Castalia/ Madrid (1974)
>>> El Cuento y Sus Claves de Raúl A. Piérola/ Alba Omil (profs. Univ. Tucumán pela Editorial Nova, Buenos Aires (1955)
>>> Las Fuentes de La Creacion Literaria de Carmelo M. Bonet pela Libr. del Collegio/ B. Aires (1943)
>>> As Hortaliças na Medicina Doméstica/ Encadernado de Alfons Balbach pela A Edificação do Lar (1976)
>>> A Flora Nacional na Medicina Doméstica de Alfons Balbach pela A Edificação do Lar
>>> Arlington Park de Rachel Cusk pela Companhia das Letras (2007)
>>> Muitas Vidas, Muitos Mestres de Brian L Weiss pela Salamandra (1991)
>>> As Frutas na Medicina Doméstica de Alfons Balbach pela A Edificação do Lar
>>> Coleção Agatha Christie - Box 8 de Agatha Christie; Sonia Coutinho; Archibaldo Figueira pela HarperCollins (2019)
>>> As Irmãs Aguero de Cristina García pela Record (1998)
>>> Não Faça Tempestade Em Copo Dágua no Amor de Richard Carlson pela Rocco (2001)
>>> Um Estudo Em Vermelho - Edição De Bolso de Arthur Conan Doyle pela Zahar (2013)
>>> Eu, Dommenique de Dommenique Luxor pela Leya (2011)
>>> Os Cavaleiros da Praga Divina de Marcos Rey pela Global (2015)
>>> O Futuro da Filosofia da Práxis de Leandro Konder pela ExpressãoPopular (2018)
BLOGS >>> Posts

Domingo, 1/11/2015
Narcos
Julio Daio Borges

+ de 600 Acessos

Terminei de assistir Narcos ontem. Fui lento. Para os padrões

É uma excelente série. E gostaria de começar rebatendo as críticas

Achei uma bobagem, por exemplo, a implicância com a "voz de Deus". Aquela narração que fica "em off" - e que, supostamente, fez alguns pararem de assistir

Meus amigos, a trama é complicada. Não tem como narrar sem explicar quem são as pessoas, de onde elas vieram, porque são importantes etc.

Depois, reclamaram do espanhol do Wagner Moura. OK, não é perfeito. Ele é brasileiro! Mas não acho que prejudique a trama...

Ele está grandioso no papel de Pablo Escobar. Me arrisco a dizer que é o melhor papel dele

Muito bem caracterizado. Muito convincente. Quando Gustavo, o primo e principal sócio de Escobar, morre, a gente fica com dó dele...

Agora, falo dos paralelos com o Brasil de hoje (vamos ver se convenço você que não assistiu ainda...)

Escobar é um monstro. O mais perto que a Colômbia chegou de Hitler. Ou de Al Capote. Apesar de que não conheço a história da Colômbia para saber

O negócio de cocaína de Escobar e Gustavo, escoado em Miami, chega a faturar 5 bilhões de dólares por ano; depois, 60 milhões de dólares por dia. "Mais do que a General Motors", diz a voz em off

Um sujeito tão rico não combinava com a Colômbia. E os Estados Unidos vão atrás dele

Só que Escobar se crê - não por acaso - maior do que tudo. E não aceita ser perseguido ou, sequer, cerceado em seus movimentos

Como já era praticamente dono da Colômbia, entra na política, querendo ser presidente, mas é rechaçado, como deputado, tão logo assume

O ministro da Justiça, que o crítica, ele manda matar. O Supremo de lá - que, num dado momento, guarda provas materiais contra ele -, Escobar mandam invadir, com tanques - e incendiar

Um candidato a presidente que levanta a bandeira da extradição - para traficantes como ele -, Escobar mata (mesmo com colete à prova de balas). E o próximo candidato, que mantém a mesma posição, ele tenta explodir num avião (com a ajuda de um terrorista do ETA)

Eu sei que o Brasil é menos violento do que isso. Mas eu lembrei do Brasil várias vezes

As instituições são frágeis. Também, como no Brasil, a Colômbia depende de "heróis"

A corrupção é total. Desde a polícia - cujo paralelo está em Tropa de Elite, do mesmo Padilha - até quase toda a classe política

Escobar conhecia todos os policiais que poderiam interpelá-lo, suas famílias, suas vidas pessoais - e subornava todos (pagava salários)

O líder do partido "liberal" da Colômbia, ele transforma em seu moleque de recados. Seus capangas, do tráfico, não distinguem os políticos dos bandidos - têm de lhe perguntar ("qual a diferença?")

