Independência | André Julião | Digestivo Cultural

busca | avançada
77579 visitas/dia
2,1 milhões/mês
Mais Recentes
>>> Clássico de Charles Dickens retrata as misérias sociais da industrialização inglesa
>>> Clube latino-americano de Jazz por streaming terá transmissão gratuita no Brasil
>>> Fora da Casinha realizará apresentações circenses virtuais voltadas para toda família
>>> As Clês narram as vozes femininas do mundo
>>> Programa DIVERSAS estreia na Rádio USP dia 11 de março
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> Um antigo romance de inverno
>>> O acerto de contas de Karl Ove Knausgård
>>> Assim como o desejo se acende com uma qualquer mão
>>> Faça você mesmo: a história de um livro
>>> Da fatalidade do desejo
>>> Cuba e O Direito de Amar (3)
>>> Isto é para quando você vier
>>> 2021, o ano da inveja
>>> Pobre rua do Vale Formoso
>>> O que fazer com este corpo?
Colunistas
Últimos Posts
>>> Queen na pandemia
>>> Introducing Baden Powell and His Guitar
>>> Elon Musk no Clubhouse
>>> Mehmari, Salmaso e Milton Nascimento
>>> Gente feliz não escreve humor?
>>> A profissão de fé de um Livreiro
>>> O ar de uma teimosia
>>> Zuza Homem de Mello no Supertônica
>>> Para Ouvir Sylvia Telles
>>> Van Halen ao vivo em 1991
Últimos Posts
>>> Tiro ao alvo
>>> A TETRALOGIA BUARQUEANA
>>> Bom de bico
>>> Diário oxigenado
>>> Canção corações separados
>>> Relógio de pulso
>>> Centopéia perambulante
>>> Fio desemcapado
>>> Verbo a(fiado)
>>> Janelário
Blogueiros
Mais Recentes
>>> A melhor versão shakespeariana de Kurosawa
>>> Cultura às moscas
>>> Cuba e O Direito de Amar (3)
>>> Sobre A Produção Contemporânea
>>> Ingmar Bergman, cada um tem o seu
>>> Entrevista com GermanoCWB
>>> A palavra silenciosa
>>> O menino e o Homem Aranha
>>> À beira do caminho
>>> William Faulkner e a aposta de Pascal
Mais Recentes
>>> Pra que serve Matemática ? Geometria de Imenes- Jakubo - Lellis pela Atual
>>> Mário Pedrosa, Retratos do Exílio de Carlos Eduardo de Senna Figueiredo pela Antares (1982)
>>> Pra Que Serve Matemática ? Semelhança de Imenes- Jakubo - Lellis pela Atual
>>> Pra Que Serve Matemática ? Equação do 2º Grau de Imenes- Jakubo - Lellis pela Atual
>>> Pra Que Serve Matemática ? Álgebra de Imenes- Jakubo - Lellis pela Atual
>>> A Viagem de Uma Alma de Peter Richelieu pela Pensamento (1972)
>>> Harry Potter e a Ordem da Fênix de J. K. Rowling pela Rocco (2003)
>>> O Sorriso do Lagarto de João Ubaldo Ribeiro pela Nova Fronteira (1989)
>>> As 10 Mulheres Que Você Vai Ser Até os 35 de Alison James pela Best Seller (2009)
>>> Histórias Extraordinárias de Edgar Allan Poe pela Martin Claret (2001)
>>> Cascata de Luz de Irene Pacheco Machado pela Recanto
>>> O Amanhã a Deus Pertence de Zibia Gasparetto pela Vida & Consciência (2006)
>>> A Insustentável Leveza do Ser de Milan Kundera pela Rio Gráfica
>>> Sheila Levine Está Morta e Vivendo Em Nova York de Gail Parent pela Bertrand Brasil (2007)
>>> Espelho Meu de Edgar J. Hyde pela Ciranda Cultural (2010)
>>> A 2ª Morte de R a Ranieri pela Edifrater (1997)
>>> O Melhor de Mim de Nicholas Sparks pela Arqueiro (2014)
>>> Cem Melhoramentos Crônicas (que, na Verdade, São 129) de Mario Prata pela Planeta (2007)
>>> Pare de Sofrer de Zibia Gasparetto pela Vida e Consciência (1997)
>>> Harmonização de Francisco Cândido Xavier pela Geem
>>> Mulheres Alteradas 1 de Maitena pela Rocco
>>> Vernon God Little de Dbc Pierre pela Record (2004)
>>> Seja Líder de Si Mesmo de Augusto Cury pela Sextante (2004)
>>> Crônicas para Gostar de Ler Volume 5 de Carlos Drummond de Andrade pela Atica
>>> As Ilusões Perdidas de Honor é de Balzac pela Victor Civita
COLUNAS

Segunda-feira, 25/2/2013
Independência
André Julião

+ de 4400 Acessos

Ao descer do ônibus, respiro fundo e parto para mais uma jornada de aprendizado sobre o ser humano. Minha rotina quase diária passa pelas ruas da Lapa de Baixo, um microcosmo onde tudo que é insólito parece conviver em relativa harmonia. O primeiro choque de realidade se dá ao sair do terminal rodoviário do bairro. Para chegar ao prédio onde trabalho, preciso passar pelos domínios da velhinha independente.

