um período contraditório | regina mas

busca | avançada
86234 visitas/dia
2,1 milhões/mês
Mais Recentes
>>> ZapMusic, primeiro streaming de músicos brasileiros, abre inscrições para violonistas
>>> Espetáculo de dança em homenagem à Villa-Lobos estreia nesta sexta
>>> Filó Machado comemora 70 anos de vida e 60 de carreira em show inédito com sexteto
>>> Série 8X HILDA tem sessões com leitura das peças As Aves da Noite e O Novo Sistema
>>> Festival Digital Curta Campos do Jordão chega a todo o território nacional com 564 filmes inscritos
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> Um antigo romance de inverno
>>> O acerto de contas de Karl Ove Knausgård
>>> Assim como o desejo se acende com uma qualquer mão
>>> Faça você mesmo: a história de um livro
>>> Da fatalidade do desejo
>>> Cuba e O Direito de Amar (3)
>>> Isto é para quando você vier
>>> 2021, o ano da inveja
>>> Pobre rua do Vale Formoso
>>> O que fazer com este corpo?
Colunistas
Últimos Posts
>>> Queen na pandemia
>>> Introducing Baden Powell and His Guitar
>>> Elon Musk no Clubhouse
>>> Mehmari, Salmaso e Milton Nascimento
>>> Gente feliz não escreve humor?
>>> A profissão de fé de um Livreiro
>>> O ar de uma teimosia
>>> Zuza Homem de Mello no Supertônica
>>> Para Ouvir Sylvia Telles
>>> Van Halen ao vivo em 1991
Últimos Posts
>>> A TETRALOGIA BUARQUEANA
>>> Bom de bico
>>> Diário oxigenado
>>> Canção corações separados
>>> Relógio de pulso
>>> Centopéia perambulante
>>> Fio desemcapado
>>> Verbo a(fiado)
>>> Janelário
>>> A vida é
Blogueiros
Mais Recentes
>>> A casa da Poesia
>>> De Auschwitz a ClubMed
>>> À propos de Nice (1930)
>>> Sonhos olímpicos nos Lençóis Maranhenses
>>> Lifestyle Media
>>> A voz de Svetlana em Paraty
>>> São João del-Rei
>>> Convite para as coisas que não aconteceram
>>> Uma História do Mercado Livre
>>> Where I End and You Begin
Mais Recentes
>>> São paulo , políticas públicas e habitação popular de Celine sachs pela Edusp (1999)
>>> Cidade de muros de Teresa pires do rio caldeira pela Edusp (2000)
>>> Por que democracia? de Francisco c weffort pela Brasiliense (1985)
>>> Por que democracia? de Francisco c weffort pela Brasiliense (1985)
>>> Da totalidade do lugar de Milton santos pela Edusp (2012)
>>> Região : espaço ,linguagem e poder de Jean rodrigues sales pela Alameda (2010)
>>> Economia política da urbanização de Paul singer pela Contexto (1998)
>>> Pequena história da agricultura brasileira de Tamás szmrecsányi pela Contexto (1998)
>>> Amêndoa de Nedjma pela Objetiva (2004)
>>> Tatu - Balão de Sônia Barros pela Alegria (2014)
>>> Papai! (Livro infantil) de Philippe Corentin pela Cosac Naify (2014)
>>> Documentos historicos municipais de Valeria agra pela C E H m (2011)
>>> Jurisdição Comunitária de Marcelino Meleu pela Lumen Juris (2014)
>>> O Estado e a Revolução de Lenin pela Expressão Popular (2007)
>>> Pedagogia e estética do teatro do oprimido: Marcas da arte teatral na gestão pública de Dodi Leal pela Hucitec (2015)
>>> Constitucionalismo Latino-Americano: Tendências Contemporâneas de Antonio Carlos Wolkmer , Milena Petters Melo pela Juruá (2013)
>>> Qu'est-ce que la démocratie? de Alain Touraine pela Le Livre de Poche (1997)
>>> Sobre a questão judaica de Karl Marx pela Boitempo (2010)
>>> O direito dos oprimidos de Boaventura de Sousa Santos pela Cortez (2015)
>>> La domination masculine de Pierre Bourdieu pela Éditions du Seuil (2002)
>>> Le citoyen de Marie Gaille (Apres.) pela Flammarion (1998)
>>> Le langage silencieux de Edward T. Hall pela Éditions du Seuil (2000)
>>> O 18 Brumário de Luis Bonaparte de Karl Marx pela Escriba (1968)
>>> Citoyenneté et politiques sociales de Annick Madec; Numa Murard pela Flammarion (1995)
>>> Sociologie de la vie politique française de Michel Offerlé pela La Découverte (2004)
COMENTÁRIOS

