Entrevista a Fernanda Munhão | Digestivo Cultural

busca | avançada
34699 visitas/dia
1,0 milhão/mês
Mais Recentes
>>> Banda GELPI, vencedora do concurso EDP LIVE BANDS BRASIL, lança seu primeiro álbum com a Sony
>>> Celso Sabadin e Francisco Ucha lançam livro sobre a vida de Moracy do Val amanhã na Livraria da Vila
>>> No Dia dos Pais, boa comida, lugar bacana e MPB requintada são as opções para acertar no presente
>>> Livro destaca a utilização da robótica nas salas de aula
>>> São Paulo recebe o lançamento do livro Bluebell
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> Eu não entendo nada de alta gastronomia - Parte 1
>>> Treliças bem trançadas
>>> Meu Telefunken
>>> Dor e Glória, de Pedro Almodóvar
>>> Leminski, estações da poesia, por R. G. Lopes
>>> Crônica em sustenido
>>> Do inferno ao céu
>>> Meninos, eu vi o Bolsonaro aterrando
>>> Manual para revisores novatos
>>> A Copa, o Mundo, é das mulheres
Colunistas
Últimos Posts
>>> 100 nomes da edição no Brasil
>>> Eu ganhei tanta coisa perdendo
>>> Toda forma de amor
>>> Harvard: o que não se aprende
>>> Pedro Cardoso em #Provocações
>>> Homenagem a Paulo Francis
>>> Arte, cultura e democracia
>>> Mirage, um livro gratuito
>>> Lançamento de livro
>>> Jornada Escrita por Mulheres
Últimos Posts
>>> João Gilberto: o mito
>>> Alma em flor
>>> A mão & a luva
>>> Pesos & Contra-pesos
>>> Grito primal II
>>> Calcanhar de Aquiles
>>> O encanto literário da poesia
>>> Expressão básica II
>>> Expressão básica
>>> Minha terra, a natureza viva.
Blogueiros
Mais Recentes
>>> Crônica em sustenido
>>> O cão da meia-noite
>>> O escritor pode
>>> Uma Receita de Bolo de Mel
>>> Os 60
>>> Tico-Tico de Lucía
>>> Abdominal terceirizado - a fronteira
>>> Cinema é filosofia
>>> Quem é (e o que faz) Julio Daio Borges
>>> Mulher no comando do país! E agora?
Mais Recentes
>>> Posthegemony: Political Theory and Latin America de Jon Beasley-Murray pela University of Minesota (2010)
>>> Come Together: The Rise of Cooperative Art and Design de Francesco Spampinato pela Princeton Architecture Press (2015)
>>> O Mundo Codificado de Vilém Flusser pela Cosac & Naify (2010)
>>> O Processo da Comunicação: Introdução à Teoria e à Prática de David K. Berlo pela Martins Fontes (1991)
>>> A Prosa do Mundo de Maurice Merleau-ponty pela Cosac & Naify (2014)
>>> A Transfiguração Do Político de Michel Maffesoli pela Instituto Piaget (2004)
>>> História dos movimentos e lutas sociais - A construção da cidadania dos brasileiros de Maria Da Glória Marcondes Gohn pela Loyola (2012)
>>> Amanhã Vai Ser Maior. O Levante da Multidão no Ano que não Terminou de Bruno Cava pela Annablume (2014)
>>> Afinal, quem faz os filmes de Peter Bogdanovich pela Companhia das Letras (2000)
>>> Signos, máquinas, subjetividades de Maurizio Lazzarato pela n-1 (2014)
>>> Design para um mundo complexo de Rafael Cardoso e Francisco França pela Cosac & Naify (2013)
>>> Politizar as novas tecnologias: o impacto sócio-técnico da informação digital e genética de Laymert Garcia dos Santos pela 34 (2011)
>>> Redes de indignação e esperança: Movimentos sociais na era da internet de Manuel Castells pela Zahar (2012)
>>> Consumidores e cidadãos de Néstor Garcia Canclini pela UFRJ (2005)
>>> Por Uma Outra Comunicação - Coleção Pensando Na Crise de Dênis de Moraes pela Record (2012)
>>> Os meios de comunicação como extensões do homem de Marshall Mcluhan pela Cutrix (2001)
>>> Como desenhar de forma errada de Peter Jenny pela Gustavo Gili (2014)