Ela mora sob um viaduto, na saída do terminal, onde divide o espaço durante o dia com passantes como eu e vendedores ambulantes e, à noite, com outros moradores de rua como ela. Chamá-la de moradora de rua, no entanto, é simplificar a condição desta senhora encolhida, com a pele talhada pelo sol e pelo tempo. São rugas que não deixam transparecer o quanto ela sofreu ou foi feliz em suas muitas décadas de vida.

O certo é que sua face é mais serena do que a de muitas senhoras que passaram a vida odiando a própria condição; que não puderam realizar seus sonhos por força dos costumes; que se casaram adolescentes ou nunca se casaram e, por uma coisa ou por outra, tornaram-se amargas. Essas, sim, adquirem uma feição permanentemente pesada, como se o mau-humor fosse um estado imutável.

Mas voltando à minha colega de Lapa de Baixo, ela não se comporta como alguém que vive ao relento. Quem passar pelo que ela transformou em lar sempre a encontrará realizando alguma tarefa doméstica, seja lavando uma peça de roupa ou levando um grande pedaço de papelão de um lado para o outro - o papelão é um material valioso para quem não dispõe de um colchão. Será possível ainda encontrá-la fazendo uma refeição ou penteando os cabelos brancos e crespos.

Um dia a vi passando um batom, enquanto olhava o resultado num pedaço de espelho. É de se imaginar que um item daqueles seja algo raro entre seus poucos pertences, acredito então que ela queria aproveitá-lo ao máximo. Por isso, esfregava o bastão vermelho por todo o rosto - da testa ao queixo.

Confesso que me dá um nó na garganta quando presencio cenas como essa. Imagino a pequena senhora atormentada, portadora de esquizofrenia ou algo do gênero. Por outro lado, levo em conta que, se há uma vantagem de se morar na rua, é que não é preciso dar satisfações a ninguém. E se você acha ou ganha um batom, e não tem mesmo ocasião para usá-lo, porque não pintar o próprio rosto só para dar risada de si próprio?

Ultimamente tenho pensando que a condição dela não é, necessariamente, digna de pena. E se, cansada de uma família problemática, ela simplesmente saiu andando, deixando tudo para trás? E se em sua antiga casa a tratavam como uma criança problemática? É fácil se dizer independente quando você tem dinheiro no banco. A quem depende dos outros, só resta a piedade alheia ou a rua.

É claro que a verdadeira história dessa senhora está longe de poder ser deduzida por um jovem escriba de classe média a quem a vida deu tudo. No entanto, não custa fazer um esforço para repensar os conceitos de sucesso, independência e bem-estar. Caso essa possibilidade aqui lançada seja real, será que ela não é mais feliz hoje do que seria se continuasse na condição anterior? Eu nunca a ouvi reclamar. Diferente de muitas senhoras "independentes" que encontro por aí.

Nota do Editor
Texto gentilmente cedido pelo autor. Originalmente publicado no blog Observatório de Gente.


André Julião
Campinas, 25/2/2013


Quem leu este, também leu esse(s):
01. Trabalhar e cantar de Adriana Carvalho
02. Pastelão literário na terra do Nobel de Tais Laporta
03. Sexo, drogas e rock’n’roll de Marcelo Spalding
04. Marguerite Yourcenar: a última aristocrata de Helena Vasconcelos
05. O bode das drogas de Ilana Mountian


Mais André Julião
* esta seção é livre, não refletindo necessariamente a opinião do site



Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




A Impossível Faca da Memória
Laurie Halse Anderson
Valentina
(2019)
R$ 32,00



Crônica de um Amor Louco
Charles Bukowski
LPM
(1984)
R$ 25,00



Gossip Girl Vol 3 Eu Quero Tudo !
Cecily Von Ziegesar
Galera Record
(2008)
R$ 5,00



The Medical Clinics of North America Vol. 46 Nr. 3
Leroy H. Sloan Ford K. Hick
W B Saunders
(1962)
R$ 23,34



Terapêutica Infantil
Cesar Pernetta
Guanabara
(1951)
R$ 19,00



O Sonho Acabou?
Clementina Malangolini dos Anjos
Do Brasil
(1988)
R$ 6,90



A Ciência de Avatar - 1ª Edição
Stephen Baxter
Cultrix
(2014)
R$ 38,95



Infidelidade e Perdão
Josué e Eurís Kühl
Petit
(1996)
R$ 7,00



A Mulher Perdida
Tim Winton
Argumento
(2009)
R$ 9,80



Existe Deus?...
Alfredo Maria Mazzei
Noite
R$ 29,88





busca | avançada
77579 visitas/dia
2,1 milhões/mês