Terça-feira, 16/5/2006
Comentários
Leitores


um período contraditório
Bela e correta reflexão sobre o mundo atual, embora eu a faça de outra forma, visto que ao sair à rua não tenho esse particular hábito. Entretanto, percebo que existem dois comportamentos distintos nos seres humanos: um é o comportamento individual e o outro é o indivíduo na coletividade. A mesma pessoa que fala de paz com entusiasmo é capaz de ser agressiva quando inserida numa coletividade. Em resumo, os discursos se chocam frontalmente e as atitudes são contraditórias. Costumo comparar nossa sociedade atual a um horrendo aleijão onde os avanços tecnológicos evoluiram de forma fantástica e, em contrapartida, os valores éticos involuiram assustadoramente. Não me refiro a mais ou menos espiritualidade, seja religiosa ou não. Falo de valores éticos mesmo, falo do valor da vida. Se por lado são inventados aparelhos que salvam vidas, por outro, tira-se a vida com facilidade, sem culpas ou remorsos. Diria que vivemos um período altamente contraditório.

[Sobre "Reflexões para um mundo em crise"]

por regina mas
16/5/2006 às
04h02 200.179.217.121
(+) regina mas no Digestivo...
 
entrar para historia?
Nao seria o caso entao de falta de "marketing" para jogar estes novos autores na lista dos mais vendidos? Acho que ha' no nosso mercado editorial uma preocupacao excessiva com "entrar para historia"... Ninguem sabe que entra para historia. Quem decide isso e' o tempo. Num mercado saudavel, muitos autores lancariam muitos livros. Alguns seriam bem vendidos, outros, nao. Um punhado deles poderiam ser considerados bons livros. E talvez um ou dois ficassem na memoria do tempo... Nao e' possivel "comparar" Machado, Shakespeare, com um autor do presente no sentido de "entrar para historia". Era outro tempo, outra maneira de se armazenar e propagar conhecimento (onde poucos controlavam o destino de muitos). Quanto 'a geracao 00, ela sofre do mesmo problema de muitos que vejo tentando escrever no Brasil: se recusam a escrever pelo simples prazer de ler e escrever...

[Sobre "Não existem autores novos"]

por Ram
15/5/2006 às
23h24 67.161.2.204
(+) Ram no Digestivo...
 
engasgado com tanta coisa
Eu poderia estar internado na emergência de algum hospital público, engasgado com tanta coisa que teria para dizer e que você o fez por mim. É isso aí! Eu já havia batido nesta tecla, inclusive com alguns representantes da chamada geração 00. Alguns muito superestimados pela mídia. Tá certo que o mercado necessita de renovação. Mas vamos com calma! Me parece que esses "novos" buscam a satisfação na publicação. E entendo que isso é um erro. A satisfação deve vir antes. É como transar e só gozar quando a(o) parceira(o) diz que foi bom para ela(e). A verdadeira satisfação deve vir no ato de escrever. O sucesso costuma vir como conseqüência, embora a justiça nem sempre se faça. Ao que parece, a onda dos autores novos envelheceu. Quantos ficaram? Ainda é cedo para avaliar. Mas de certo só ficarão os que escrevem textos universais e eternos. gd ab

[Sobre "Não existem autores novos"]

por Julio Cesar Corrêa
http://jccbalaperdida.blogspot.com
15/5/2006 às
18h25 200.179.233.36
(+) Julio Cesar Corrêa no Digestivo...
 
muuuuuuuuuuuuito bom
o site é muuuuuuuuuuuuito bom, concordo com todos os emails, mas especialmente com o de "josé loscano junior": devemos nos unir. beijos

[Sobre "Anos Incríveis"]

por cris
15/5/2006 às
14h31 200.151.181.25
(+) cris no Digestivo...
 
verborragia medíocre
É isso aí. Admiro um texto com conteúdo forte... inteligente. Se é bom que a "rapaziada" escreva o que sente... Tudo bem... mas ser endeusado... por esta verborragia medíocre...

[Sobre "Não existem autores novos"]

por Eveline
15/5/2006 às
14h21 201.64.77.242
(+) Eveline no Digestivo...
 