>>> Design em diálogo de Steven Heller e Elinor Pettit pela Cosac & Naify (2013)
>>> O Cinema e a Invenção da Vida Moderna de Leo Charney e Vanessa Schwartz pela Cosac & Naify (2001)
>>> Pensar o contemporâneo de Fernando Luís Schuller e Eduardo Wolf pela Arquipélago (2014)
>>> O Seminário, livro 6: O desejo e sua interpretação de Jacques Lacan pela Zahar (2013)
>>> Networks without a cause de Geert Lovink pela Polity Books (2011)
>>> Gênero, Patriarcado E Violência de Heleieth Saffioti pela Expressão Popular (2015)
>>> Sinopses Jurídicas 14 - Processo Penal Parte Geral de Alexandre Cebrian Araújo Reis e outro pela Saraiva (1999)
>>> Come Si Fa Una Tesi di Laurea - Le materie umanistiche de Umberto Eco pela Bompiani (2004)
>>> Historia de Dois Amores de Carlos Drumond de Andrade pela Record (1985)
>>> 1922 - Sangue na Areia de Copacabana de Hélio Silva pela Civilização Brasileira (1971)
>>> Quando o carteiro chegar. Fotografias de Mário Rui Feliciani pela Imprensa Oficial (2004)
>>> Kinfolk. Volume Twelve. de Diversos Autores pela Kinfolk Magazine (2014)
>>> A curva e o caminho. Acesso à saúde no Brasil de André François pela Imagemágica (2008)
>>> Curso Completo de Tarô de Nei Naiff pela BestBolso (2011)
>>> A Alma do Poeta (Vinicius de Moraes) de Revista Bravo - Janeiro 2009- Ano 11 - nº 137 pela Abril Cultural (2009)
>>> Jardim Botânico de São Paulo de Juan Esteves & Maria Guimarães pela Terceiro Nome (2012)
>>> Música Faz - vol. 1 - A arte musical na prática escolar - Ensino médio de Yara Alves- Larissa Vitorino pela Htc (2011)
>>> Teimosia da imaginação. Dez artistas brasileiros de Maria Lúcia Montes pela Martins Fontes (2012)
>>> Panoramas. A paisagem brasileira no acervo do Instituto Moreira Salles de Carlos Martins pela Ims (2012)
>>> Andanças de Um Cavaleiro e Outras Novelas de Tennesse Williams pela Espressão e Cultura (1970)
>>> Tributação de Bens Digitais: a Disputa Tributária ... de Tathiane Piscitelli/Fernando Rezende pela FGV Direito (2018)
>>> Caiapó Metutire. Os guerreiros pintados de negro. de Paulo Pinagé & Vito D'Alessio pela Dialeto (2004)
>>> Inglês Sem Mistério Para Concursos de Robson Machado pela Fortium (2005)
>>> Carnaval Brasileiro - O Vivido e o Mito de Maria Isaura Pereira de Queiroz pela Brasiliense/ SP (1992)
>>> Treinamento da Argumentação: Persuadir Em Vez de Contrariar... de Tom Werneck e Reinhard Grasse pela Ediouro/ RJ. (1982)
>>> O encanto das aves. The magic of birds de Ricardo Martins pela Fm (2009)
>>> Portoghese Dizionario essenzaiale Portoghese-Italiano - Italiano-Portoghese de Zanichelli pela Zanichelli (1997)
>>> Princípios de Organização Japoneses: Melhor Produtividade ... de Peter Engel pela Ediouro/ RJ. (1982)
>>> O Dom de Voar de Richard Bach pela Record/ RJ.
>>> O Dom de Voar de Richard Bach pela Record/ RJ.
>>> O Dom de Voar de Richard Bach pela Record/ RJ.
>>> Licença de Marca - Aspectos Jurídicos e Econômicos de Um Contrato ... de Thiago Jabur Carneiro pela Juruá (2012)
>>> O Aleijadinho Arquiteto e Outros Ensaios Sobre o Tema/ Inclui CD de André Guilherme Dornelles Dangelo (e outro) pela Ed. da Escola de Arquit. da UFMG./ Belo Hte. (2008)
BLOG >>> Posts

Sexta-feira, 15/7/2011
Entrevista a Fernanda Munhão

+ de 3300 Acessos

Formado em Engenharia de computação pela Escola Politécnica da USP, Julio Daio Borges foi "redação nota dez" da FUVEST em 1992, e hoje atua como editor-executivo do Digestivo Cultural, um dos mais importantes sites culturais do país, além de vários projetos... ― F.M.