Uma das maiores lições, em Narcos, é sobre a dificuldade que é pegar um sujeito como Pablo Escobar:

Ele destrói as provas. Ele compra as autoridades. Sua milícia mete medo na polícia local

Num determinado momento, ele simplesmente foge. Se esconde. Quando fica sabendo que vai ser preso, é sempre informado, e muda de local

Instala a guerra civil na Colômbia. Bombardeia. Sequestra. Inclusive a principal âncora da TV. Filha de um ex-presidente... Que paga um preço

O problema do "mal" é que ele não tem limites. Quando ao "bem", tem de agir dentro da lei...

Por fim, Escobar negocia com o presidente Gaviria e se entrega. Mas constrói sua própria prisão. E não deixa ninguém chegar a menos de 3 Km sem a sua autorização...

A primeira temporada se encerra quando Escobar, naturalmente, viola os termos do acordo, sua prisão é invadida por forças especiais, e ele, mais uma vez, escapa por um túnel...

Eu me lembro quando Escobar foi morto, na década de 90. Mas, assistindo a Narcos, a gente percebe o quanto a caçada foi árdua: foram *anos*...

Sei que a história, no Brasil, não é a mesma. Mas ela vai acabar, no nosso país, também

Vale uma frase, do seriado, como alento: "Bandidos não podem fugir para sempre..."



Para ir além
Compartilhar


Postado por Julio Daio Borges
Em 1/11/2015 às 13h26


Mais Julio Daio Bløg
Mais Digestivo Blogs
Ative seu Blog no Digestivo Cultural!

* esta seção é livre, não refletindo necessariamente a opinião do site

Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




O GRANDE CONFLITO
ELLEN G. WHITE
CASA PUBLICADORA BRASILEIRA
(2010)
R$ 8,00



SOCIEDADE ISRAELENSE SOCIOLOGIA - ESTUDOS
S. N. EISENSTADT
PERSPECTIVA
(1977)
R$ 28,01



MULHERES NO ATAQUE - BATE BOLA NO CAMPO ADVERSÁRIO
CARLA RODRIGUES - MARTHA MENDONÇA
PLANETA
(2003)
R$ 7,96



VOCÊ SABIA?
READERS DIGEST
READER S DIGEST
(1999)
R$ 23,00



MEMÓRIAS DE UM DES-CASADO
ANTONIO LUIS FONTELA
EDICON
(2000)
R$ 7,00



A REVOLUÇÃO FALTOU AO ENCONTRO - OS COMUNISTAS NO BRASIL
DANIEL AARÃO REIS FILHO
BRASILIENSE
(1990)
R$ 310,00



O GRANDE DESAFIO
RICHARD SIMONETTI
ED. CEAC
(2013)
R$ 30,00



ECONOMIA DE EMPRESAS E ESTRATÉGIAS DE NEGÓCIOS - 6ª ED.
MICHAEL R. BAYE
AMGH
(2010)
R$ 160,00



ESTUDOS LITERARIOS E BIOGRAFICOS
ALCANTARA SILVEIRA
PIONEIRA
(1981)
R$ 10,00



DEZ ANOS DE ECONOMIA BRASILEIRA: DECIFRANDO ENIGMAS
PAULO PASSARINHO E REINALDO GONÇALVES (ORG)
CORECON
(2009)
R$ 9,00





busca | avançada
41138 visitas/dia
1,3 milhão/mês