Perfeito, Paulo
A unica coisa que realmente importa e' a atemporalidade de uma Literatura tao excelente que se faz nova a cada releitura.

[Sobre "Não existem autores novos"]

por Sandra Baldessin
http://sandraregina.multiply.com
15/5/2006 às
14h03 201.69.146.84
(+) Sandra Baldessin no Digestivo...
 
Ruins como o Marcelo Mirisola
Ola', concordo, Paulo, literatura nao tem tempo e acho essa historia de autor novo um engodo mesmo. Pior e' ver que autores ditos novos e ruins, como um tal de Marcelo Mirisola, estao com destaque no mercado editorial -- aquilo que ele escreve e' pura enganacao enquanto literatura. Enfim, ele e' novo, ele sai nas colunas, ele vende. Que tempos! Abracao.

[Sobre "Não existem autores novos"]

por isa fonseca
http://hisafarr.zip.net
15/5/2006 às
11h02 200.226.16.109
(+) isa fonseca no Digestivo...
 
o mediano é tudo
Caro Paulo, você está querendo passar a sua bateia em ribeirão que não tem veio. Autores novos são só autores novos. Deixe a literatura mediana existir. Vamos nos divertir, ler, escrever, dizer bobagens. A posteridade, a genialidade, o novo, o surpreendente, isso é coisa de latino, de periferia. Vivemos num mundo anglo-saxão onde o mediano é tudo. Aproveitemos.

[Sobre "Não existem autores novos"]

por Flávio Caixeta
15/5/2006 às
10h41 200.252.157.100
(+) Flávio Caixeta no Digestivo...
 
Rótulos novos
Realmente não há "autores novos" (isso entendido como um rótulo), mas sim autores. Porém os chamados "escritores consagrados" (outro rótulo) começaram falando de seu tempo. E surgiram no meio de um infindade de autores "de seu tempo", a maioria mediocres ou que não decolaram como eles. Será que buscar um produto já testado pelo tempo não tem um quê de preconceito, similar a consumir o novo só porque é novo? "A velocidade de mundo de hoje" é que estamos vivenciando -- um dado que não pode ser desprezado quando se escreve ou quando se lê. Essa velocidade pode dar bons frutos, como, por exemplo, o "conto mínimo" e a revalorização da poesia. Talvez esta rapidez dê origem a uma nova forma de expressão. E que daqui a algum tempo tenhamos alguns escritores consagrados que souberam pintar seu tempo com maestria.

[Sobre "Não existem autores novos"]

por Alvaro Domingues
http://sombrasesonhos.zip.net
15/5/2006 às
08h52 201.0.23.76
(+) Alvaro Domingues no Digestivo...
 
Literatura nunca deu dinheiro
Fecho contigo. Ou você opta por fazer literatura (e esqueça da possibilidade de ganhar algum em vida, que assim é melhor e deixa a sua literatuira em paz) ou mete logo na cabeça que vai fazer um puta livro de auto-ajuda e ganhar rios. Literatura nunca deu dinheiro.

[Sobre "Não existem autores novos"]

por João Peçanha
15/5/2006 às
08h42 200.99.1.10
(+) João Peçanha no Digestivo...
 
Julio Daio Borges
Editor
mais comentários

Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




Você é Demais Quando...
Carla Oliveira; Alexandre Bocci
Fundamento
(2002)
R$ 12,00



Meia-Noite em Pequim
Paul French
Fundamento
(2017)
R$ 49,80



Crime e Castigo
Dostoiévski
Nova Cultural
(2005)
R$ 50,00



Lanternas Verdes: Renascimento - Edição 2 Maio 2017
Dc Comics
Panini
(2017)
R$ 14,00



Living English Structure: a Practice Book For Foreign Students
W. Stannard Allen
Longman
(1974)
R$ 37,00



Projetos de 100 a 200 M2
Casa Dois
Casa Dois
(2000)
R$ 25,28



Ambiente Componentes e Interações - Ciências Vol. 2
Paulo Mauricio Silva S R Fontinha
Nacional
R$ 5,00



Madame Ex
Hervé Bazin
Abril
(1983)
R$ 10,00



Comentarios a Consolidaçao das Leis do Trabalho
Valentin Carrion
Saraiva
(2008)
R$ 5,13



O Viés do Acaso
Regina Moraes
Nova Era
(2010)
R$ 11,00





busca | avançada
86234 visitas/dia
2,1 milhões/mês