Tornar-se um "redação nota dez" foi mera sorte, facilidade nata com a escrita ou fruto de um trabalho constante nos estudos?

Vou tentar responder contando a história... Eu comecei um diário no ano do vestibular (terceiro colegial). Era mais para registrar os dias, que eu achava que passavam muito rápido... Supreendentemente, minhas redações foram melhorando. Eu comecei a "me colocar" mais nos textos também: meus sentimentos, minhas ideias... Acabei tirando um 9,5 na escola. E um 10, que foi parar no mural do Cursinho.

Claro que sempre fui bom aluno. Na terceira série, com 9 anos, lembro que fui o primeiro da classe. Não estudava só para isso, mas aconteceu. "Estudar", "ir bem na escola", "ser inteligente"... eram valores na minha casa. Tanto que meus dois irmãos também entraram na USP... E, além de estudar, eu lia os livros sugeridos. Mesmo quando não gostava, lia até o fim. Eu achava que era importante ler ;-)

Contudo, não imaginava o "10" da Fuvest. Nem imaginava que fosse entrar na USP (sou o "mais velho"). Não estudei num colégio forte (na época do colegial). Fiz um Cursinho muito bom, mas havia tanta gente "concorrendo", e tanta matéria que eu não dominava... Minha sorte foi o tema da redação: o próprio vestibular. Estava vivendo aquilo, achei bem fácil "desenvolver"... Tanto que gostei bastante do resultado. E pensei em reescrever a redação quando chegasse em casa. (Tinha ela toda de memória.)

Infelizmente não fiz isso... Quando soube da nota 10, meses depois (já dentro da Poli), tentei ir até o prédio da Fuvest, na USP, para tentar recuperar a redação. Eles, anualmente, escolhiam algumas das melhores, para republicar... Mas a minha não estava entre as "sorteadas"... Anos depois, reencontrei minha professora de redação do Cursinho, através da minha irmã, e contei a ela (que ficou orgulhosa)...

Um bom escritor é, necessariamente, um bom leitor? Qual é a relação ou não-relação entre a leitura e a escrita?

Eu descobri que escrevia bem meio que "por acaso". Era um leitor "dentro da média". Tinha um amigo que era um grande leitor, mas que era, também, uma exceção... Depois do 10, na redação da Fuvest, fiquei pensando que eu deveria investir mais na minha escrita. E comecei a ler com mais afinco. Creio que me tornei leitor, de verdade, um pouco tarde, na época da faculdade.

Meus contos dessa fase ― que estão na internet ― são quase ingênuos. Como disse uma vez, trocava "conto" por "crônica" e confundia jornalismo com literatura. De qualquer forma, descobri minhas três primeiras grandes admirações nessa época: o contista Rubem Fonseca, o cronista Nélson Rodrigues e o jornalista cultural Paulo Francis.

Respondendo, objetivamente, à sua pergunta: escrita é repertório; e repertório, para quem escreve, é leitura. Como diz aquela frase do Wittgenstein: "Os limites da minha linguagem são os limites do meu mundo". Compreender uma grande obra é ganhar uma nova compreensão da vida. E eu sempre tento evoluir nas minhas leituras; para evoluir não só como escritor, mas como ser humano ;-)

Como editor do Digestivo você tem contato com inúmeros textos. De um modo geral, é possível perceber as falhas ou dificuldades mais freqüentes de quem escreve?

Quase todos os dias, recebemos textos de candidatos que desejam publicar no site. Como o nosso foco é jornalismo cultural, me concentro no que funciona dentro do Digestivo. Por exemplo, se alguém enviar um poema, por melhor que seja, não cabe no site e eu não vou publicar (mesmo que seja impecável literariamente).

Respondendo à segunda parte da sua pergunta... Hoje sinto que está cada vez mais difícil, para as pessoas, desenvolver uma ideia. Não tem a ver com inteligência, e talvez nem com educação, mas tem a ver com o aspecto fragmentário desta nossa época. Já escrevi que "nos articulamos mal" e, de uns tempos pra cá, não tenho visto melhora... Quando nossos próprios representantes não dão bola para o português correto, fica complicado...

Falando em educação, que é a sua área, existe uma carência dos aspectos básicos. Como disse, é comum a mistura entre jornalismo e literatura, entre poesia e prosa... Depois, os "candidatos a jornalista" nem sempre leram os grandes jornalistas; tanto quanto os "candidatos a escritor" nem sempre leram os grandes escritores... Além da fragmentação, o "imediatismo" da nossa época atrapalha bastante.

Diante de vestibulares tão competitivos, quais as dicas aos estudantes que ainda não têm tanta habilidade com a escrita?

Duas dicas (confirmando o que já foi dito): leia e escreva.

Leia, mas não só o que a escola pede. Leia por curiosidade. Leia o que tiver vontade. Mas leia. Ver o filme (sobre o livro) não é a mesma coisa. Peça dicas para amigos "leitores". Visite bibliotecas. Frequente livrarias. Navegue pela internet. Tem tanta coisa pra ler na Web...

E escreva, mas não só as redações que te pedem. Escreva para você mesmo. Escreva um diário. Escreva para os seus amigos. Escreva para as suas namoradas. Escreva e-mails. Escreva cartas. Expresse seus sentimentos, para as pessoas que você ama. Se coloque no papel (ou na tela). Se exponha. Tenha coragem. E, sobretudo, seja você mesmo. De repente, você vai se descobrir escritor... ;-)

Para ir além
Site de Fernanda Munhão (para onde esta entrevista foi, originalmente, produzida)


Postado por Julio Daio Borges
Em 15/7/2011 às 09h24


Quem leu este, também leu esse(s):
01. Anchieta Rocha de Julio Daio Borges
02. Nietzsche reloaded de Julio Daio Borges
03. Escrever e defender o governo de Julio Daio Borges
04. Banalidade do Mal hoje de Julio Daio Borges
05. The Way To Play, de Bill Evans de Julio Daio Borges


Mais Julio Daio Borges no Blog
* esta seção é livre, não refletindo necessariamente a opinião do site



Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




CULINARIA ILUSTRADA PASSO A PASSO ENTRADAS
PUBLIFOLHA
PUBLIFOLHA
(1999)
R$ 10,00



POESIAS ESCOLHIDAS
SALVATORE QUASIMODO
DELTA
(1968)
R$ 16,90



PSICANÁLISE PÓS-MODERNA; INDIVÍDUO - UNIVERSO DOS MITOS;
REVISTA BRASILEIRA DE PSICANÁLISE VOL 35 Nº 2
RBP
(2001)
R$ 19,82



POEMAS ESCOLHIDOS
FERNANDO PESSOA
KLICK
(1997)
R$ 4,00



ASPECTOS DO USUCAPIÃO E DA PROTEÇÃO POSSESSÓRIAS AO USUCAPIENTE;
REVISTA DE DIREITO CIVIL, Nº 13 - ANO 4
REVISTA DOS TRIBUNAIS
(1980)
R$ 19,28



A MENSAGEM DO MESTRE
BHAGAVAD GITA
PENSAMENTO
(1978)
R$ 25,90
+ frete grátis



PRESENÇA DE LEISHMANIA INFANTUM EM NINFAS DE RHIPICEPHALUS SANGUINEUS
ANA PAULA SAMPAIO FEITOSA, LUIZ CARLOS ALVES UND MARIA TEREZA CARTAXO MUNIZ
NOVAS EDIÇÕES ACADÊMICAS
R$ 251,00



FÍSICA PARA O PRIMEIRO ANO DO CURSO COLEGIAL
FRANCISCO ALCÂNTARA GOMES FILHO
CIA NACIONAL
(1958)
R$ 39,90
+ frete grátis



DESTRUA ESTE DIÁRIO: AGORA EM CORES
KERI SMITH
INTRINSECA
(2017)
R$ 31,84



QUEM AMA, EDUCA! FORMANDO CIDADÃOS ÉTICOS
IÇAMI TIBA
INTEGRARE
(2012)
R$ 15,00





busca | avançada
34699 visitas/dia
1,0 milhão/mês